Saltar para o conteúdo

E chegou a justiça dos afectos que é como quem diz os tempos do ódio à solta

12 Novembro, 2019

Num dia todos nós comprendemos que uma mulher mate o marido que a agredia e que é despropositado mantê-la presa. No outro somos capazes de alinhar trẽs arugumentos para explicar que outra mulher certamente muito transtornada tenha um filho na rua e o deixe num caixote e que há que apelar ao coração da justiça que a deve libertar imediatamente. No outro explode-se em fúrias porque um marido agrediu a mulher e não ficou logo preso ou porque uma mulher que deitou um cão recém-nascido ao lixo não foi constituía arguida.
É isto a justiça dos afectos: não há razoabilidade nem distãncia. No fim acaba-se na justiça popular. Aviso apenas que as primeiras pedras caem em cima dos seus mais particulares entusiastas.

5 comentários leave one →
  1. Carlos Rosa permalink
    12 Novembro, 2019 21:10

    São os tempos da agonia da Esquerda a mandar num país.
    Isto vai acabar mal.
    Politicamente, Portugal está transformado num campo a perder de vista todo coberto de pasto seco e mato debaixo de um calor infernal. Um pequeno fósforo encostado a uma palha seca desse pasto provoca um incêndio que nem com a ajuda do Rui Rio a Esquerda consegue apagar.

    Gostar

  2. JgMenos permalink
    13 Novembro, 2019 00:34

    Testar limites é o ethos do progressismo saloio que nos inferniza a existência.
    Junte-se-lhe a sanha publicitária da política canalha a disputar os telejornais. e temos o lamaçal que nos submerge.

    Gostar

  3. André Silva permalink
    13 Novembro, 2019 08:54

    As pedras, e já houve casos da guilhotina…

    Gostar

  4. lucklucky permalink
    13 Novembro, 2019 12:31

    É isto a justiça da cultura Marxista. Projecto: Acabar com as Mulheres em nome da igualdade.

    Segundo o canone a mulher é explorada pelo homem e pela criança que nasce dentro dela.

    Aparentemente querem “protege-la” mas no fundo querem é acabar com a Mulher.

    O que Marcelo fez foi mais um prego no caixão da mulher, ao tirar-lhes responsabilidade de mãe tira-lhe uma das suas únicas características. Sem características únicas deixa de ser mulher.

    Por isso hoje as mulheres são cada vez mais validadas por valores exclusivamente masculinos e não por valores que vêm da sua diferente natureza.

    O projecto é precisamente acabar com qualquer característica logo responsabilidade da mulher que se distinga do homem.

    A uma rapariga que goste de bonecas e cor de rosa será posto à frente um carro azul e dado um livro de engenharia. E ai daquela que não queira jogar futebol, será logo dito que não é feminista.

    Gostar

  5. lucklucky permalink
    13 Novembro, 2019 13:20

    Everywhere you looked this week, culture was busy trying to correct the mistakes of the past. The new Broadway production of West Side Story has cut Maria’s song “I Feel Pretty”: the director explains he wants a rendition fit “for the 21st century”.

    Because, as we know, young women of today have ceased caring about their appearance, no longer enjoy getting dressed up for a big night out and are wholly indifferent to their attractiveness to the opposite sex. If there is still such a thing as the opposite sex, that is. Last time I looked, we were up to seven genders but, hey, it’s still only Wednesday!

    https://www.telegraph.co.uk/women/life/bbc-leading-charge-rewriting-culture-suit-woke-brigade/

    Gostar

Indigne-se aqui.

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: