Skip to content

Agora eu, agora eu

26 Julho, 2017

A lista de vítimas em segredo de justiça foi divulgada pelo PGR sem que o segredo de justiça tenha sido violado. Tal só pode ter acontecido por três motivos diferentes: o governo mente; o PGR não respeita o segredo de justiça; a lista em segredo de justiça não estava nada em segredo de justiça.

Perante estas hipóteses, qual será a menos grave? Estou em crer que para a maioria dos portugueses a situação menos grave é a da mentira do governo. Poucos acharão grave o governo mentir, porque esperam, precisamente, que o governo minta se o propósito for esconder uma situação inconveniente para a persecução do seu objectivo de governação. E qual é o objectivo de governação? É assegurar que um número suficiente de pessoas estejam gratas para que votem novamente em António Costa.

O que isto significa é que nada disto dos mortos importa, só importa que o país mantenha a sua máquina de alimentar clientelas a funcionar. Sim, a National Geographic lá mostra que, de vez em quando, um pastor acaba por se satisfazer com uma ovelha mais bem amanhada. Paciência. Importante é que todo o rebanho sinta que terá a mesma oportunidade para receber a benção pela escolha do pastor.

Anúncios
87 comentários leave one →
  1. rão arques permalink
    26 Julho, 2017 08:05

    O QUE DIZ MARCELO:
    “Em ditadura há 50 anos, eu lembro-me, era possível haver tragédias e nunca ninguém percebia bem quais eram os seus contornos porque não havia MP autónomo, juízes independentes ou comunicação social livre. Em democracia há tudo isso e é uma riqueza. Essa é a diferença do Estado democrático”.
    O QUE É PRECISO DIZER:
    Agora com a conivência envergonhada de V.exa. parece que o estado a que tudo isto chegou piorou antes de melhorar. Com descaramento muito mais visível.

    Gostar

    • Manuel permalink
      26 Julho, 2017 08:58

      Em política o que parece é. Pareceu-me uma resposta ao post da Helena Matos escrito ontem. Enfim, sentiu-se na necessidade de contraditar o óbvio, hoje existe auto-censura feita pelo jornalixo e o governo censura com eufemismos “segredo de justiça” e outros. A censura é mais insidiosa que a do Estado Novo que, existia e era assumida.

      Gostar

      • 26 Julho, 2017 20:28

        “A censura é mais insidiosa que a do Estado Novo que, existia e era assumida.”

        Até havia um aviso nos jornais e revistas a dizer que o exemplar tinha sido visado pela censura.

        Gostar

    • Churchill permalink
      26 Julho, 2017 10:40

      Marcelo diz tudo e o seu contrário
      Há quem goste do estilo

      Gostar

    • 26 Julho, 2017 10:52

      Quem ainda tenha ilusões acerca do que é o Presidente Marcelo que as sacuda.
      Com que então isto agora é uma riqueza, nesta democracia.
      Que não haja mais ilusões. O 25 de Abril aconteceu em 1º lugar por culpa do outro Marcelo, o Caetano, que preparou o campo para a rapaziada fugir da guerra colonial. Vai daí, fez-se o Golpe. E o Golpe feito sem objectivo maior, deu nisto. Bandalheira, falta de respeito, oportunismo, golpismo, corrupção e destruição.
      Depois de tanta riqueza só espero que o vento mude e afaste toda a xungaria de Marcelos, Democratas de Esquerda & Companhia Lda.

      Gostar

    • 26 Julho, 2017 11:49

      O fogo já chegou a Vila Velha de Rodão.
      “Já vejo terras de Espanha!”
      Pode ser que chegando o fogo a Albuquerque, Espanha faça uma queixa à UE dos democratas de Esquerda que estão a destruir um país da Europa e que os portugueses finalmente acordem do sonho abrilista.

      Gostar

  2. 26 Julho, 2017 08:20

    “…um número suficiente de pessoas estejam gratas para que votem novamente em António Costa.” . Se for o mesmo número a votar novamente no Kosta, o Kosta volta novamente a perder as eleições.

    Ele quer ver é se alguns dos que votaram na coligação vencedora votam nele.

    Gostar

  3. 26 Julho, 2017 08:24

    Estes mesocéfalos de São Bento nunca leram Esopo (e tudo indica que não saibam realmente ler).

    Estão a cumprir todo o guião de O Velho, o Rapaz e o Burro.

    O Velho é o Costa, o Rapaz a Constança e o Burro é quem os carrega ao colo, aquele a que o MJRB agrega três nomes e a quem eu não posso chamar palhaço sem que me caiam em cima consequências legais.

    Gostar

    • 26 Julho, 2017 10:03

      FMColaço,

      Vc., logo pela manhã evocando Esopo…nos cerebelos da geringonça. Não lhes exija tanto, carago ! O pensamento dum Daniel Oliveira e as directrizes do guru Carlos César chega-lhes…
      Claro, o MCThomaz não veste roupas e não se pinta de palhaço.

      Gostar

    • Churchill permalink
      26 Julho, 2017 10:42

      Raio
      Também não li Esopo

      Gostar

  4. Manuel permalink
    26 Julho, 2017 09:08

    Brilhante post. O governo trata-nos como eu trato as minhas galinhas, comida e água todos os dias até estarem no ponto de marcharem para a panela.

    Gostar

    • Carlos Santos permalink
      26 Julho, 2017 19:16

      Quando se é burro por natureza, como se espera entender o Estado? O segredo de justiça foi levantado conforme a lei prevê… bastaria ao autor do “brilhante post” ter perdido 5 minutos a ler para o perceber. Mas dá sempre mais jeito escrever mais um artigo para burros…

      Gostar

  5. JPT permalink
    26 Julho, 2017 09:32

    E os dois ilustres advogados que, na mesma manhã, foram ao Público fazer o frete ao Costa e dizer que sim senhor, os nomes tinham de estar em segredo de justiça. Que figura de urso, caneco.

    Gostar

  6. piscoiso permalink
    26 Julho, 2017 09:50

    Ainda estou para saber o porquê desta busca insana e persistente do número de mortos em Pedrógão. 64? 73? 68,5?
    Só cousas que m’apoquentam.

    Gostar

    • 26 Julho, 2017 10:07

      O assunto está oficialmente encerrado desde ontem, com a lista disponibilizada pela PGRepública, depois de o AC-DC ter garantido há dias que “tudo está esclarecido”.
      Portanto, a partir de hoje, que não surja sequer mais 1 morto. Se tal acontecer, o governo pode ser apoquentado.
      Imaginem esta tragédia, todos os casos e episódios, com um governo do PPCoelho — o que não teria já acontecido por parte do P”S”, do PC e do BE…

      Gostar

      • Carlos Santos permalink
        26 Julho, 2017 19:17

        Com um governo do PPCoelho os mortos estariam a pagar impostos, e os vivos também, ao invés de receberem indemnizações.

        Gostar

    • 26 Julho, 2017 10:15

      Até porque nunca perdeu tempo a contar os seus pais.

      Liked by 1 person

      • piscoiso permalink
        26 Julho, 2017 10:25

        “Entre tanta miséria e tantas coisas vis
        Deste vil grão de areia,
        Ainda tenho o condão de me sentir feliz
        Com a ventura alheia.

        À minha noite triste, à noite tormentosa,
        Onde busco a verdade,
        Chegou com asas d’oiro a canção cor-de-rosa
        Da tua felicidade.

        És pai, viste nascer um fragmento d’aurora
        Da tua alma, de ti…
        Oh, momento divino em que o sorriso chora,
        E em que o pranto sorri!

        Que ventura radiante! oh que ventura infinda!
        Olímpicos amores
        Ter frutos em Abril com o vergel ainda
        Carregado de flores!

        Deslumbramento!… ver num berço o teu futuro
        Sorrindo ao teu presente!…
        Ter a mulher e a mãe: juntar o beijo puro
        Com o beijo inocente!…

        Eu que vou, javali de flanco ensanguentado,
        Pelos rudes caminhos
        Ajoelho quando escuto à beira dum valado
        Os murmúrios dos ninhos!

        Em tudo que alvorece há um sorriso d’esperança,
        Candura imaculada!…
        E quer seja na flor, quer seja na criança
        Sente-se a madrugada.

        Quando, como um aroma, o hálito da infância
        Passa nos lábios meus
        Vejo distintamente encurtar-se a distância
        Entre a minh’alma e Deus.

        A mão para apontar o azul, mão cor-de-rosa
        Que aconselha e domina,
        Será tanto mais forte e tanto mais bondosa
        Quanto mais pequenina. ”
        Guerra Junqueiro

        Gostar

      • 26 Julho, 2017 10:27

        Também era filho de pai incógnito?

        Gostar

      • piscoiso permalink
        26 Julho, 2017 12:11

        O pai referido no poema era Bernardo Pindela, amigo do poeta.

        Gostar

    • 26 Julho, 2017 20:34

      “Ainda estou para saber o porquê desta busca insana e persistente do número de mortos em Pedrógão. 64? 73? 68,5?”
      Para as famílias tratarem dos seguros e das indemnizações, percebeste agora, ó coisinho? E para nós, por uma questão de liberdade democrática na qual temos o direito à verdade!

      Gostar

  7. 26 Julho, 2017 09:51

    O vice da câmara de Mação considerou a situação do incêndio como “incontrolável e catastrófica”. Mas o comando da Protecção Civil, situado em Lisboa, e desde há dias uma espécie de conveniente voz oficial do governo, afirma que “está controlado”. Não por acaso os comandantes dos bombeiros foram “proibidos” de opinar no terreno.
    Novo modo de censura. A “ética republicana e socialista com sentido de responsabilidade”.

    Gostar

    • carlos alberto ilharco permalink
      26 Julho, 2017 14:11

      Os comandantes de bombeiros podem falar livremente, antes de escrever informe-se.

      Gostar

      • 26 Julho, 2017 20:35

        Toda a gente é livre de falar, até do que não sabem como é o teu caso!

        Já as represálias são outro assunto…

        Gostar

    • 26 Julho, 2017 15:45

      Adenda/esclarecimento:
      O presidente da Autoridade Nacional de Protecção Civil proibiu na passada semana que os comandantes de bombeiros operacionais distritais prestem declarações sobre os incêndios. Proibição que entrou en vigor na passada semana.
      Fonte: Observador.

      Gostar

      • carlos alberto ilharco permalink
        26 Julho, 2017 18:32

        Se o senhor acredita no Observador é lá consigo.
        A representante da ANPC disse claramente numa das intervenções que a proibição só se aplicava aos comandante do mesmo organismo.
        Como é que alguém pode proibir um comandante de bombeiros de falar?
        Aliás ainda outro dia um deles falou já depois da “proibição”, embora fosse melhor ter ficado calado.
        O Observador sonha e os homens completam a asneira.

        Gostar

  8. carlos alberto ilharco permalink
    26 Julho, 2017 10:10

    Ontem foi um dia particularmente trágico em incêndios, felizmente não morreu ninguém, mas perderam-se valiosos bens materiais, e há pessoas que ficaram (e vão continuar) em absoluta miséria material e moral.
    Segui todo o noticiário da oficiosa TVI das vinte horas.
    Conseguiram não entrevistar um bombeiro, nem descobrir nenhum membro do Governo, nem mesmo nenhum da oposição para dizer uma palavra que fosse sobre o assunto.
    Em nenhum incêndio esteve presente um membro que fosse do Governo.
    Apareceu o omnipresente Marcelo.
    Isto é um país que se possa levar a sério?
    Esta gente não têm vergonha na cara?
    As respostas são, não.

    Gostar

    • Manuel permalink
      26 Julho, 2017 10:21

      Tem sido devastador para muita economia de subsistência e as pessoas vão ficar com as pensões de 200 e poucos euros e outros com o RMG. Se há dinheiro para resgate de bancos,deve ultrapassar os 20000(vinte mil) milhões, tem de haver para a floresta e ajudar as pessoas.

      Gostar

      • 26 Julho, 2017 10:26

        …As florestas e as pessoas não são bancos…

        Gostar

    • oscar maximo permalink
      26 Julho, 2017 13:21

      Grande culpado foi o Cavaco, a dar dinheiro ás pessoas para não produzir. Embora combinado anteriormente, Cavaco quis ser o bom aluno. Sempre o considerei grande traidor por esse acto.

      Gostar

      • Manuel permalink
        26 Julho, 2017 14:17

        Cavaco já foi julgado. Mas,todos os partidos sabiam que a nossa entrada na CEE tinha contrapartidas, uma delas era ter floresta. E, não vamos fugir, como protectorado que somos e para ter os apoios à ordenação da floresta vamos ter de replantar e eles ditam as espécies, por muito que isso incomode os neo-comunistas do Bloco.

        Gostar

      • 26 Julho, 2017 14:38

        Oscar Máximo,

        O seu argumento cai por terra se considerar o índice de autossuficiência alimentar em Portugal, o qual foi função estritamente crescente durante os anos 80 e 90.

        Gostar

  9. 26 Julho, 2017 10:22

    No post abaixo,
    leiam o que Rasputine encontrou na página do JGalamba. Ironiza alarvemente e sem respeitar as vítimas, com isto: “E uma moção de louvor à empresária conta-cadáveres”.
    Nojento, ordinário, no mínimo, com a agravante de ser um arroto de mais um deputado “com ética republicana e sentido de responsabilidade”.
    Por menos já houve políticos que foram demitidos.

    Gostar

    • 26 Julho, 2017 10:35

      Mas o João Galamba não é um político, é um serôdio herdeiro do salazarismo melhorado para nacionalismo socialista.

      Gostar

  10. Contumaz permalink
    26 Julho, 2017 10:39

    Derrubado este governo e posto o Passos Coelho em 1º ministro, aí sim, deixavamos de ter um 1º ministro mentiroso…
    Com o Miguel Relvas em vice 1º ministro eo o Portas em ministro dos submarinos…

    Gostar

  11. Procópio permalink
    26 Julho, 2017 11:17

    Os incêndios vão fazendo notícia. O regime podre lá vai abafando as notícias conforme pode e pode muito porque tem praticamente os media na mão.
    “…mão cor-de-rosa
    Que aconselha e domina,
    Será tanto mais forte e tanto mais bondosa
    Quanto mais pequenina. ”
    De facto a mão cor-de-rosa do kosta é pequenina. Não é uma mão é uma luva, por baixo a mão verdadeira é vermelha escura. Continua a tapar a realidade com a cumplicidade do beijoqueiro. Voltasse o padrinho de batismo benzia-lhe as nádegas e se a Comporta continuasse na mão do amigo eram outras férias.
    São tudo se (s). Mas a sorte não dura sempre
    Os incêndios vêem à baila, para as vítimas directas é terrível mas não acontecem só nas matas e nas florestas desgovernadas, acontecem um pouco por todo o lado. Se a terra ardida fumega durante algum tempo até às chuvas do Outono, outras tragédias progridem a coberto da censura, quiçá mais determinantes para o estado do sítio. Há sítios que ficam em tal estado que clamam por estados de sítio, mas isso fica para outra ocasião.
    A corrupção, a mentira, a violência verbal, a ofensa gratuita, a alarvidade, o nepotismo, a arrogância, a impunidade, o roubo descarado, as prescrições atempadas, a impunidade vil. Essas são tragédias que aniquilam.
    Quando chegar a altura de lançarem a assembleia constituinte tipo venezuelano de modo a eliminar de vez qualquer tipo de oposição chegará o momento de dizerem ufanos:
    “Quem não está bem que se mude!”.

    Gostar

  12. Alain Bick permalink
    26 Julho, 2017 12:08

    E se somos Severinos
    iguais em tudo na vida,
    morremos de morte igual,
    mesma morte Severina:
    que é a morte de que se morre
    de velhice antes dos trinta,
    de emboscada antes dos vinte
    de fome um pouco por dia
    (de fraqueza e de doença
    é que a morte Severina
    ataca em qualquer idade,
    e até gente não nascida).
    Somos muitos Severinos
    iguais em tudo e na sina:

    Melo Neto

    Liked by 1 person

  13. 26 Julho, 2017 12:13

    Mentiram; passaram a bola para a PGR; a PGR não falou claro e depois teve de cagar na coisa. De seguida o Presidente também cagou e andou.

    Gostar

    • 26 Julho, 2017 15:21

      Todo esse percurso e situações porque afinal “cagaram no segredo de justiça” ou num tipo de justiça parida à pressa entre anteontem e ontem para tentarem serenar o maralhal.
      Provavelmente nem repararam que se “tudo estava esclarecido” (AC-DC dixit anteontem) sem que publicamente se soubesse resultados, por que não revelaram “tudo é tudo” (MCThomaz) sobretudo aos familiares das vítimas e às seguradoras ?

      Gostar

      • 26 Julho, 2017 15:38

        Mas é para entregar dinheiro às vítimas? O espectáculo dos artistas que passou em todos os canais de televisão não foi para angariar fundos de apoio ao governo para a prevenção de eucaliptos e downbursts?

        Liked by 1 person

      • 26 Julho, 2017 20:40

        Tudo esclarecido pela lista: 64 + 2 = 64.

        Gostar

  14. Tiradentes permalink
    26 Julho, 2017 12:39

    Das três uma:

    1- A PGR divulgou a lista em segredo de justiça
    2- A lista não estava em segredo de justiça
    3- Estamos todos a cagar para o segredo de justiça e ele só existe quando “um homem quiser.

    1- É grave a PGR não cumprir a lei
    2- Não estando em segredo de justiça andaram a mentir
    3- Confirma-se que podemos “respitar” o segredo de justiça ou cagarmos para ele

    Nunca percebi o alarido que PS/BE/PCP sempre fizeram com os fogos e as mortes, nomeadamente de bombeiros em 2003 (Durão Burroso) e em 2013 (Passolas de Massamá)
    Talvez o Pisco me possa explicar

    Gostar

  15. 26 Julho, 2017 13:00

    A lista de mortos do Holocausto também deve estar em segredo de justiça. O Centro Rosenthal anda desde há anos a tentar compilar uma lista de nomes de vítimas do Holocausto. Tem, infelizmente, trabalho para muitos anos.

    Ao menos ali eram seis milhões. Aqui são cem mil vezes menos. Qual é a desculpa do Costástrofe?

    Gostar

  16. Procópio permalink
    26 Julho, 2017 13:04

    A censura velada não a reconhece o tudólogo beijoqueiro. A situação dos mídia tugas é desprezível e repudiável. Visa o processo de tirania em curso. Porquê se fala em tirania? Porque de facto muitos de nós estamos a ser roubados, enganados e desprezados nos bancos, nos seguros, nas compras, no gaz, na electicidade, na água, nos combustíveis.
    Safam-se os protegidos por aventais e afins.
    Certa esquerda aperfeiçoa o fascismo cultural e não está preocupada com a falta de votantes. Sabem que é pela força que se conquista o poder e o resto é conversa. Para já intimidam os opositores com a chantagem política e jurídica. Quando têem êxito entram em auto aclamação. Só a eles concedem direitos e o direito de resposta nos palcos da tv generalista que é o que conta. Nos debates a composição dos convidados é escandalosa bem como a tendenciosidade dos moderadores. A arma preferida é falar ao mesmo tempo que o interlocutor perante a passividade da moderadora.
    Proibir de dizer o que pensa, é fazer inclinar a balança sempre para o mesmo lado.
    No intervalo vêem os anúncios e a bola.
    A outra arma são as notícias falsas e os inquéritos forjados à opinião pública.
    Ter o descaramento de dizer que no antigamente havia censura em contraste com a situação actual, é pactuar com os objectivos de quem, por meios sediciosos, nos procura privar da liberdade. A censura do antigamente era boçal mas não iludia ninguém.
    O lápis azul estava lá escarrapachado, hoje o lápis tornou-se vassoura virtual, muito mais difícil de pôr termo e evidenciar perante uma população iletrada pronta para o abate.
    Realmente o deputado errado tem razão. Mais morto, menos morto, tanto faz!
    A esperança de alguns é que “eles” acabem por morrer todos, mesmo no sentido figurado.
    Ainda não é seguro que deixemos.

    Gostar

  17. LTR permalink
    26 Julho, 2017 13:57

    Depois de todas estas horas de imagens e com cenas abrandendo quilómetros, ainda não vi na floresta a arder um único aceiro digno desse nome. Se calhar escapou-me.

    Gostar

    • Manuel permalink
      26 Julho, 2017 14:08

      Viajo na A29, A17, A8 e a vegetação, por vezes árvores, chegam ao alcatrão. Na A9 olhei para uma povoação, que penso ser Caneças, as vivendas estão com floresta ao lado, tal como Pedrogão ou Mação.

      Gostar

      • 26 Julho, 2017 15:15

        É como as casas à beira-mar, clandestinas ou não, cujos donos querem-nas tâo próximas da água para molhar os pezinhos ou no extremo perigoso de arribas. Sujeitam-se ao derrube ou a um acidente grave, “culpa” da Lei ou do ministério…

        Gostar

      • LTR permalink
        26 Julho, 2017 15:39

        Na EN236 as copas estavam sobre a estrada, mas o ministro responsável pelas estradas (que só fala de futurologia financeira e que por qualquer motivo que me é alheio ainda não foi apertado pelos jornalistas, porque ainda só passaram 5 semanas) diz que foi tudo limpo uns dias antes. Ontem apareceu na declaração matinal da proteção civil um senhor que diz que é chefe a dizer que o fogo de copa é uma chatice. Parece um concurso diário a ver quem mete mais água.

        Gostar

      • 26 Julho, 2017 15:44

        Se tivessem metido água DURANTE o incêndio, ter-se-iam feito úteis.

        Do modo como metem água, espera-se uma cheia.

        Gostar

  18. LTR permalink
    26 Julho, 2017 15:52

    Há quantos dias estão as descargas elétricas sem dados no IPMA? Desde 19 Junho? Ou tem havido dados?

    Gostar

  19. 26 Julho, 2017 16:54

    VCunha, 15:38,

    Pois parece que há algo cinzento, inapercebível, na atribuição de dinheiros de várias proveniências.

    Gostar

  20. Manuel A permalink
    26 Julho, 2017 16:55

    Todo o sistema de governação, nos vários níveis, dá uma triste imagem de incompetência e descoordenação.

    Lembrei-me de uma imagem que há muitos anos me ocorreu noutro contexto:

    “Num mar tempestuoso, estamos todos dentro de um barco a remos:

    O que rema para a frente… é maneta!

    Muitos outros remam para trás!

    mas a maioria… nem sequer sabe o que são remos!”

    Imagino a mofa que farão lá fora, por detrás das lindas frases que dirigem aos nossos representantes.

    Gostar

  21. Procópio permalink
    26 Julho, 2017 16:58

    Isto não passa de umm local mal frequentado com tendência para o descalabro.
    Reparem no pequeno líder sorridente a dirigir-se aos amigos e à amiga patrícia da desproteção civil, responsáveis pela descoordenação dos incêndios. De lisboa, fardada a rigor, sem nunca ter posto os pés naqueles lugares debita ordens para a fogueira.

    http://www.dn.pt/portugal/interior/incendios-primeiro-ministro-vai-a-protecao-civil-as-1730-para-receber-informacao-atualizada-8664979.html

    Vem de longe. Durante anos o trabant, mais conhecido como “Trabi”, era um sonho dos alemães todo democráticos. Os sósias cá do sítio também acham que a geringonça é um modelo a valer, até ao dia que se quebrarem os muros da vergonha em que vegetamos.

    Gostar

  22. 26 Julho, 2017 17:09

    Não escuto nas tv’s todas as intervenções da Protecção Civil (que em Lisboa “informa” sobre o que acontece no “teatro de operações), mas por o que tenho percebido, parece que amaciam em demasia as situações mais graves, seja o incêndio ou as falhas das comunicações via SIRESP.

    Gostar

  23. Procópio permalink
    26 Julho, 2017 17:11

    “Os meios que tivemos hoje não estiveram cá no domingo quando precisávamos deles, não estiveram cá na segunda quando precisávamos deles, nem estiveram cá na terça-feira quando precisávamos deles”, criticou o vice-presidente, considerando que as próximas horas vão ser “longas” e “preocupantes”.

    As três frentes de incêndio que lavram no concelho de Mação têm todas origem no fogo que começou na Sertã (distrito de Castelo Branco), no domingo.

    Gostar

  24. Procópio permalink
    26 Julho, 2017 17:20

    Há uma trama que corroe o tecido social, é pior que a traça. Contribui ferozmente para o descalabro. As populações não se dão conta dos riscos que correm com gente desta,

    http://www.cmjornal.pt/portugal/detalhe/fogo-em-penacova-mobiliza-quase-300-operacionais?ref=Bloco_CMAoMinuto

    https://www.noticiasdecoimbra.pt/ps-exige-candidato-do-psd-camara-abandone-comando-do-bombeiros/

    Gostar

    • 26 Julho, 2017 18:32

      E lá vai uma ANEDOTA SOVIÉTICA, mesmo da URSS:

      P: O que é do tamanho de um automóvel, gasta vinte e dois litros de gasolina por hora, faz ruído que se ouve a um quilómetro e corta uma maçã em três pedaços?
      R: Uma máquina soviética para cortar maçãs em quatro pedaços.

      Gostar

  25. Filipe Costa permalink
    26 Julho, 2017 19:27

    O Costa está a enviar palavras de alento… e um pelotão de fuzilamento? Daqueles de Tancos com armas obsoletas.

    Gostar

  26. Procópio permalink
    26 Julho, 2017 19:33

    Afinal começa a haver quem fale sem medo.
    http://observador.pt/2017/07/26/fogo-pode-chegar-a-vila-de-macao-nas-proximas-horas/

    Se um dia uma pequena parte da corrupção é posta a nu, à direita e à esquerda, um campeonato em que é prematuro dizer quem ganhará, até porque pode haver empate, as coisas mudam. Nem que tenham que haver colaboração internacional com a justiça portuguesa assoberbada por traficantes colocados ao mais alto nível.
    Para já ficamos com a frase do ano do jornalista Claudio Tognolli:
    É IMPOSSÍVEL ESCREVER “CORRUPTO” SEM PT!…
    O ano ainda vai a meio.

    Gostar

  27. Procópio permalink
    26 Julho, 2017 20:04

    O kosta diz que o principal é a informação ser rigorosa e por isso não podem ser os chefes dos bombeiros que combatem o fogo no terreno a abrir o bico. Quem dá sempre informação rigorosa é a proteção civil, a sra. patrícia gaspar que nunca pôs os pés naqueles terrenos e os jornalistas todos, menos do CM que são metediços e não devem nada a ninguém.
    Assim vamos andando mordendo o pó e lamentando andar por cá. Entretanto há um energúmeno que diz ter sido impedido de ser presidente da república pela direita, essa malvada. Afinal o destino quiz que não fizesse assim tanta diferença. No futuro ainda poderemos contar com o pequeno líder para ascender ao posto. Os pequenos líderes querem sempre chegar mais além.

    Gostar

    • Filipe Costa permalink
      26 Julho, 2017 21:05

      Vossa Senhoria, sem desgaste, ganhava a um crápula desses, sem esforço.

      Gostar

  28. Filipe Costa permalink
    26 Julho, 2017 21:08

    Pedro Nuno Santos, na TVI hoje às 23 horas, lá vem a lavagem.

    Gostar

    • 26 Julho, 2017 21:49

      Sorriso de plástico e imprensa domesticada lavam mais rosa.

      Rosa é nódoa de sangue esmaecida por a tentarem lavar várias vezes.

      Gostar

      • 26 Julho, 2017 23:23

        Nota-se cada vez mais escassez de detergentes no mercado tuga.

        (Não ouvi, só por acaso ouvirei algo desse Pedro, a voz do dono).

        Gostar

  29. 27 Julho, 2017 01:21

    Qual é a parte que não perceberam, que não é o governo que coloca ou levanta o segredo de justiça ?

    Gostar

  30. 27 Julho, 2017 01:23

    Agora só falta queixarem-se que afinal não queriam a lista dos mortos.

    Este blogobé tão fraquinhoooooooo

    Gostar

  31. 27 Julho, 2017 18:26

    Agora só falta dizer que a lista não está completa porque faltam galinhas, cabras, ovelhas ,3 cães , 5 gatos e um canário.

    Gostar

Indigne-se aqui.

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: