Saltar para o conteúdo

Limpando contas antigas usando um piaçaba

9 Outubro, 2019

A pessoa…

Que compra lutas na lama a cada toque no teclado.

MJM_LutaLama

Que de vez em quando é apanhada em falso por quem, mesmo sendo pouco recomendável, anda há muitos anos nisto, e se deu ao trabalho de a desmascarar como mentirosa compulsiva.

https://jugular.blogs.sapo.pt/bom-enough-is-enough-a-maria-joao-3929108

Que ainda há pouco tempo (2 anos) partilhava a sua presença num evento em que falavam o atual presidente da IL e o atual presidente do partido libertário mas que entretanto se dedicou a uma campanha negra contra a IL.

MJM-CampanhaNegra

O que não resultou (e como deve doer…), levando a mais um vómito…

MJM-Vomito

Que se diz de direita, mas que exulta com a eleição da deputada do Livre.

MJM-Livre

Que ousou usar o meu nome em mais um delírio mentiroso (no fundo é por isto que escrevo hoje, apenas após as eleições).

MJM-Alexandre

Essa pessoa, auto-intitulada feminista e empresária, ficou muito aborrecida por nenhuma mulher ter sido consultada num inquérito. Estranhei duas coisas: 1) esse mesmo facto e  as explicações para o mesmo 2) a hipótese subliminar dessa pessoa querer ser consultada.

MJM-Empresarios

Empresária? O que venderá em part-time, na empresa do papá, nos intervalos dos seus escarros literários? Parece que vende, entre outras coisas, Piaçabas. Faz muito bem. Não vejo melhor imagem para ilustrar a quantidade de fezes e outros dejectos escritos pela senhora, e que necessitam de correctivo do dito instrumento.

MJM_Piacaba

Use-os em proveito próprio, criatura, e desampare-me a loja!

 

 

 

Anúncios
25 comentários leave one →
  1. 9 Outubro, 2019 17:01

    Mas quem é que passou procuração a esta imbecil monotemática em falar em nome das mulheres?

    Ela devia limitar-se a enunciar tudo o que escreve assim: “Eu, como mulherzinha intriguista que sou, acho….”

    Liked by 2 people

    • Alexandre Mota permalink
      9 Outubro, 2019 17:17

      “eu, como mulherzinha intriguista que sou, achei em escova.”

      Liked by 2 people

      • 9 Outubro, 2019 17:43

        Conheci uma que usava a escova nunca usada para o normal efeito para outras “escovagens” sozinha … será essa a especialidade feminista desta?

        Gostar

  2. lucklucky permalink
    9 Outubro, 2019 17:11

    Os piaçabas são instrumentos necessários.. Se ela os vende não há nada a criticar.

    Ela é uma incoerente social, elogiou a Hillary Clinton, a Hillary que puniu mulheres e que fez pressão para um livro contando histórias do Harvey Weinstein e outros esquerdistas não visse a luz do dia.
    É feminista por moda nada mais.

    Liked by 3 people

  3. Filipe Bastos permalink
    9 Outubro, 2019 17:38

    Estas tricas e ofensas entre colunistas, bloggers, comentadeiros, twittadeiros e opinadeiros profissionais, ou semi-profissionais, têm sempre a sua graça.

    Lembra o Governo Sombra, onde os três comediantes de serviço passam a vida a mandar recadinhos a figuras que também vivem de mandar bitaites, tal como eles.

    A maioria dos nomes pouco ou nada diz ao cidadão comum, mas as criaturas vivem e falam em circuito fechado: o público é pouco relevante, meras testemunhas anónimas das suas importantes e colunáveis excelências.

    Liked by 2 people

    • 9 Outubro, 2019 17:45

      Por acaso não concordo nada consigo.

      Gostar

    • 9 Outubro, 2019 19:56

      E v. vem aqui na qualidade de “cidadão comum que lê blogs e jornais” ou caiu de pára-quedas?

      Liked by 1 person

    • Mario Figueiredo permalink
      10 Outubro, 2019 08:05

      Tem razão, sim senhor, Filipe! Há excepção de um poucos bloggers aqui mesmo no Insurgente, esta malta colunista raramente desce ao andar dos seus leitores para falar com eles. Debitam a sua narrativa — de esquerda ou de direita, liberal ou conservadora — e esperam pela orgasmo que é a validação dos seus seguidores. Depois negam que o fazem e muitos até deixam sair cá para fora que julgam estar a fazer um serviço ao país… assim como os políticos. Ao menos os últimos ainda distribuem beijinhos uma vez em cada quatro anos.

      Gostar

    • Mario Figueiredo permalink
      10 Outubro, 2019 08:11

      Depois, é por causa da bolha desproporcional de auto-importância e de uns media tradicionais que procuram qualquer oportunidade para se auto-destruirem ainda mais, que temos histórias como a do tapete com a bandeira de portugal num hotel que “ofendeu os portugueses” e andamos uma semana a falar de um jantar de bois no Panteão Nacional, quando o resto do país nem deu por isso e temos problemas muito mais sérios.

      Gostar

    • Mario Figueiredo permalink
      10 Outubro, 2019 08:24

      Mas serviço ao país é o que o josé anda a fazer há anos no Porta da Loja. Que esse blog sim é um património nacional.

      Agora estar aqui a ler o Alexandre Mota todo chateado com a Maria João, tipo feudo de youtubers, é realmente só possível porque um gajo já só clica nestas merdas por atrição. Como dizem os ingleses, we have to take the good with the bad.

      Liked by 2 people

      • 10 Outubro, 2019 08:47

        Mas ela escreve no Observador, não escreve.

        Liked by 1 person

      • lucklucky permalink
        10 Outubro, 2019 14:48

        Concordo Mário Figueiredo, isto são as guerras que não interessam.

        Gostar

      • Mario Figueiredo permalink
        10 Outubro, 2019 19:01

        Sim, Zazie. E também é blogger. Ou pelo menos era quando eu frequentava o Insurgente. Eu por acaso até assisti a esta mal-fodida radicalizar-se no feminismo de terceira vaga. Há uns 5 anos atrás, mais coisa menos coisa, ninguém adivinhava o que vinha aí se a lesse no Insurgente antes de começar a escrever para o Observador. Depois, de repente apanhou o vírus e aquilo foi feminismo crónico fulminante. Veio de rajada e era cada artigo pior que o outro.

        Tenho cá as minhas ideais sobre o porquê de se ter radicalizado (para além a da falta de homem). Mas na verdade não quero saber. A MJM é passado.

        Liked by 2 people

  4. 9 Outubro, 2019 17:44

    A ironia é que, já fui bloqueado neste blog por um membro “conservador” ateu, com o avatar do mises e do hayek, por ter classificado a senhora em questão como a raquel varela da “direitinha”.

    Gostar

  5. Jornaleca permalink
    9 Outubro, 2019 22:17

    A Maria João não sabe perdoar. Alguém a ofendeu no passado e agora ela odeia.

    Feminismo. Ela quer mandar nos outros. E os outros não podem mandar nela. Onde está a lógica?

    Feminismo. Ela tem o corpo de uma mulher. Se ela lutar corpo a corpo contra um homem ela perde sempre. E isso causa-lhe frustração.

    No lugar de usar a arma do respeito, que resolve todos os problemas, desorientada como ela é, decidiu entrar num beco sem saída.

    E depois a Maria João mente muito.

    Liked by 1 person

  6. JgMenos permalink
    9 Outubro, 2019 23:40

    A criatura merece tanto troco?!

    Liked by 1 person

  7. hajapachorra permalink
    10 Outubro, 2019 02:48

    quem é?

    Liked by 1 person

  8. José Ribeiro permalink
    10 Outubro, 2019 09:18

    Desculpem a minha ignorância, mas essa é a fulana que escreve no Observador?

    Liked by 1 person

  9. Beirao permalink
    10 Outubro, 2019 09:20

    Quem é esta cabra doida que estupidamente rotula de naluquinhos de direita quem pensa diferente da gaja?

    Liked by 1 person

Indigne-se aqui.

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: