Saltar para o conteúdo

Sobre as quotas, eu, preguiçoso, encorajo

5 Abril, 2018

Podemos argumentar o que quisermos sobre quotas para mulheres, que nada têm que ver com quotas para brancos ou sobre estabelecimentos nos quais só podem entrar casais de sexos diferentes. Podemos questionar o que é o género e se este tem alguma relação com sexo para podermos questionar o porquê de as quotas de sexo não serem extensíveis a género (coitada da Felisberta, que além de padecer de uma morte emocional por ter nascido com pénis, ainda é discriminada com a lei das quotas de sexo). Podemos questionar como se afere o sexo de alguém à luz das questões de género, e podemos passar o resto da vida a coçar a cabeça para perceber porque é que alguém perde tempo com isto tudo (desperdiçador de tempo me confesso). Podemos até perguntar porque é que não se aplicam as quotas a um casamento, mas seria sempre fútil.

O que importa é que fica sempre bem mais mulheres entre homens. Os críticos das quotas nem estão a contemplar todas as questões logísticas que ficam imediatamente resolvidas: por exemplo, em vez de uma administração contratar um serviço de acompanhantes à peça, pode contratar em regime permanente, com direito a seguro e 13º mês, reduzindo brutalmente as contas de hotel.

As quotas são é más para as mulheres que querem ser levadas a sério como profissionais. Para as outras, as que querem ser conhecidas pelo busto, é uma benção e, convenhamos, para os homens (que todos sabem que nasceram todos com o pecado original de serem predadores sexuais), é menos uma preocupação. No fundo, é a institucionalização democrática e republicana do tradicional bordel, o local onde, desde sempre, foi possível encontrar a equidade total (às sextas de bom movimento).

Anúncios
20 comentários leave one →
  1. Mário Fernandes permalink
    5 Abril, 2018 09:36

    »… institucionalização democrática e republicana do tradicional bordel…«

    Excelente.

    Gostar

  2. weltenbummler permalink
    5 Abril, 2018 09:52

    ‘isto é tudo um putedo’

    Gostar

  3. colono permalink
    5 Abril, 2018 12:04

    Senhor estimado vitorcunha, permita-me mudar um pouco de assunto e pôr a seguinte questão– : A minha namorada levou o seu caozito Lecas a um restaurante.. passado pouco tempo entrou um casal com um pastor alemão… o bichão amanda-se para os costados do Lecas… depois de lhe lamber o cú insistentemente…
    Pergunto: A minha namorada pode processar os donos do alemão, alegando assedio sexual?

    Muito obrigado pela sua atenção

    Tareca

    Gostar

  4. pitosga permalink
    5 Abril, 2018 12:28

    Graças sejam dadas que não sou único a apreciar o post. Eu acredito que as sociedades humanas são matriarcais. E elas sabem disso tão bem!
    Em todas as sociedades, em todos os tempos, elas sempre tiveram e mantiveram o controlo.
    Senão não haveria homens parvos — nem muçulmanos, v.g.
    Da «escola» de A. Matos têem saído insignes espontâneos. E o bordel é uma invenção feminina: se não fora, quem é que tomaria conta de um? Um homem? Deixa-me rir.

    Gostar

  5. 5 Abril, 2018 15:42

    Sugiro: vão ao SAPO e vejam o cartoon com um cota-ministro a atacar um fogo.
    E não percam neste momento o atarantado e cota- AC-DC na Assembleia da República a tentar extinguir o fogo dos subsídios à cultura.

    Gostar

  6. 5 Abril, 2018 16:34

    Afirmou o AC-DC: “a direita destruíu o país nos últimos quatro anos” — mais uma vez, idiota útil. Sócrates, o seu amigo e compincha Sócrates, não destruiu nadinha de nada…

    Gostar

  7. 5 Abril, 2018 16:48

    Afirmou o AC-DC: “a direita destruíu o país nos últimos quatro anos”

    Ele; Costástrofe, não está no poder há quase dois e meio?

    Gostar

    • 5 Abril, 2018 17:52

      Que paciência para ouvir o tipo. Ainda por cima de quando em quando fala como se tivesse pentelhos na boca.

      Gostar

  8. 5 Abril, 2018 17:59

    Esta trapalhada da atribuição dos subsídios à cultura revela incompetência, velhacaria movida por vingança e favores sem-vergonha para alguns casos.
    E o ministro mais o secretário de estado (e o AC-DC) saem ilesos e alegretes…
    Ai !, se esta trapalhada estivesse a acontecer com um governo “de direita”…
    Amanhã as manifs marcadas para seis cidades serão canceladas após a esmola hoje anunciada pela geringonça ?

    Gostar

    • 5 Abril, 2018 18:49

      São dezanove milhões a mais do que eu atribuiria. Se os artistas querem ser artistas, façam arte que seja apreciada e paga.

      Bons artistas dispensam subsídios. Quem necessita de subsídios são artolas.

      Gostar

      • 5 Abril, 2018 19:07

        Discordo nisto: Nem toda a boa produção cultural tem meios financeiros para poder realizar trabalho categorizado. Há casos, muitos e excelentes casos, que necessitam de apoios.
        Há subsidiados que em nada são “artolas”. Mas também muitos “artolas” e incompetentes apoiados pelo Estado — quando o P”S” está no governo é um autêntico “mãos largas” e para os seus militantes e apoiantes, carago, é só pedir !

        Agora, um caso para rever, analisar e agir: A “direita” e o “centro” tugas estão a perder E NÃO APRESENTAM apoiantes, simpatizantes na área da cultura. Sintetizando, sugem na opinião pública quanto muito 1 dúzia de nomes conhecidos, insignificantes se comparados com largas dezenas de “esquerda”. E com o RRio se PM, seria a indiferença total do “chefe”…

        Gostar

      • 5 Abril, 2018 23:54

        E quem guarda a guarda?

        Ou quem avalia o avaliador? Quem diz que o artolas é artista? Ou quem faz arte da arte de fazer produzir para ninguém ver?

        Quem tem mais impacte na cultura? Paulo Bronco ou George Lucas? Quem recebe subsídios? Quem é que tem de se assegurar demais faz filmes apreciáveis por um número significativo de.pessoas? Que filmes serão falados dez anos depois do seu lançamento? Ou dez dias?

        Querem patronos? Mecenato. Os privados são sempre melhores a avaliar a utilidade da arte do que o desfuncional impúdico acartalhado. Arte que não é apreciada não é arte. Ninguém aprecia o contentor de.lixo da sua rua, mas eu aposto que poderia passar tal contentor por instalação artística aos animais pararracionais do júri, se com manhas e garbas tal fizesse passar.

        Gostar

  9. Arlindo da Costa permalink
    5 Abril, 2018 18:30

    E continuam os ataques às mulheres, muito semelhantes aos que são doutrinados nas madrassas.

    Gostar

    • 5 Abril, 2018 18:47

      As tais merdaças que são apoiadas pela escarralhada, tão laudada pelo Arlindo?

      Arlindo: consistência de estrume e verticalidade da Torre de Pisa.

      Gostar

      • Arlindo da Costa permalink
        5 Abril, 2018 19:44

        Essas merdaças ou madrassas são apoiadas e financiadas pelos aliados dos governos bonzinhos da Europa.

        O terrorismo islâmico é o rosto do fascismo do sec. XXI.

        Pensa nisso, ó lerdo mental

        Gostar

      • 5 Abril, 2018 23:43

        Aqui o lerdo mental não precisa de dissonar cognitivamente ao louvar uma geringonça e um emperresidente que querem meter cá mais islamotralha, refugitralha e escarrotralha. Eu aproveito o ensejo de perceber que estão a fazer esterco em todos os campos para afirmar que estão a fazer esterco em todos os campos.

        Deixo isso de louvar o ilavável para os avençados mentóis como o Arlindo. Cuja condição de deuterosporo anda nele muito confusa: não sabe qual o buraco pelo qual se excreta e aquele por onde se come.

        Gostar

  10. 6 Abril, 2018 01:34

    Francisco MColaço,

    o seu conceito (e aceitação) do que é e não é Cultura, mais o modo como atribuiria apoios, revela desconhecimento da realidade.
    Raio de país e de patrimónios que Vc. quer e aniquilaria…
    Um conselho: informar-se como são atribuídos apoios estatais noutros países, por exemplo europeus.

    Gostar

  11. lucklucky permalink
    6 Abril, 2018 13:15

    “perceber porque é que alguém perde tempo com isto tudo”

    Isto é tudo menos perder tempo.

    É a construção de estruturas de poder e de promoção social. Quem defende corporativismo sexual sabe que terá o reconhecimento do jornalismo Marxista e é promovido.

    Gostar

Indigne-se aqui.

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: