Saltar para o conteúdo

Buraco sois vós

4 Janeiro, 2019

Para falar do assunto “Mário Machado na TVI” é necessário um longuíssimo preâmbulo em que nos distanciamos das opiniões do fulano, mesmo que estas nos sejam conhecidas apenas pelo disse-que-disse de quem não sente grande necessidade de ouvir opiniões que considera parvas só por existirem, se é que existem. Depois, é necessário dizer que a liberdade de expressão é um valor absoluto, principalmente para indivíduos que querem dizer coisas que não gostamos de ouvir. Por fim, é necessário assegurar que nenhuma daquelas opiniões possui fundamentos de verdade, pelo que permitir que indivíduos idiotas se expressem é a única forma de, de facto, identificar os idiotas.

Não farei nada disso. Não ousarei escrever que o direito de alguém falar depende da minha ou da concessão de outro qualquer. Poderia mencionar a quantidade de imbecis que gracejam boçalidade nas rádios e televisões do país adornados pelo manto da impunidade subletrada que títulos académicos conferem, mas isso seria sublinhar o quão um Pacheco Pereira ou uma Mariana Mortágua se assemelham ao astrólogo Paulo Cardoso, cujo livro “Astrologia e Guia do Amor – Previsões Para 2019” está no top de vendas da FNAC, semelhança que é sobejamente conhecida pelos leitores deste blogue e cuja piada inerente reside, exactamente, em omitir a explicação que estraga qualquer anedota.

Uma televisão decide convidar um tipo para falar, esse assunto não me deveria interessar. No entanto, como há sempre um bando de coninhas que salta a correr para os braços do papá ERC a queixar-se de que o maninho disse coisas feias, cá estou eu a dizer coisas óbvias. Façam-se homens e mulheres, deixem de ser pirralhos mimados: aprendam a usar o comando ou, melhor ainda, tirem-o do canal onde aguardam que vos estimule por vazamento das pilhas. A obsessão do português pelo tirano que cala outros por sensação de conforto que o inexistente direito a não ser ofendido por opiniões alheias é do domínio sexual: não é de admirar que toda a gente passe mais tempo a tentar entrar em bailes de debutantes da corte do que a assegurar descendência que subsidie a subsistência futura do velho ranzinza quezilento que o adolescente bexigoso das redes sociais de hoje é.

Buraco sois vós.

Anúncios
35 comentários leave one →
  1. Velho do Restelo permalink
    4 Janeiro, 2019 10:55

    Não posso comentar a dita entrevista, porque em rigor não a vi! Mas vi algo esclarecedor.
    Costumava ver o dito SOS 24 da TVI e o LINHA ABERTA da SIC , cá em casa conhecidos por “notícias escabrosas”, mas convém esclarecer que só tenho TDT (canais abertos) !
    Casualmente vi o inicio da dita entrevista que começou com uma introdução feita pelo apresentador pateta que durou cerca de 3 ou 4 min em que explicava como conheceu o convidado MM, e fez uma declaração de distanciamento dele …
    Havia também um segundo convidado, que representava um movimento de direitos humanos ou qq coisa do género. Feita a tal introdução, passou a palavra ao MM que falou 1 min e meteu logo as mãos pelos pés com a história do “soldado” / “não violência” que serviu de pretexto para o pateta falar mais um minuto e vai para intervalo publicitário e quando volta, tchau público dos canais abertos. Não posso garantir grande rigor na sequência e tempos porque não gravei, mas foi mais ou menos isto. O 2º convidado não chegou a falar, e o MM não disse nada que se aproveitasse! Vantagem de ter só TDT.
    Mas ficou patente a técnica da TVI de “pescar” audiência com o canal aberto usando um isco do mais rasco que há …

    Gostar

  2. weltenbummler permalink
    4 Janeiro, 2019 11:25

    «Ou há moralidade ou comem todos»

    Gostar

  3. Pedro permalink
    4 Janeiro, 2019 11:31

    Tudo isto seria muito interessante não fosse a maior parte dos sites de direita praticarem a censura.

    Basta ir á página do face book do PNR ou a qualquer site de direita para o constatar.

    Eu próprio sei que estou aqui a prazo.

    Mais tarde ou mais cedo os “liberais” deste blog vão-me censurar.

    Gostar

    • 4 Janeiro, 2019 11:47

      Até pode ser hoje que o apago de vez. Pode ser que assim aprenda alguma coisa sobre a diferença entre permitir que comente e a minha não obrigação de o publicar.

      Liked by 3 people

      • Pedro permalink
        4 Janeiro, 2019 15:29

        Já começou a ameaçar com censura ?

        Estou precisamente a referir o facto dos liberais de direita fazerem exatamente o contrário do que dizem nos seus lindos artigos.

        Então quem escreveu esta lindíssima frase ?

        “Depois, é necessário dizer que a liberdade de expressão é um valor absoluto, principalmente para indivíduos que querem dizer coisas que não gostamos de ouvir.”

        Os eloqüentes apelos á liberdade de expressão, os ditos de que estão dispostos a morrer até pela liberdade dos inimigos, patati patata são completamente contraditos pelo facto de que a censura é useira e vezeira nestes sites.

        É só alguém contrariar a linha do vosso partido.

        Censure á vontade, mostre quem realmente é.

        Até parece que o faz pela primeira vez, este site é famoso pelos súbitos desaparecimentos de “indivíduos que querem dizer coisas que não gostamos de ouvir.”

        Vá lá que aqui os desaparecimentos são apenas virtuais, no liberalíssimo Chile de Pinochet vocês defendiam a liberdade de expressão atirando de helicópteros os “indivíduos que querem dizer coisas que não gostamos de ouvir.”

        Gostar

      • 4 Janeiro, 2019 15:55

        Ui, depois disto acho que o vou manter adoptar como um ser PAN de estimação.

        Liked by 1 person

      • 4 Janeiro, 2019 15:36

        É pá, este tipo é estúpido que nem um calhau. Até um maluquinho pode andar a berrar anormalidades ao ar livre que não vai de cana por isso. No máximo manda-se calar se estiver a incomodar demais e ser impertinente.

        Agora exigir que entre em casa dos outros e ainda lhe publiquem as besteiras, como se nem espaço físico real ou virtual tivesse de seu, é imbecilidade a mais.

        Deve servir para rábula de auto-vimização. Sempre foi assim, pela publicidade dos mártires que as causas se fizeram passar. Para o bem e para o mal.
        Quando as causas são meras provocações de idiotas, faz-se como às crianças- manda-se calar.
        Porque ninguém tem pachorra para perder tempo a ouvir quem apenas tem para dizer que não o deixam chatear o tempo todo.

        Gostar

    • 4 Janeiro, 2019 22:34

      Eu já fui banido do site. Discordei da Cristina Miranda. Fui insultado por ela, e depois banido. Do blogue todo. Queixei-me, e fiquei a perceber como funciona o Blasfémias. Não se pode discordar da Cristina Miranda.

      Gostar

      • Pedro permalink
        5 Janeiro, 2019 11:33

        Eu conheço pessoas que também foram.

        Eu próprio já fui banido de outros sites de direita e estou consciente de que de um momento para o outro me vão fazer o mesmo aqui.

        Estes “liberais” simplesmente não suportam o contraditório.

        É o “liberalismo” á Salazar…

        Gostar

      • COLONO permalink
        5 Janeiro, 2019 16:56

        O melhor que te podem fazer é o que o director da Pide dizia:

        ” –O maior “insulto ” que se pode fazer a um comunista é não o prender-mos, sabendo ele que nós sabemos que ele o é” ….

        Este também adorava ser “banido”!

        Banem o gajo!

        Gostar

  4. Pedro permalink
    4 Janeiro, 2019 11:35

    E o extermínio praticado pelos nazis não foi “diz que disse”.

    É um facto histórico.

    Gostar

    • 4 Janeiro, 2019 14:10

      Já para a deputada Rita Rato do PCP formada em ciência politica, coligada da gerigonça , os gulags não vêm nos livros de história porque a moça nunca ouviu falar em tal coisa. Mas está tudo bem, porque é apenas um rumor propagandeado de quem “diz que disse”, e de quem tem diferentes perspectivas sobre o significado de campos de férias e actividades fisicas desportivas intensas. Já o sujeito que ninguem lhe liga e não tem qualquer poder politico legislativo nem governamental é que é o tipo “perigoso” que precisa de ser combatido.

      http://www.dn.pt/gente/interior/comunista-desconhece-os-gulags-1460027.html

      Gostar

      • Pedro permalink
        5 Janeiro, 2019 11:53

        Tem toda a razão.

        Entretanto isso não é desculpa para branquear os outros.

        O vosso nazi “inofensivo” já assassinou pelo menos uma pessoa.

        Foi preso pela assassinato em que os skins salazaristas esmagaram a cabeça de um cabo verdeado com um bloco de cimento depois de o espancarem.

        Gostar

      • 5 Janeiro, 2019 12:27

        Branquear: leu onde?
        Inofensivo: leu onde?
        Skins salazaristas: leu onde?
        Cabo verdeado: leu onde?
        Assassinou: leu onde?

        Isso é tudo falta de Gina.

        Gostar

      • 5 Janeiro, 2019 13:02

        Você está como a rita, também nunca ouviu falar do superheroi do abrilismo, o Otelo e sua “liga da justica” FP25, pois não.

        Gostar

  5. 4 Janeiro, 2019 11:52

    Os marxistas também tentam, a todo o custo, apagar da História o extermínio comunista, o holocausto stalinista chamado Holodomor.

    Liked by 1 person

    • Daniel Ferreira permalink
      4 Janeiro, 2019 14:30

      Junte aí a Hungria, Checoslováquina, Jugoslávia, Arménia, Camboja, China and so on and so on… Os (((Marxistas))) patrocinaram o assassínio de mais de 100 Milhões de inocentes dos PRÓPRIOS países apenas no século XX. Isto sem contar com guerras entre países.
      Mas ainda bem que existem 1000 filmes, 2000 livros e 3000 documentários da II guerra mundial senão o povo ainda se apercebia destas coisas

      Gostar

      • 4 Janeiro, 2019 15:29

        ok. Olá, é isso mesmo. Já respondi por outra via. (não estava a ver quem era) 😉

        Gostar

  6. José CARLOS permalink
    4 Janeiro, 2019 12:14

    Estranho que a conferência que era para ser dada na madrassa do iscte, foi proibida pelos comissários políticos da associação de estudantes da dita madrassa. O cuecas ia apurar responsabilidades, até hoje. É a superioridade moral da esquerda, o que quer que isso seja.

    Gostar

  7. José CARLOS permalink
    4 Janeiro, 2019 12:26

    Escusado será dizer que o perigoso fascista era Jaime Nogueira Piinto

    Gostar

  8. 4 Janeiro, 2019 13:15

    Tudo isso é verdade e básico. No meu caso, cortei o mal pela raiz faz muitos anos- televisões fora.

    Mas a questão permanece e essa não é coninhas. A frase ser-se de extrema-direita mata. Ser-se de extrema-esquerda nem existe porque é a esquerda moralmente superior ao anatma.
    E o anátema é a proibição clara de existência de direita no mesmo lugar da esquerda comuna que está no poleiro
    O José explica a coisa lá no estaminé da “maçã”

    Liked by 1 person

  9. 4 Janeiro, 2019 13:16

    errata: anátema

    Gostar

  10. Daniel Ferreira permalink
    4 Janeiro, 2019 14:19

    Communist Psychological warfare 1.0.1.: Convidar alguém com conotações extremistas a falar de algo anti-comunista para que as pessoas fiquem com a ideia de que só os “malucos” é que não aceitam ideias da esquerda. Só cai quem quer

    Gostar

  11. pitosga permalink
    4 Janeiro, 2019 15:40

    vitorcunha,
    Em todo este post nada vejo com que não concorde.
    O que acaba por ser chato, aborrecido e maçador…
    Quase sempre, vitorcunha mostra que é inteligente, e acompanha a ralé com grande visão.

    Gostar

    • 4 Janeiro, 2019 15:56

      Para falar verdade, passou-me um tanto ao lado o texto porque nem sei do caso e nem percebi quem tentou silenciar quem.

      Na generalidade o que o Vitor Cunha aqui afirma é idêntico ao que também afirmou, em tom absolutamente liberal, do direito da bosta gorda-pencuda da eurovisão ser uma bosta por ser artista e os artistas são livres de tudo, quem não quiser, não oiça.

      Claro que a questão não é assim tão básica porque trata-se sim de instituições com poder venderem e promoverem e elegerem e fazerem propaganda de umas coisas e outras não.

      Trata-se também de uma questão de higiene. Ou seja, até que ponto o lixo é livre de se amontoar publicamente em toda a parte sem que com isso as pessoas não fiquem infectadas.

      A questão é depois a escolha daquilo que é considerado lixo e aquilo que é limpo e pedagógico. E essa distinção ninguém escapa em casa, nem na sociedade, nem no Poder.

      Escapa ainda menos quando o Poder já de si vive de marketing.
      É esse o grande problema da democracia- os dealers de marketing a fazerem-nos crer que estamos a escolher e a mandar.

      Gostar

  12. 4 Janeiro, 2019 15:47

    Deixo aqui um texto de alguém que me parece suficientemente culto e inteligente e que acaba por cair no principal erro.

    O erro pode resumir-se a o nazismo .ser péssimo mas o comunismo ser apenas mau por erro mas bom por intenções.

    Pode-sse substituir nazismo por extrema-direita como agora lhe chamam que a questão é a mesma.

    Fica esquecido no texto das boas intenções e simpáticas ou quase cristãs preocupações com os fracos, o sentido e prática de exterminar quem tem propriedade e instigar a raiva, a inveja e a vingança aos que a desejam demais sem por ela fazerem nada.

    Ele esquece-se que todas as ideias podem ter questões pertinentes e se a tradição de proteger os mais fracos sempre existiu e até deu milenarismos, a da afirmação da honra, da coragem, da capacidade de criar e no sentido heróico do colectivo também nada tem de destruidor só por si.
    Ou seja- nazismo é uma palavra onde cabe demasiada coisa e extrema-direita, idem. Sucede que nem temos extrema-direita capaz de afirmar algo de pertinente, do mesmo modo que não temos capacidade de sacrifício verdadeiro pelo próximo, sem ser em troca de um prato de lentilhas partidárias.

    Quando existe, não se publicita e não faz parte do Poder ou da luta por ele.

    Gostar

  13. 4 Janeiro, 2019 16:04

    Ah, ok. Já percebi de que estavam a falar. Fui ao Portadaloja. É isto e apenas isto comentado que lá está que nem precisa de se ter televisão para se perceber.

    Prefiro assim- em diferido e rapidamente, porque o tempo não dá para tudo.

    Gostar

  14. 4 Janeiro, 2019 16:51

    Não sei o que foi dito por MMachado. Recuso-me ver programas de TV’s tugas sem nível, pirosos, básicos — quase todos desprezíveis, dizem-me.
    Mas por o que li neste e no post seguinte, o que não me surpreende é a falta de sequer razoável cultura, imaturidade cívica, indigência social e, impreparação para admitir, discutir opiniões de defensores do salazarismo, da “extrema direita”.
    É, afinal e ainda, 44 anos após o 25 de Abril, a constatação duma espécie de puberdade envergonhada e/ou descontrolada da populaça-NADA se confrontada com Salazar ou Caetano.
    Qual o problema, onde está o perigo, por MM ter ido a esse programa ?
    Há algum tempo estive com uma amiga, descendente em terceiro grau do AOSalazar. Disse-me que a câmara de Santa Comba Dão e alguns seus admiradores vai recuperar a casa onde ele nasceu e transformá-la numa casa-museu. Respondi-lhe: Óptimo ! Nenhuma ameaça, qualquer que seja, surgirá para o país e para os tugas ! Pelo contrário; sou defensor do Conhecimento.
    Há anos vi a casa de Salazar, visitei entre outros, locais históricos do Hitler, do Mussolini, do Mao, do Stalin, estive bem perto do cadáver do Lenin (um espectáculo todo o ambiente e a iluminação), e fi-lo naturalmente, sempre conjugando a História com as presenças. Mas sem dúvida, muita papinha tem a maioria dos tugas de comer para saberem aprender a entender porque, e onde cresceram.

    Gostar

  15. 4 Janeiro, 2019 16:59

    Li há quatro minutos na SAPO, esta ministro da Defesa: “convite a MMachado feito pela TVI é atitude incendiária”, considerando-o semelhante a quem ateia incêndios.
    Porra, o homem é alto só de corpo, ainda não cresceu ou está a fazer frete tipo videirinho do suposto mega-caso grave ?

    Gostar

  16. Alexandre Policarpo permalink
    4 Janeiro, 2019 17:41

    Num país onde quase 20% votam em partidos que defendem soluções politicas totalitárias e anti democráticas, não é de estranhar que ande meio mundo a querer calar a concorrência. Qual é a diferença entre o tal Machado e o Jerónimo ou o Louçã? apenas uma: o Louçã e o Jerónimo são um bocadinho mais espertos.
    Em todo o caso, desculpem lá o lugar comum, eu lutarei sempre para que eles possam continuar bolsar as patranhas com que nos costumam brindar quando lhe põem uma camara de tv e um microfone à frente.

    Gostar

    • Pedro permalink
      5 Janeiro, 2019 11:57

      ????

      Que eu saiba o Louçâ não roubou, não agrediu, nem assassinou ninguém como o vosso skin salazarento anda a fazer.

      Gostar

      • 5 Janeiro, 2019 12:01

        Você é o Pacheco Pereira, não é?

        Gostar

      • 5 Janeiro, 2019 12:29

        ehehehe

        Gostar

      • Alexandre Policarpo permalink
        6 Janeiro, 2019 02:01

        Meu não, vocês é que o adoptaram, há três dias que não falam de outra coisa.

        Gostar

  17. 5 Janeiro, 2019 13:03

    Este tão alarmado, flor-de-estufa e sensível desgoverno (vidé reacção do ministro da Defesa mais apparatchiks da geringonça) ao magno-problema (não é ironia ao director da ERC) das afirmações do MM decretará, para “acabar de vez com o mal”, que até 2023 não hajam mais referências mínimas que sejam nas escolas primárias e secundárias ao Estado Novo ?

    Gostar

Indigne-se aqui.

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: