Saltar para o conteúdo

O Esplendor de Portugal

16 Abril, 2010
by

Recomendo “O Esplendor de Portugal”, de ontem, na Antena Um. O programa junta “personalidades das diversas comunidades de estrangeiros residentes em Portugal, Juan Goldín, argentino, Fátima Monteiro, cabo-verdiana, investigadora universitária e Ronaldo Bonacchi, italiano”. Rui Pego modera. Ontem, disseram-se coisas destas:

  • O empréstimo à Grécia a 5% é usura. Tanto nós como os outros países estamos a explorar os nossos irmãos gregos. Deveríamos emprestar aos gregos ao mesmo preço que conseguimos. A lógica é que estamos a aproveitarmo-nos dos especuladores que pedem 7%, para sermos também especuladores, pedindo 5%, em vez de 3%.
  • Podemos generalizar sem problemas a culpa da igreja nos casos de pedofilia, mas é um absurdo inqualificável dizer que os pedófilos que abusaram de meninos são homossexuais. Há 3 géneros de pessoas, hetero, homo e depravados. Foram estes últimos, os depravados, que abusaram de rapazes mas poderiam ter abusado de ovelhas porque em cada momento abusam do que têm à mão.
  • O celibato dos padres devia ser legalmente proibido porque é um atentado aos Direitos Humanos.
  • Prender o papa é giro. O papa devia passar a andar de cadeira de rodas como Pinochet, para ver se escapa.
  • Temos um presidente chamado Cavaco & Silva.
  • Tolerância de ponto é igual a feriado nacional.
  • Há muito mais corrupção no sector privado que no sector público, como se prova pelos casos Freeport, TVI ou Taguspark.
  • Pedro Passos Coelho pretende tirar o estado da economia com um objectivo: vender tudo o que dê dinheiro para poder gastar à grande durante o seu governo (‘com dinheiro em caixa’). Quando sair vai deixar o pais na ruína.
  • A RTP é muito mais aberta à opinião das pessoas que a SIC ou a TVI. Se não tivermos televisão pública, os cidadãos perdem o acesso à antena.
  • No mundo há um leque de posicionamentos entre dois sistemas ideológicos extremos, um que é tudo do estado, e outro em que é tudo privado como nos Estados Unidos.
  • Se deixarmos o mercado na mão dos cidadãos voltamos à escravidão, como se pode ver pelo caso dos mercados livres de droga e da prostituição.
  • Nas empresas públicas, como a PT ou a EDP, são os contribuintes que pagam os salários aos gestores. É imoral porque estão a pagar-lhes com o dinheiro dos outros. António Mexia e Zeinal Bava são gestores públicos.
  • CEO quer dizer Central Executive Officer.
  • As pessoas que querem salários muito altos são imorais e têm mais tendência a ser corrompidas. Por esse motivo não devem ser contratadas pelo governo, porque poderão estar a receber dinheiro de outros países para trabalhar contra o nosso.
  • Nas empresas privadas, são os Conselhos de Administração que decidem quanto ganham os administradores.

Aguardo com enorme expectativa a próximo ‘Esplendor’. Um concentrado de pérolas como este não se encontra todos os dias.

Anúncios
49 comentários leave one →
  1. JP Ribeiro permalink
    16 Abril, 2010 15:39

    Isto sim, é pago com o nosso dinheiro, e por isso questiono que se faça propaganda política feita à custa dos meus impostos.

    Revoltante é o termo apropriado para tanta ignorância. Já agora ponham uma cartomante a compor o ramalhete.

    Gostar

  2. Alexandre Carvalho da Silveira permalink
    16 Abril, 2010 15:50

    O dinheiro dos nossos impostos servem para pagar isto? Antena 1, RTP, privatizadas, JÁ!

    Gostar

  3. 16 Abril, 2010 16:10

    Não perco um programa. Nunca me desiludiram, excepto uma vez em que esteve uma alemã mais ou menos sensata, a substituir, se não me engano, o argentino.

    Gostar

  4. 16 Abril, 2010 16:25

    O Esplendor está todo aqui:

    http://ww1.rtp.pt/multimedia/index.php?prog=3091

    Gostar

  5. zazie permalink
    16 Abril, 2010 16:33

    Há os Chicago Boys e os “meninos tolinhos da Linha” a imitá-los.

    Dá-lhes, anti-comuna- o JCD e o Luck-Lucky são umas abéculas comunas às avessas.

    Gostar

  6. Anónimo permalink
    16 Abril, 2010 16:40

    O lixo numa rádio pública perto de si

    Gostar

  7. 16 Abril, 2010 16:48

    É dos panéis mais reaccionários que por aí andam. Para além da gratuitidade com que comentam muito dos temas, sem conhecimento de causa, sem preparação séria.

    Gostar

  8. Mauel permalink
    16 Abril, 2010 16:48

    À citação do blogue The Baseline Scenario, do prof. Simon Johnson, que aqui puxámos, Do Portugal Profundo, no dia 13-4-2010, terça-feira, no artigo «Greece Saved For Now – Is Portugal Next?», um tema a que o ex-economista-chefe (em 2008) e professor do MIT voltou no seu blogue «The next global problema: Portugal» (ver tradução no Diário Económico, de 16-4-2010, «Portugal é o senhor que se segue») e no Economix do NYTimes, em 15-4-2010, seguiu-se uma tempestade de referências nos media portugueses (começando pelo Diário Económico) e uma torrente de respostas oficiais e oficiosas.

    A onda originou até uma torrente de respostas oficiais, com destaque para uma nota ofensiva do Ministério das Finanças e o insulto do próprio ministro Teixeira dos Santos, que foi acompanhado de outros responsáveis oficiais, como Basílio Horta, e as críticas dos opinadores próximos do socratismo, como Nicolau Santos – que, segundo a RTP, de 16-4-2010, entende que as «declarações de Simon Johnson são um ataque ao euro» (!…).

    A orquestração da resposta chegou até ao detalhe de uma chusma de comentários oficiosos, com vários nicks, pelos pressurosos assessores das Finanças nos blogues Baseline Scenario e no Economix do NYTimes, num teletransporte da Câmara Corporativa rosa para os EUA. Aliás, neste controlo acérrimo e cuidadoso dos media do quase-totalitarismo socratino, avulta um fenómeno mundial, na linha da táctica chinesa, que há-de ser estudado no futuro, que é a central de contra-informação criada para os blogues (que age em blogues próprios e em comentários nos blogues mais frequentados e nos mais sensíveis).
    Publicado por António Balbino Caldeira em 4/16/2010 01:13:00 PM
    Portugal Profundo

    Gostar

  9. Mauel permalink
    16 Abril, 2010 16:50

    Razão tinha Jardim quando afirmou que o PS era um polvo.

    Gostar

  10. 16 Abril, 2010 16:51

    É por isso que o país vai ficando cada vez pior. Importa e dá voz ao pior resíduo que o mundo excrementa e expulsa os que desejam uma vida independente para terras onde ainda se pode respirar um bocado.
    Vão ficar só os parasitas do erário, incluindo muito “liberal” que tem salário garantido pelos impostos. Terão que vender o que resta para aguentar mais uns tempos a mamar na vaca, ou melhor, já nada haverá nada para vender a não ser os seus anéis de couro pois até a ZEE já foi cedida a Bruxelas.

    Gostar

  11. Mauel permalink
    16 Abril, 2010 16:51

    A consolidação do poder mafioso:

    As escutas em que o primeiro-ministro foi interceptado, no âmbito do processo “Face Ocutla”, foram destruídas esta manhã no Tribunal da comarca do Baixo Vouga, em Aveiro, avança o presidente da comarca, Paulo Brandão, avança o “Jornal de Notícias”.

    Recorde-se que ontem o arguido Paulo Penedos requereu que as escutas não fossem destruídas. O advogado de Paulo Penedos, Ricardo Sá Fernandes disse ter o direito a conhecer o despacho de Noronha Nascimento por não ter tido acesso às escutas já destruídas. Ricardo Sá Fernandes pediu, por isso, a notificação do despacho do presidente do Supremo Tribunal de Justiça.

    Ao todo, 12 escutas ao administrador do BCP Armando Vara, nas quais este falava com José Sócrates, foram destruídas. 11:42 – 16-04-2010

    Gostar

  12. 16 Abril, 2010 16:53

    O pior é ter que aturar os imbecis que fazem de conta que o PSD é alternativa ao PS. No fim ficará tudo para o BE ou o PCP. A única satisfação é saber que eles fuzilarão toda esta escumalha depois da tomada do poder, e o povo aplaudirá.

    Gostar

  13. Mohammed permalink
    16 Abril, 2010 16:56

    Porque não dá as coordenadas da AR ao hezzbollah

    Gostar

  14. 16 Abril, 2010 16:56

    «The proof of the pudding is ultimately in the eating.»

    Thomas Sowell

    Gostar

  15. Anónimo permalink
    16 Abril, 2010 17:08

    Acho que esse Jorgr Pego é o marido daquela senhora histérica que fazia a noita da má língua,colocada cirurgicamente no ar para abater o governo Cavaco e dar lugar à alcateia gutérrica.
    Agora,essa senhora nem pia de política e sempre que alguém no seu deslavado programa,se queixa de difuldades na vida é logo calado e o teor da conversa faz agulha para outro assunto.
    Faz tudo parte do bando.Esse Pego saca bom dinheiro da taxa de radiodifusão que somos forçados a pagar,para sustentar a maralha partidária.

    Gostar

  16. 16 Abril, 2010 17:27

    Notável! De facto, é mesmo a não perder!!!

    Gostar

  17. ccz permalink
    16 Abril, 2010 17:29

    Há conversas de café com mais substância que as desse trio+1.
    .
    Para a semana devem discutir a influência de MFL nas cinzas dos vulcões islandeses… com a maior cara-de-pau.

    Gostar

  18. Anónimo permalink
    16 Abril, 2010 17:37

    Também há corruptos destes a intoxicar os portugueses em programas de rádio.
    Eles têm uma máquina que já infiltrou tudo o que é estado.
    Quando saírem,lá ficarão os comissários a minar e sabotar.
    Faz lembrar a sabotagem dos computadores do ME de Santana.Estava tudo preparado e logo as têvês e rádios,jornais,etc,começaram o massacre.
    Como alguém já disse,Macau foi o balão de ensaio para a tríade socialista.

    Gostar

  19. 16 Abril, 2010 17:47

    Que pândegos! – LOL

    Gostar

  20. 16 Abril, 2010 17:51

    Por vezes, quando passo pela Antena 1 no dia do programa, penso tratar-se de um especial Batatinha & Companhia, tal o ridículo (e o sotaque) do que lá é dito.

    Tanta gente a pedir o “contraditório” e a rádio pública faz um programa daqueles. Inacreditável. 2 “berloques” e uma tonta com vergonha de não pensar exactamente da mesma maneira do duo humorístico (gu)alter-globalista…

    Gostar

  21. OLP permalink
    16 Abril, 2010 17:55

    Eu ando é mais preocupado lá com o vulcão na Islandia.
    O filho da mãe vai ultrapassar os poluidores capitalistas de CO2.
    Além do mais anda a deitar cá para fora uma “fuligem” que se não a contivermos ainda ficamos todo ano no inverno.
    E depois de saber da “maquina dos americanos” de fabricar terramotos, nomeadamente o do Haiti uma dúvida me assalta:
    Não será que eles tem outra máquina de fazer vulcões?

    Gostar

  22. 16 Abril, 2010 18:11

    Ontem também ouvi o programa e confirmo o relato. Escrevo isto porque alguém poderia pensar que é uma caricatura (o relato).

    De uma vez, já não me lembro do assunto, Fátima Monteiro, mesmo afirmando que não tinha a certeza, disse uma valente asneirada. Mandei um mail para o programa a referir isso mas nem tive resposta nem no programa seguinte houve correcção. Diria que exactidão aparenta não ser bem uma preocupação do painel de comentadores.

    Gostar

  23. há-ali-babá+40 permalink
    16 Abril, 2010 18:20

    Também explendorosa foi a maneira como, directa e sem meias tretas, fomos tratados na pessoa do sr. PR, pelo seu homólogo tcheko e em sua casa.
    Presumo que terá sido resultado, e efeito, do super PORTO VINTAGE, que o nosso presidente, calorosamente, lhe terá oferecido…
    É que nunca se sabe como estes “estranjas” reagem a uma boa pinga.

    Gostar

  24. Nightwish permalink
    16 Abril, 2010 18:29

    Eu podia dizer a mesma coisa de muito post neste blogue… Mas olhe, se acha que não paga o ordenado do Bava nem do Mexia, tenho ali uma ponte para lhe vender.

    Gostar

  25. Talvez... permalink
    16 Abril, 2010 18:48

    Uma vergonha que os contribuintes paguem isto. Mas não creio que a solução seja privatizar (já viram os erros que cometem os jornalistas da TVI?) – creio que a solução passa por exigir qualidade e rigor. Há que utilizar o facto de ser pago por contribuintes para mudar a programação para melhor.

    Gostar

  26. vivam elas permalink
    16 Abril, 2010 18:55

    É o ex-plendor de por – tu – gal

    http://cabrastugas.blogspot.com/

    Gostar

  27. Manuel do Carmo permalink
    16 Abril, 2010 19:03

    Entretanto os islandeses vingaram-se em cima dos bifes ingleses, dos holandeses e de troda a pôrra da UE!

    Oxalá que rebente um vulcão nos Açores e que o vento traga cinzas durante um ano em cima deste país da pôrra!

    Gostar

  28. 16 Abril, 2010 19:27

    Não foram esses que disseram que a miúda violada pelo Polanski estava a pedi-las?

    Boas pessoas. 🙂

    Gostar

  29. 16 Abril, 2010 19:28

    Portugal no seu melhor esplendor.

    Gostar

  30. Confrade permalink
    16 Abril, 2010 19:58

    o argentino e italiano não gostam de Portugal , estão sempre a repetir isso , no entanto vivem cá

    Gostar

  31. Anónimo permalink
    16 Abril, 2010 20:53

    Subscrevo a maior parte das afimaçãoes que transceveste.

    Gostar

  32. 16 Abril, 2010 21:01

    Pelos vistos, o programa foi transmitido directamente do Júlio de Matos.
    Nada a objectar, portanto.
    Só uma pergunta: no meio dessa sessão de terapia ocupacional, o moderador fez o quê? Limitou-se a ser marido da Júlia Pinheiro?

    Gostar

  33. 16 Abril, 2010 21:21

    Tento sempre não perder o “esplendor”.
    De facto, apesar de já conhecer o grau de imbecilidade, nunca saio defraudado. Há sempre um vasto conjunto de enormidades que acabam por ser debitadas aos microfones. E saborosas que são, ainda por cima dtas com aqueles sotaques tão castelhanos.
    No final do programa sinto-me sempre reconfortado: se há ilustres estrangeiros deste jaez, nós, portugueses, não estamos tão mal quanto se pensa.

    Agora ando a ver quando é que o Provedor do Ouvinte fala do “esplendor”.

    Gostar

  34. 16 Abril, 2010 22:16

    Não sejam assim.

    Quando me sinto em crise comigo mesmo. Quando sinto aquele sentimento de culpa por algum menos simpático que tenha feito.
    Quando naqueles momentos no trânsito que o lado animal vem ao de cima e não deixo que o outro utente da estrada se meta a minha frente e entro em picardia “o que é muitos raro diga-se de passagem” mas acontece. Para me penitenciar escuto essa trupe e, acreditem fico feliz por ser quem sou.

    Gostar

  35. tina permalink
    16 Abril, 2010 22:17

    jcd,

    A sua falta foi sentida mas a sua vinda é ainda mais dolorosa porque está sempre a mostrar-nos, branco no preto, a imbecilidade dos iluminados portugueses, que só faz desejar a uma pessoa estar a viver noutro país a milhares de km daqui.

    Gostar

  36. 16 Abril, 2010 22:48

    Nunca ouvi tal programa, nem sabia que existia, e não é com um relato desses que passarei a ser ouvinte.

    Gostar

  37. Joaquim Amado Lopes permalink
    16 Abril, 2010 23:42

    Se foi mesmo como descreveu, não é ignorância. É pura estúpidez.

    Gostar

  38. João Almeida permalink
    17 Abril, 2010 03:43

    Como é possivel a rádio do Estado(do PS…)estar a pagar com nosso dinheiro,frequentes insultos ao nosso país, de dois palhaços,com pronúncia de palhaço,raciocínio de palhaço,mas sem a graça dos palhaços? Quem foi a bêsta masoquista que convidou essas primárias cavalgaduras,sem graça,sem cultura,sem ideias,quási analfabetos para zurrarem em hora nobre na rádio que devia ser nacional e governarem a sua miserável vidinha de chulos, à custa do contribuinte português? Isto sim é um escândalo que deveria ser investigado. Sabe-se lá que escuros interesses viriam a descobrir-se por detrás desta miserável provocação e de quem a inventou e alimenta.Simplesmente repugnante e miserável.

    Gostar

  39. Dário Castro permalink
    17 Abril, 2010 04:07

    Mas o que é que esses dois cabrões semi-letrados têm a ver com a nossa vida? O SEF tem a certeza de que esses fdp estão cá em situação regular? A documentação não está falsificada? Não andarão fugidos à polícia das terrinhas deles? Para alem do taco que sacam com insultos ao país que os asila, que outras chularias andarão por aí a fazer? Qual o papel do Pego no meio disto tudo? Acho que a blogosfera e os jornais com algum sentido de dignidade deviam dar uma ajuda no esclarecimento deste odioso cambalacho em que seguramente estão envolvidos altos responsáveis da RDP.

    Gostar

  40. Albertino Saloio permalink
    17 Abril, 2010 15:37

    Realmente não era má ideia investigar o mafioso italiano e o peronista argentino.Vamos descobrir a careca a essa canalha e enfiar-lhes um enxurro de porrada? Já agora,umas bengaladas no Pego,esse boy chulo da classe política,tambem vinham a matar.

    Gostar

  41. Tolstoi permalink
    17 Abril, 2010 18:51

    A ignorância é atrevida.

    Gostar

  42. libertas permalink
    17 Abril, 2010 19:49

    só de pensar que é o povo que mantém essa esterqueira com 400 milhões por ano… é de vómitos!

    Gostar

  43. libertas permalink
    17 Abril, 2010 19:50

    alienação, JÁ!

    Se não houver comprador, liquide-se!

    Gostar

  44. 17 Abril, 2010 20:26

    Eu que que pensava que CEO era a sigla para Chulos Exploradores Operariado…
    Quanto à pedofilia: parece-me que o casamento dos padre é mais abominável para a hierarquia católica do que a própria pedofilia. Existem basicamente 2 tipos de abusadores de crianças: os que o fazem em regime de exclusividade, para quem as crianças são o melhor do mundo, e não aceitam nada abaixo; e os abusadores de ocasião, que abusam porque os bambini estão à mão e desprotegidos. parece-me que é nesta segunda categoria que a maior parte dos padres está.Não me venham dizer que o celibato não é a principal causa para este problema

    http://www.mindjacking.wordpress.com

    Gostar

  45. sérgio pimentel permalink
    17 Abril, 2010 22:21

    É este o “serviço público” da rádio do estado(socialista):gastar centenas de milhões na propaganda ao pinóquio e quadrilha que capitaneia e dar tempo de antena de luxo a imigrantes analfabetos que passam a vida a insultar-nos o país e a inteligência. Tambem acho bem que os ouvintes que se sintam atingidos como portugueses e contribuintes procurem identificar e localizar esses energúmenos para lhes aplicar o devido correctivo. Com extensão ao pego,naturalmente.

    Gostar

  46. João Sequeira permalink
    19 Abril, 2010 17:19

    Imagino que a grande maioria dos 45 comentários anteriores tenha sido enviada por quem não se deu sequer ao trabalho d eouvir o programa em causa. Se assim não fosse, talvez não tivessemos de ler aqui tantos e tão rematados disparates, vários dos quais a roçar a mais abjecta xenofobia. Este post, aliás, parece-me no mínimo de grande desonestidade intelectual: nem sequer é preciso ouvir o programa com muita atenção para se perceber que o que foi dito na emissão só muito remotamente cortresponde ao que está elencado neste post – que não passa de um exercício de distorção, através da descontextualização das afirmações dos intervenientes. O exercício da liberdade de expressão implica a capacidade para ouvir opiniões contrárias. E o contraditório – que é sempre legítimo e frequentemente desejável – deve ser feito com seriedade. Mas pelos vistos, isso são coisas que pouco importam ao articulista do Blasfémias.

    Gostar

  47. 19 Abril, 2010 17:41

    Caro João Sequeira

    O link para o programa já estava lá em cima, para quem quisesse confirmar. Aponte-me uma só – uma única – das frases acima que não corresponda a alguma coisa que tenha sido dita ou sugerida no referido programa.

    Já agora, veja o comentário 22 – assinado por alguém (com link) que também ouviu o programa.

    Gostar

  48. Chefe permalink
    19 Abril, 2010 19:06

    Não coloquem a Fátima Monteiro ao nivel dos outros 2, nem sei como ela consegue ouvir tanta asneira, dá realmente sensação que Às vezes nem sabe por onde começar e atrapalha-se.

    Eu oiço semanalmente como programa humoristico, é excelente, o Juan Goldín consegue ver no decrescimo da batata de arrozal influências maléficas dos EUA. Tudo é culpa do Tio Sam, tudo.

    Gostar

  49. Albano Morais da Costa permalink
    3 Maio, 2010 19:55

    De facto, há 3 géneros de pessoas (heterossexuais, homossexuais e depravados), mas acontece que os PEDÓFILOS NÃO SÃO PESSOAS!!! PEDÓFILO NÃO É GENTE!!! NÃO É SER HUMANO NEM ANIMAL!!! É uma COISA SUB-HUMANA cujo destino deverá ser a VALA COMUM (vivo ou morto)! Se PEDÓFILO É LIXO, logo, PEDÓFILO VAI PARA UM ATERRO SANITÁRIO!

    Gostar

Indigne-se aqui.

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: