Saltar para o conteúdo

Nunca mais chove torrencialmente durante uns 40 dias e 40 noites

22 Junho, 2020

O estado da nação é igual ao de sempre, só notando-se mais. Resumindo: um indivíduo, acaso presidente da república popular, vem espingardar que é preciso “medidas mais duras” para pessoas das que se deixam controlar (filiem-se em sindicato da CGTP); o bobo da corte em funções vem logo dizer que concorda, que é preciso proibir ajuntamentos dos que ele não tenciona frequentar e punir esses que não são da CGTP, para o bem de todos (leia-se: de ninguém); a polícia diz que não tem bastões suficientemente fortes para dispersar as multidões que o crescente revivalismo da tradição de bufaria faz denunciar diligentemente; o autarca da cidade com tradição de desfiles de Carnaval em biquini no mês de Fevereiro vem exigir um cerco sanitário à volta de Lisboa (eu concordo, desde que seja para sempre e em ocasião do Rui Moreira estar de visita) e, mesmo com cachimbos de crack gratuitos, os idosos continuam sem poder frequentar centros de dia, limitando-se à morte lenta em casa, mas – Deus nos livre – sem Covid, só com uma faca nos pulsos; entretanto, um não sei quê da polícia já veio dizer – ouvi no rádio – que a polícia afinal tem meios para acusar gente que se junta de “crime de desobediência” se não dispersarem perante a arrogância pacóvia dos tipos de uniforme perante pessoas que se limitam a existir.

Enquanto decorre isto, pessoas andam entretidas a deliberar se o Chega é ou não é de extrema-direita, isto é, se são daqueles que no poder andariam aí feitos filhos de putas a limitar os direitos de circulação e livre associação dos cidadãos.

E não há um dilúvio que purifique isto.

13 comentários leave one →
  1. Expatriado permalink
    22 Junho, 2020 11:05

    Um CHEGA não chega. São precisos mais!!

    Liked by 2 people

  2. Expatriado permalink
    22 Junho, 2020 11:08

    Por cá também há muita gentinha que devia ouvir o que este cidadão tem para dizer. Muito do que diz se aplica por cá.

    Gostar

  3. Nulo permalink
    22 Junho, 2020 11:55

    Não vos inquietaides! a Mega-Store do franchise já foi tocada … agora é só esperar que alastre. Antevê-se para breve evolução significativa, a erupção não se fará esperar e a chuva, de merda senhores, virá … desta vez não haverá barcas nem passeatas por cima da diarreia sem sujar os pés, vai tudo kucrl … o povo (o escolhido) é sereno!

    Liked by 1 person

  4. LTR permalink
    22 Junho, 2020 13:45

    Eu ligo a TV e cada vez me convenço mais sobre a profundeza de Kms do já insanável problema pedo-psiquiátrico das mais altas figuras do estádio, a começar por aquela reunião foguetória comemorativa da chegada da final da Champions com uma dúzia de altas patentes públicas que não se reuniram assim em Belém nem quando se descobriu uma catadupa de gravíssimos casos de corrupção na justiça portuguesa, incluindo alguns que envolviam figuras passíveis de tomarem decisões irrevogáveis. Aí sim, deveriam ter reunido de emergência e de modo visível.

    Estamos a passar de um país fraco para uma apalhaçada república circense em que PR e PM competem por um lugar na praia à frente de uma câmara de TV antes da abertura da época balnear. E pior ainda, com sinais de que isto está a caminhar para o standard da casa graças a uma oposição que não tarda e vai ter ao colo a culpa e o dolo daquilo que se anda a fazer de conta que não está a acontecer, que é o abandalhamento total do país.

    Quanto a putedos, todos aqueles que andaram a berrar na TV porque um actor tinha tido necessidade de emigrar para o Brasil estão agora muito calados. Falta-lhes o Passos Coelho para lhe colarem o nome de alguém à testa, e portanto é preciso assobiar para o ar.

    Vamos ter um lindo futuro com esta fauna.

    Liked by 4 people

    • Expatriado permalink
      22 Junho, 2020 14:39

      Não esquecer o caso da “homenagem” ao artista que “gostava da vida” depois de este ter cometido suicídio…

      Será preciso mais para definir o homenegeador?

      Liked by 1 person

  5. castanheira permalink
    22 Junho, 2020 16:08

    Se Vitorio De Sica fosse vivo teria materia excelente e inspiração suficiente para um novo “Feios , Porcos e Maus ” com as principais figuras politicas portuguesas contemporaneas e respectivos amanuenses das Tvs ,radios e jornais . Com estes , está tudo controlado , pinte notas suficientes o ECB , calem-se banqueiros e outros oligarcas , bem como seus amanuenses que controlam o poder politico (PS,BE,PSD,PCP) , com as respectivas rações, o baile carnavalesco e a farra continuará , até que o ZÉ vislumbre que o “rei vai nu” , embora tardiamente .

    Liked by 1 person

    • Isabel permalink
      23 Junho, 2020 15:19

      Só uma pequena correcção: “Feios, porcos e maus” é uma chocante comedia de Ettore Scola ( chocante pela realidade que retrata ) com o magnifico Nino Manfredi. SE em Portugal houvesse algum realizador que chegasse aos calcanhares deste ou do Vitorio de Sica, matéria para os inspirar existe e ainda sobra para mais outros tantos realizadores do mesmo calibre.

      Gostar

  6. marão permalink
    22 Junho, 2020 17:16

    Torrencialmente, só Marcelo em vergonhosa campanha eleitoral à conta de uma desgraça coletiva a seus pés.
    Chefe do Estado em grotesca negação.
    Não para, mal escuta, e pouco quer ver.
    Fora os chavões, sobre o que fala nada diz.
    Marcelo em tudo mete o nariz, por tudo espera. de Marcelo nada a esperar.
    Preenche as suas fastidiosas aparições com discursos de analfabeto letrado, sem nexo nem sentido.

    Liked by 1 person

  7. Desalinhado permalink
    22 Junho, 2020 18:32

    Vários ajuntamentos, incluindo o que foi organizado no Campo Pequeno, foram vistos em Portugal para testemunharem de perto o tal milagre português descrito pelo presidente da República.
    Debalde! Afinal não há milagre português nenhum, o que há é uma tendência suicida colectiva de um povo, que por norma, não se sabe comportar. É desobediente, indisciplinado, prevaricador, e acha que é “cool” andar-se a propagar o vírus e entulhar novamente os hospitais de pacientes covid-19.
    Estamos já perante a segunda vaga da pandemia, porque os casos já se estão a multiplicar por todo o país, e Marcelo e Costa parecem uma versão decalcada do senhor feliz e do senhor contente, que acham que o presente envenenado oferecido pela UEFA é um prémio merecido a todos os profissionais da saúde, dito assim da boca para fora, com suaves requintes de malvadez e hipocrisia, a que tem que se juntar uma boa dose de estupidez política.
    Somos irremediavelmente assim: não temos onde cair mortos, tal é a nossa irrelevância, mas nunca dispensamos uns ímpetos de arrogância e de sobranceria, e só quando os outros nos colocaram na lista negra de países interditos é que acordámos para a realidade dos factos, porque até aqui, a comunicação avençada e subsidiada, só disparava contra Trump e Bolsonaro e panfletava o elogio da bajulação da actuação do Estado português.
    E bom seria, que da mesma forma como se comenta a irresponsabilidade daquela festa ilegal organizada em Odiáxere, que não se esquecesse também a permissão das manifestações anti-racistas, tanto no Porto como em Lisboa, com milhares de pessoas, e que tiveram a autorização irresponsável do ministério da Administração Interna.
    Razão tinha o Bocage: Que país de merda!

    Liked by 2 people

  8. Prova Indirecta permalink
    23 Junho, 2020 08:29

    Chuva , chuva a sério , só mais lá para o Outono . Isto ainda está muito verde … é deixar acabarem as moratórias primeiro , digo,o Verão.

    Liked by 1 person

Indigne-se aqui.

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: