Saltar para o conteúdo

Os patrões têm dinheiro só porque são patrões e portanto têm de o distribuir

20 Março, 2020

Escreve o JN: «Direitos. Lay-off sobrecarrega Segurança Social e alivia fortemente os patrões A CGTP considera inaceitável que o regime de lay-off simplificado (suspensão temporária dos contratos de trabalho) permita a redução salarial, a imposição de férias ou a flexibilidade de horário e mobilidade funcional. A perda salarial em termos brutos é de 33% para o trabalhador e o empregador paga uma ínfima parte, sobrecarregando-se a Segurança Social, conforme alertou a CGTP.»

Agradece-se que a CGTP explique e o JN divulgue como podem os “aliviados patrões” pagar ordenados, não colocar em férias os trabalhadores que agora estão em casa, não usar bancos de horas. Encarecidamente peço que mandem esclarecimentos.

31 comentários leave one →
  1. Weltenbummler permalink
    20 Março, 2020 10:23

    já fui patrão e nunca conheci nenhum cum dividas

    Gostar

    • 20 Março, 2020 11:22

      Parvo! Sou patrão e consultor de gestão, os meus clientes se não tem tiveram, se tem ou se livram delas ou vão ao charco! Palhaços de trabalhadores a exigir este mundo e o outro e a horas ´a única coisa que veja há 45 anos.

      Liked by 1 person

    • Carlos Rosa permalink
      20 Março, 2020 12:28

      Matem-se os patrões e fiquemos com o dinheiro deles que o Sol brilhará para todos nós.

      Gostar

    • Mauritano permalink
      20 Março, 2020 14:42

      Já fui patrão, a coisa correu mau. Quando fechei a empresa, todos os empregados e o fisco tinham as contas em dia. Eu fiquei a pagar as contas aos bancos durante mais dois anos a partir do rendimento como empregado de outro patrão. Aqui está, um patrão com dívidas.

      Liked by 1 person

  2. Velho do Restelo permalink
    20 Março, 2020 10:24

    A nossa legislação laboral não está preparada para esta situação.
    Passamos a vida a legislar tretas de lana caprina, e depois somos apanhados desprevenidos.
    Faz sentido dificultar o lay-off até pelo oportunismo de alguma empresa que já estava em dificuldades, e perante a oportunidade livrava-se do “encargo”.
    – Empresa sem viabilidade é para falir.
    – Empresa com viabilidade (após crise) é para apoiar.
    – Empresa parada tem menos despesas (excepto salários).
    – Trabalhador confinado a casa tem menos despesas (excepto alimentação).
    Logo, o apoio devia cingir-se ao mínimo para garantir a subsistência do agregado familiar.

    Liked by 1 person

  3. 20 Março, 2020 10:25

    É o disparate Esquerdalho do costume! Os empregados vão ter muita sorte se houver emprego e salários frequentes … não regulares … no fim deste pânico todo e empobrecimento geral.

    Gostar

  4. 20 Março, 2020 10:33

    Helena, os patrões em geral são ricos. Têm muito dinheiro debaixo do colchão!
    O único objectivo dos patrões terem empresas é apenas com o intuito de subjugarem os trabalhadores.

    A principal função da Segurança Social é dar emprego a um número cada vez maior de funcionários públicos, para depois ser palco das suas greves.

    Gostar

  5. 20 Março, 2020 10:57

    Vão seguramente complicar tudo suficientemente para que o número de falência conforte os ideólogos dos direitos dos trabalhagores.

    Liked by 2 people

  6. JCA permalink
    20 Março, 2020 12:58

    .
    à margem, estes dizem no tema:
    .
    -Beijng Fears COVID-19 Is Turning Point for China, Globalization
    .
    https://www.realclearpolitics.com/articles/2020/03/18/beijing_fears_covid-19_is_turning_point_for_china_globalization__142686.html
    .

    Gostar

  7. Expatriado permalink
    20 Março, 2020 13:34

    Check this out. Matéria para pensar profundamente. Os que forem minimamente capazes.

    Liked by 1 person

  8. Daniel Ferreira permalink
    20 Março, 2020 13:39

    Ainda bem que existem sindicatos e a sua mais que útil existência neste momento de crise para ajudar os trabalhadores…

    Entretanto convém salientar que esta crise tem afetado o mundo masculino 12% mais que o feminino, pelos vistos eles perdem 1€ por cada 0,88€ que elas perdem.
    Já agora pergunto porque é que a comunicação social só divulga casos em homens e mulheres e não menciona nenhum dos outros 57 ou mais “géneros” que dizem existir. Essas “pessoas” são imunes ao vírus ou são tão reais como a inteligência das Mortágua?

    Gostar

  9. Alex.soares permalink
    20 Março, 2020 13:57

    A cgtp até abria empresas e passava a entidade patronal só para mostrar como é que se faz. Mas não pode, a lei deles não deixa.

    Liked by 2 people

  10. Albino manuel permalink
    20 Março, 2020 14:02

    Este era o pensamento de Madame Matos, nos tempos em que guerrilheira marxista-leninista, andava pelas encostas das Beiras a arejar os espírito revolucionaro das massas proletárias, operários e camponeses, oprimidas pelo capitalismo e pelo feudalismo.

    Nos alcoólicos anónimos há muitos Savonarolas assim.

    Falo eu, que nunca andei por tais bandas da indecência social e ideológica e continuo afeito ao tinto.

    Liked by 1 person

    • Expatriado permalink
      20 Março, 2020 18:40

      Só os burros não mudam…

      Gostar

      • Albino Manuel permalink
        21 Março, 2020 18:38

        Há quantos anos anda a tirar água à nora? Palas, pelo menos usa. Anda jaleco!

        Gostar

  11. JCA permalink
    20 Março, 2020 15:23

    .
    Para haver unidade tem de haver confiança.
    A oratória da unidade não serve para nada nem resolve nada. É ‘encher pneus’ como toda a gente diz. Conversa fiada..
    .
    Muita parra e pouca uva. De facto na vida real do dia a dia pouca coisa se viu:
    .
    -Mascaras ?
    -Ventiladores ?
    -Fatos de protecção para todos os heróicos profissionais de saúde ou obriga´-los a ser kamikazes também que também têm filhos e famílias ?
    -Apoios de Empréstimos Bancários ás Empresas e Fisco encerradas e no lavar dos cestos é Bancos e Estado em cima dos bens dos gestores, gerentes etc ?
    -O prejuízo nacional é pago a prestações pelas Empresas através de empréstimos ou facilidades de pagamentos do Fisco ? Porquê as Empresas a pagarem ?
    -Apoios aos trabalhadores (justo) com o dinheiro dos próprios Segurança Social para depois reduzir impostos (espertos ou intocáveis são os ADSE que apesar de Estado não aceitam que seja o Estado a dispor dela a bel prazer) ?
    -Apoio alimentar e farmacêutico aos velhos maiores de 65 anos, muitos deficientes, outros sós outros com dificuldades ou impossibilidade de locomoção ou conseguirem estar em filas para se alimentarem ou adquirirem os seus remédios para doenças crónicas ?
    -etc
    .
    Afinal as receitas do Estado dirigida por CR7’s estão a ser usadas em quê ? No perdão geral das dividas ao Fisco, na redução ou isenção de Impostos ? Estão a ser guardadas para quem ?
    .
    Pois é. Todo o país suspeita dessa do ‘estado de emergência’ que permitirão um Governo de ‘Salvação Nacional’ ou melhor escondendo no limite a salvação do mais do mesmo mas à força.
    .
    Tem que se atalhar caminho, não é tempo para manhas nem para ‘bem falantes’
    .
    Actos e não palavras. Impõe-se que todos estejamos unidos. Mas todos significa mesmo todos sem esperteza saloia porque desta vez daria mesmo mau resultado.
    .
    Assim surge e é possível a tempo e horas, a tempo de corrigir os azimutes, unidade com confiança é palavra de ordem
    .

    Gostar

  12. Procópio permalink
    20 Março, 2020 16:14

    As cgtpês odeiam os patrões. Foi uma razão forte para os patrões grandes transferirem as empresas para a China, um país comunista sem sindicatos, com os resultados conhecidos. A crise que ainda agora está a começar vai permitir separar as águas. Explico porquê.
    Existem quatro tipos de agentes.
    A – Patrões, bons gestores das suas empresas, têm em conta os direitos e as necessidades dos trabalhadores
    B – Trabalhadores conscientes dos seus direitos e necessidades que sabem negociar e com bom senso, de modo a proteger o seu posto de trabalho
    C – Patrões irresponsáveis
    D – Trabalhadores arrastados pela ideologia dominante, em muitos casos sofrem injustiças dos Patrões C

    A crise vai ter consequências imediatas:

    As empresas C tornam-se inviáveis
    Os trabalhadores vão manifestar-se como habitualmente
    O colapso não vai dar chances, nem a uns nem a outros
    O juízo, as tecnologias avançadas e a robotização vão permitir a sobrevivência de A e B.
    O degrowth vai revelar que a maior parte das empresas é inútil.

    Isto é a opinião de um simples. De qualquer modo, ainda não vi nenhum prémio Nobel da Economia prever, ou solucionar qualquer crise-

    Liked by 1 person

  13. Filipe Bastos permalink
    20 Março, 2020 16:54

    O costume. A esquerda fala como se todos os empresas fossem a SONAE e todos os ‘patrões’ fossem o Paulo Azevedo ou o Mamão Mexia. A D. Helena e a direita falam como se a SONAE, a Banca, o Paulo Azevedo e o Mamão Mexia não existissem.

    O costume.

    Gostar

  14. Procópio permalink
    20 Março, 2020 17:07

    O SARS-Cov-2 colocou o “Degrowth” numa nova perspectiva. Em 2019 o “decrescimento” era visto como uma contracção da actividade económica a ser alcançada em décadas. Agora a pandemia global vai exigir a contenção de actividades parasitas.
    Os passos para quarentena, auto-isolamento ou distanciamento social significa ficar em casa, não usar o transporte incluindo transporte público e aviões. Significa compras apenas para itens essenciais, não ir a restaurantes ou férias. Isso significa fechar muitos processos de produção, redução no transporte de muitos bens, com repercussões mundiais. Muitos desses processos nunca serão reiniciados e as empresas que lhe são associadas, Kaput.
    Acontece que essa produção é desnecessária em grande parte. Existe para permitir à élite, composta de políticos corruptos, serventes de plutocratas corruptos, vangloriarem-se num mundo incrivelmente desigual nas revistas da moda e nas entrevista cor de rosa.
    O sector de bens de luxo, em grande parte originário da China, foi vítima do covirus 19. Por outro lado, o negócio chorudo dos futebóis, o colapso dos sectores de hotelaria, a venda das bugigangas, as estrela michelin e as viagens aéreas ligadas à moda do turismo bacoco, não serão uma tragédia para os países que souberam diversificar as suas economias
    O degrowth acabaria por chegar, já chegou!
    Os trabalhadores lesados terão que mudar de vida. Terão que encontrar que os ajude e o encoraje a fazê-lo. Não contem com as habilidades do kosta, com as promessas teatrais, com os discursos inflamados. Nem mesmo com o outro. Ele vai nu e ainda faz frio.

    Liked by 1 person

  15. MJRB permalink
    20 Março, 2020 18:56

    Helena e blasfemos, e esta ? “Factura da luz pode aumentar 25 Euros na tarifa bi-horária”. Chama-se a isto o quê ? Banditismo, canalhice, roubo !

    Liked by 1 person

  16. Procópio permalink
    20 Março, 2020 19:16

    Aqui temos o resultado de uma economia em crescimento julgado imparável e de uma agricultura que ultrapassou os limites do crescimento do planeta.
    As práticas comerciais das empresas agrícolas ajudaram. Obtiveram lucros extras roubando terras dos povos indígenas um pouco por todo o lado, degradando a biosfera.
    A mudança do clima e do uso da terra promoveu mudanças na faixa geográfica da vida selvagem, aglomerou espécies e partilhou vírus entre espécies anteriormente isoladas levando à disseminação em seres humanos. Com a sua capacidade única de dispersão, os morcegos são responsáveis pelo contágio, não estão apenas associados ao Covid-19, mas também ao Ebola. Estamos pagando o preço.
    As tendências ecocidas e agressivas progrediram anos e anos com a cumplicidade de muitos governos e levaram a um ponto de onde podemos observar a olho nu o barril de nossa própria extinção. Só uma mudança drástica de padrões pode mudar essa trajectória.
    Essa mudança vai criar altos níveis de insegurança. Desta vez é de forma democrática verdadeira. Atingirá qualquer um, não só os sem abrigo, a velhinha isolada do 5º andar, mas também plutocratas gananciosos, detentores das verdades eternas, amantes do povo, artistas de meia tigela, não pagadores de promessas, empresários da bola, habilidosos do chuto em seus próprios bólides, autarcas sem vergonha e toda uma caterva de espertos a passar pelos pingos da chuva, com a cumplicidade de um sistema de justiça feito à medida
    A rotura dos padrões que mantinham a doce ilusão do consumo chegou. Ponha o cinto, deite fora a máscara habitual, coloque a outra, lave as mãos e as partes.Segure-se bem.

    Liked by 1 person

    • Expatriado permalink
      20 Março, 2020 22:12

      Será desta que vão olhar para os maiores predadores dos recursos do planeta e da ruina de muitos países através de “empréstimos envenenados? Os chineses!!

      Liked by 1 person

      • Filipe Bastos permalink
        20 Março, 2020 22:33

        Os chineses e os americanos. Não se esqueça da canalha americana, Expatriado. Per capita são os piores. De longe.

        Gostar

      • 21 Março, 2020 12:56

        Filipe Bastos há uma diferença: Chineses são ET’s entre nós, Americanos são uns irresponsáveis poderosos nascidos de nós. Com segundos podemos bem, com os primeiros só a guerra total.

        Gostar

  17. Expatriado permalink
    21 Março, 2020 12:31

    Apontando certeiramente para solucionar a dependência excessiva dos “mamões” chineses.

    É urgente voltar a ter industrias locais a fazer o que é preciso e assim ter um back-up operacional contra os chantagistas.

    https://video.foxnews.com/v/6143592112001?playlist_id=6097749916001#sp=show-clips

    Liked by 2 people

    • 21 Março, 2020 12:58

      Não comprar Chinês, não usar empréstimos, obrigar governos a desenvolver de novo as capacidades de agricultura e pesca locais. Assim como nos fecham em casa devemos fechar a globalização!

      Liked by 1 person

Indigne-se aqui.

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: