Saltar para o conteúdo

E Marrocos estuda sozinho?

16 Junho, 2021

Algumas horas depois de o termos referido aqui no Blasfémias começa a ser noticiada a Operação Marhaba, ou seja a abertura de uma rota marítima com Marrocos, para já durante o Verão. A Espanha e Marrocos estão envolvidos numa tremenda crise diplomática que levou a que nos portos espanhóis não esteja prevista acontecer este ano a chamada Operación Paso del Estrecho que anualmente é montada para que os milhares de marroquinos que vivem em Espanha vão de férias ao seu país.

O que ganha Portugal com esta transferência para Portimão da Operación Paso del Estrecho? Há anos que se detectatam tentativas de criar rotas de migração clandestina de Marrocos para Portugal. Assumirmos o papel de Espanha na chamada Operação Marhaba – e note-se que aqui se está perante migração legal – não é uma decisão inócua e vai aumentar a pressão marroquina sobre a migração para Portugal. É isso que queremos? Como e quem vai fazer o controlo fronteiriço em Portimão?

Não fossem os jornais espanhóis e nem sabíamos do assunto. Agora a avaliar pela noticia do PÚBLICO tudo nos vai chegar envolto num palavrado de cruzeiro de férias: «Marrocos tenciona ampliar o seu número de rotas marítimas para a Europa e o porto de Portimão consta nos planos, escreve o El Mundo esta quarta-feira. A rota ligará Tanger ao Algarve e servirá como uma alternativa mais em conta para a viagem de emigrantes marroquinos»

A abertura de uma rota marítima com Marrocos é um assunto muito sério, com implicações sobre a imigração que não se podem escamotear.

Parece que importante é mesmo o futebol, não é?

16 comentários leave one →
  1. Weltenbummler permalink
    16 Junho, 2021 14:17

    arrota em porto à mão
    mal de mim se levasse esta trampa a sério

    Gostar

  2. 16 Junho, 2021 14:54

    A migração é mais um dos tentáculos do polvo da agenda esquerdista e nova ordem. No nosso país somos nós que temos de controlar estes intentos através do voto, única oportunidade concedida.

    Liked by 3 people

  3. balio permalink
    16 Junho, 2021 15:04

    É disparatado pensar que os marroquinos vão emigrar para Portugal em vez de para Espanha por o navio atracar cá.
    Os marroquinos, tal como a generalidade das pessoas, emigram para onde conseguem arranjar trabalho vantajoso (e para onde já têm ligações familiares), não para onde têm transporte direto.
    Não é devido a haver vôos diretos para o Luxemburgo que tantos portugueses emigraram para lá.

    Gostar

  4. José Loureiro permalink
    16 Junho, 2021 15:30

    Eles não querem viver em Portugal. São finórios.

    Liked by 1 person

    • rogerio alves permalink
      16 Junho, 2021 16:41

      Afinal os socialistas até sabem o que fazem ao tornar Portugal o país mais pobre da UE!

      Liked by 1 person

  5. LTR permalink
    16 Junho, 2021 15:32

    Este país apresenta sinais graves que alguns países africanos apresentavam há 40 anos.

    Liked by 2 people

  6. balio permalink
    16 Junho, 2021 16:26

    O que ganha Portugal com esta transferência para Portimão da Operación Paso del Estrecho?

    Ganha trabalho, comércio, lucros e impostos. Quanto mais atividade houver nos nossos portos, melhor para eles. Os marroquinos que tomarem o ferry em Portimão pagarão portagens nas autoestradas portuguesas, alguma coisa comprarão algures pelo caminho, e o preço que pagarem pela viagem também irá em parte para o porto de Portimão.

    Gostar

    • JP PREVOT permalink
      16 Junho, 2021 17:03

      Vão entupir a N125 e semear lixo por tudo o lado …
      A autoestrada em Espanha é gratuita pelo menos até Madrid.

      Liked by 1 person

    • 16 Junho, 2021 18:25

      E qual a forma de pagamento ? Axixe, Liamba ou chá de menta ?
      O que me parece é que Pt está definitivamente condenado a viver das migalhas e do pão duro que a UE deita fora !
      Babamos-nos com os jogos de futebol que mais ninguém quer, esperamos ser salvos por quem por aqui passa à procura de salvação noutras paragens, e até nos orgulhamos de ter um idiota sentado numa cadeira da ONU a mandar balelas que ninguém ouve …
      – Somos pobres na bolsa, mas na aparência a coisa soa a fino!
      – Somos latinos, gostamos de impressionar!
      Basta comparar os carros dos nossos governantes com os congéneres da UE,
      e os hoteis que a selecção nacional de futebol frequenta, para ver que “temos” bom gosto!

      Liked by 2 people

    • chipamanine permalink
      16 Junho, 2021 20:10

      Claro que vão. O trafico de seres humanos é muito lucrativo. O balio já deve estar de mala pronta para se estabelecer em Portimão na sua área de negócios. Da forma como defende só pode.

      Gostar

  7. lucklucky permalink
    16 Junho, 2021 16:55

    Como sempre o jornalismo Português é o o ultimo a noticiar qualquer coisa importante sobre o próprio país. Veja-se a censura sobre a UE.

    E continuam a esconder que o objectivo de Marrocos – ver a evolução das suas Forças Armadas – é ser uma potência no Estreito.

    Enquanto Portugal se desarma, Marrocos e Espanha vão em sentido contrário.

    Liked by 3 people

    • lucklucky permalink
      16 Junho, 2021 17:02

      A propósito viram a noticia que um navio patrulha NRP Setúbal esteve no Golfo da Guiné em missão?
      Talvez tenham visto.

      O que não viram foi está notícia omitida:
      Não tinha nenhuma arma com a não ser as individuais dos marinheiros.
      Pois a única arma prevista do navio não foi comprada.

      Gostar

  8. Artista Português permalink
    16 Junho, 2021 17:55

    As redes têm que se manter e como a rota com Espanha está encerrada….

    Gostar

  9. André Miguel permalink
    16 Junho, 2021 19:51

    Isto é para sacar mais uns subsidios à UE. Os pindericos que nos governam sabem-na toda desde que seja para alimentar a casta e manter o povo o mais estúpido possivel. Bem vindos à Cuba da Europa.

    Liked by 1 person

  10. Desalinhado permalink
    17 Junho, 2021 08:19

    A Europa está a ser ocupada aos talhões. Qualquer dia os europeus vão ser expulsos da própria Europa, empurrados por negros, muçulmanos, magrebinos ou asiáticos. Esse dia já esteve mais longe, mas fatidicamente vai chegar.
    O laxismo de certos governantes europeus, encantados pelos sermões de políticas mais tolerantes e acolhedoras, foram permitindo a abertura descontrolada de fronteiras a toda a porcaria vinda de fora, e hoje já estão a pagar as consequências nefastas e trágicas desses seus actos irresponsáveis.
    A mistura de povos e de raças, era o sonho e o desejo de uma esquerda embebedada e regurgitada pelo vómito das revoluções, e provocou esta mistura inapropriada de ingredientes, da qual resultou esta sopa tão intragável quanto indigesta.
    A velha Europa, que ainda assim permitiu tempos de paz e prosperidade, com culturas e valores próprios, está a sucumbir perante as invasões bárbaras daqueles bárbaros que nunca fizeram outra coisa que fomentarem a guerra e a pobreza nas suas terras destruídas e estão a trazer tudo isso agora para o velho continente.

    Gostar

  11. Expatriado permalink
    17 Junho, 2021 12:55

    Já alguém ouviu as TVs falar deste assunto nos noticiários?

    Gostar

Indigne-se aqui.

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: