Saltar para o conteúdo

Descubra as diferenças

6 Maio, 2018

2016. Em Espanha José Ángel Prenda, Alfonso Jesús Cabezuelo, Ángel Boza, Jesús Escudero e Antonio Manuel nos Sanfermines de 2016, empurraram uma jovem de 18 anos para dentro do portal de um prédio e penetraram-na seis vezes sem a sua autorização. O tribunal condenou-os a nove anos de prisão, A revolta instalou-se porque se esperava uma condenação por violação e não por abuso. Ministros, líderes partidários, associações, jornalistas, freiras de clausura  e até a ONU já manifestaram o seu repúdio pela decisão  do tribunal espanhol.

2016. Na Finlândia, Juusuf Muhamed que pedira asilo naquele país,  teve relações sexuais com a menina de dez anos, no pátio de um prédio abandonado. Foi condenado a três anos de prisão por abuso sexual agravado. Onde estão os protestos e as notícias?

Anúncios
14 comentários leave one →
  1. 6 Maio, 2018 09:41

    Temos que respeitar as diferenças culturais. Ser progressista e apoiante do multiculturalismo é isto. Abrir os braços aos violadores de uma cultura misógina e sofrer em silêncio, para que não nos chamem de racistas. Por toda a europa da França, Holanda, Suécia, Alemanha etc as mulheres e crianças europeias estão a ser vitimas dos violadores islamicos. As autoridades recomendam às mulheres que se vistam de forma recatada. Grande UE, um farol do futuro, cada vez com menos luz e mais sombras.

    Liked by 1 person

  2. Mario Figueiredo permalink
    6 Maio, 2018 10:56

    E nada como o Escândalo Sexual de Rotherham, https://en.wikipedia.org/wiki/Rotherham_child_sexual_exploitation_scandal, para fechar o livro sobre a forma como a sociedade europeia se está a deixar destruir por dentro e para mostrar a verdadeira face malévola do politicamente correcto.

    Liked by 1 person

    • 6 Maio, 2018 13:47

      Mes eu pensava que Portugal era detestável e “uma fonte de piadas por essa Europa fora como o exemplo de um povo que perdeu os valores essenciais como Nação”

      Gostar

  3. Luis Lavoura permalink
    6 Maio, 2018 11:13

    Que tem a ver a lei espanhola (incluindo a sua aplicação prática pelos tribunais espanhóis) com a lei finlandesa?

    Gostar

  4. A. R permalink
    6 Maio, 2018 12:05

    Já para não falar de Rotheram em que meninas de 12 anos eram violadas mais de 20 vezes por dia por paquistaneses com o apoio da polícia e das isntituições de apoio social.

    “Que tem a ver a lei espanhola (incluindo a sua aplicação prática pelos tribunais espanhóis) com a lei finlandesa?” Uma mulher é igual em Espanha ou na Finlândia. Não é a lei é o crime … palerma. Uma era uma indefensável menina … caramba. Uma criança …palerma.

    Aliás em Espanha a rapariga estava bebêda e e eles também. Foi ela que foi violada ou eles? Um elemento do sindicado da polícia diz que foi ela que organizou uma orgia.

    Agora o PE discutir a uma decisão judicial de um colectivo de juízes de um estado membro e fechar os olhos aos abusos reiterados por toda a UE dos moamedes sobre crianças e à não haver investigação da prática reiterada da mutilação genital de meninas às mãos dos mesmos só denota que esta Europa tem que ser abatida sem apelo nem agravo.

    Liked by 2 people

  5. Juromenha permalink
    6 Maio, 2018 13:16

    Húngaros, Polacos, Checos e , claro,…Russos….Povos atrasados onde a tolerância, o diálogo, a aceitação “do outro” ( creio ser assim que se diz ) e do relativismo cultural não conseguem fazer-se ouvir…
    Exactamente o contrário do progressismo civilizacional que atravessa, e de que maneira !, a Ibéria – especialmente a sua “pontinha” Oeste…

    Liked by 1 person

  6. A. R permalink
    6 Maio, 2018 17:58

    Feministas, então a indignação? O respeito pela mulher? A igualdade?

    Nevertheless, figures obtained by the BBC show maternity staff in Wales were discovering a new FGM case once every three days, on average, in 2016, with the Welsh Women’s Aid charity estimated that there are at least 2,000 victims in the country.

    England already has five FGM clinics. The emergence of FGM in Britain has been one of the unfortunate downsides of the embrace of state-sponsored multiculturalism following race riots in the 1980s.

    Gostar

  7. Arlindo da Costa permalink
    6 Maio, 2018 18:17

    Gostava de ver a Drª Helena a patrocinar uma petição pela liberdade das mulheres islâmicas na Arábia Saudita e noutros reinos que são autênticos ninhos de terrorismo e de desrespeito pelos direitos humanos.

    Esses casos que pretende comparar deviam ser ser julgados com condenação máxima de 30 anos. Mas são casos particulares. Entreter com casos específicos e ser cúmplice com a tragédia global é mesmo de bradar os céus.

    Gostar

    • Zé Manel Tonto permalink
      6 Maio, 2018 21:20

      Meu javardo, casos de violações de mulheres e crianças não mouras pelos muhameds que a tua amada esquerda espalhou pela Europa, não são casos isolados.

      Rotherham, Rochdale, Halifax, Telford. Violações em massa, gangs que operaram durante décadas. Isso só no Reino Unido.

      Vai pastar!

      Liked by 1 person

      • Arlindo da Costa permalink
        6 Maio, 2018 23:44

        O maior inimigo do fascismo islâmico e terrorista é de longe a esquerda europeia e os liberais. E ainda muito pior – para os maometanos, claro! – são os comunistas que têm nojo dos muçulmanos e daquela religião terrorista. Os fascistas muçulmanos encontram apoios é na direita americana e europeia como todos os dias se vê. Ou você é idiota ?

        Gostar

      • Lucklucky permalink
        7 Maio, 2018 00:03

        Arlindo já és Marxista logo já falta pouco para o Islamismo.

        É a Esquerda Europeia Marxista a maior apoiante do Islamismo.

        Pois o Islamismo tal como a Esquerda também só aceitam grupos não aceitam indivíduos e liberdade.

        Veja-se como a Esquerda censura e protesta Hayan Irsi Ali. Quando é que ela foi convidada a vir a Portugal?

        Pois é…

        Liked by 1 person

      • 7 Maio, 2018 01:19

        Oh luckyzinho não é fácil ser ainda mais patetinha que o arlindo, mas parabéns pela a proeza…
        express.co.uk/news/uk/674489/Home-Secretary-Theresa-May-says-Britain-benefits-Sharia-Law
        express.co.uk/news/uk/671092/Sharia-law-student-loan-UK-Government

        Gostar

Indigne-se aqui.

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: