Skip to content

Factura nas empresas públicas?

17 Janeiro, 2017

Um Estado acima da lei no Delito de Opinião: Nestes dias de voragem fiscal da Autoridade Tributária (o nome já é todo um programa), qualquer estabelecimento comercial privado legal que não tenha em funcionamento um sistema de emissão de facturas e que as emita a pedido do cliente teria o Fisco, a ASAE e sabe-se lá que mais Autoridades à perna para o habitual bullying tributário. Nestes tempos em que o Estado incentiva os contribuintes a solicitarem factura por tudo e mais alguma coisa (até podem ganhar prémios, veja-se bem), qualquer estabelecimento que se recuse à emissão da facturinha será decerto falado nas redes sociais pelos piores motivos. No entanto, e como não podia deixar de ser, o mau exemplo vem de cima: se o leitor ou a leitora for utente dos Transportes de Lisboa, que tanto quanto sei ainda é uma empresa pública, não poderá obter uma factura no acto do pagamento, seja este feito nas máquinas automáticas que encontramos nas estações do Metro ou nos balcões de atendimento do Metro ou da Carris: terá de preencher um formulário para solicitar a factura pelo correio, ou aceder a uma página Web, seguir um formulário de sete etapas e descarregar enfim a dita factura (mas só poderá fazê-lo 48 horas após o pagamento, e apenas durante os cinco dias que se seguirem). O motivo, conforme me explicou hoje um funcionário do Metro, é simples: em pleno 2017, ano em que todos transportamos no bolso aparelhos com maior capacidade de processamento do que a nave espacial que levou três astronautas à Lua em 1969, o software das máquinas automáticas e dos balcões de atendimento não está preparado para algo tão básico como… a emissão de facturas. Que o Estado continue a permitir às empresas públicas aquilo que não permite às privadas dificilmente irá surpreender alguém nos dias que correm. O que espanta é que se ache isto normal

Anúncios
50 comentários leave one →
  1. Arlindo da Costa permalink
    17 Janeiro, 2017 22:39

    As empresas públicas – isto é, o Estado – são pessoas de bem.
    É esta jurisprudência que deve ser aplicada.

    Gostar

    • lucklucky permalink
      17 Janeiro, 2017 22:46

      Arlindo da Costa um defensor do Estado Ético de Hegel como os Comunistas, Fascistas e Nazis…

      https://it.wikipedia.org/wiki/Stato_etico

      Em vez do Estado de Direito.

      Gostar

      • BandoDeCorruptos permalink
        18 Janeiro, 2017 02:09

        nazis = nacional-socialistas; dá mais trabalho escrever mas ajuda a lembrar os “distraídos”.

        Liked by 1 person

    • BandoDeCorruptos permalink
      18 Janeiro, 2017 02:05

      O Luck foi certeiro a desmascarar a ideologia dos donos do ar lindinho. Agora só resta divertirmo-nos:
      óó ar lindinho de bosta, ao do estado, e de ti, até a pura da tua mãe é uma pessoa de bem, ao menos ela não chulava ninguém e até ganhava a vida com o esforço do seu corpinho; já do teu pai, não sabemos… estatisticamente é muito provável que fosse socialista…

      Gostar

    • Tiradentes permalink
      18 Janeiro, 2017 16:56

      É por se usar essa jurisprudência (quando é socialista) que o pão de 200g, num estado de bem do socialismo do século XXI custa o correspondente a 83 euros
      Nem imaginam a pessoa de bem que é

      Liked by 1 person

    • pita permalink
      19 Janeiro, 2017 14:57

      Dois exemplos deste 2016. Há mais de 2 meses,
      1 – Usei um parque da EMEL. Passaram o recibo-factura com NIF, porque pedi.
      2 – Usei serviços dos CTT. Passaram o recibo-factura com NIF, porque pedi.

      Nenhumas destas empresas da nacinha declarou os factos no e-fatura (é a tasca do gajo que marinha nas farturas).
      Tive a bondade de lá as prantar com todos os dados prantáveis e LEGAIS.

      País de gatunos!

      Gostar

  2. lucklucky permalink
    17 Janeiro, 2017 22:39

    http://www.cmjornal.pt/opiniao/colunistas/eduardo-damaso/detalhe/a-taxa-da-vergonha

    Sobre isto também não há escândalo….

    Gostar

  3. 18 Janeiro, 2017 00:20

    O público, que já não é à borla, sai-nos muito caro.
    Mas a Esquerda quer tudo público. É progressista.

    Gostar

  4. 18 Janeiro, 2017 00:28

    O Dr Rui Tavares disse num debate que a questão da TSU prejudica o PSD.
    Mas que ele não está nada preocupado com isso.
    O Dr Rui Tavares dava um bom ministro no governo do António Costa. E o Pedro Adão e Silva igualmente.
    O Tó Costa tem muito por onde escolher ministros. Muitos e bons.

    Gostar

  5. 18 Janeiro, 2017 01:40

    Na Metro do Porto também não passam facturas nas máquinas. Nem sei se as passam nas lojas…

    Gostar

  6. Sem Norte permalink
    18 Janeiro, 2017 05:02

    Há uns anos saiu uma lei que obrigou as piscinas municipais a passar factura, e a que frequento passa, mas vou jogar todas as semanas futebol a um pavilhão municipal e a uma escola pública e já pedimos mais do que uma vez factura e não passam. E o dinheiro serve para professores e funcionários se governarem. Mais um exemplo de empresas públicas.

    Gostar

  7. André Miguel permalink
    18 Janeiro, 2017 12:31

    Num Estado Socialista é normal. Num Estado livre não é. Cada um saberá adjectivar o país onde vive consoante a sua condição.

    Gostar

  8. castanheira antigo permalink
    18 Janeiro, 2017 12:34

    Os donos do “estado” consideram-se acima da lei e por isso também as suas instituições .É uma cultura mafiosa instalada e até incentivada pelo espírito socialista impregnado .Interessa assim , a esta cultura , que as pessoas não pensem e ocupem o seu tempo com festas ,romarias e futebol enquanto lhes roubam a dignidade oferecendo-lhe de borla o pão que deveriam obter pela expressão das suas capacidades estranguladas pelas centenas de impostos e milhares de regulações impostas sobre a economia.

    Liked by 1 person

    • The Mole permalink
      18 Janeiro, 2017 13:01

      Sim, mas: eles não se “consideram” acima da lei … estão de facto acima da lei!.
      Ou seja não estamos num estado de direito (como esta há imensas outras situações em que o estado não respeita as leis que o próprio faz), o que não é novidade para ninguém.

      Liked by 2 people

      • Artista Português permalink
        18 Janeiro, 2017 21:16

        Esse é que é o problema: acima da lei! Tiveram que esperar que o outro beneficiário morresse para processarem o Salgado. Assim, são só os dois: ele e o 44. Agora é que se vai ver se a fundação que cá deixou vai ou não sobreviver. É que os que pingavam estão entalados…

        Liked by 1 person

  9. licas permalink
    18 Janeiro, 2017 14:00

    Um óvulo da D. Maria (última criada dele) e um espermatozóide congelado
    do supradito e ______________era a felicidade de alguns aqui no Blasfémias

    Gostar

    • 18 Janeiro, 2017 14:17

      A sua tecla (underscore) do teclado parece estar encravada.

      Gostar

    • 18 Janeiro, 2017 14:22

      Ou então enquanto “psiquiatra”, escapou-se-lhe o autodiagnóstico de obsessivo-compulsividade. Mas é normal, tendo em conta as palas à frente dos olhos que manifesta ter.

      Liked by 1 person

      • licas permalink
        18 Janeiro, 2017 19:52

        Não tens palas, não, eu penei 40 anos sob a pata do Salazar, chegou-me bem para avaliá-lo.

        Gostar

    • 18 Janeiro, 2017 16:59

      E o Licas fazia de barriga-de-aluguer.

      Liked by 1 person

      • licas permalink
        18 Janeiro, 2017 18:15

        Eles estão desesperados porque queriam
        passar por Democratas e afinal incensam
        o Botas com todas as forças. Esta é a verdade reveladora-
        De gente assim que despreza os factos para vender
        o stado Novo, nada há a fazer.
        O que vale é que são uma minoris ridícula-
        Fi-los cair a máscara, AINDA BEM-
        Formem um Partido, porra!

        Gostar

      • licas permalink
        18 Janeiro, 2017 18:21

        Rasputine PERMALINK
        18 Janeiro, 2017 16:59

        Quem, eu?

        Peçam à Zazie que o faria de boa vontade

        ABORTO IMEDIATO ! . . .

        Gostar

      • 18 Janeiro, 2017 19:28

        oh “anti-comunista” já saiste do internamento psiquiátrico ?

        Liked by 1 person

      • 18 Janeiro, 2017 20:02

        Nasceste por azar na Clínica dos Arcos, só pode.

        Acabou-se a conversa- és um velho estúpido e ignorante e perder tempo contigo é também estupidez.

        Gostar

  10. ABC permalink
    18 Janeiro, 2017 15:26

    Ninguém acha isto normal. É habitual, o que é diferente. Nos tempos idos em que os recibos de ordenados tinham de levar selos fiscais, as Finanças recusavam passar facturas dos ditos. Numa papelaria autorizada (lá está, privada e legal) já passavam facturas dos selos.
    As desculpas do Estado são risiveis. Não passam facturas porque não querem. Ponto.

    Liked by 1 person

  11. licas permalink
    18 Janeiro, 2017 18:27

    Muro

    Essa mágica caída do Muro
    Trouxe a verdade à tona d´água,
    Para alguns foi com grossa mágoa
    Naquilo que estimavam no seguro:
    Os puros reconheceram engano
    Outros inventaram a todo o pano.

    Dizem desde a CIA e o Fascismo
    Aos Estados Unidos espiões
    Na ânsia de tapar o cataclismo
    Qu´ora vivia nos seus corações:
    Só eles nas razões acreditaram
    Os de fora riram e gozaram.

    Por ser autónoma e espontânea,
    Como tal se viu de dúvida sem sombra,
    Ficou patente a longa infâmia
    Colónias Russas em vias de tomba:
    Os Povos enfim sentem-se libertos
    D´escolherem chefes por eles certos.

    licas fecit

    Gostar

  12. 18 Janeiro, 2017 19:03

    Muito se comenta por aqui.
    Não sei é se alguém já reparou que Portugal tem fortes probabilidades de perder a sua Independência Nacional a breve prazo.
    Caso Portugal não se veja livre da escumalha de Esquerda que corrompe os portugueses, socialistas em primeiro lugar, no rescaldo de um Regime democrático mas corrupto, dentro de uma década Portugal deixa de ser viável como país independente.
    Espanha abafa Portugal economicamente há vários anos. Enquanto íamos comprar caramelos a Badajoz, era uma festa.
    Hoje em dia anda tudo distraído, mas a realidade é que Portugal está cada vez mais dependente das compras feitas ao país vizinho. Por grosso e a retalho.

    Exemplo: Saberão os comentadores do Blasfémias que uma botija de gás em Espanha é considerada um bem de 1ª necessidade e custa metade do preço que custa em Portugal?
    Não haverá um Instituto qualquer, há tantos por aí, que faça um estudo sobre os milhões de euros que os portugueses gastam em compras no país vizinho?

    Gostar

  13. licas permalink
    18 Janeiro, 2017 19:04

    Voltando ao assunto:

    Hamelin e a sua Flauta Mágica tambem teve êxito, tal como o licas. . .

    Gostar

  14. licas permalink
    18 Janeiro, 2017 19:56

    oh parvo, nem fazer rir consegues . . .

    Gostar

  15. PiErre permalink
    18 Janeiro, 2017 20:08

    E quanto ao Aquecimento Global? Ninguém fala?

    Gostar

  16. licas permalink
    18 Janeiro, 2017 20:11

    Que fique sempre presentes esta delaração para avaliar o nível intelectual do autor:

    A.R PERMALINK
    18 Janeiro, 2017 00:05
    Que saudades de ser governado por um Sr como António de Oliveira Salazar que tirou 19 valores a Direito em Coimbra. Quem nos governou na “democracia”? Um Soares que era academicamente sofrível e vieram duas bancarrotas, o Sokas com curso domingueiro e umas garatujas de arquitectura parola outra bancarrota, agora o condutor de burros (o almocreve) Costa e outra bancarrota em breve.
    Que fizemos para merecer este entulho socialista?
    _________________

    Nem preciso acrescentar o que quer que seja . . .

    Gostar

  17. Arlindo da Costa permalink
    18 Janeiro, 2017 20:46

    2,3 % de défice. O melhor resultado orçamental desde há 43 anos!!!!!!!!!!!!!
    Mas estes crânios e linguarudos nada dizem 🙂

    Gostar

    • castanheira antigo permalink
      18 Janeiro, 2017 21:14

      Oh costa
      Isso do défice deve-se a imposições de Bruxelas e a algumas despesas varridas para debaixo do tapete visto que a dívida aumentou num valor superior ao défice ;
      É o valor dos juros exigidos pelos credores que avalia a qualidade do governo , e aí a credibilidade é muito pouca , pois somos o país da europa onde os juros mais subiram;
      Pagamos 14x mais do que a Alemanha e mais do dobro da Espanha;
      Portanto oh costa , não seja demagogo.

      Liked by 2 people

      • licas permalink
        18 Janeiro, 2017 22:59

        Isso, mostrando que a confiança deminuiu quanto à
        possibilidade de serem completamente pagos por Portugal

        Gostar

  18. licas permalink
    18 Janeiro, 2017 22:56

    Em resumo (para que fique

    Às Enfermeiras deixou de se exigir celibato apenas em 1952 (Portadaloja
    norma/Decreto apresentado o original na íntegra)
    Nenhum dos defensores do celibato se pronunciaram pela bondade dessa norma,
    jamais a debateram, apenas encheram o blog de sarcasmos, divagações sem qualquer
    interesse, injúrias, tudo porque defendem o Salazar e as suas exigências repetidamente
    e insolentemente mesquinhas e em completo desprezo dos direitos do cidadão.

    No que se refere ao caso em questão ficou demonstrado que a Democracia não foi capaz de os levar a repensar, avaliar, pesar, no que se passou nessa décadas de 30 a 50 da responsabilidade exclusiva do Ditador.

    Gostar

    • Os corruptos que se cuidem permalink
      18 Janeiro, 2017 23:22

      Olha lá, ó Licas, se no resto do mundo e arredores também era assim, que queria tu que o Salazar fosse fazer nessas décadas? Que fosse revolucionário para a época?

      Liked by 1 person

      • 19 Janeiro, 2017 00:07

        Anda a tentar salvar a face depois de lhe ter sido enfiado nas trombas, quando andava a proselitar a demonização da “ditadura” do estado novo, como a criadora de tais normas “opressivas” das enfermeiras, que na verdade nas democracias ocidentais também existiam, e que remontam à tradição missionaria religiosa das freiras. Acabou por mostrar o impostor e demente idiota que é. Agora anda por aqui em todos os artigos já fora do debate inicial a empestar tudo com calunias, com sua nauseabundice obsessivo compulsiva, a que já fomos habituados doutros tempos com outros nicks, para tentar salvar o frágil presunçoso e perturbado ego .

        Liked by 1 person

    • 18 Janeiro, 2017 23:29

      Cuidado, área contaminada este aldrabão demente sofre de:

      Liked by 1 person

  19. licas permalink
    19 Janeiro, 2017 02:17

    As normas estão ESCRITAS e todas as pessoas podem verificar quem está a ser aldrabão. Até o Portadaloja se deu ao trabalho de TRANSCREVÊ-LAS.
    mg, Zazie e outros estão a querer aldrabar os mais novos que não tiveram a oportunidade de
    VIVER SOB A DITADURA Salazarista.
    A estes novatos perguntem aos vossos avós como era a vida nas décadas de 40,50,60,
    Leiam Aquilino Ribeiro, em particular QUANDO OS LOBOS UIVAM.

    Gostar

  20. licas permalink
    19 Janeiro, 2017 02:20

    Nos outros países NÃO ERA ASSIM . Estão a querer-vos aldrabar: ATENTEM ÀS DATAS,
    vocês os mais novos.

    Gostar

    • licas permalink
      19 Janeiro, 2017 02:56

      Não há melhor defesa da verdade do que estarmos informados: aos mais novos
      cabe a tarefa de inquirir aos pais e avós como era a vida das pessoas no EstadoNovo-
      POR AMOIR À LIBERDADE PERGUNTEM porque há por aqui muita gente que a
      abominam.

      Gostar

  21. licas permalink
    19 Janeiro, 2017 08:14

    Adora, já entendi .- – – . .

    Gostar

  22. licas permalink
    19 Janeiro, 2017 09:22

    Quer dizer …

    Gostar

  23. pita permalink
    19 Janeiro, 2017 15:00

    O gajo é preto e anda a gozar com os brancos

    Gostar

Indigne-se aqui.

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: