Saltar para o conteúdo

Festa da varíola

11 Abril, 2020

Vai um indivíduo dentro do seu veículo, tranquilamente, encontra uma operação policial sem precedentes que consiste em assegurar que o residente em Valongo não conspurca com a sua presença indesejada o glorioso concelho da Maia. Para assegurar a eficácia do procedimento higiénico da operação “Vai Para a Tua Terra”, o agente solicita que o condutor abra o vidro, para que possa baforar o interior do veículo com a sua assintomática declaração de virtude enquanto apalpa com vigor os documentos que comprovam o estatuto de tentativa de imigração temporária e ilegal para o concelho vizinho.

Na maior operação de imunização comunitária levada a cabo pelas autoridades, esta autêntica “festa de varíola” poderá ser o factor determinante para o sucesso da nação no combate ao Covid–19. Daqui a uns anos, entre a chacota decorrente das unintended consequences, o sucesso da operação “Páscoa Segura – Vai Para a Tua Terra, Bandalho” poderá ser referido internacionalmente como mais uma prova irrefutável de Deus a escrever direito por linhas tortas. É por isso que devemos louvar o triunvirato dr. Costa, prof. Marcelo, senhor Ferro Rodrigues: ninguém teria tanta capacidade para providenciar as linhas tortas a Deus.

12 comentários leave one →
  1. Expatriado permalink
    11 Abril, 2020 10:30

    Amén!!!

    Liked by 1 person

  2. Weltenbummler permalink
    11 Abril, 2020 10:38

    bandalhos não faltam em locais de evidência

    Gostar

  3. Tiro ao Alvo permalink
    11 Abril, 2020 13:54

    Foi errado considerar o Concelho como o local de referência. O local de referência devia ser a residência.
    E, se assim fosse, bastaria determinar que as pessoas não poderiam afastar-se da residência mais do que x quilómetros, 10 ou 20, p.e..
    Da forma como os nossos sábios estabeleceram a norma, há pessoas que podem circular, dentro do mesmo Concelho, percorrendo dezenas e dezenas de quilómetros e outras que nem podem andar 100 metros para o lado do Concelho vizinho.
    Esta é, pois, uma lei meia tonta e, por isso, certamente muitos milhares de vezes transgredida. Em suma, é uma lei que não vai pegar, como dizem os brasileiros.

    Liked by 1 person

    • 11 Abril, 2020 16:52

      Tiro, você esquece outra coisa, e esta é o Alvo: é legal e normal que pessoas que tem duas casas tanto vivam numa como noutra, não estou a falar de casas de férias, falo p.e. de casa no Porto e uma quinta a dezenas de quilómetros do Porto. Eu vivo maioritariamente na quinta há 14 anos, contudo tenho a morada fiscal, de carta de condução e consequentemente no CC no Porto. Desde do natal que não saí da quinta em termos de residência. Como é? Estou a infringir ou não? Claro que não estou a pensar ir ao Porto, mas se fosse barrado como era? Estava dentro do concelho de residência efectiva e minha e posso comprová-lo com conta de telecomunicações, etc. mas também tenho mesmo para a morada no Porto … Cappice a estupidez disto?

      Liked by 1 person

  4. Cacim Bado permalink
    11 Abril, 2020 18:15

    FARÁ SENTIDO?
    O Lavradio é uma freguesia do Barreiro colada à Baixa da Banheira, concelho da Moita. Podemos circular do Lavradio para o Barreiro, tendo que vencer distância maior do que para a Baixa da Banheira, onde praticamente é só atravessar a rua, mas isso está vedado.

    Gostar

  5. 11 Abril, 2020 19:45

    Pois a mim parece-me que o Tiro ao Alvo está a pensar com o umbigo !
    O objectivo dessa lei não é satisfazer as necessidades pessoais de cada um !
    “… bastaria determinar que as pessoas não poderiam afastar-se da residência mais do que x quilómetros, 10 ou 20, p.e..”
    E como era feita a fiscalização ? O cidadão tinha de andar com um GPS, para mostrar que estava dentro da circunferência de raio R, e centro na sua casa cujas coordenadas constavam do cartão de cidadão !
    Oh Tiro ao Alvo, andas a ver muitos filmes de ficção …
    A lei refere o “concelho” como podia referir a “freguesia” ou o “distrito” !
    São as zonas administrativas disponíveis … o vosso umbigo não conta para este campeonato !

    Gostar

    • Tiro ao Alvo permalink
      11 Abril, 2020 20:40

      Vê pouco, Velho do Restelo. O que propus foi adoptado por outros países e, que eu saiba, com êxito.
      A fiscalização seria feita da mesma forma e mais facilitada, bastando às autoridades verificarem qual a morada do cidadão e se este se encontra ou não dentro da área permitida. As autoridades sabem onde estão a fiscalizar e qual a distância desse sítio para a morada do cidadão fiscalizado.
      O GPS serve para a China e para outros países que controlam todos os movimentos dos cidadãos. Espero que a moda não chegue ao nosso País.
      Releia o meu comentário e leia os comentários dos outros leitores.
      Passe bem e Boa Páscoa.

      Gostar

    • 11 Abril, 2020 21:37

      Meu caro, conheço bem o género tuga para saber que aquilo que funciona noutros países por cá falha! Se se deixar na lei um “buraco” do tamanho dum grão de arroz, há uns quantos tugas “xicos espertos” que vão conseguir passar por lá, e depois os outros imitam!
      Só o Kosta não sabe disso … mantenho o que disse.
      Basta ver o que aconteceu na véspera da Páscoa, com a debandada para Sul e não só.
      Boa Páscoa em família, sem ressentimentos 🙂

      Liked by 1 person

  6. A. R permalink
    11 Abril, 2020 20:56

    Qualquer dia temos que andar com um chocalho ao pescoço como as vacas mirandesas. Ou ser como os leprosos

    Gostar

  7. Vasco Silveira permalink
    12 Abril, 2020 01:45

    Caro Senhor
    Peço-lhe o favor de não invocar Deus em vão: Ferro “estou-me a cagar; peófilo prescrito” Rodrigues; Marcelo “balcony reality show” de Sousa; aldrabão do Martim Moniz Costa, não o justificam.
    Quem não tem coragem moral para assumir riscos, protegendo o país da maior recessão do último século, esconde-se atrás de uma autoridadezinha.
    Hoje mandaram-me parar na estrada, entre CONCELHOS; não trazia documentos: fiz cara triste, e contei a história da carochinha; deixaram-me seguir. agora imagine “os bandidos” que saíram da cadeia…!

    Cumprimentos

    Vasco Silveira

    Gostar

  8. Carlos Guerreiro permalink
    14 Abril, 2020 09:40

    Não é “festa da varíola”, mas “festa da varicela”. Se fosse festa da varíola, seria uma festa única…

    Gostar

Indigne-se aqui.

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: