Skip to content

heróis do mar*

28 Maio, 2016
by

8235106_Bc8sIEnquanto os Nogueiras e os Arménios andam, por aí, a acicatar ódios e a destruir empresas e riqueza, tendo, para isso, cobertura noticiosa diária, sempre muito favorável, outros, discretamente, salvam empresas e empregos, criam riqueza e honram o nome de Portugal.

É, de facto, graças a homens da categoria de Soares dos Santos, e de poucos outros como ele, que os portugueses não vivem, por enquanto, numa republiqueta da América-Latina dos anos 70. Mas, como é evidente, estes homens são ignorados pelos poderes públicos e pela comunicação social, quando não muitas vezes atacados. Ninguém se lembra deles no 10 de Junho, nem lhes agradecem o que fazem pelo país. O que só os distingue e enobrece.

* Agradeço ao leitor antónio a indicação da notícia e do link.

Anúncios
33 comentários leave one →
  1. LTR permalink
    28 Maio, 2016 13:08

    Uns a salvarem emprego e outros a fazerem acordos que proíbem uma empresa de contratar mais trabalhadores. Já agora, condicionar o emprego não seria inconstitucional se fosse com um governo de direita?

    Gostar

  2. 28 Maio, 2016 13:25

    Excelente.

    Gostar

  3. Jorge permalink
    28 Maio, 2016 13:28

    O grupo Jerónimo Martins/Soares dos Santos começa a pôr a salvo dos comunistas o capital e o património, deslocando-os para paragens mais amigas do capitalismo. Isto é um sinal de que os grupos económicos portugueses já perceberam que Portugal está a acelerar a caminhada para o comunismo e, como não são desmemoriados, não querem ser apanhados como há 40 anos atrás. Não tenham dúvidas: O PCP, o BE e o PS radical não vão deixar riqueza nenhuma de pé, vão arrasar tudo. Quem pode, foge antes de os comunas arrasarem de novo o país. Os jovens com talento emigram, os capitalistas metem o capital em países seguros e por este andar só cá ficam os pobres e os agarrados ao Estado, funcionários públicos e reformados.

    Gostar

  4. manuel branco permalink
    28 Maio, 2016 14:34

    poupe no incenso.

    eu nunca mais me esqueci de ter visto na televisão queixas dos fornecedores do pingo doce pelo atraso com que o grupo lhes pagava. parece que andava nos sete meses.

    o mais delirante é que a jerónimo martins teve nesses tempos um problema informático, perdeu os dados todos, e terá mandado aos fornecedores umas cartinhas a dizer que se não enviassem segunda via presumiam que tinha sido oferta. assim, sem mais, pai natal.

    e como se não bastasse o pasmo, o entrevistado, do pingo doce, ainda respondeu qualquer coisa que poderia ser entendido como cada um trata de si.

    engraçado também, desses tempos, um debate entre alguém dos supermercados e o marxista-leninista ferraz da costa, então patrão da cip. queixava-se este desse tipo de abusos e o outro rosnava que ele só falava assim porque não vendia produtos para supermercados. pois não, vendia comprimidos. por isso estava mais à-vontade.

    isto para não falar da história da holanda ede não haver grupos industriais mas só supermercados e bancos.

    e para acabar tome outra: num supermercado muito apreciado de lisboa pus-me um dia a comparar dois pacotes de massas italianas. porque carga de água havia de pagar mais um euro entre o da marca branca e um tal romanini ou pacovini. nas letrinhas pequeninas deu para perceber que quer um quer outro eram portuguesinhos da silva e o produto até era o mesmo. como romanini vendia a três euros, como marca branca vendia a dois euros. presumo que o romanini já terá ido à falência com o abuso de posição dominante do supermercado, que entretanto deve andar a sugar outro romanini.

    Gostar

    • 28 Maio, 2016 15:06

      Tens razao oh nelinho tipos destes sao todos fassistas exploradores do povo viva O PCP

      Liked by 1 person

    • Fernando S permalink
      28 Maio, 2016 15:20

      Nada disto acontece nas “lojas do povo” !!… 😉

      Liked by 1 person

    • O Bronco permalink
      28 Maio, 2016 16:39

      Apenas para lhe dizer que compreendo perfeitamente que consuma massas pacovini.

      Gostar

    • antónio permalink
      28 Maio, 2016 18:29

      Branco: Vai ao pingo doce e compra açúcar. Depois vai para a Venezuela fazer Coca-Cola. Eu pago-te o bilhete de avião. Claro que só de ida. Dizem que na Venezuela é o socialismo-Comunismo-Marxismo topo de gama. Vais gostar. Boa sorte e depois conta por aqui.

      Gostar

  5. insider permalink
    28 Maio, 2016 16:20

    que bom criar emprego e blá no brexit…
    vai receber da queen o título de sir…

    Gostar

    • O Bronco permalink
      28 Maio, 2016 16:41

      É bem melhor que os títulos que os fantoches Nogueiras e Arménios alguma vez receberão…

      Liked by 1 person

      • Bolota permalink
        28 Maio, 2016 17:57

        Bronco é Bronco e ponto final,

        Sabes que estes marmanjos na Almanha/ França/ Inglaterra e afins, não se atrevem a abrir grandes superficies??? Abre sim mas é sei lá…nas Polonia, na Romenia…na,,,paises onde a fome aperta e a normas…

        Gostar

      • Fernando S permalink
        28 Maio, 2016 21:26

        Bolota,
        Nesses paises, o come-pouco-e-cala era no tempo do comunismo, antes do fim da cortina de ferro.
        Hoje, graças à liberdade e ao capitalismo, são paises mais prósperos e com mais bem-estar.
        É bom para os polacos e romenos que agora existam investidores estrangeiros, incluindo portugueses, que investem criando emprego e riqueza.
        É bom para os portugueses que grupos nacionais se internacionalizem e ganhem maior dimensão.

        Gostar

  6. O Bronco permalink
    28 Maio, 2016 16:33

    Nem de propósito, reabriu ontem uma loja Pingo Doce. Está mais engraçada, mais funcional e com as prateleiras muito bem fornecidas.

    Aproveitei para tirar umas fotografias que já enviei para a Venezuela.

    Entretanto, já recebi da Venezuela a resposta. Várias fotografias de um supermercado com as prateleiras vazias. E um recado,

    Não se ponham a pau, não…

    Liked by 1 person

  7. Bolota permalink
    28 Maio, 2016 17:52

    Grande Homem…de facto, preso era pouco. Este como alguns, só foram gente apos o 25 de Abril e mesmo assim fazem tudo contra o espirito de Abril.
    O Belmiro até da UDP foi e sindicalista. PRESOSSSSSSSSS estes agiotas eram presos

    Gostar

    • antónio permalink
      28 Maio, 2016 18:31

      Bolota: Vai comprar milho para as galinhas na “comprativa” do comité central.

      Liked by 2 people

    • Fernando S permalink
      28 Maio, 2016 21:33

      Sim, Bolota, sabemos que, se o PREC comunista tivesse sido bem sucedido, estes e outros capitalistas estariam ainda presos (se ainda fossem vivos !…) !!

      Gostar

    • Sem Norte permalink
      29 Maio, 2016 01:21

      Quando é que os bolotas criam pelo menos uma única empresa?

      Gostar

  8. manuel branco permalink
    28 Maio, 2016 18:52

    tontos, da mesma coisa queixou-se o príncipe de gales ao governo inglês também o querem mandar para a Venezuela? e por cá falem com os da suinicultura e do leite. De certeza que não é entre o pessoal da CAP que o pingo doce é levado aos ombros.

    Gostar

    • Fernando S permalink
      28 Maio, 2016 21:37

      Pois … Se dependesse do “pessoal da CAP” os consumidores pagariam mais caro o leite e a carne de porco !

      Gostar

  9. Arlindo da Costa permalink
    28 Maio, 2016 19:59

    Este merceeiro enriqueceu à custa da expansão monetária, ao aumento do crédito e da função pública.
    Mercar é com ele. Criar, inovar e partilhar, niet!

    Gostar

    • Fernando S permalink
      28 Maio, 2016 21:41

      Este “merceeiro” criou e desenvolveu um grande grupo de distribuição que emprega milhares de pessoas e gera mercado para um sem numero de empresas produtoras nacionais.
      Quem nos dera ter muitos mais “merceeiros” como este !!

      Liked by 1 person

      • Bolota permalink
        29 Maio, 2016 09:39

        S

        Este mercieiro para akem dessas qualidades todas tem outras. Sabes onde tem a sede so grupo??? Sabes o que isso equivale??? Sobre o capitalusmo, queres capitalismo mais limpo do que o alemão??? Porque não investe este grande investurdor na alemanha, estados unidos e afim??? Tens uma explicação de certesa.

        Gostar

      • Fernando S permalink
        29 Maio, 2016 10:51

        Bolota,

        Para ter mais espaço ( 🙂 ), a minha resposta ao teu comentário está em baixo na caixa de comentários.

        Gostar

    • sam permalink
      28 Maio, 2016 21:44

      Mas depois apareces tu, Lindinho, a inovar na parvoíce e a partilhar a ignorância crassa. Kurva!

      Gostar

    • Sem Norte permalink
      29 Maio, 2016 01:22

      Só os arlindos e o partido comunista nunca sabem como criar empregos.

      Gostar

  10. Fernando S permalink
    29 Maio, 2016 10:56

    Bolota,

    Cada grupo de empresas tem a sua holding de topo no pais onde lhe parece mais apropriado para a gestão financeira das suas participações e para a optimização da sua fiscalidade.
    É uma questão de gestão e é uma prática normal de boa gestão.
    É uma possibilidade oferecida aos investidores por economias de mercado e abertas ao exterior.
    É uma condição de gestão que favorece e atrai o investimento.
    É uma condição de flexibilidade que favorece o dinamismo e a produtividade das empresas.
    Os paises que não permitem ou não facilitam esta possibilidade, sendo os comunistas os mais radicais, não podem naturalmente beneficiar de todas estas vantagens.
    O facto do Grupo Soares dos Santos ter holdings no exterior não obsta, antes pelo contrario, a que tenha a maior parte das suas actividades em Portugal, que seja um grande investidor e um empregador no pais, e que contribua assim de forma importante para a criação de mais riqueza e maior bem-estar para os portugueses.
    A alternativa seria a total deslocalização das actividades para o exterior, o desaparecimento de um investidor nacional, portanto, algo de muito pior do que acontece hoje.

    O facto do Grupo Soares dos Santos não investir em certos paises capitalistas desenvolvidos, como a Alemanha e os EUA, não tem nenhuma relevância … a não ser a constatação de que não investe nesses paises !….
    Por sinal, e pelos vistos, pela noticia que é referida no post em cima, este Grupo português até está com projectos de investimento no Reino Unido, que é também uma economia capitalista das mais desenvolvidas.
    Mas, o mais importante, aquilo que mais nos interessa, é que este Grupo português continua a investir em Portugal e que, em paralelo, prossegue uma estratégia de internacionalização que reforça a sua estrutura e é susceptivel de gerar rendimentos adicionais que podem vir a beneficiar o nosso pais.
    Tentar contrariar ou impedir este tipo de dinâmica empresarial seria um enorme disparate que custaria caro ao nosso pais e aos portugueses.

    Tu és certamente uma excelente pessoa, mas, desculpa lá a franqueza, só mesmo quem não percebe como funciona realmente uma economia moderna e como é criada a riqueza que possibilita o bem-estar das populações, como acontece com os comunistas e outros iliberais mais radicais, é que pode imaginar que hostilizar e meter este tipo de empresários na prisão poderia ser bom para o pais e para os portugueses.

    Gostar

    • Bolota permalink
      29 Maio, 2016 13:22

      S,

      Eu simplesmente perguntei porque investe não investe em mercearias este grande em empreendedor, por exemplo na Alemanha, na França, em Inglaterra nos Estados unidos e investe por exemplo…na sei lá: Roménia. Polonia…chipre…Timor…estou a inventar e Angola e Moçambique tentou mas os que lá estão são mais ciganos que eles ainda.
      Quanto ao ter a sede em paraísos fiscais, escreveste muitoooooooooooooooooo para nada quando podia ter dito que era para não pagar altíssimos impostos onde vende os seu produtos, descapitalizando os seus clientes.
      Em Baleixaõ esta gente tem um nome, CHULOS, chulos do sistema

      Gostar

      • Bolota permalink
        29 Maio, 2016 13:50

        Eu simplesmente perguntei porque não investe em mercearias este grande em empreendedor na…

        Gostar

      • Fernando S permalink
        29 Maio, 2016 15:33

        Bolota,
        Eu escrevi o que escrevi apenas para tentar responder completamente a todas as tuas questões …
        Inclusivé para reconhecer que uma das razões para o Grupo Soares dos Santos ter a sua holding de topo na Holanda (que não é sequer um “paraiso fiscal”) é “para não pagar [os] altissimos impostos” de um “inferno fiscal” como Portugal mas para concluir que tal facto é um sinal de boa gestão empresarial e que a boa gestão empresarial é normalmente boa para o investimento, o emprego, e a criação de riqueza e bem-estar.
        Também disse que afirmar que um Grupo X não investe nos EUA ou na Alemanha e investe antes na Roménia ou na Polónia não é argumento nenhum !…
        E disse mais mas, pela tua resposta, vê-se que não leste ou te passou tudo completamente ao lado …
        Pelos vistos preferes que eu não faça o esforço de tentar responder sériamente (logo longamente) aos teus comentários e que, como outros, me limite a dizer umas piadas sarcásticas sobre Baleizão e as bolotas …
        Paciência !…

        Gostar

  11. manuel branco permalink
    29 Maio, 2016 12:42

    fernando s.,

    sim, porque os supermercados é sempre mais barato, não é?

    vá comprar peixe ao supermercado e a um mercado público.

    e também pode ir ao super do professor doutor patrício gouveia: aí já percebi como é. o que por lá fora custa dez, é vendido ali a catorze e quinze. quando lhes chamam a atenção, tiram o produto e põem outro que ninguém conhece.

    e quando o camarada santos diz que não é marca branca mas sim marca do super, significa que montou fábricas ou que faz outsourcing?

    e sim, é merceeiro e só isso. com muito bago mas merceeiro…o velho champas é que dizia com orgulho que era industrial.

    Gostar

  12. Fernando S permalink
    29 Maio, 2016 15:49

    manuel branco,

    Toda a gente sabe que, em média e para o mesmo nivel de qualidade, os supermecados são mais baratos do que a generalidade dos outros fornecedores.
    Claro que é sempre possivel procurar comprar mais barato directamente aos produtores ou nos mrcados locais.
    Mas nem toda a gente tem disponibilidade, meios, tempo ou disposição para o fazer e beneficia com a existência da grande distribuição.
    Pelo menos é o que a esmagadora maioria dos consumidores acaba por preferir e escolher.
    Quem não gosta ou não quer não é obrigado a ir ao supermercado.
    Se fossem muitos a pensar assim a grande distribuição não teria clientela e passaria a pequena ou desapareceria.
    Seria isto melhor para os produtores e para o pequeno comércio local e “artesanal” e para a generalidade dos consumidores ?…
    Não, antes pelo contrario : a produção actual não seria escoada e teria de ser fortemente diminuida e os preços de venda final aumentariam.
    Ou seja, perderia a grande maioris dos produtores, dos comerciantes e dos consumidores.
    “Pior a emenda do que o soneto !!”

    Gostar

Indigne-se aqui.

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: