Skip to content

Um Ricardo Araújo Pereira em cada esquina

28 Novembro, 2017

 

rap

 

Na semana passada, entre assuntos sem qualquer importância tais como o aumento de impostos para as empresas (que irá certamente promover o investimento na Holanda e no Luxemburgo, dois países que, ao contrário do nosso, bem dele precisam) e o aumento da despesa pública estrutural (um presente simpático para o governo que estiver em funções quando a conjuntura económica se alterar), tivemos direito a uma polémica verdadeiramente interessante. Ricardo Araújo Pereira, ex-vendedor de bifanas na Festa do Avante, apoiante do LIVRE nas últimas eleições legislativas, galardoado por uma associação (ILGA) que se dedica à “intervenção Lésbica, Gay, Bissexual, Trans e Intersexo”, figura central na campanha pela despenalização do aborto e Miss Dezembro 2009 da Playboy Portugal, foi acusado de ser um reaccionário.

Alguns frequentadores das redes sociais, defendendo o humorista, insinuaram que os críticos de RAP estavam apenas a sofrer de uma pequena luxação na zona do cotovelo, uma maleita que, de acordo com a vox populi, é frequente em Portugal. Muito honestamente, não vejo fundamento nessa teoria. Se excluirmos o facto de Araújo Pereira ser inteligente, culto, divertido, bonito, famoso, simpático, bem-sucedido, influente, espirituoso, alto, magro e, segundo consta, familiarmente feliz, que raio de motivos teria alguém para o invejar?

Também não partilho de uma outra opinião, que fui ouvindo, em que as críticas são atribuídas à falta de bom senso e de razoabilidade dos acusadores. Estamos a falar, de uma maneira geral, das mesmas pessoas que disseram que Passos Coelho era um radical do liberalismo, que Vítor Gaspar era um clone do Salazar, que Angela Merkel era um Hitler de saias e que o Syriza de Alexis Tsipras ia acabar com a austeridade na Grécia. Como a moderação e a perspicácia não desaparecem de um dia para o outro, a explicação deve ser outra.

Na minha análise – devidamente não fundamentada, como todas as outras que por aqui deixo – toda a polémica se baseia num equívoco. O reaccionário, tal como é visto pela ciência política, é alguém que pretende, usando as palavras de Marx e Engels, fazer andar para trás a roda da história. A esta luz, teríamos de concluir que Ricardo Araújo Pereira sente saudades da época em que era estagiário na TVI; e de usar camisas à programador informático. Já para não falar do penteado. Não é plausível, o contexto tem de ser outro. RAP apenas se limitou a não embarcar em todas as causas que lhe apareceram à frente. E, nesse sentido, foi mesmo reaccionário. Mas à maneira de Nelson Rodrigues: quando achou que não prestava, reagiu. Fez bem. Que nunca lhe doam os dedos.

 

Anúncios
17 comentários leave one →
  1. JP Ribeiro permalink
    28 Novembro, 2017 09:14

    Tudo isso não faz dele um homem esclarecido e muito menos um modelo de isenção partidária, como alguns agora nos querem fazer crer. O trilema de Zizek: porque não se pode ser socialista, inteligente e honesto ao mesmo tempo, há que escolher duas opções.

    Gostar

  2. Oscar Maximo permalink
    28 Novembro, 2017 09:24

    Pode-se criticar negativamente a mudança de posição da esquerda em relação a RAP. Não se pode é passar a fazer o inverso do comportamento da esquerda, porque está-se sujeito ás mesmas críticas. Que eu saiba, a fase de adulto de RAP já é longa, pelo que a falta de credibilidade das suas opiniões mão muda de um momento para o outro. Exceptuando os casos de revelações divinas.

    Gostar

  3. Nulo permalink
    28 Novembro, 2017 10:02

    Com o RAP o maior risco é ele ainda querer voltar a ser vendedor de bifanas!

    Gostar

  4. Procópio permalink
    28 Novembro, 2017 11:46

    Não vamos pensar que o esquerdismo é uma doença irreversível. O comunismo é.
    Não vale a pena perder um minuto a explicar-lhe a triste figura que está a fazer.
    A história é um processo muito lento. Leva décadas a esclarecer as mentes desejosas de serem esclarecidas. A lavagem cerebral em curso desde antes do 25 A tem dado frutos podres e mal cheirosos.
    Como dizia o meu amigo tortas. “Se eu nunca soube o cheiro de outra coisa!”
    No tempo do botas, também havia lavagem, mas as técnicas hoje são muito mais aperfeiçoadas e eficientes. Os resultados estão à vista. Um país de 900 anos com atraso de décadas, ladrões a cada esquina, a vitimização como desculpa.
    A eterna discussão da direita (os maus) e esquerda (os bons) a tapar a peneira.
    Uma vil tristeza ampliada a rigor pela geringonça e a aximage.

    Gostar

  5. sam permalink
    28 Novembro, 2017 12:20

    Depois que RAP desmontou aquela palhaçada à volta dos livros de exercícios da Porto Editora, ficou marcado para abate.

    Gostar

  6. 28 Novembro, 2017 13:06

    É interessante comparar Ricardo Araújo Pereira e João Quadros, criados mais ou menos no mesmo caldo cultural. Temos portanto uma besta quadrada malcriada e um tipo irónico inteligente e observador.
    O problema não é a esquerda, o problema são mesmo as bestas quadradas.

    Gostar

  7. Aventino permalink
    28 Novembro, 2017 13:44

    Quando Cavaco Silva desmaiou numa cerimonia qualquer, RAP foi estúpido e grosseiro
    fazendo desta infelicidade alheia umas piadas de mau gosto.
    Embora goste de ver e ouvir o Ricardo, não passa de ser o maior anão da rua dele.

    Gostar

    • carlos alberto ilharco permalink
      28 Novembro, 2017 14:21

      Nem mais.
      RAP soube encostar-se à esquerda caviar para ir cimentando uma carreira, note-se que não há aqui a mínima ponta de dúvida de que é genial,mas é também esperto.
      Agora prova do próprio veneno.
      E já agora duas coisinhas.
      Quem era o verdadeiro criador dentro dos Gatos Fedorentos?
      Porque acabaram?

      Gostar

    • Oscar Maximo permalink
      28 Novembro, 2017 21:00

      Sobre a velha gorda idem, mas parece que esta actividade merece maior tolerância, como se viu agora no caso de um rapaz com trissomia 21.

      Gostar

  8. Procópio permalink
    28 Novembro, 2017 16:25

    ?

    Gostar

  9. Procópio permalink
    28 Novembro, 2017 16:27

    Não faltam oportunidades para gozar com césares e galambas. As garinas do 44 podiam ser um sucesso, a começar pela da fromentera que pensa ser mais esperta do que as outras e não sabia quem pagava o marisco.

    Gostar

  10. 28 Novembro, 2017 17:46

    “Esta legislatura vai até ao fim”, garantiu hoje o MarceloCarmonaThomaz. Apesar de muita porcaria já feita e outra por fazer pela geringonça. Raio de amor entre o MCT e o AC-DC…

    Porque raramente vejo TV’s tugas talvez me tenha escapado isto: tanta gente já foi beijada e abraçada pelo MCT, outra tanta que se aproximou e tocou no “santo”, e…o que é feito do “emplastro” ? Alguém já o viu a encostar a cara ao grande líder ?

    Gostar

    • PiErre permalink
      28 Novembro, 2017 19:16

      Caro MJRB:
      Vivi nos tempos dos general Carmona e do almirante Thomáz e apesar de não ser apoiante do regime, sei que eram pessoas bem mais dignas do que o actual Risota. Não merecem ser insultados, sobretudo por já estarem mortos.

      Gostar

      • 28 Novembro, 2017 21:19

        Caro PiErre,
        Vivi alguns anos no tempo do Américo Thomaz que com Óscar Carmona não moveram uma palha para sequer inquietar o AOSalazar e o MCaetano. Para o actual PR, o AC-DC é intocável.

        Gostar

  11. Arlindo da Costa permalink
    28 Novembro, 2017 19:41

    Vocês falam, falam…mas não os vejo a fazer nada!

    Fico chateado! Claro que fico chateado…

    Gostar

  12. 28 Novembro, 2017 20:07

    ABSOLUTAMENTE DE ACORDO. RAP É QUANTO A MIM E A SEGUIR A HJ DO MELHOR QUE O PAÍS TEM. E SE FOSSEM INGLESES OU AMERICANOS, DO MELHOR QUE O MUNDO TINHA.

    Gostar

  13. licas permalink
    29 Novembro, 2017 15:17

    Procópio PERMALINK
    28 Novembro, 2017 11:46
    Não vamos pensar que o esquerdismo é uma doença irreversível. O comunismo é.

    Frase lapidar!!!

    Gostar

Indigne-se aqui.

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

w

Connecting to %s

%d bloggers like this: