Saltar para o conteúdo

O embuste sistémico

12 Dezembro, 2021

Hoje no Observador escrevo sobre o embuste sistémico. Comecemos pelo do racismo sistémico. «Uns peritos da ONU visitaram Portugal durante uma semana. Chocaram-se com a presença do “passado colonial” e afiançam que “Portugal ainda tem uma narrativa colonial tóxica” Para compor o ramalhete das indignações à medida, em tudo o que mexia estes peritos entreviram racismo: morreu um preso numa cadeia portuguesa? É racismo. Apanharam um táxi que se recusa a entrar na Cova da Moura? É racismo. A propósito desta ida de táxi à Cova da Moura não posso deixar de sugerir aos peritos que da próxima vez que vierem a Portugal se instalem num hotel próximo da Cova da Moura. Desse modo constatarão os inúmeros problemas que afectam os residentes da zona sejam eles afrodescendentes, celtiberodescendentes ou visigododescendentes»

22 comentários leave one →
  1. Weltenbummler permalink
    12 Dezembro, 2021 15:11

    sou Afro-disíaco
    é triste dizer mas só os pretos têm complexo de inferioridade
    queriam independência e agora correm para os braços do colonizador
    foram muçulmanos pretos que os venderam como escravos
    a avaliar pela arqueologia e documentos desde Cadornega a àfrica dita preta era ‘ terra nullius ‘ ou terra de ninguém
    os Goeses e restantes Orientais são Gente a sério. Em Goa existe a cidade Vasco da Gama
    a ó nu devia ir levar no ilhó

    Gostar

  2. Albano Silva permalink
    12 Dezembro, 2021 17:32

    Desde quando é que PORTUGAL se reduziu à Cova da Moura?

    Gostar

  3. Maria permalink
    12 Dezembro, 2021 17:56

    Muito bem, Helena. Como sempre, aliás. Mais dissera mais acertara.

    Gostar

  4. Expatriado permalink
    12 Dezembro, 2021 18:38

    A CNN chegou a Portugal? Sim, e já fizeram umas “reportagens” acerca dessa matéria. Toupeiras…

    Gostar

  5. Jorge permalink
    12 Dezembro, 2021 19:08

    O que esta malta pretende é colocar uns contra os outros. Pretos contra brancos, homossexuais contra heterosexuais, feministas contra os homens, atacar as familias tradicionais e a religião da maioria, apagar a nossa historia e cultura, etc..Esta tralha começou nos EUA e acaba sempre por cá chegar.

    Liked by 1 person

  6. Chopin permalink
    12 Dezembro, 2021 21:33

    Qual o espanto?
    Isto não vem de hoje. Que alguns estrangeiros se deixem embarretar pelos dementes da esquerda portuguesa, ainda vá. Mas, como é que nos podemos queixar disso quando temos esta desgraça?

    «Enquanto secretário-geral da ONU, António Guterres defendeu hoje que o investimento de Portugal na diversidade tem de continuar com “grande persistência”, lembrando que subsistem no país manifestações xenófobas e racistas.
    O ex-primeiro-ministro português marcou presença nos “Encontros de reflexão comemorativos dos 50 anos da fundação da Comunidade Islâmica de Lisboa”, que decorrem na Mesquita Central de Lisboa.
    Na sua intervenção, que antecedeu a sessão de encerramento, ao contrário do que previa o programa, o secretário-geral das Nações Unidas assinalou que o radicalismo “é uma perversão do pensamento religioso, que não é monopólio do Islão”, dando como exemplos os fundamentalismos budista e cristão…»
    TVI 2018-03-16 21:07

    O outro senhor que preside à República Socialista de Portugal, também festeja efusivamente cada vez que diminui o número de portugueses nativos nas competições desportivas e sobe o número de assimilados ou naturalizados.
    Nem vale a pena falar do “fundamentalismo cristão e budista”, muito bem notado pelo sr Guterres, que mata que se farta por essa Europa fora e no mundo árabe onde as populações vivem em sobressalto, sujeitas a um ataque cristão ou budista a todo o momento..

    Liked by 1 person

    • 13 Dezembro, 2021 15:05

      Ninguém tem a culpa que homens e mulheres portugueses não tenham tesão! Não façam filhos. Alguém os anda a fazer e a mandá-los para cá.

      Gostar

  7. João Brandão permalink
    12 Dezembro, 2021 22:49

    Existem muitas maneiras de atacar uma nação. E esses ataques não precisam ser executados com armamento sofisticado equipado com tecnologia avançada, engenharia de ponta ou estratégias militares elaboradas. Há um caminho que em princípio pode passar despercebido e que, tem passado despercebido e que enfraquece os alicerces de um país a ponto de demolir seus pilares mais sólidos e firmes. Essa técnica de guerra inovadora é chamada de ‘Engenharia’ Social. Consiste em lançar à população, desde os mais altos escalões de poder, uma série de mensagens repetidas incessantemente nos meios de comunicação de massa, de forma que condutas que em princípio seriam inaceitáveis para uma sociedade.
    E são os nossos próprios dirigentes, independentemente da sua cor política, que há anos impõem esta nova linha de pensamento: temos o inimigo nas nossas instituições e eles estão a usá-lo para prejudicar gravemente a nossa identidade e a nossa força. Nosso futuro como nação soberana, livre e independente está em perigo. Existe uma palavra para isso, é chamada de traição. Porque eles estão nos enfraquecendo em todos os níveis. Porque uma árvore sem raízes morre, é apenas uma questão de tempo. E o ataque a que estamos sendo submetidos aponta directamente para as raízes da nossa civilização.
    (Adaptado de “La guerra silenciosa del Mal contra el Hombre”, in https://www.alertadigital.com)

    E visto aplica-se em quase toda a infeliz Europa.
    Provavelmente esta loucura insana só parará quando dos tanques de Moscovo voltarem a cruzar as Portas de Brandenburg

    Liked by 2 people

  8. André Silva permalink
    12 Dezembro, 2021 23:41

    Os países que deixaram o socialismo, estão mais ricos. Nós, que abraçamos entusiasticamente o socialismo, estamos mais pobres. Qual é a surpresa???
    Quanto ao racismo, só posso dizer que INFELIZMENTE não o somos, ou quando somos não somos o suficiente. E é fácil de comprovar a desgraça dessa lacuna pelo que tem sucedido ao Ocidente, à Europa, e a Portugal em particular. Somos demasiado benevolentes e tolerantes para quem só nos ataca, nos quer mal, nos prejudica, pessoas que recebemos sem termos qualquer obrigação para tal, e para os seus aliados, os traidores da Esquerda.

    Gostar

  9. Andre Miguel permalink
    13 Dezembro, 2021 08:31

    Eu convido os “peritos” da ONU a visitarem uma favela no Rio ou um Musseques de Luanda, usando transporte público e sem guarda-costas. Depois falamos de racismo.

    Liked by 1 person

  10. 13 Dezembro, 2021 10:19

    O corretês invade tudo que é instituição.
    Todo o burocrata sabe as palavra-chave com que que fazer credível um relatório, e que por tal o acredite como ‘do seu tempo’.

    Um tempo de cretinos e de imitadores de cretinos.

    Gostar

  11. 13 Dezembro, 2021 10:19

    O corretês invade tudo que é instituição.
    Todo o burocrata sabe as palavra-chave com que que fazer credível um relatório, e que por tal o acredite como ‘do seu tempo’.

    Um tempo de cretinos e de imitadores de cretinos.

    Gostar

  12. Expatriado permalink
    13 Dezembro, 2021 11:30

    Como já disse anteriormente aqui no Blasfémias, essa coisa das boosters é cada vez mais uma “never ending story”.
    Porque será?

    https://www.foxnews.com/us/dr-fauci-says-americans-may-have-to-deal-with-more-booster-shots

    Gostar

  13. JPT permalink
    13 Dezembro, 2021 12:08

    Imputar isto ao “socialismo” não é inteiramente justo. É que isto é um negócio e como tal deve ser interpretado. Para os “activistas” é uma alternativa a irem trabalhar para um call-center ou a guiar um tuk-tuk, e para as “organizações” é uma justificação para existirem e serem financiadas. Enquanto houver quem pague, isto continua. Ora, parece-me evidente que são os “capitalistas” quem decide pagar isto.

    Gostar

    • lucklucky permalink
      13 Dezembro, 2021 16:38

      O socialismo foi sempre um negócio. Não se transaciona dinheiro, transaciona-se poder sobre os outros.

      Gostar

    • chipamanine permalink
      13 Dezembro, 2021 17:50

      A parte do “negócio” no socialismo é quase exclusivamente a de apropriar-se dos bens dos outros. Depois acaba-se e acaba o socialismo e fica apenas o poder que deverá ser eterno cada vez mais restrito ( até se matam uns aos outros para tal)

      Liked by 1 person

  14. carlos rosa permalink
    13 Dezembro, 2021 20:34

    Talvez o Chega seja o único partido a tentar acabar com o Status Quo socialista.
    Os liberais não vão lá porque permitem a liberdade a que os socialistas não têm direito. A liberdade de enganar os portugueses.
    Enganar os outros é conto do vigário. É crime.

    Gostar

    • 14 Dezembro, 2021 16:08

      Coitadinhos dos “outros”, deixam-se enganar. Ao menos o Chega não engana ninguém!

      Gostar

  15. carlos rosa permalink
    14 Dezembro, 2021 19:38

    À atenção de Leunam:

    -Alguém disse:- Ruim é o Estado que não defende as suas prostitutas e os seus ladrões.

    Nada mais atual!
    Veja-se o caso do João Rendeiro. Que parece que tem fortuna arranjada não sei como.
    Pois bem, legalmente compete ao Estado português defendê-lo. Defendê-lo no estrangeiro para ser julgado em Portugal.
    Essa criatura execrável que dá pelo nome de Santos Silva e se intitula de “Ministro Negócios Estrangeiros”, note-se que ele não profere o “dos”, Ministro esse que disse que gosta de malhar na Direita, tentou diminuir o Rui Rio dizendo que este não é estadista por ter dito uma verdade.
    Ele, essa miséria humana, esse Santos Silva, com a divisão que ele faz dos portugueses preferindo malhar numa parte, ele sim, está a portar-se como um grande estadista.

    Nota: O PS é uma Associação de malfeitores que engana milhões de portugueses. Por enquanto.

    Gostar

    • Expatriado permalink
      14 Dezembro, 2021 22:09

      Enquanto os 10 euritos de aumento nas pensões forem caindo na conta do banco…

      Gostar

  16. Leunam permalink
    14 Dezembro, 2021 23:39

    Sr. Carlos Rosa

    Percebo o seu argumento mas mantenho a minha opinião: um TRAIDOR é um inimigo que o Pais não deve tolerar ter no seu seio; ele é muitíssimo mais pernicioso à existência da Nação que uma prostituta ou um refinado ladrão.

    Gostar

  17. Arlindo da Costa permalink
    17 Dezembro, 2021 23:21

    O povo português é constituído essencialmente por berberesdescendentes, mourosdescendentes, hebraicodescendentes, pretosdescendentes e ainda querem expulsar os seus irmãos de sangue! Essa é boa! 🙂

    Gostar

Indigne-se aqui.

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: