Saltar para o conteúdo

“O bloco que o Bloco quer” *

23 Junho, 2009
by

O manifesto de 28 economistas pedindo ao Governo que reavalie os grandes investimentos públicos é uma bomba política: pelo momento e pelo relevo dos protagonistas.
Mas a novidade foi a reacção do Bloco de Esquerda: Louçã, talvez afligido por Vitalino Canas ter sido remetido para uma merecida obscuridade, liderou a defesa do Governo: increpou os autores de “ministros de pouca fama“, insinuou manobras de “máfia financeira” e socorreu as grandes construtoras com um desvelo tal que o cheguei a imaginar, daqui a alguns anos, sentado entre Jorge Coelho e Dias Loureiro na administração de alguma delas.
Mas a causa imediata do achaque de Louçã deve ser outra – o Bloco já sonha em ir para o Governo com o PS, após as Legislativas, e convém ir mostrando serviço.

* Ontem, no Correio da Manhã

37 comentários leave one →
  1. 23 Junho, 2009 12:02

    Se enveredar por este caminho e por esta estratégia, o “Berloque” vai mudar o seu ADN político: deixa de ser um partido de protesto, com possibilidades de se constituí como uma reserva eleitoral (quando todos os outros são partidos “sistémicos” e passa a ser um partido “como os outros” (no sentido de desejar alcançar, apenas, o poder)

    A ver vamos o que decidirá Louçã e como reagirá o eleitorado em caso positivo

    Gostar

  2. Caty Waves permalink
    23 Junho, 2009 12:18

    Bem, neste aspecto Louça marca pontos e está a mostrar-se mais responsável do que os partidos que estão contra as obras públicas quando o país mais precisa delas.

    Gostar

  3. Anónimo permalink
    23 Junho, 2009 12:22

    A maior parte dos 28 são ex-ministros e ex-secretários de estado, e outros que tais, em grande medida responsáveis pelo triste estado a que isto chegou.

    Gostar

  4. 23 Junho, 2009 12:45

    Como as pessoas, para estarem bem informadas, devem observar a realidade pelo maior número de ângulos possíveis, também eu tentei ler os argumentos contra o manifesto dos economistas.

    Mas o que encontro são, simplesmente, ataques às pessoas que o redigiram e subscreveram – e pouco (ou nada) quanto ao assunto em si mesmo, dando razão ao velho ditado:

    «Quando alguém aponta para a Lua, o tonto fica a olhar para o dedo».

    De qualquer forma, o simples facto de a resposta ser dada dessa forma (com argumentos pessoais e, portanto, de grande pobreza), parece ser um bom indicador para se aquilatar de que lado está a razão…
    .

    Gostar

  5. Júlio permalink
    23 Junho, 2009 13:04

    Este bloco é uma vergonha. Demora-se é a perceber. Votei neles em 2005 e foi para nunca mais.

    Gostar

  6. 23 Junho, 2009 13:10

    «Mas o que encontro são, simplesmente, ataques às pessoas que o redigiram e subscreveram»

    Precisamente, C. Medina Ribeiro

    Gostar

  7. Fomos permalink
    23 Junho, 2009 13:14

    Tendo-se Portugal enterrado nos ultimos 23 anos em despesismos em obras publicas, nao percebo como há cidadaos que defendem continuar na mesma senda.

    Há melhores maneiras de investir o dinheiro…

    Gostar

  8. 23 Junho, 2009 13:22

    CAA, Isto vem tudo da sua cabeça ou tem ajuda? Você é um fofo.

    Medina Ribeiro diz: “Mas o que encontro são, simplesmente, ataques às pessoas que o edigiram e subscreveram”.

    Você (e logo você meu caro CAA, um pistoleiro fofo) diz: “Precisamente, C. Medina Ribeiro”.

    O mais grave é que estas emanações vêm depois desta desse grande homem que é o anónimo (o gajo está em todas pá!): “A maior parte dos 28 são ex-ministros e ex-secretários de estado, e outros que tais, em grande medida responsáveis pelo triste estado a que isto chegou”

    Ou seja meu caro CAA e C. Medina Ribeiro, o que não se faz é branquear o passado políticos dos eminentes 28 economistas que vêm em posse de estadistas e doutos homens que despertaram (de repente) para a problemática da coisa. Pergunto-me se eles não vêm atraso (que a crise meus lindos não vem de agora) ou, p’lo contrário, se vêm exactamente a tempo por motivo de eleições. O que vale é que são todos uns fofos!

    Gostar

  9. Fomos permalink
    23 Junho, 2009 13:33

    Talvez seja boa ideia recomendar a seguinte leitura para alguns comentadores:

    http://pt.wikipedia.org/wiki/Ad_hominem

    Gostar

  10. Portela menos um permalink
    23 Junho, 2009 13:36

    CAA preocupadíssímo com o facto do CDS estar a ficar fora do “arco da governação” !

    Gostar

  11. 23 Junho, 2009 13:36

    O Esquerdismo reflecte-se, posteriormente, em atitudes dignas da reacção…ao longo da história isso tem-se revelado uma constante, e a história é ciclíca!

    Adicionem, se faz favor: http://o-comunista.blogspot.com

    Abraço

    Gostar

  12. 23 Junho, 2009 13:38

    O Esquerdismo, reflecte-se sempre em atitudes dignas de reaccionários, foi assim ao longo da história, e a história é ciclíca, tende a repetir-se!

    Adicionem: http://o-comunista.blogspot.com

    Abraço

    Gostar

  13. Ricardo permalink
    23 Junho, 2009 13:40

    Bloco, PS, PS, Bloco

    Dentro de meses não haverá diferença nenhuma. Bloco prepara-se para governar, condenado a ser muleta do PS.

    Gostar

  14. Portela menos um permalink
    23 Junho, 2009 13:47

    já agora sugere-se ao grupo dos 28 (27 homens e 1 mulher!) que faça um manifesto sobre o BPN e o BPP…só para ficarmos a saber o que pensam do tema.

    Gostar

  15. lucklucky permalink
    23 Junho, 2009 13:52

    “Há melhores maneiras de investir o dinheiro…”

    Que tal pagar a dívida pública e o défice?
    As próximas gerações já não vão conseguir roubar o que estas fizeram. Aliás quem está nascer agora bem pode roubar as poupanças dos Pais e os Avós que ainda assim fica provavelmente a perder dinheiro.

    As pessoas não percebem que Portugal deve ter uns 20% de desemprego e estar em recessão desde há 10 anos se não tivesse desatado a pedir dinheiro emprestado, porque a corrupção legal do Estado gigante tudo come e todos os bons incentivos destroí á sua volta. Sem os fundos da UE ainda pior. Basta isto para perceber o artificialismo e a bolha especulativa que este Regime é. Mais tarde ao mais cedo a Verdade virá ao de cima.

    Gostar

  16. Anónimo permalink
    23 Junho, 2009 14:08

    Isto afunda.

    E Alegre.

    Gostar

  17. Anónimo permalink
    23 Junho, 2009 14:42

    “Mas o que encontro são, simplesmente, ataques às pessoas que o redigiram e subscreveram”
    deram o nome para valorizar o documento, é natural que sejam atacados pelo que fizeram antes. quanto à autoria do mesmo ninguém fala, uma coincidência de ideias entre a presidência da república e o psd, custos de impressão e promoção suportados pela sonae e redacção do compromisso portugal.

    Gostar

  18. Draguinho permalink
    23 Junho, 2009 14:49

    E que quer CAA após este poste tão baixinho, baixinho que mais parece o coitadinho do jacaré… a voar!

    Gostar

  19. 23 Junho, 2009 15:20

    O CAA tem a certeza de que todos são economistas. Já agora, porque hão-de ser os “economistas” a decidir o nosso futuro. Alguém votou neles?

    Gostar

  20. O puto novo no bairro permalink
    23 Junho, 2009 15:26

    Não é de admirar nada que surja do Pensamento Bloqueado. O silogismo é simples: As Obras Públicas (que são um espasmo de Estatismo)dão emprego ao proleta. Como tudo o que dá emprego aos proleta é bom, logo as obras são boas.

    O silogismo secundário que se extrai: O Estatismo é bom,as Obras Públicas são boas, logo as Obras geridas pelo Estado são boas.

    Quem ousar pensar o contrário é porque é (foi) malandro, incompetente ou louco.

    O Pensamento Bloqueado é assim nada mais do que um típico pensamento autoritário apoiado em silogismos inverificáveis, em dogmas absolutos.

    Curioso como a dialética, que em princípio deveria ser o motor do seu pensamento, lhes escapa por entre os dedos.

    E por isso, depois desta declaração do homem com mais pendor moralizante, vamos ter a via aberta para o Terceiro Centro: PS PSD e Bloco em “unio mystica” (porque as ideologias foram todas enterradas).

    No país das Alices de chouriço de plástico e pregado falsificado por espanhóis tudo é possível.

    Resta que as viagens por TGV são aborrecidíssimas, não se pode abrir a janela.

    Gostar

  21. Kolchak permalink
    23 Junho, 2009 15:38

    Defendo aqui e em qualquer lugar, que Manuela Ferreira Leite será a próxima Primeira-Ministra de Portugal: se o Bloco seguir este caminho de apoio a Sócrates, digo mais: será Primeira-Ministra e com maioria absoluta na AR!

    Gostar

  22. 23 Junho, 2009 15:47

    «Nuno Vieira Matos disse
    23 Junho, 2009 às 1:22 pm e

    CAA, Isto vem tudo da sua cabeça ou tem ajuda? Você é um fofo.»

    Realmente começa a ser difícil que os comentários vão ainda mais para baixo deste subsolo…

    Gostar

  23. 23 Junho, 2009 15:54

    Caro CAA,

    E se respondesse aos restantes 90% do comentário?

    Que tenha falta de humor that’s fine. Agora que se fique por aí e não responda ao que realmente interessa vem apenas reforçar o que escrevi (nos restantes 90%). Mas de qualquer modo mantenho, você é um fofo.

    Gostar

  24. interludio musical permalink
    23 Junho, 2009 16:13

    Os comentarios neste blog parecem vir sempre dos mesmos videirinhos!!Devem pensar que isto substitui o divan do psicanalista!

    Gostar

  25. artur mendes permalink
    23 Junho, 2009 17:06

    Sou 100% a favor das grandes obras publicas: TGV / Aeroporto e as tres autoestradas Lisboa/Porto e … mais uma : Porto/Lisboa.

    Gostar

  26. 23 Junho, 2009 17:23

    «Sou 100% a favor das grandes obras publicas: TGV / Aeroporto e as tres autoestradas Lisboa/Porto e … mais uma : Porto/Lisboa.»

    Mais hipóteses:

    – Lisboa – Coimbra – Porto;
    -Porto – Leiria – Santarém – Cascais;
    – Sacavém – Alcobaça – Figueira – Águeda – Gaia;

    etc.

    Gostar

  27. 23 Junho, 2009 19:23

    O problema de alguns desses ex-ministros é que não me lembro do que eles fizeram para evitar o deficit que agora os preocupa. Pelo contrário. Dois deles estiveram bem ligados aos nossos primeiros passos na UE e à adopção da fantástica política agrícola que hoje temos. Só para recordar: os produtos alimentares são uma das nossas maiores importações.

    Gostar

  28. 23 Junho, 2009 20:58

    ora aí está um belo comentário

    Gostar

  29. portela menos 1 permalink
    23 Junho, 2009 21:22

    #25,
    nada como uns pózinhos de demagogia para animar o pagode.

    Gostar

  30. portela menos 1 permalink
    23 Junho, 2009 21:23

    A propósito de um manifesto dito económico
    22-Jun-2009

    São 28 e deram-se ao trabalho de escrever um manifesto. Deles constam 13 antigos ministros das finanças, da economia e da indústria. A generalidade dos outros subscritores, mesmo não tendo passado pelo governo, não deixa de ser marcante na “linha da frente” das instituições nucleares do nosso regime económico e financeiro. Quem se dê ao trabalho de somar o número de anos, meses, dias e horas em que os 28 foram governantes, governadores ou mandatários do establishment económico, logo constatará, como Vasco Pulido Valente (VPV), que traçam “a experiência que começou em Marcelo Caetano e que chega até hoje”. É virtude? VPV, por uma vez embevecido, acha que sim. Para o mais venenoso dos cronistas nacionais, momentaneamente transformado em Graça Moura do novo oficialismo, eles “são os grandes nomes do país”, a “elite incontestável e prestigiada” da nação. Tem toda a razão. O problema começa precisamente aí. Eles são, de facto, os rostos económicos da elite nacional. A pergunta é: ganhámos muito com ela? …miguel portas/BE

    Gostar

  31. lucklucky permalink
    23 Junho, 2009 22:15

    Curiosamente a resposta á pergunta é que o seu autor sim ganhou muito. Depois de tanto Socialismo envergonhado feito por uma grande parte dos subscritores quem ganhou foi mesmo o Miguel Portas e o BE…

    Gostar

  32. Zorro permalink
    23 Junho, 2009 22:41

    Parecem-me todos esquecidos que o BE foi criado para ser a boia de salvação do PS numa situação como a que vivemos.
    Mas por isso mesmo teremos que não deixar que o PS tenha mais votos que o PSD, senão teremos mais 4 anos de ditadura de esquerda.
    Haverá paneleiragem sem o mínimo de pudor, imoralidades em plena luz do dia, uso e abuso da dignidade da pessoa humana, um fartar de vilanagem e insegurança contra os cidadãos cumpridores, e o pior de tudo, é que tudo isto será em nome das liberdades e das igualdades.
    Será que os portugueses ainda se vão deixar enganar? Não me parece.

    Gostar

  33. Anónimo permalink
    23 Junho, 2009 22:47

    #32 – ó zorro tu és tonto, vinga-te na tua mãe.

    Gostar

  34. JMLM permalink
    23 Junho, 2009 23:08

    ENCOMENDA DO PSD…

    Sejamos coerentes, estes senhores do manifesto, são exactamente os mesmos que à meia dúzia de dias, aplaudiam os destinos da economia, os spreads, as TAE, a bolsa sem impostos, os créditos pessoais, os cartões e os balões, a eco de mercado, porque assim é que era.
    Agora são os mesmos que falam em crise, em dividas, os mesmos que não preveram as tempestades económicas, os mesmos que afirmam que a crise é uma surpresa, obra de matemáticos, …
    O manifesto vale o vale, mas cheira sobretudo a uma encomenda do PSD, liderado por uma Senhora que para não mentir mantém-se calada. Assim são os politicos e estes da economia que se movimentam colados ao poder, que tem sempre soluções para tudo.
    Pena é que façam este papel, demagógico, se mostrem não pouco independentes e acima de tudo muito pouco confiantes naquilo que afirmam porque lá no fundo sabem que não tem razão.
    Devemos nós confiar nestes Senhores?
    A crise económica é má, pior fica com o silêncio de MFL.
    VIVA PORTUGAL.

    Gostar

  35. artur mendes permalink
    24 Junho, 2009 00:19

    Caro Trinta e Tres

    Tem razão… dou-lhe a minha. A agricultura é nosso calcanhar de (não sei o nome do gajo) mas… diga lá: o nosso ministro da Agricultura não tem cara de quem não distingue uma couve tronchuda duma alface? Repare bem no perfil!

    Gostar

  36. carlos graça permalink
    24 Junho, 2009 01:55

    estou que sim…

    Gostar

  37. Tribunus permalink
    24 Junho, 2009 18:15

    Mas o Louçã já fez constar que quer ser primeiro ministro…….
    imaginem os 2 cães à dentada?

    Gostar

Indigne-se aqui.

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: