Skip to content

a menina mortágua é fascista

1 Setembro, 2017
by

Face à pergunta «Concorda com a recomendação da CIG para a retirada dos materiais, que a Porto Editora acatou?», feita pelo Diário de Notícias à deputada do Bloco de Esquerda Mariana Mortágua, esta deu uma resposta muito típica: «lamento que isto tenha de ser uma polémica. Se a CIG existe tem de ter um papel ativo. E acho que cumpriu o seu papel: identificou material educativo com elementos sexistas e recomendou que fosse retirado. Para que crianças de quatro anos não fossem expostas a um material que achamos que não cumpre os critérios». A resposta é, de facto, típica: muito típica de um certo totalitarismo burocrático, que defende que a nossa visão das coisas e do mundo tem de excluir todas as outras. Não tenho dúvidas que, no seu afã de proteger Portugal do comunismo, qualquer inspector da PIDE justificaria os seus actos da mesma maneira e até com a mesma frase: «lamento que isto tenha de ser uma polémica. Se a PIDE existe tem de ter um papel ativo. E acho que cumpriu o seu papel; identificou material político com elementos comunistas e recomendou que fosse retirado. Para que os portugueses honrados não fossem expostos a um material que achamos que não cumpre os critérios». No seu retorcido espírito revolucionário, a menina Mortágua é, no fim de contas, uma fascista. Como muitos fascistas se consideravam revolucionários. E eram.

https://i1.wp.com/roteirosliterarios.com.br/wp-content/uploads/2016/08/FOTO4.jpg

Anúncios
54 comentários leave one →
  1. nisof permalink
    1 Setembro, 2017 11:53

    Chamar bandidos comunistas de fascistas, é uma boa propaganda em favor dos mesmos bandidos comunistas! Enquanto vocês “humanistas” holocau$tizados lutam contra o “fascismo”, os muçulmanos ocupam a Europa conduzida por degenerados, pederastas, comunistas e “antifascistas” suicidas! Mais uns 10 anos e vocês vão ser destruídos não pelos “fascistas”, mas pelos muçulmanos!

    Gostar

    • 1 Setembro, 2017 14:03

      As “esquerdas” gostam muito de “classificar” os seus oponentes (fascistas, homofóbicos, racistas, xenófobos, capitalistas, burgueses, etc…). Dividir para reinar!
      É essa mentalidade que tem dividido a europa e pode permitir a islamização da mesma.
      Mas atenção, eu disse “pode”, até porque acredito que os povos europeus ainda vão a tempo de resolver a situação, alçando do poder os actuais políticos corruptos que nos estão a vender…

      Liked by 1 person

      • carlos alberto ilharco permalink
        1 Setembro, 2017 16:04

        Pior que as esquerdas são os limpadores de imagem.
        Em Memphis foi proibido o filme ” E tudo o vento levou” por ser racista.

        Gostar

      • 2 Setembro, 2017 10:33

        Se não houver uma inversão nas políticas de acolhimento na Europa alguns países passarão a ter maiorias muçulmanas dentro de uns 50 anos, como a França que será uma das primeiras repúblicas do islão…e democraticamente.

        Gostar

  2. 1 Setembro, 2017 12:02

    O estupor da sujeitinha.

    Fufa de um raio

    Liked by 1 person

    • Expatriado permalink
      1 Setembro, 2017 13:16

      A gaja ainda não “saiu” porque não tem guarda roupa…

      Liked by 1 person

    • José Ribeiro permalink
      1 Setembro, 2017 13:17

      Epá!
      A sujeitinha é fufa? Não sabia…

      Gostar

      • Colono permalink
        1 Setembro, 2017 14:42

        Caro José Ribeiro

        É, sabe que é… e gosta da “amiga” Isabel Moreira…

        Gostar

      • 1 Setembro, 2017 20:04

        Teve cena de bebedeira a conduzir com aquela que é bastonário dos advogados- o Elina

        Gostar

    • José Ribeiro permalink
      1 Setembro, 2017 16:25

      Caro Colono,

      A sério, eu não sabia. Ainda pensei que ela fosse, sei lá, uma espécie de irmã Maria a aguardar pelo seu ladr… ehrrrr… barão von Trapp.
      Em relação à Moreira, “aquilo” nem dado!

      Liked by 1 person

  3. caampus permalink
    1 Setembro, 2017 12:30

    Todos sabemos que o Comunismo é o Fascismo de esquerda e que o Fascismo é o Comunismo de direita.

    Gostar

    • PiErre permalink
      1 Setembro, 2017 13:00

      Esquerda e direita são coisas da tropa. Na política (já) não há disso.

      Gostar

  4. Luis permalink
    1 Setembro, 2017 12:37

    O Aldous Huxley previu tudo isto.

    Entao por este raciocionio… vamos la retirar este livros do mercado: a Divina Comedia do Dante, pois e um livro homofobico; o Cancioneiro Geral do Garcia de Resende, pois tem poesia sexista e misogina; o Dedicacias do Jorge de Sena, sexista e misogino; a Biblia, sexista, homofobico e misogino; o Catequismo da Igreja, homofobico, sexista e misogino… a lista pode continuar…

    Liked by 1 person

    • A. C. Leo permalink
      1 Setembro, 2017 12:54

      O Alcorão é que é fixe!
      A. C. Leo

      Gostar

    • carlos alberto ilharco permalink
      1 Setembro, 2017 16:02

      Não foi esse, esse imaginou outra coisa.
      Provavelmente estava a referir-se ao 1984.

      Gostar

      • Luis permalink
        1 Setembro, 2017 16:49

        Nao. Ao Brave New World e a umas entrevistas que deu.

        Gostar

  5. PiErre permalink
    1 Setembro, 2017 12:56

    A PIDE não era fascista. Existia apenas para combater o comunismo. Salazar também não era fascista. Era apenas patriota, católico e anticomunista. Fascista era Rolão Preto que Salazar perseguiu e se exilou em Espanha. Hoje o fascismo está espelhado no comunismo porque são da mesma ordem ideológica.

    Liked by 3 people

  6. lucklucky permalink
    1 Setembro, 2017 13:10

    Mais uma vez temos a pobre direita a usar os termos da esquerda…

    Mortágua é Marxista.

    Gostar

  7. A. R permalink
    1 Setembro, 2017 14:06

    Fascista? É pior … bem pior!!

    Gostar

  8. 1 Setembro, 2017 14:14

    A teoria básica por detrás de qualquer totalitarismo é que o povo não sabe nada, portanto não faz as escolhas correctas. É por isso que pessoas superiores ao povo têm que pensar por ele. As primeiras medidas são repressoras, para manter o povo no caminho correcto. As seguintes serão educativas, para que o povo entenda a necessidade da repressão.
    – Não se pode discutir o que é correcto, nem quem é superior, nem porque é necessário educar num sentido só.
    O que é que isto tem a ver com democracia? Pois, nada.

    Liked by 1 person

    • licas permalink
      1 Setembro, 2017 20:02

      Isso mesmo, AB!
      Pode traduzir-se numa palavra: INTOLERÂNCIA/REPRESSÃO.
      Em Portugal funcionou lindamente de 1926 a 1974: somos todos uns “cagunfas”.

      Gostar

  9. Anónimo permalink
    1 Setembro, 2017 14:55

    Excelente analogia. Não é preciso ser-se de “direita(!?)” para ter a certeza de que a representante em causa não percebeu a enormidade do que afirmou.
    E muito menos o que Rui a. escreveu.
    Pelos vistos não é só ela.

    Gostar

  10. maria costa permalink
    1 Setembro, 2017 15:12

    ‘Qua ganda’ novidade 🙂

    Gostar

  11. Aventino permalink
    1 Setembro, 2017 15:15

    Leiam por favor a pequena crónica publicada hoje no Correio da Manhã (1 de Setembro),
    superiormente escrita pelo João Pereira Coutinho.
    …Escusam de me agradecer.

    Gostar

  12. Baptista da Silva permalink
    1 Setembro, 2017 15:26

    Censuram livros, a seguir são os filmes e o cumulo dos EUA, até vão arrancar estátuas. Tudo porque não concordam com a sua existência.

    Desculpem que pergunte, qual a diferença para isto (sem ser as barbas):

    http://www.tvi24.iol.pt/internacional/estatuas/estado-islamico-destroi-antiguidades-unicas-no-iraque

    Gostar

  13. Tiradentes permalink
    1 Setembro, 2017 15:55

    A Comissão das Virtudes em breve também começará a amndar queimar todos os livros não escritos segundo o acordo ortográfico superiormente verificados por uma comissão de tias. Além do Blas ser multado, cada comentador que escreva fugindo à regra de poupança de acentos, c, p, e outros que tais receberá em casa a respectiva multa e repreenção.

    Gostar

  14. Tiradentes permalink
    1 Setembro, 2017 15:55

    ops mandar****

    Gostar

  15. carlos alberto ilharco permalink
    1 Setembro, 2017 15:59

    A polémica é perfeitamente estúpida.
    A tal CIG fez o que tinha que fazer, é um organismo do Estado e recomendou que os livros não eram adequados para serem usados no ensino público.
    Ninguém os mandou retirar, quem os retirou foi a editora toda acagaçada.
    Podiam e deviam ter continuado à venda.
    Cada um que assuma as suas responsabilidades.

    Gostar

    • sam permalink
      1 Setembro, 2017 20:56

      Lá está ele…
      Gabinete do Ministro Adjunto – Nota à Comunicação Social: “Face ao exposto, a CIG, por orientação do Ministro Adjunto, recomendou à Porto Editora – tendo em conta o seu relevante papel educativo – que retire estas duas publicações dos pontos de venda, disponibilizando-se para colaborar na revisão dos conteúdos das mesmas”.

      Liked by 1 person

      • carlos alberto ilharco permalink
        1 Setembro, 2017 21:47

        E depois?
        O que a editora devia ter feito era lembrar ao Ministro que estamos num país livre e de livre expressão.
        Mas como toda a gente depende das migalhas do orçamento, encolheram.se a agora armam-se em vítimas.
        Até no Estado Novo houve editores que não se vergaram.

        Gostar

      • sam permalink
        1 Setembro, 2017 21:58

        E depois, os livros continuam, discretamente, a ser vendidos e saiem que nem pãezinhos quentes.

        Gostar

      • carlos alberto ilharco permalink
        2 Setembro, 2017 10:01

        Bom, não sabia, sendo assim ainda vão passar a ser objectos de colecção.
        Bom marketing.

        Gostar

    • Tiradentes permalink
      1 Setembro, 2017 22:08

      Vamos lá por os pontos nos iiiii. O Tal CIG não fez nada do que vc disse Carlos. Um macacoide ou uma macacoide lembrou-se de fotografar UMA página dos livros “pró menino” e “pra menina” e essa Comissão das Virtudes pediu imediatamente a retirada dos livros. Aposto que nem sequer os conheciam e muito menos os foram analisar. Porque se o tivessem feito veriam que os ditos critérios discriminatórios são mais “prós meninos” do que “pras meninas” tratando a eles como atrasados mentais e a elas como intelectuais mais instruídas. O que a CIG fez foi seguir o sound bite da net e pedir a proibição do livro.

      Liked by 1 person

      • Tiradentes permalink
        2 Setembro, 2017 08:00

        Tanto é assim que os ditos livros já estavam no mercado, não sendo obrigatórios, desde o ano passado e nenhuma Comichão prá Igualdade tinha tido tempo sequer para saber que eles existiamquanto mais o seu conteúdo.

        Liked by 1 person

      • carlos alberto ilharco permalink
        2 Setembro, 2017 10:05

        Mas é evidente.
        A tal CIG não precisa de estudar nenhum assunto, basta que Isabel Moreira et al o digam para terem que actuar.
        Como órgão governamental têem que mostrar serviço, caso contrário serviam para quê?
        Mandaram uma recomendação.
        Daí para a frente é que está o problema.
        Acatar ou não acatar?
        Ser livre ou ajoelhar?
        É isto.

        Gostar

  16. Expatriado permalink
    1 Setembro, 2017 17:17

    Montada, e bem calçada, num producto capitalista. Só pode ser atração pelas vibrações…

    Liked by 1 person

    • sam permalink
      1 Setembro, 2017 21:15

      Mas tudo comprado na Loja do Comércio Justo.

      Gostar

    • Os corruptos que se cuidem permalink
      5 Setembro, 2017 16:17

      E que faz ela com as mãozinhas em prece? Está a rezar ao deus do capitalismo, que lhe pôs um presente tão riquinho no sapatinho? E foi previamente ver em que condições laborais é que a Honda produz?

      Gostar

  17. Arlindo da Costa permalink
    1 Setembro, 2017 17:56

    Seja mais rigoroso : a menina mortágua é social-fascista. A Ciência agrade…

    Gostar

  18. RTP permalink
    1 Setembro, 2017 18:10

    A CIG conseguiu invocar a constituição e tudo no seu parecer “técnico”. Esqueceram-se deste artigo:

    Artigo 43.º – (Liberdade de aprender e ensinar)

    1. É garantida a liberdade de aprender e ensinar.
    2. O Estado não pode atribuir-se o direito de programar a educação e a cultura segundo quaisquer directrizes filosóficas, estéticas, políticas, ideológicas ou religiosas.
    3. O ensino público não será confessional.
    4. É garantido o direito de criação de escolas particulares e cooperativas.

    Constituição da República Portuguesa

    Liked by 1 person

  19. 1 Setembro, 2017 18:15

    Em casa da Mortágua só havia o livro vermelho.

    Gostar

  20. licas permalink
    1 Setembro, 2017 20:39

    Esforçem-se, esforçem-se adeptos do “politicamente correcto”.
    Não deixarão as meninas, nas micções, de se instalarem comodamente com as nádegas na beira do penico, nem os meninos, de pé, não se esquecerão de segurar a extremidade da pilinha entre o indicador e o polegar…

    Gostar

  21. Expatriado permalink
    1 Setembro, 2017 22:00

    Pode-se dizer que tudo começa no “ensino’ que implantaram no sítio

    http://observador.pt/opiniao/o-enjoo-do-anti-politicamente-correto/

    Gostar

  22. manuel permalink
    1 Setembro, 2017 23:05

    … penso que um tio era inspector superior da PIDE. Escola de familia!

    Gostar

  23. Vitor permalink
    2 Setembro, 2017 10:32

    É fascista, sim senhor, encarna tudo o que de pior nos trouxe a experiência fascista e comunista, reune e mistura as duas heranças malignas. Tem olhar de ódio, é uma inquisidora, se lhe derem oportunidade, terá prazer em perseguir, espoliar e prender.

    Gostar

  24. licas permalink
    2 Setembro, 2017 15:38

    A esses (essas) é vital para a Democracia não poderem aceder a qualquer Poder
    (abusarão sem qualquer dúvida)-

    Gostar

  25. 29 Setembro, 2017 12:58

    OPTIMO

    Gostar

Indigne-se aqui.

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: