Saltar para o conteúdo

As contas públicas estão controladas

12 Janeiro, 2010

“É preciso cortar, desde já, o défice” (act.)

Teixeira dos Santos sublinhou ser fundamental alicerçar um “crescimento sustentável”, e para isso é “imperioso” que se mantenham os estímulos à actividade económica, mas também que se comece “desde já” a reduzir o défice orçamental.

Manter estímulos à economia e cortar no défice? Depois de tanto tempo a mentir, Teixeira dos Santos começa a dar sinais de que vive a tempo inteiro na realidade paralela que ele e o eng. Sócrates criaram.

31 comentários leave one →
  1. 12 Janeiro, 2010 20:26

    Também me parece que o Miranda lhes faz companhia.

    Gostar

  2. Estímulos com vaselina permalink
    12 Janeiro, 2010 20:37

    Estímulos à actividade económica: TGV, aeroporto, 3ª auto-estrada Porto-Lisboa e outros, desde que encaixe a Mota-Engil.
    Reduzir défice orçamental: Sempre pela via da receita (impostos que não são percebidos como tal – o aumento da taxa do INEM de 1 para 2% nos seguros)

    Gostar

  3. 12 Janeiro, 2010 20:38

    Ouço na TV o engenheiro da treta a discursar em Loures a propósito de novos hospitais e do futuro … e de tudo e não acredito no que estou a ouvir.

    Este tipo perdeu a noção das coisas e parece ter cortado por completo as frágeis pontes que ainda o ligavam à realidade.

    Referindo-se a Portugal ele parece estar a falar de outra coisa.

    No fundo não passa de um cabide que se faz transportar em automóveis topo de gama para mostrar os fatos de bom corte com que esconde o vazio de tudo.

    Acho que o único objectivo que este gajo pode ainda conseguir é o de voltar a ser considerado um dos homens mais bem vestidos.

    Deprimente

    Gostar

  4. Oliveira permalink
    12 Janeiro, 2010 21:04

    E que é que você percebe disso?

    Gostar

  5. Horatio César permalink
    12 Janeiro, 2010 21:06

    OS CONTRIBUINTES TÊM O PODER NAS SUAS MÃOS.

    NÃO AO AUMENTO DOS IMPOSTOS!!!

    QUEM QUISER COMER DEVE TRABALHAR!

    OS POLITICOS DEVEM SER RESPONSABILIZADOS PATRIMONIALMENTE PELA BANCARROTA PORTUGUESA!

    Gostar

  6. Pi-Erre permalink
    12 Janeiro, 2010 21:07

    O Piscoiso foi o primeiro!

    Gostar

  7. Ponto e virgula permalink
    12 Janeiro, 2010 21:18

    #3
    Você não se enxerga? Só disse banalidades sem pés nem cabeça, se excluimos o facto do homem vestir bem, parece que resta a ofensa.e por estas e por outras que isto nunca sai da mer-da

    Gostar

  8. Ponto e virgula permalink
    12 Janeiro, 2010 21:21

    #5
    “OS POLITICOS DEVEM SER RESPONSABILIZADOS PATRIMONIALMENTE PELA BANCARROTA PORTUGUESA!”

    E aos banqueiros ? oferecem-se 5 anos de férias nas Caraíbas.
    Eu penso que você deve ser um banqueiro barrigudo .

    Gostar

  9. Pi-Erre permalink
    12 Janeiro, 2010 21:23

    O Piscoiso continua a andar por aqui, agora disfarçado.

    Gostar

  10. 12 Janeiro, 2010 21:29

    E ESTA???????????????????????????????????????

    Mais cem milhões de euros para formar cem mil trabalhadores em quatro anos
    11.01.2010
    Um momento de crise económica, como o que se vive, é o ideal para que as pessoas apostem na sua requalificação, defende Mariano Gago, ministro da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior. Por isso, nos próximos quatro anos, o Governo quer cem mil activos com diploma do ensino superior. Ao final da tarde, o Governo, as universidades e os politécnicos assinaram um “contrato de confiança”, que para já se traduz num acréscimo de cem milhões de euros no Orçamento de Estado (OE) para este ano.
    http://www.publico.pt/Educa%C3%A7%C3%A3o/mais-cem-milhoes-de-euros-para-formar-cem-mil-trabalhadores-em-quatro-anos_1417298

    Na entrevista ao I de sábado, Isabel Alçada diz que as negociações com os professores são muito delicadas porque 1% da massa salarial dos docentes é muito dinheiro. (pouco mais de quarenta milhões de euros)

    Gostar

  11. 12 Janeiro, 2010 21:46

    É assim, quem começa por esconder a cara com um lenço, acaba escondendo a identidade com “niks” falsos. Também isto mostra que tipo de gente é que ainda defende o engenheiro da treta.

    Ó Piscoiso porque é que você se esconde.

    Tenha coragem, assuma-se, ou pensa que na condição de “crossdresser” consegue que a suas ofensas tenham mais eficácia?

    Desista, não tenho qualquer tipo de consideração intelectual ou outra por aquilo que você possa escrever; já não falo em pensar, algo que você, manifestamente, não consegue fazer.

    Gostar

  12. 12 Janeiro, 2010 21:50

    Espero bem que sim.

    Seria até capaz de contribuir com uns euritos para que passe a espectáculo.

    E que renda e se mantenha no cartaz. Seria ouro sobre azul que mete num chinelo todas as encenações do Damien Hirst

    “:O))))))

    Seria a Criatura a matar o Criador nesta farsa que os políticos ainda representam com alguma manha mas que os lobbies da casa não conseguem mostrar que é causa genuína, pois até na militância é fake e pindérica.

    São sempre os mesmos gatos pingados a mudarem de papel e alternarem o cenário.

    Gostar

  13. 12 Janeiro, 2010 21:58

    Esta gente é capaz de TUDO …

    “sábado, 9 de Janeiro de 2010
    Fora do coro
    [Publicado por Vital Moreira]
    Não acompanho a congratulação geral pelo acordo entre o Ministério da Educação e os sindicatos dos professores. Quando se cede em quase tudo, como sucedeu do lado governamental, é fácil concluir acordos. Quando se busca “a outrance” a concordância dos interessados, é sempre a parte pública que perde.
    Com o acordo, quase todos os professores chegam ao topo da carreira com o decurso do tempo, mesmo os que nunca passem do mediano e corriqueiro “bom” na avaliação, o que não tem paralelo em nenhuma outra carreira no sector público (muito menos no privado evidentemente). É como se todos os militares tivessem garantida a chegada a general, ou todos os funcionários públicos a subida a assessor principal.
    É evidente também o forte impacto deste regime sobre as finanças públicas e sobre o sistema de pensões, numa época em que a contenção da despesa pública vai estar na ordem do dia nos próximos anos.”

    E ESTA DO IMPACTO SOBRE AS FINANÇAS PÚBLICAS? …

    O tipo é professor do Ensino Público.

    IHIHIHIHhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhh!

    Gostar

  14. 12 Janeiro, 2010 22:03

    “Com o acordo, quase todos os professores chegam ao topo da carreira com o decurso do tempo, mesmo os que nunca passem do mediano e corriqueiro “bom” na avaliação”

    Não conheço nenhum professor(a) Muito Bom ou Excelente. Só se for um biscate socratino que não se dá-ao-trabalho de trabalhar com os alunos, como ele (o tipo é conhecidíssimo por Coimbra pelos piores motivos académicos)

    Gostar

  15. 12 Janeiro, 2010 22:23

    14
    Só se for um biscate socratino que não se dá-ao-trabalho de trabalhar com os alunos,

    Pois digo-lhe que conheço alguns mas de socratinos não têm nada.

    Gostar

  16. Amonino permalink
    12 Janeiro, 2010 22:43

    1) 2010
    .
    Setembro a porta da Invernia, as nuvens de tempestade em 2010. Vamos lá à poda das fantasias neste 2010. Uma pista ……
    .
    Como é que a falência técnica do Dubai resultou no ‘downgrade’/FMI da Grécia sem haver ligação excepto possivelmente algumas antigas estátuas gregas de mármore que decorem os construções megalómanas do Dubai ? Como evoluirá para os PIGS? E para a UE?
    .
    Como rodará Portugal nestas nuvens de tempestade? Como rodará em 2010 a vida dos Cidadãos, as Empresas e as Famílias Portuguesas ?
    .

    Gostar

  17. JMLM permalink
    12 Janeiro, 2010 22:59

    O povo um dia ainda vai dar com a cabeça na parede por perder tão ilustre “sabichão”.
    Portugal precisa de si, JM, avance.

    Gostar

  18. ourição permalink
    12 Janeiro, 2010 23:48

    Manter os estímulos à actividade económica só quando eles forem deportados para as deserta com Alberto João a fazer-lhes figas, reduzir “desde já” o défice orçamental, estamos cá para ver. Isso deve ser para dizer que tinha prometido fazer depois de zarpar para bem longe. Como poderão estes tipos ter lata para andar na rua depois de serem corridos do rectângulo?

    Gostar

  19. 12 Janeiro, 2010 23:59

    Que é essa MERD*.

    Atão já não fazem o TGV e todas essas porras?

    Atão como é que fazem as exportações?

    Mas as taxas não vão diminuir?

    Como é que vamos passar o Verão? Eu quero ir pró Brasil como os outros.

    Gostar

  20. 13 Janeiro, 2010 00:45

    http://www.educar.wordpress.com/2010/01/12/a-analise-engomadinha/#comments

    Também, o que esperar de um dos autores do programa eleitoral de Vital Moreira?

    Gostar

  21. novo oprtunista permalink
    13 Janeiro, 2010 00:46

    A importância dos cds no momento actual.

    A desconfiança sobre a capacidade portuguesa de inverter o défice público e de não cair em default (credit default swaps) tem-se generalizado.
    Haveria que que ter em conta a diferença de pontuação entre uma Islândia nos 508,77 pontos base, uma Grécia nos 256,40 pb ou uma Espanha nos 112,92 pb, comparando com 100,43 pb para Portugal. Cada 100 pontos base correspondem a 1% de diferencial nas condições da dívida. Isto se alguém acreditasse nos números do teixeirinha precocemente embranquecido.

    É estreita a margem de manobra:

    a) manutenção de uma política anti-crise que evite o double-dip e um colapso social (derivado do desemprego galopante e da destruição do tecido económico) e que mantenha alguma credibilidade face à incerteza da retoma nos países OCDE;

    b) plano de consolidação orçamental (necessariamente pluri-anual) que dê sinais aos mercados financeiros de que o plano inclinado dos défices é invertido, de novo, no médio-prazo.

    Nada disso vai acontecer na discussão do orçamento.
    É só esperar pelos próximos capítulos.

    Gostar

  22. 13 Janeiro, 2010 01:31

    Há que perceber que o Sr. Eng. é um avatar comandado à distância por um tipo qualquer que se encontra metido numa caixa, talvez em Bru Chelas…

    Gostar

  23. lucklucky permalink
    13 Janeiro, 2010 09:13

    Comparemos…há 5 dias atrás o defice não era prioritário.

    Prioridade é a recuperação e o emprego, “não o défice” – José Sócrates
    De Isabel Matos Alves (LUSA)

    Paris, 07 Jan (Lusa) – A prioridade do Governo português é “a recuperação económica e o emprego, não é o défice”

    http://www.google.com/hostednews/epa/article/ALeqM5ieLrR9Elnrske_49uHsr1zUXaryA

    Parece que outra criatura tomou conta do “técnico competente”-jornalistas dixit- Teixeira dos Santos.

    —–
    “OS POLITICOS DEVEM SER RESPONSABILIZADOS PATRIMONIALMENTE PELA BANCARROTA PORTUGUESA!”

    E aos banqueiros ? oferecem-se 5 anos de férias nas Caraíbas.
    Eu penso que você deve ser um banqueiro barrigudo .”

    Os banqueiros não têm nada que ver com a bancarrota Portuguesa.

    Gostar

  24. Ponto e Vírgula permalink
    13 Janeiro, 2010 10:18

    #24

    “Os banqueiros não têm nada que ver com a bancarrota Portuguesa.”

    Pois não,…mas não só. Tenho eu…

    Gostar

  25. 13 Janeiro, 2010 11:10

    Estímulos à actividade económica + redução do défice = aumento de impostos => mais recessão => mais “estímulos” => mais impostos => mais recessão => mais “estímulos” => …. “orgasmo” final = colapso económico.

    Gostar

  26. honni soit qui mal y pense permalink
    13 Janeiro, 2010 11:14

    Tudo uma completa fraude.

    Desde Ken Lay e a Enron e WorldCom que se sabe que é facil aldrabar contas , balanços e demonstrações de resultados … é só pagar o que as majors de auditoria pedem .

    Com a recente crise financeira … foi exactamente a mesma coisa .Aliás foi assim que tudo começou … os tais activos tóxicos nos Bancos que valiam muito e de repente não valiam nada.

    Também já sabemos que a nível das organizações estaduais e seus institutos ou bancos centrais é a mesma coisa conforme quem está no poder e influi para o “resultado final ” … é ver o que sucedeu com o nosso deficit em 2009 antes das eleições e agora , ou o bailarico do nosso homem no terreiro do paço com os numeros.

    O que se vive é um Enorme Embuste , uma mentira global .

    A Contabilidade é uma ficção . Brevemente virá também em 3D.

    Gostar

  27. 13 Janeiro, 2010 12:29

    Hoje todos se perfilam nos meios de comunicação, indignados porque o Governo afinal gastou mais do que devia…!

    http://planetaspolitik.blogspot.com/2010/01/cronicas-do-fim-do-mundo.html

    Gostar

  28. lucklucky permalink
    13 Janeiro, 2010 16:11

    “Hoje todos se perfilam nos meios de comunicação, indignados porque o Governo afinal gastou mais do que devia…!”

    Não seja pateta, Portugal já gasta mais do que devia desde que o FMI cá esteve ou seja mais de 20 anos. Agora rouba aos filhos e netos.

    Gostar

  29. tina permalink
    13 Janeiro, 2010 19:52

    Eles têm de justificar o TGV. Não querem admitir que fizeram um erro enorme, por isso acabam a dizer disparates.

    Gostar

Indigne-se aqui.

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: