Skip to content

Offshores e Gestão Privada na CGD?

21 Março, 2017

Se a hipocrisia matasse em Portugal, muitos políticos da ala esquerda cairiam fulminados com as recentes declarações sobre a Caixa. Dizia BE que recapitalização da CGD permitia que o banco continuasse público e por isso sentia-se confortável com isso. Costa também garantia que o banco continuaria público após a operação. E Jerónimo, para não destoar, rezava pela mesma cartilha. Mas,” hélas! ” , não temos governo com palavra porque a palavra não serve para honrar mas sim, enganar. E aí com o maior desplante inimaginável, assistimos à privatização camuflada no… Luxemburgo! Querem melhor sítio para dissimular impostos enquanto se vende dívida perpétua a privados institucionais num total de 930 milhões? Vem agora a CGD dizer que esses boatos são infundados. Serão mesmo? Permitam-me que duvide.  Também assim  diziam quanto ao fecho de balcões e despedimentos… ou na TAP que dizem ser pública mas quem manda nela são os privados. O tempo dirá…

Claro que isto, sem ser dito assim, preto no branco, passa despercebido do cidadão comum. Até porque, como estou farta de o denunciar aqui, a comunicação social está muito bem “domesticada” e nunca divulgará alto e bom som estas notícias. Veja-se a SIC NOTÍCIAS que ainda há pouco falava da “privatização” 1 notícia online que misteriosamente desaparece (http://sicnoticias.sapo.pt/especiais/cgd/2017-03-16-Investidores-privados-podem-tornar-se-acionistas-do-banco-do-Estado. Assim como nunca dirá com as letras todas que estamos perante uma fuga ao pagamento em Portugal de impostos e despesas de colocação onde serão ainda utilizadas 2 participadas nas Ilhas Caimão que farão passar largos milhões por essas offshores nos próximos meses e por isso milhares de impostos ficarão por pagar aqui em terras lusas. Sem o  controlo da CMVM. Muito “pouco estranho ” neste país de “sovietes”. Claro.

Ah! Mas calma que as mentiras não se ficam por aqui. Porque ainda há os ditos despedimentos que não iam despedir, os balcões a fechar que não vão fechar porque Catarina não deixa (???), o fim dos tectos salariais dos administradores do banco público que ninguém aprovou, ou seja, isto não é o que parece. Parece uma gestão PRIVADA de um banco PÚBLICO mas é mero erro de percepção mútua. Nada disto JÁ ESTÁ APROVADO EM BRUXELAS por Domingues para que fosse aceite a recapitalização pela UE. Nadinha.

Porém, a verdade é irrefutável.  E a verdade por muito que custe admitir é que um inédito governo de maioria parlamentar de derrotados, com BE,PCP e PS, está a permitir uma gestão PRIVADA num banco público, algo que abominaram sempre que foram oposição e já no governo, com a maior lata possível.

Assim, ficamos a saber que à geringonça interessa que o Banco Público continue na esfera do Estado para que permaneça oculta a roubalheira aos contribuintes, permita a continuação desse “exercício profissional da roubalheira” para proteger “o sistema” e puderem mandar a respectiva factura, sempre que fizer falta ao desgraçado do contribuinte que não é tido nem achado na hora de exigir responsabilidades.

É por isto que não querem deixar cair a designação”público”. Porque no dia em que isso acontecer, acabam as “gamelas” pagas pelo cidadão. Só isso.

Porque de resto será em tudo um banco privado menos na hora de pagar “contas”.

 

Advertisements
13 comentários leave one →
  1. 21 Março, 2017 21:01

    Beautiful post !!! Loved it!!!

    Liked by 2 people

  2. 21 Março, 2017 21:28

    Neste momento, na RTP3, a Lourenço dá rédea solta e estimula uma jornalista para malhar no PSD e no PPCoelho.
    Com jornalistas, comentadores comprados pelo P”S” e com social-democratas (vidé hoje no i o Encarnação) permanentemente contra o PPCoelho, é difícil obter bons resultados.
    Assim se formata a opinião pública imberbe…

    Gostar

    • lucklucky permalink
      21 Março, 2017 21:38

      Não são comprados, são escolhidos.

      Nenhum chefe de redacção contrata um jornalista pela sua competência. Contrata pela ideologia que já tem. Se for Marxista tem emprego garantido.

      Se você estiver atento MJRB notará ainda o SIMM – Sistema de Incentivos Mediáticos Marxista

      Veja o que acontece ás fotos em jornais e revistas quando alguém da Direita diz mal da Direita ou defende ideias de Esquerda ou de Extrema Esquerda:

      As fotos passam a ser cuidadas, perspetiva, tratamento de cor, contraste, a cara dessa pessoa passa a estar em relevo, tudo bem produzido.

      Vá ver o que acontece quando por exemplo a Cristas diz algo de Esquerda ou Extrema Esquerda. Destaque à sua cara. Promoção.

      Liked by 2 people

    • A.Silva permalink
      22 Março, 2017 10:28

      Ahahahahah, é tão engraçado ver os pafiosos preocupados com o coelhinho, ahahahahahahah!

      Gostar

  3. javitudo permalink
    21 Março, 2017 21:29

    Nem mais. Se algum idiota utilizar a cgd para algo mais que não seja ir à WC que se cuide.
    Eu sei, eu sei, tal como na venezuela, nem no wc vai encontrar papel higiénico a horas de ponta. Em tempos de geringonça é conveniente trazer o papel de casa.
    A cgd é desde há mjuito uma armadilha para caçar pardais. A ocultação do que lá se passou com a prepotência do fotocópias e da sua matilha é prova provada que o sítio tresanda.

    Liked by 1 person

  4. javitudo permalink
    21 Março, 2017 21:32

    A aninhas não vai traduzir o que as agências noticiosas difundem:
    “The French interior minister has been forced to resign in a row over employing his teenage daughters as parliamentary assistants during the school holidays, in another blow to the country’s beleaguered political elite with one month to go until the first round of presidential elections.
    Bruno Le Roux stood down hours after the financial prosecutor’s office announced they were putting him under preliminary investigation. He had offered his resignation earlier in the day to the president, François Hollande, who accepted it”.
    Há que manter as analogias com o anticiclone ao largo, não vá o tuga perceber até onde anda o engano.

    Gostar

  5. 21 Março, 2017 21:34

    Post certeiro.

    Custa-me escrever isto, mas: talvez –talvez, friso– fizesse bem ao país mais uma bancarrota. Para, se os tugas tiverem juízo, arrancarem as ervas daninhas que envenenam a sociedade e a política.
    A geringonça (da qual o MarceloCarmonaThomaz faz parte) está a exagerar. Agora, esta da CGDepósitos..

    Liked by 2 people

  6. José Domingos permalink
    21 Março, 2017 21:38

    Nem mais, a palavra dada, uma treta, quer dizer, como é a esquerda a fazer, está tudo bem, Portugal é deles.
    Depois ficam muito ofendidos, por o outro dizer, mulheres e vinho.
    Por cá dizia-se, ” meninas” e vinho verde.
    Espero que não andem por aqui os comissários políticos dos bons costumes, agora pior que no tempo de Salazar.

    Liked by 1 person

  7. javitudo permalink
    21 Março, 2017 22:01

    Pior que no tempo do botas, sem dúvida. A informação passa por ser livre de censura ou produzida em “liberdade”, é balela dos autocratas em exercício. Quem está por dentro sabe que a censura interna dos merdia é cada vez maior.
    Hoje em dia as aninhas e as judites debitam informação estudada ao pormenor. Ai de quem ponha em causa os mandantes, os figurões que comandam na sombra.
    Começa na Lusa e acaba nas tevês generalistas com o politicamente correcto, dos donos disto tudo que agora já não é só um mas vários.
    Por outro lado, o grau de corrupção dos agentes políticos só pode ser ocultado pela “omertá”. Vá lá que o risco de rotura paira no ar quando as comadres se zangam.
    No dia longínquo em que abril amanheceu nunca pensei que se chegasse a isto.

    Liked by 3 people

  8. licas permalink
    21 Março, 2017 22:45

    javitudo PERMALINK
    21 Março, 2017 21:32

    A vida é um palco (ou melhor, o País é um lugar mal frequentado)
    Veja-se a diferença, Javitudo
    ___________
    Isaltino Morais é apanhado transportando para off-shores o seu pecúlio, subtraindo do bem público os devidos impostos. Imputado judicialmente, julgado culpado, cumpre mais de um ano de cadeia.
    Teresa Leal Coelho enquanto vereadora da C.M.L. cumpre 22 faltas em 27 sessões.
    Pois estes cumpridores zelosos da lei, exemplos de Cidadania, candidatam-se à próxima Presidencia da Câmara de Oeiras.
    Esta pelo PSD, aquele independente depois do Partido lhe retirar a confiança política.
    ________________

    Gostar

  9. licas permalink
    22 Março, 2017 11:04

    Povo permissivo quanto *a qualidade dos seus representantes:
    UM NORTE_de_ÀFRICA.

    Gostar

Indigne-se aqui.

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: