Saltar para o conteúdo

A trágica esperança do Zé

28 Dezembro, 2020

O Zé presenteou os familiares no Natal com compotas caseiras no quintal de cada um. Agora, lá vai o Zé tomar a vacina. Quando de lá sair, completamente revigorado, virá rapidamente para casa com a sua máscara colocada para respeitar o recolher obrigatório plenamente convencido de que está imune à doença desde que continue a rejeitar qualquer convívio com amigos e familiares e continue a lavar as mãos com after shave para não coçar o olho.

A vida do Zé não mudou absolutamente em nada. Continua “em teletrabalho” na Playstation. A mulher do Zé continua em teletrabalho no site onde mulheres se despem para outros teletrabalhadores. Continuam sem sair de casa e as cidades continuam livres de turistas – graças a Deus, que há mileniais influencers do partido que precisam de casa acessível no centro. Os filhos do Zé continuam sem saber se vão ter escola no dia seguinte ou se o professor vai meter a terceira “quarentena preventiva” do ano. Ninguém sabe quando volta a entrar no país depois de passar uma fronteira, pelo que ninguém sai do país (e ainda bem: iam lá para fora contaminar inocentes?). Começa a construção do TGV para não ficarmos fora da linha transeuropeia de ferrovia. No entanto, o Zé está satisfeito. O Zé salvou o planeta do vírus porque tomou a vacina.

Lá para o fim do Inverno, o Zé dará um tiro nos cornos. Mais um que morrerá de covid sem tempo para ver o novo aeroporto de Lisboa.

23 comentários leave one →
  1. 28 Dezembro, 2020 10:23

    É ele e umas tantas centenas de outros que também iriam morrer de doença quando estavam nas twin towers e outros ceifadores higienistas e humanistas como o VC até os libertaram do azar que mais cedo ou mais tarde iria acontecer.

    Eu adoro parábolas moralistas de netontos que até prometem passar receitas para livrarem outros imbecis idênticos daquele malvado uso das máscaras. Nem que para isso tenham de fazer recurso a familiar médico.

    Claro que depois apagam estas boas acções mas é por mera humildade.

    Gostar

    • voza0db permalink
      28 Dezembro, 2020 12:20

      Sai um “Tiro nos cornos” para ti…

      Liked by 1 person

      • 28 Dezembro, 2020 12:28

        Experimenta fazer essa ameaça pública, dando a cara que eu trato-te do canastro sem precisar de polícia ou pistolas.

        Um pontapé nessa cona-mole a ver se guardavas os insultos para a tua família.

        Liked by 1 person

      • voza0db permalink
        28 Dezembro, 2020 12:39

        Cadela vadia que ladra são as mais fáceis de abater…

        Liked by 1 person

      • voza0db permalink
        28 Dezembro, 2020 12:39

        Além de que não foi ameaça… Foi apenas uma Ordem para que te suicides!

        Liked by 1 person

  2. 28 Dezembro, 2020 10:27

    E também ando a gostar tanto de ler em quem se proclama “agnóstico”- termo e sentido inventado pelos maçons, agora a dizerem graças a Deus por tudo e por nada.

    É delicioso este National Geographic da dialéctica da hipocrisia a justificar-se como boa moral e muita caridade para com o próximo- de preferência bem contaminadinho para dar trabalho a quem precisa de mais horas extra que as 35 de picar o ponto no público atrapalham o triplo em simultâneo no privado e agora até parece que já nem lhes sobra tanto tempo para a lamúria nas greves.

    Liked by 1 person

  3. Andre Miguel permalink
    28 Dezembro, 2020 11:07

    Brilhante!!!! Retrato perfeito da parvoíce que contaminou os descerebrados que votam.

    Liked by 1 person

  4. chipamanine permalink
    28 Dezembro, 2020 12:08

    Entretanto o Zé embalado na catástrofe covidiana nem reparou que foram feitos menos 9 milhões de actos médicos aos outros que precisavam levando ao excesso de mortes bem escondido não covid para números de mais de 10.000. Foi tudo pra cova de máscara e com alcool nas mãos…safaram-se foi o que foi……
    Para melhorar as coisas ficamos a saber que o sector não financeiro do estado e do privado (aquele que produz riqueza) vai na módica dívida de 360%
    Para festejar o ano novo socialisticus temos o valor que ganhamos no trabalho em função do nosso próprio poder de compra que há uns anos eramos o 7º (sétimo) país no ranking europeu a 28 que menos ganhava e que agora já somos o 2º (segundo) que menos ganha só “ultrapassados” pela Bulgária.
    Pouco falta para o socialismo pleno.

    Liked by 5 people

    • voza0db permalink
      28 Dezembro, 2020 12:25

      Os DONOS DO SISTEMA MONETÁRIO querem redução da MANADA de escravos boçais que anda por aí a DESTRUIR-LHES O PLANETA (que é deles!), e como tal TODAS as medidas, causem elas mortes directas ou indirectas, são boas e devem ser aplicadas com afinco pelos salafrários (presidente, governo e deputados e por aí fora até ao zé da junta de freguesia).

      Estes contam ser poupados da chacina, visto estarem nas posições que estão!

      De resto, e como esses dados não passam na RTP/SIC/TVI/CMTV, eles não são VERDADE e como tal a manada de escravos boçais nunca acreditará nisso…

      Liked by 2 people

  5. voza0db permalink
    28 Dezembro, 2020 12:13

    Pena que os zés demorem tanto tempo para darem o tiro nos cornos!

    Mas antes de o fazerem cada ZÉ DEVIA FAZER A ÚLTIMA ACÇÃO PATRIÓTICA E ANTES DE DAR UM TIRO NOS SEUS CORNOS DEVIA DAR UM TIRO NOS CORNOS DE QUEM O FODEU…

    Mas como os zés são escravos boçais pois não sabem sequer quem os fodeu, pois vão voltar a votar neles, e cobardes até depois de mortos, pois vão pedir na carta de despedida para ir de máscara para o caixão, pois nunca se sabe se o mítico RNA chegou ao Paraíso/Inferno (no caso destes que dão tiros nos cornos é para o Inferno que vão), regras da tanga, mas regras são regras, e tais como estas da OPERAÇÃO COVIDIUS, são para cumprir religiosamente.

    Liked by 3 people

  6. 28 Dezembro, 2020 12:13

    O Zé deu o tiro num acesso de felicidade: nunca a sua vida tinha sido tão boa desde o último aumento de 5€ (dos quais devolveu 6 através das mudanças no IRS para financiar as luvas ligadas ao TGV). Deu o tiro porque a sua vida estava no auge da bem aventurança e agora só poderia piorar – e o Zé não aguentou a perspectiva! Antes do tiro teceu as últimas loas ao partido que tão sabiamente o tinha protegido e acarinhado e por quem sempre depositara na urna o seu voto fiel. Elevou os olhos para o retrato do líder, suspirou – e apertou o gatilho.

    Liked by 4 people

    • pmanuelp37 permalink
      28 Dezembro, 2020 23:54

      Não consigo apagar o like que dei a mim mesmo num momento de euforia! Sorry!

      Gostar

  7. voza0db permalink
    28 Dezembro, 2020 12:14

    A melhor parte disto tudo é as insustentáveis cidades em que escravizamos estão pelo menos livres da escumalha turística…

    Gostar

  8. LTR permalink
    28 Dezembro, 2020 12:18

    Pelo calendário o Zé é capaz de ainda ir a tempo de ver o Costa a fugir e a divorciar-se litigiosamente do Marcelo, ou a neo-liberalizar na forma santificada de salvador que olha por nós do alto da sua vacuidade, para já não falar na possibilidade de assistir ao permanente espectáculo de aproveitamento político do COVID com as vacinas que a Dra.Leyen (não formada nas famosas levas canudas de 1975 e suas derivadas) nos mandou para os armazéns secretos cujas imagens a TV passa em directo com indicação do local. E como poderiam os locais ser secretos se era preciso a ministra e os amigos tirarem fotos junto ao troféu para o Zé ver e se sentir reconfortado com a sedimentação dos seus argumentos, igualmente válidos para viver ou dar um tiro nos cornos?

    Liked by 2 people

  9. CASTROL permalink
    28 Dezembro, 2020 13:57

    Dos Zés deste mundo não reza a história…

    Gostar

  10. Rocco permalink
    28 Dezembro, 2020 14:58

    O Zé é mesmo um atraso de vida…

    Liked by 1 person

  11. Jorge Moreira permalink
    28 Dezembro, 2020 15:22

    Só o Vítor Cunha para me fazer rir nestes tempos de imbecilizacao colectiva. Obrigado meu caro.

    Liked by 2 people

  12. Weltenbummler permalink
    28 Dezembro, 2020 15:27

    o zé faz falta para enganar a malta

    Gostar

  13. Prova Indirecta permalink
    28 Dezembro, 2020 22:39

    Entretanto , parece que a PSP e a GNR se desentenderam em Evora por causa do transporte das vacinas . Diz o observador que o Cabrita já instalou mais um inquérito para se apurarem as responsabilidades , “doa a quem doer” ….

    Gostar

  14. 29 Dezembro, 2020 13:08

    Adeus, até ao meu regresso! Quando o cov-sars2 fizer a sua aparição!
    Aqui já não se aprende nada.

    Liked by 1 person

  15. castanheira permalink
    30 Dezembro, 2020 14:42

    …E todos os animais da floresta seguiam o mocho , cantando : ” O mocho é o nosso rei e salvador que nos guia, vê de noite e de dia… ele é o nosso rei que nos protege … ele é o nosso rei …ele é o nosso rei…
    Amanhece e a multidão de animais continua a seguir o mocho que deslumbrado e mesmo sem ver continua a marcha levando todos para uma autoestrada … onde de repente aparece um camião …
    Nota : Qualquer semelhança desta conhecida fábula é pura coincidência , tendo em conta os “mochos” que mandam em Portugal.
    Quanto á cronica em epigrafe , o meu aplauso . Gostei

    Gostar

Indigne-se aqui.

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

<span>%d</span> bloggers like this: