Saltar para o conteúdo

Que legitimidade?

1 Janeiro, 2021

Jaime Nogueira Pinto: «Desaparecidas considerações transcendentes do poder, derrotadas no século passado as experiências totalitárias baseadas numa percepção especial do Bem Comum, aceite o princípio de igualdade dos cidadãos, garantidos contrapoderes institucionais e da sociedade civil, aceita-se que o poder seja disputado e decidido segundo as regras constitucionais que proclamam que o partido, a coligação ou o candidato mais votado em eleições livres e justas formará o governo e comandará a sociedade nos termos e prazos constitucionais definidos.

Ora desde que candidatos, partidos, coligações e movimentos nacionais populares – ou populistas, como lhes chamam os seus concorrentes e os media – começaram a vencer eleições e a ter espaço de legitimidade democrática, esta regra parece ter mudado. Os seus adversários no sistema começam a levantar dúvidas, suspeições, reservas a este princípio da legitimidade do voto popular, quando o povo não vota da maneira certa, isto é, nos candidatos ou partidos “democraticamente correctos”. Então a regra do jogo não deve ser respeitada. Daí as acusações de “democracia iliberal”, a países como a Hungria ou a Polónia; e os pedidos de ilegalização de partidos como a Lega, o Front National ou ilegalização o Chega.»

12 comentários leave one →
  1. 1 Janeiro, 2021 10:41

    Pois é isso mesmo. Continue o seu serviço público no Observador, porque aqui também já é única.

    Gostar

  2. JgMenos permalink
    1 Janeiro, 2021 11:57

    A formula é conhecida desde que a democracia foi definida como etapa para o totalitarismo.
    Já se viu à esquerda e à direita, e sempre a propaganda é passo prévio e sempre é desvalorizado o indivíduo – em relação ao qual se definem a liberdade e a integridade ética -e promovido o colectivo decomposto em grupos e classes.

    Liked by 3 people

  3. Maria Sousa permalink
    1 Janeiro, 2021 13:04

    A democracia grega antiga não era propriamente o que podemos aceitar hoje como democracia. Havia apenas uma “ elite” que exercia o seu direito de voto; os servos e os escravos não tinham o direito de votar. Portanto, uma porção enorme da população não votava e servia os outros.
    O conceito de “bom selvagem” de Rousseau é absurdo, pois basta observar um ser que não seja condicionado pela educação, bem como os animais, para perceber que a bondade não faz parte do seu comportamento, antes sim o instinto de sobrevivência e defesa da sua integridade, necessidades e apetites.
    Temos que aceitar novas filosofias, como escreve o Prof. Gabriel Mithá Ribeiro no seu artigo de hoje no Observador.
    Felizmente, ainda podemos ler Jaime Nogueira Pinto, Gabriel Mithá Ribeiro, Helena Matos e Alberto Gonçalves. Espero que o Observador os conserve.
    Bom Ano 2021! Que seja melhor que 2020.

    Gostar

  4. voza0db permalink
    1 Janeiro, 2021 13:51

    É sempre divertido observar as reacções dos salafrário e corruptos que a MANADA de boçais TEIMA em dar-lhes PODER, para CONTROLAR as suas miseráveis e tritstes existências, via VOTO.

    Que os salafrários e corruptos (INCLUI O CHEGA e todos os outros que queiram ir deitar as patas ao POTE e ao PODER) tenham estas lutas, não é de admirar nem sequer é SURPRESA, afinal de contas quem não GOSTA de estar numa posição de [P]FODER, com acesso ao POTE e principalmente com acesso a Empregos com elevadas remunerações após terem prestado brilhante e valoroso serviço à MANADA de escravos boçais?!

    Naturalmente as quadrilhas que estão nesta posição farão de TUDO para evitar que outras quadrilhas os destronem. É tal e qual como nos tempos idos da Monarquia!

    >O QUE É DIVERTIDO É CONTEMPLAR a passividade e mansidão absoluta da MANADA TUGA face a tudo isto…

    Aliás, o melhor que nós escravos boçais conseguimos fazer é mesmo apenas e só isto: escrever uns artigos (neste caso é mero copia/cola) e debitar uns comentários e fazer uns “Gostar”! E tá feito! Revolução alcançada!

    [F]ODER quem nos [F]ODE é que NEM PENSAR!

    Espero que em 2021 as quadrilhas CONTINUEM A [F]ODER a MANADA DE BOÇAIS como fizeram desde 13 de Março de 2020, sempre à sombra da OPERAÇÃO COVIDIUS claro, pois a MANADA bem que merece.

    Gostar

  5. 1 Janeiro, 2021 16:18

    Porque será que os tarados também se boldam todos quando escrevem?

    Gostar

  6. 1 Janeiro, 2021 17:56

    Eu também acho que não tinha servido para nada os alemães terem ilegalizado o partido nazi. Quando o povo está descontente, vai atrás de miragens redentoras até à beira do precipício. Depois é só empurrar…

    Gostar

  7. carlos rosa permalink
    1 Janeiro, 2021 19:31

    Bom, isto deve ser do frio.
    Mas eu que estou à lareira digo,
    CHEGA pra cá!

    Gostar

  8. xico permalink
    1 Janeiro, 2021 22:51

    Não basta ganhar eleições para se ter legitimidade democrática. Há dois princípios a respeitar em democracia: o respeito pela minoria e o livre escrutínio. Quando os partidos que ganham as eleições perseguem a opinião livre e a imprensa, garante do escrutínio, (como é o caso da Polónia e da Hungria) perdem a legitimidade ganha pelos votos.

    Liked by 1 person

    • carlos rosa permalink
      2 Janeiro, 2021 02:02

      Em Portugal há opinião livre e imprensa livre?
      Adronde?

      Liked by 2 people

      • chipamanine permalink
        2 Janeiro, 2021 07:35

        “Opinião livre” na maioria destas cabecinhas pensadoras é aquela alinhada apenas e ferreamente defensora daquilo que eles pensam, …..do que eles propagandeiam,……. daquela que eles “compram” ou até coagem.
        E seremos felizes para sempre com a “opinião livre” deles.
        É assim que eles governam, nem precisam ganhar eleições.
        Opinião livre para eles é um governo poder ser formado com o apoio de um partido que apenas mudou a semântica do seu programa que previa a ditadura do proletariado para “socialismo pleno” quando qualquer berrabotas que tenha lido um manifesto do final do século XIX sabe perfeitamente que socialismo pleno só se alcança através do comunismo com a ditadura do proletariado. Entretanto é “opinião livre” deles que os outros não garantem a “sua opinião livre”.

        Liked by 1 person

Indigne-se aqui.

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

<span>%d</span> bloggers like this: