Saltar para o conteúdo

Ainda bem que deixei o liberalismo a tempo

2 Julho, 2018

5d8a188244b004b1baa24bc89795b3d9--hippie-boho-hippie-chickDesde que deixei o liberalismo que me sinto mais fresco, mais leve, mais livre, como num anúncio da Tampax®. Sinto que posso andar a cavalo, saltar à corda, beber Compal®, até Santal®, sair com as amigas… Até posso jogar ténis com aquelas saias curtinhas e heteronormativas, que ninguém tem nada a ver com isso. Sair do liberalismo deu-me mais liberdade do que sair das Testemunhas de Jeová. Todos os dias, era a segunda epístola de Mises aos Hayeks, era o evangelho de Rothbard aos objectivistas, era o quinto livro de Kinsella aos fariseus (podia ser dele ou podia não ser: nesta religião os autores não têm direitos, ao contrário dos que elaboram contratos de matrimónio poliamoroso interespécies)… uma pessoa nem podia simplesmente ser sodomizada por “migrantes” (sem prefixo, para ajudar à confusão) sem que aparecesse um antropólogo-advogado-activista para oficializar a relação…

Agora, que não sou liberal, até posso ir à missa, tal como posso não ir, que ninguém quer saber. Nem sequer sou obrigado a pagar o dízimo à Santa ALDE, nem tenho que usar roupa em arco-íris, posso subir e descer avenidas sem escolta de comunistas e até posso assistir a touradas enquanto acuso o forcado que puxa pelo rabo como sendo o mariquinhas de serviço. Posso até defender o Miss América em biquíni, tal como posso defender o Nudes-A-Poppin’ (IP norte-americano necessário), posso comer fritos, posso fumar na praia e posso chamar o eutanasiador pelo correcto nome de carrasco. Posso rir do folclore LGBT, aquelas marchas identitárias em circuito fechado que, num país como Portugal, onde ninguém quer saber quem enfia o pincel em qual balde, só podem servir para engate (atenção: eu aprovo engate). Bolas, até posso usar drogas tax free, se quiser! Posso piropar! Piropar, meu Deus!

Agora, que me livrei das políticas identitárias do liberalismo, até consigo ver a necessidade de um Bloco Liberal para bloquistas que não tocam djembê.

 

Anúncios
9 comentários leave one →
  1. 2 Julho, 2018 10:54

    ahahaha está tão teletubie

    “:O)))))))

    Sem liberalismo sentes-te limpa; sentes-te segura!

    Gostar

  2. procópio permalink
    2 Julho, 2018 11:10

    Aprovo o “sair com as amigas”, sugiro que seja discreto, na kapital não parece “cool” homens saírem com raparigas, podem palpá-las, piropá-las, eu sei lá, abusar delas.
    Permita-me umas simples observações.
    “Sinto que posso andar a cavalo”, que é isso?
    “saltar à corda, beber Compal®”, já viu a quantidade de calorias que ingere?
    “até Santal®”, cúmplice dos tutti-fruti, já percebi!
    “sair com as amigas…”. Quer dizer uma não lhe chega, né?
    Coro só de pensar em orgias!

    Posto isto, será o vitor de confiança? Já estou a ouvir as garinas :

    Você abusou, tirou partido de mim, abusou
    Você abusou
    Tirou partido de mim, abusou
    Tirou partido de mim, abusou
    Tirou partido de mim, abusou

    https://www.vagalume.com.br/jorge-aragao/voce-abusou.html

    Gostar

    • 2 Julho, 2018 12:35

      Na “kapital”, também no Porto (e não só) se visto com uma/s amiga/s três, quatro vezes com a mesma, surge logo a má-língua… E se apanhado a jantar ou almoçar recatadamente com a mesma, c’um carago… Pior, se uma amiga anuncia que está grávida, perguntam quem é o pai e remete-se ao silêncio, então o gajo, o tal conviva, é… o pai.
      Bem, antes isso do que ser apontado como larilas, LGBT e tais.

      Gostar

  3. Artista Português permalink
    2 Julho, 2018 11:34

    Agora, os ex-liberais até já podem escolher entre ir a AG do Sporting ou ir ao estádio nacional ver o Belenenses. A escolha é farta…

    Gostar

  4. procópio permalink
    2 Julho, 2018 11:38

    Abaixo o liberalismo, não sejamos antiquados, este é o caminho.
    Modelo transgénero é eleita Miss Universo Espanha 2018
    Ángela Ponce é a segunda transexual a lutar pelo título de Miss Universo desde que a competição permitiu a participação do género, em 2012
    https://static.globalnoticias.pt/dn/image.aspx?brand=DN&type=generate&guid=b71b5bfa-da0f-4c77-aaea-61f18b37d841&t=20180702090300
    Nem que tenhamos que depois ir à missa livrar-nos dos nossos pecados.

    Gostar

  5. Mário Fernandes permalink
    2 Julho, 2018 12:06

    Malditos djembês mais as chinelas de peregrino e a &%$# que os “#$%!!!

    Gostar

  6. 2 Julho, 2018 12:26

    Mais um post para a antologia !

    Gostar

  7. Raghnar permalink
    2 Julho, 2018 17:38

    Muito bem “esgalhado”…

    Gostar

  8. Arlindo da Costa permalink
    2 Julho, 2018 19:42

    Ainda vai a tempo de inscrever-se num partido social democrata ou socialista democrático…

    Gostar

Indigne-se aqui.

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: