Saltar para o conteúdo

Decidindo e revogando ao sabor do facebook

29 Maio, 2020

A Câmara Municipal de Lisboa (CML) vai revogar a disposição que exigia uma bolsa de até 30 horas de trabalho aos artistas contemplados com o apoio de emergência – um montante total de 500 mil euros repartido por 232 pessoas singulares e 46 pessoas colectivas.

9 comentários leave one →
  1. Expatriado permalink
    29 Maio, 2020 11:19

    Afinal sempre há uns almoços grátis… pagos pelos outros!!

    Liked by 2 people

  2. MJRB permalink
    29 Maio, 2020 11:28

    Mais uma vez a CML, sem que seja questionada no critério para a aplicação do dinheiro do “órário” público, compra apoios, especialidade dos “socialistas” quando estão no poder
    Siga o arco-íris.

    Liked by 2 people

  3. Expatriado permalink
    29 Maio, 2020 11:33

    Ouvindo isto, não se pode fugir a fazer comparações com o que se passou, e passa, em Portugal e não só. As semelhanças são demasiadas e pergunta-se porquê? Porque não deixam visões contrárias à “mantra” ser veiculadas na C.S.?

    https://video.foxnews.com/v/6158678769001?playlist_id=5198073478001#sp=show-clips

    Gostar

  4. sam permalink
    29 Maio, 2020 12:06

    O acto de criação artística não tem horário.
    A maldição adâmica não se aplica aos filhos de Atena.

    Gostar

  5. chipamanine permalink
    29 Maio, 2020 12:18

    Vendo lendo e ouvindo certas coisas dos poderes públicos aqui eu diria que são culpa da Trump e do Bolsonaro.. Mas “prontessss” aqui eles tem outra aura.

    Liked by 3 people

  6. Andre Miguel permalink
    29 Maio, 2020 12:46

    Que os nossos impostos sirvam para sustentar artistas não indigna o povo, pois este também espera um dia pelo seu quinhão do paizinho Estado. O país é socialista até à medula. Somos um acidente geográfico e um milagre histórico.

    Liked by 3 people

  7. Albino manuel permalink
    29 Maio, 2020 14:43

    Aldrabona. Facebook e CML são aqui para nada o que interessa à aldrabona é Trump e o Twitter.

    Isto e outros posts têm um nome: conversion disorder, por outras palavras, histeria de mulher.

    E ainda querem que um desgraçado fique uma vida inteira a aturar criaturas destas.
    Isto das mães de aluguer vai pegar. Para já, como muitas vezes entre o pessoal gay, a seguir vão os outros. Pelo menos diminuem as doenças cardiovasculares. Aumenta a esperança de vida e o sossego social.

    Gostar

  8. André Silva permalink
    29 Maio, 2020 21:20

    233 + 46??? E só por Lisboa?
    Caramba, abençoado país que tanto artista tem….

    Liked by 1 person

Indigne-se aqui.

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: