Saltar para o conteúdo

Então agora não vão dar abracinhos à MAC?

20 Junho, 2019

Grávidas sem urgências no Verão. Quatro maiores hospitais de Lisboa fecham serviços por falta de médicos.
Maternidade Alfredo da Costa, Hospital de Santa Maria, São Francisco Xavier e Amadora-Sintra vão ter de fechar urgências de obstetrícia. Ministério da Saúde tenta minorar problema e propõe encerramentos rotativos durante mais de dois meses

Então agora não vão dar abracinhos à MAC? Ninguem apresenta uma queixa em tribunal como em 2012 fez Daniel Samapio e mais trinta notáveis contra a transferência dos serviços obstetrícos da MAC para o Dona Estefânia? E a senhora juíza que proíbiu a transferência para o Hospital Dona Estefânia e deu 15 dias à tutela para repor o funcionamento de todos os serviços na MAC, sob pena de sanção, onde anda agora?
Deixo aqui o video da campanha Abraço à MAC. Foi em 2012 mas ainda devem ter uns cartazes lá em casa.

Ps. A então diretora do Serviço de Obstetrícia, Ana Campos, não tem, nada a dizer?
E o esquerda.net que publicou estes artigos lindos Domingo: Uma flor pela MAC ;
“Vou hoje ter o meu filho aqui. Não deviam fechar a MAC!”… vai agora fazer-se transparente?

41 comentários leave one →
  1. 20 Junho, 2019 10:29

    Pois é. A escardalhada é assim e quem vota nestes sacanas faz-se de besta e engole tudo.

    E isto acontece à conta das 35 horas que, já se sabia, iam dar lindo resultado.

    Horários mínimos no Estado para acumularem com horários máximos no privado e elegerem quem dá bónus à função pública contra os que precisam dos serviços públicos.

    Liked by 4 people

    • Carlos Rosa permalink
      20 Junho, 2019 13:24

      Quando o povo se deixa levar pelos esquerdolas parasitas,
      é assim!

      Liked by 1 person

    • Luís permalink
      20 Junho, 2019 16:57

      Mas quem conhece como as coisas funcionam na prática sabe que em muitos serviços trabalham-se apenas 4 ou 5 horas por dia. Em Portugal não se trabalha por objectivos, não se avalia a produtividade, não há hierarquias a avaliar e a impôr respeito. Além disso sabe-se que quando não é possível o despedimento a produtividade cai a pique, há estudos sobre isso. E depois, em muitos serviços ninguém contra a pausa para o café, o uso do telemóvel ou das redes sociais. Os serviços são genericamente pouco produtivos e num serviço com 10 alminhas são logo 50 horas de trabalho que ficam por fazer. Obviamente que a situação agora se vai agravar bastante e daqui a dois ou três anos haverá problemas. O ideal seria voltar às 40 horas e iniciar reformas que reduzissem estruturalmente o número de funcionários para menos de 600 mil numa primeira fase e menos de 500 mil numa fase seguinte. Isto teria um impacto positivo muito grande nas contas públicas a longo prazo. Mas vão fazer precisamente o contrário, preparam-se para pôr 40 ou 50 mil alminhas na FP que depois nunca poderão sair porque é inconstitucional. E na próxima crise cíclica voltaremos ao ponto de partida de 2010/2011, mas agora a dívida será muito, muito maior, e a margem para subir impostos muito menor.

      Liked by 2 people

      • José Monteiro permalink
        20 Junho, 2019 19:12

        Tal qual, mas impossível. Não vemos como entre os 230 mandarins do circo . Bento, a ocupação prima por comissões de inquérito inconsequentes e inócuas?
        Trabalhar de forma aturada e prospectiva, a criar um futuro melhor, uma trabalheira para os rapazinhos.
        Nos corredores e gabinetes ministeriais, idem aspas. Apagam fogos e decoram CV.

        Gostar

      • Jornaleco permalink
        21 Junho, 2019 00:07

        Eu já não sei se me fartei de rir, quando “ouvi” que a bancarrota era inconstitucional.

        Quem é que quis salvar os nossos porcos socialistas deste impasse de asnos perfeitos? Os porcos alemães, da esquerda fascista.

        Eu lembro, que o maior partido da esquerda fascista em Portugal foi fundado na Alemanha (Bad Godesberg, salvo erro). Que crime. E dotado com dinheiro, de certeza.

        A Alemanha é controlada por um império de jornais socialistas. Mas lindo é que o PS alemão está a cair e a cair e a cair e a cair. Em breve chegará aos cinco por cento. E mais um tique, e eles estarão excluidos do poder, da entrada no parlamento. Ai que lindo. Ai que bom.

        Na antiga Alemanha “Democrática” Comunista o PS alemão já não mete medo a ninguém.

        Estes dias houve uma eleição para determinar, quem é que seria o governador de uma cidade, chamada Görlitz. Um candidato obteve 45 por cento. Esse candidato pertence à única verdadeira oposição no parlamento em Berlim. Eles são o maior partido da oposição.

        Mas todos, nessa cidade, juntaram-se, porcos e putas, comunistas e não-comunistas, para impedir que esse pessoa ganhasse. Votaram no gajo do PSD alemão, para assim dizer, que só tinha obtido 18 por cento, anteriormente.

        E na rádio e na televisão pública ocultam sempre o maior partido da oposição. Fingem não existir.

        O que é que esse partido defende, por exemplo?
        O fim do Euro.
        O fim do terror do ambiente.
        O fim de pagamento de dinheiro a Portugal.
        Defesa das fronteiras europeias.
        Fim à migração ilegal.
        Fim à migração de muçulmanos, que nos odeiam e nunca (!), absolutamente nunca (!!) irão respeitar os nossos valores, que serão sempre superiores aos deles.
        Fim as eólicas.
        A favor de energia barata.
        A favor de valores cristãos. Foi o único partido, que pediu um debate no parlamento alemão em Berlim, para debater as perseguições mundias contra os cristãos. Todos os partidos foram contra!! Esses filhos da puta. Um crime!!
        São contra o anti-semitismo.
        E muito mais coisas de bom sentido.

        Et cetera.

        Eu já sei se me fartei de rir, quando “ouvi” que a bancarrota era inconstitucional. Eu ri muito e “chorei” um pouco.

        Quem deu esta constituição actual a Portugal merece o inferno.

        Gostar

  2. 20 Junho, 2019 10:34

    Gostar

    • Carlos Rosa permalink
      20 Junho, 2019 14:01

      Estes “abre-olhos” da Sra Helena Matos são interessantes.
      Seria também interessante que a cada dia que passa, 1 português questionasse porque é que a sociedade portuguesa está neste impasse, governada por este tipo de democracia que nos encaminha para a degradação total em resultado de um regime dirigido por falsos democratas.
      Este estado a que chegámos resulta de pôr em prática a “democracia” do Mário Soares e do Manuel Alegre. Pessoas mal formadas, vaidosas, prepotentes………….desligadas do povo.

      Há certamente muitos modos de matar pulgas.
      Com certeza que há também muitos modos de governar uma nação, democraticamente.
      E uma delas pode ser a partir da base, do povo, das pequenas comunidades, onde as pessoas se conhecem umas às outras. Elegendo pessoas, independentemente dos partidos políticos. Cada votante é que escolhia em quem votar, sem listas pré-formadas pelos partidos políticos. Os mais votados estavam no seu direito de não aceitarem ser eleitos. Mas mesmo assim, teriam o direito de voto noutras pessoas por eles indicadas, para níveis cada vez mais elevados de escolha dos melhores da sociedade.
      Chegados a um Colégio Nacional dos melhores nas diferentes áreas de actividade estava mais de metade do caminho andado. Esses, pessoas com valor, habilitadas, é que escolhiam as figuras nacionais, Presidentes, Governantes, do poder local ao poder nacional.
      Talvez deste modo, os figurões bem falantes não tivessem grandes hipóteses de enganar o povo.

      É de louco?
      Talvez, mas é uma ideia.

      Gostar

      • 20 Junho, 2019 14:41

        Quem escolhe os eleitores? Quem guarda a guarda?

        As eleições universais têm a virtude de não excluir ninguém de poder escolher ou de ser escolhido.

        Gostar

      • Carlos Rosa permalink
        20 Junho, 2019 23:24

        Está enganado Sr Colaço.
        Essas eleições universais, como lhe chama, excluem a maioria dos portugueses válidos. Se prova disso for necessária, basta ver o alheamento da maioria dos portugueses por essas eleições a que chama universais.
        Se as pessoas não vão votar é porque não conhecem os candidatos e/ou os mesmos não lhes interessam.

        Gostar

  3. Prova Indirecta permalink
    20 Junho, 2019 10:53

    A pergunta do milhão é : Quantos juízes tem o pêiésse no bolso ?

    Gostar

    • MJRB permalink
      20 Junho, 2019 12:20

      Tem os necessários, escolhidos para os processos que se julgados de modo isento complicariam e posteriormente destruiriam a residual credibilidade do P”S”. Se presos, talvez –talvez– a maioria dos tugas tivesse juízo ao rejeitar eleger um “socialista” putativo autarca ou deputado, PR, eurodeputado ou dum governo regional.

      Liked by 1 person

    • André Miguel permalink
      20 Junho, 2019 14:22

      Resposta: todos os que usam avental.
      Quando é que percebem que as lojas de aventais são os carrascos deste lugar à beira mar?

      Liked by 1 person

    • Prova Indirecta permalink
      20 Junho, 2019 14:43

      Agora a pergunta do centena de milhar : quantos jornalistas tem o Pêiésse no bolso , quantos são ?

      Gostar

      • Luis permalink
        20 Junho, 2019 17:06

        A única jornalista que liderou jornalismo de investigação feito para as massas foi a Manuela Moura Guedes e correram com ela da TVI apesar de ser líder de audiências. A CMTV é mansinha com os fortes e forte com os pobres. A SIC sempre esteve domesticada e nunca mordeu os calcanhares a sério a ninguém. Os jornais pouco contam pois o público em Portugal informa-se pela TV. Veja como a Autoridade da Concorrência travou a venda da TV à Altice. Veremos se é comprada pela IURD, ahah.

        Liked by 1 person

      • MJRB permalink
        20 Junho, 2019 17:07

        Bastantes. Com benesses a pedido, com sinecuras cumpridas (rendas de casas, férias) pagas por “socialistas” na política e nos negócios.

        Ouvi há algum tempo que até há um gajo que deve uns bastantes milhões à banca, aparece como “ia a passar” apoiante numa jantarada do PC na área onde tem interesses, mas não “comunista” –não, não é vergonha que a não tem em nada–, só por estratégia, conveniências “não tem partido”, e que manda umas massarocas também para o Rato — negócios obrigam…

        Gostar

      • Prova Indirecta permalink
        20 Junho, 2019 20:13

        E já agora , a terminação da lotaria : quantos , mas quantos mesmos , funcionários públicos tem o Pêiésse agremiados nos quadros do Estado – que é como quem diz , na folha de pagamentos do OE ?

        Liked by 1 person

      • caampus permalink
        21 Junho, 2019 11:59

        Diretor na SIC temos o irmão do Costa, na RTP temos a prima do Costa, na TVI o fake banif

        Gostar

  4. MJRB permalink
    20 Junho, 2019 12:09

    Não pode estar tudo bem também na saúde, por causa do governo do PPCoelho, que foi quem pôs o país muito mal antes do senhor Sócrates e agora o senhor Costa com o senhor Jerónimo e a menina Catarina estão a fazer benzinho conforme podem, coitados. Neste e noutros casos, vai haver falhas até 2023, porque a herança do Passos é pesada. O nosso rei do amor é da mesma opinião.
    Temos de nos conformar neste país lindo, ai que lindo solinho está hoje, desenvolvido, somos os melhores dos melhores dos melhores.
    Não quero saber nada disso dos hospitais eu tenho saúde, agora vou fazer o almocinho, uns chicharrinhos fritinhos acompanhadinhos por uma saladinha que o meu toino vai fazer depois de ver as notícias do futebol e eu vou já ver o resto do programa da Cristina e amanhar os chicharrinhos que são mais baratinhos do que os carapauzinhos e os jaquinzinhos, depois de almocinho vou ver a minha telenovelinha.

    Gostar

  5. A. R permalink
    20 Junho, 2019 12:37

    Ora … ide ter os filhos a Espanha e filmem as ambulâncias e quão feliz é o mundo assim … à esquerda! Aborto esse não falta por aqui … haja férias, falta de médico ou de enfermeiros.

    Liked by 1 person

  6. Jornaleco permalink
    20 Junho, 2019 12:47

    O desprezo pelo bom povo, que ordena, pela parte boa e honesta, que alimenta essa canalha, é total.

    Isto é uma declaação de guerra.

    Se tivessem poupado os dez (10) milhões de Euros que estoiraram nas seguintes coisas, e que também aqui no blasfémias foi mencionado, várias vezes, por exemplo.

    (Aqueles que adoram rachar cabelos, este grau de precisão tem agora que chegar. Quem desejar saber mais pormenores, que pesquise.)

    a.
    3 milhões para uma igreja dos bárbaros em Lisboa, que diziam estar prestes a cair. No lugar de deixar cair a igreja do demónio e dos assassinos, deram três milhões de euros a esse esterco, que nos odeia, e sempre vai odear. Isto é um grande crime. Todos que concordaram com isso mereciam levar uma porrada valente nesse corpo. Todos.

    b.
    Não esbanjaram sete (7) milhões de Euro para dar aos perversos para projectos, do mais estúpidos que possam existir? Para aqueles que vão ao cu um do outro? Para gastarem e foder gatos ao mesmo tempo? Para o culto da morte há sempre dinheiro, não é assim? Claro que é!!

    c. E muito, muito mais. Dissipar eles sabem.

    d. Agora andam a convidar todo o mundo para vir para aqui, do pior do pior, e se alguém de nós quiser dar vida a um ser humano, em Lisboa, não há dinheiro para financiar “urgências de obstetrícia”?

    Claro que há dinheiro! Eles é que não querem, esses filhos da puta. Eles andam drogados com Crystal Meth, talvez.

    Gostar

  7. mariojgcfernandes permalink
    20 Junho, 2019 13:39

    Quem acima comentou, escreveu tudo, ou quase tudo, o que me vai na alma. Apenas faltaram os palavrões os quais, por uma questão de civilidade, vou omitir.

    Gostar

  8. JgMenos permalink
    20 Junho, 2019 13:46

    Desde que não lhes ameacem os empregos da família…

    Cambada de parasitas, fdp!

    Liked by 1 person

  9. LTR permalink
    20 Junho, 2019 14:18

    O que isto prova é que “a rua” e o “descontentamento” a que se assistiu durante a anterior legislatura não passa de um conjunto de construções mediáticas manhosas, artificiais, planeadas e orquestradas a partir de dentro dos partidos e da AR para desestabilizar por desagrado com os resultados eleitorais, incluindo as manobras de deputadas que agora nem aparecem, ou seja, têm para com a população a mesma relação de Ferro Rodrigues com o segredo de justiça. Claro que se os jornalistas o fossem, iam agora de microfone na mão para a porta de casa dessa gente e do PM para lhes perguntar em directo o que têm a dizer sobre isto, como fazem com pessoas de condição social inferior que não merecem a presunção de inocência dos pavões corruptos, humilhadas quando já a braços com graves problemas.

    É como dizia o Arnaldo.

    Gostar

    • Luis permalink
      20 Junho, 2019 16:44

      Tem dúvidas? Nos 4 cantos do país notava-se que muitas vezes as caras em frente às câmaras eram sempre as mesmas. Mas quer um exemplo? Os estudos de opinião diziam que 70 a 90% dos lisboetas estavam satisfeitos com o turismo e queriam mais turistas. Mas os jornalistas tentavam demonstrar precisamente o contrário porque havia uma agenda ideológica por detrás, por um lado alguns hoteleiros com ligações ao PS e ao PSD, por outro o BE e o PCP, e os dois lados da barricada deram as mãos para dar cabo do investimento privado. A informação sobre turismo em Portugal é um dos casos mais escandalosos de manipulação mediática nos últimos anos para forçar uma agenda política.

      Liked by 1 person

  10. LTR permalink
    20 Junho, 2019 14:22

    Então e agora como é? Há circo ou não há circo?

    Gostar

  11. Jornaleco permalink
    20 Junho, 2019 15:40

    Provas que há dinheiro em abundância. Existe muito dinheiro para as tonterias destes cabrões socialistas e perversos da esquerda fascista.

    A vaidade absoluta dessa mesma gente socialista estúpida já cheira muito mal. Eles são tão arrogantes, que é impossível alguém saber mais que eles.

    Lembra-me da hierarquia dos macacos. Dizem que, se algum macaco mais novo tiver uma inovação revolucionária e inteligente, o macaco mais velho fica indignado e impede a mesma, só pelo simples facto, que não foi o próprio macaco velho que teve a mesma ideia e manda pôr o macaco mais novo na prisão ou no deserto ou longe dele, para ninguém notar algo.

    Já ouviram do caso de Berlim?
    Agora o mesmo (!) em Coimbra. Passou uns minutos atrás na RTP.

    Só dá vontade de chorar.

    Compraram dez (10) camionetas eléctricas, por causa do ambiente.

    Onde está o problema? Para esta canalha podre socialista nunca há problemas, porque eles abrem a mão com força aos cofres do contribuinte. Culpas? Eles não pecam, eles são asnos perfeitos.

    O que é que Berlim tem em comum com Coimbra e outros?

    Berlim fez já o mesmo. E agora veio ao cimo, a público, que o investimento é uma grande desilusão. A camioneta eléctrica polui mais o ambiente, do que qualquer camioneta moderna a gasóleo.

    Uma camioneta eléctrica é três ou mais vezes mais cara, do que uma a gasóleo. Os preços podem atingir um milhão de Euros. Isto é um crime.

    O resumo do trabalho feito na cidade de Berlim, pela mesma canalha, que governa em Coimbra, os fdp da perversidade socialista, é este:

    Para foder e ir ao cu do ambiente, compraram camionetas eléctricas, que custam pelo menos muito mais que o dobro de uma a gasóleo e só andam metade de uma a gasóleo e pulem muito mais que uma camioneta moderna a gasóleo.

    Deste modo, estas bestas arrogantes e burros socialistas, que desprezam totalmente o ser humano, para andar a foder com o ambiente, quadriplicaram as despesas. Ontem gastavam 1 Euro com o transporte. Agora gastam 4 Euros. E para quê? Par nada, para as vaidades estúpidas de uma pequena porção da nossa sociedade, de pessoas ricas, nenhuma delas é pobres, que faz tudo para o bem estar deles e nada quer saber daqueles, que são mais pobres e não têm uma vida tão boa, como esses Guterres, Zorrinhos, que só falam palha.

    O investimento em Coimbra vai ser um fracasso total. Só que eles vão tentar encobrir. O caso de Berlim já estourou, mas os porcos fazem que não ouvem.

    E os asnos em Lisboa, salvo erro, já obrigaram aqueles, que andavam a passear turistas com uns carrecos pequenos, engraçados, a substituir o motor por um eléctrico. Sobre os custos enormes e inúteis, os mesmos asnos nada queriam saber, esses fdp(s).

    E depois não há dinheiro para as urgências de obstetrícia? Claro que há. E há muito dinheiro. Eles é que não querem, estes porcos da esquerda fascista.

    E os outros devem tomar também Crystal Meth. Se não aproveitavam-se destes erros fatais e inúteis, deste governo criminoso actual.

    A causa do ambiente que se foda. O ambinte está de parabens, ele não sofre em Portugal. Nunca sofreu. Nunca!!

    Mas as pessoas que querem dar vida a este país, da mais bela que existe, são discriminadas? Grandes filhos da puta.

    Gostar

    • Os corruptos que se cuidem permalink
      20 Junho, 2019 19:54

      Entre outras coisas porque estes fdp não querem que nasçam mais portugueses. Têm a agenda deles com a imigração para cumprir. Ou lhes vamos para cima ou eles acabam connosco!

      Gostar

  12. Luis permalink
    20 Junho, 2019 16:39

    Não deixa de ser curioso constatar que no ano passado ficaram 400 médicos no desemprego por não terem vaga de especialidade e este ano ficarão 1000. E a tendência é para termos mais de 4000 médicos jovens desempregados dentro de poucos anos, o que tornará Portugal um caso singular no mundo desenvolvido.

    Visto de fora Portugal está cada vez mais mal gerido. É caso para perguntar, não há ninguém competente em Portugal para gerir os Ministérios, e se há onde andam?

    Liked by 1 person

  13. Expatriado permalink
    20 Junho, 2019 17:14

    Qual é a especialidade dos médicos que fazem os abortos? São obstetras?

    Gostar

  14. Velho do Restelo permalink
    20 Junho, 2019 17:25

    No tempo da outra senhora era preciso Apertar o Cinto.
    Depois acabou-se o tempo das Vacas Gordas.
    Mais recentemente era preciso Cortar na Gordura.
    Entretanto Cortaram no Músculo.
    Depois veio o tempo das Vacas Voadoras.
    E agora já estão a Cortar no Osso.
    Não será tempo de Cortar umas Cabeças ?

    Gostar

  15. Manuel permalink
    20 Junho, 2019 18:12

    teste

    Gostar

  16. Procópio permalink
    20 Junho, 2019 18:20

    Está visto, as grávidas estão a fazer o jogo dos populistas. Serão pessoas bem intencionadas em princípio mas não estarão a fazer o jogo do populismo ao tentar aumentar a população?
    As grávidas afinal para que servem? Só criam problemas com as maternidades!
    Sem a maioria absoluta do kosta, abençoada pelos beijinhos do celinho, isto não vai lá.
    Crises por todo o lado.
    Os doentes a importunar os hospitais, os utentes a transbordar nos transportes em vez de ficarem sossegadinhos em casa, os alunos incomodados pelas aulas e pelos exames, sem tempo para uma passa, um videoszito porcalhão, os contribuintes, com pouca vontade de pagar ali, aqui, aqui e ali. Pois ainda não perceberam que os impostos vão sempre parar aos bolsos certos e não têm nada que se incomodar?
    Nas câmaras são as leis que não deixam os negócios prosperarem tanto como os autarcas impolutos e seus amigos desejariam. Chega-se ao cúmulo de reter autarcas em casa. Como se pode interromper teias laboriosamente construídas? Que direito tem a PJ de interferir com essas instituições imaculadas? Que direito têm as comissões da central de negócios de interferir com os negócios dos outros, quando afinal pertencem quase todos à mesma famiglia? Assim não vamos lá, é preciso irmos mais ao fundo. Haja fé no socialismo.

    Liked by 1 person

  17. Procópio permalink
    20 Junho, 2019 18:27


    A vaca já não voa, está à beira do precipício. Não digam a ninguém.

    Gostar

    • LTR permalink
      20 Junho, 2019 20:10

      Quando o “pai do SNS” pediu ao Costa que não deixasse destruir o SNS ele ficou muito orgulhoso com o pedido. Se calhar o homem já sabia quem ele era e do que era capaz e estava mas é a dar-lhe uma tacada. O problema desta vaca é que com a aproximação das eleições ela vai tentar ter sexo com qualquer coisa que lhe apareça à frente (uma virtude à esquerda, um recuo à direita) para depois a empurrar do precipício e sair a voar nem que isso custe ao país milhares de milhões de euros.

      Liked by 1 person

  18. Albano Silva permalink
    20 Junho, 2019 21:08

    Creio que é errado vituperar a esquerda por fazer o que em certas circunstâncias tem de ser feito. Há é que condenar a cobardia da direita por não proceder como a esquerda procedia em circunstâncias idênticas. Sim, onde está a direita para executar agora o contraste que se impunha neste caso? Nunca levanta a voz fora do Parlamento, e mesmo lá, fala baixinho. O ex-líder parlamentar, o único que lá falava alto, teve de o ir fazer para outro lado! Nada de ondas; o patrão não gosta.

    Liked by 1 person

  19. Jorge MRA permalink
    20 Junho, 2019 22:39

    A hipocrisia das esquerdas é sintomática. O problema é que eles dominam o sistema e as mentes dos pobres tolos que os apoiam.

    Liked by 1 person

  20. Procópio permalink
    20 Junho, 2019 23:10

    Já que nos lembramos da esquerda.net esses grandes defensores da MAC.
    Há menos diferenças do que as pessoas pensam entre um sistema socialista em que os grandes negócios são controlados pelo Estado, ou o sistema capitalista em que o Estado é controlado pelos grandes negócios. O poder fica sempre concentrado ou nas mãos porcas dos burocratas ou em meia dúzia de mãos sujas dos oligarcas. O diabo que escolha.
    Na tugolândia as aparências iludem. O Estado procura controlar localmente tudo o que ainda mexe, apoiado em partidos não democráticos, social fascistas a arrotar democracia.
    O espectáculo é grotesco mas tem alguma visibilidade. A realidade tem duas faces: são os oligarcas, nas altas esferas, que tudo controlam de forma invisível.
    Uns não passam sem os outros. Os oligarcas até surpreendem os ingénuos ao apoiarem a esquerda de forma a melhor enganar a populaça. A esquerda não passa sem os dinheiros dos oligarcas. Já ouviram criticar RS por essas bandas?
    “The show must go on and on”. O teatro de marionettes prossegue com os emblemas de esquerda direita a espicaçar os gentios, cada vez menos atentos às brincadeiras.

    Gostar

  21. Beirao permalink
    21 Junho, 2019 09:22

    Grande Helena, parabéns. Ainda bem que há quem desenterre as hipocrisias e as desvergonhas desta cafila nojenta de cabrões FDP.
    Que miseráveis safados. E que porra deste povo manso e bovino que não dá um pio de protesto!?
    Como foi possível deixarmos que a escumalha de esquerda e extrema-esquerda tomassem conta disto tudo?!

    Gostar

  22. Manuel Assis Teixeira permalink
    21 Junho, 2019 10:06

    Muito bom. Muito bem lembrado. Por onde andará Sampaio e por onde andarão todas as outras vestais histéricas?
    E já agora por onde andará a oposição? Por onde andarão PSD e CDS que tinham aqui motivos para provar como o ” rei vai nu ” e como o Costa mente, mente, mente… e não foi sibilina declaração do Marcelo de ontem que muda as coisas! Marcelo e o seu declarado apoio ao governo é cúmplice!

    Gostar

  23. Carlos Oliveira permalink
    21 Junho, 2019 11:03

    Então o Marselfies não tem nada a dizer sobre mais este ataque ao SNS?
    Ficamos à espera de mais uma atenuante à sua querida geringonça, é claro.

    Gostar

Indigne-se aqui.

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: