Skip to content

É tudo uma questão bom gosto

13 Fevereiro, 2017

João Gonçalves: Sousa Tavares por vezes “cabotiniza”. “Os gestores não queriam ver as declarações de património publicadas no Correio da Manhã”, disse. E se fosse no Expresso?

Anúncios
16 comentários leave one →
  1. licas permalink
    13 Fevereiro, 2017 20:44

    [A lei que facilita a prática da corrupção foi aprovada pelas 22h e à meia-noite já milhares de romenos estavam nas ruas para protestar, apesar das temperaturas negativas.

    Primeiro na terça-feira à noite, e depois na quarta-feira, durante o dia, os protestos já estão a ser descritos como os maiores desde a queda do regime comunista em 1989. “Ladrões”, diziam os manifestantes, “não vão safar-se com isto”.

    O motivo é a lei que descriminaliza abuso de poder que leve a ganhos menores do que 200 mil lei (quase 45 mil euros) e aplica-se retroactivamente – irá aplicar-se, por exemplo, ao caso do líder do partido Social-Democrata, Liviu Dragnea.]

    Quere dizer: até uns 40000 “não se passa nada”
    Ou será que para PS um crime repetido sobre o mesmo “cofre”
    conta como um único. . .

    Gostar

  2. Euro2cent permalink
    13 Fevereiro, 2017 21:50

    > E se fosse no Expresso

    O Valdemão processava o Espesso por invasão de privacidade, e ganhava, porque gado é uma coisa, e donos é outra.

    Progresso, liberdade, igualdade, mas cada macaco em seu galho. Hmmpf.

    Gostar

  3. Rão Arques permalink
    13 Fevereiro, 2017 21:56

    Atingido o limite da promiscuidade. O governo deixa nas mãos de um escritório de advogados de um candidato a preparação de uma lei á medida. O PR contacta um administrador do banco público já fora de funções para avaliar documentos existentes. O governo deixou na gaveta durante mais de um mês uma lei promulgada sem que ao que parece tenha dado conhecimento desse congelamento a Marcelo. O ministro das finanças confessa hoje que apesar de todos os alegados cuidados durante meses não terá havido das partes a perceção de ter ficado clara a necessidade apresentação de rendimentos. Chega! Que daqui chegue ao Dr. António Domingues o pedido de esclarecimento sobre a alegada falta de entendimento adiantada pelo Dr. Centeno, ou se tal nem seria necessário se foi devidamente acordada essa condição. Grato

    Gostar

  4. LTR permalink
    13 Fevereiro, 2017 22:02

    Ele disse hoje sem se rir que a realidade do crescimento de 1,3% foi melhor que a prevista pelo governo, de 1,2%. Ia jurar que há um ano o governo previa 2.4%, mas realmente é capaz de dar mais jeito comparar as previsões de ontem à tarde com as de hoje. As pessoas assim ficam mais bem in-formadas. É uma espécie de cumentador profissional.

    Liked by 2 people

    • Churchill permalink
      13 Fevereiro, 2017 22:11

      Hoje o aspirador de coca esteve em grande.
      A defesa do chorrilho de imbecilidades do Centeno foi uma coisa do outro mundo.

      Gostar

      • lucklucky permalink
        13 Fevereiro, 2017 22:20

        Aspirador de Coca?

        Gostar

  5. carlos alberto ilharco permalink
    13 Fevereiro, 2017 22:32

    No entanto houve um momento realmente feliz que foi quando disse que estava interessado (eu também) em saber quem são os fulanos que devem centenas de milhões à CGD.
    Além de nós dois haverá mais alguém interessado em levantar esta questão?

    Liked by 1 person

  6. JMS permalink
    13 Fevereiro, 2017 22:48

    Do pouco que vi da conferência de imprensa do Centeno, posso dizer que achei confrangedora. Uma vergonha.

    Quando vejo gente deste cariz continuar no suposto governo que temos, fico sempre assustado, tal como fiquei a partir de uma certa altura do governo Sócrates. Esse, pelo menos, ganhou eleições. Coisa que esta escumalha nem isso conseguiu.

    Merecemos isto tudo e ainda pior. Se pior existisse.

    Liked by 1 person

    • JMS permalink
      13 Fevereiro, 2017 22:55

      Penso sempre o que seriam as frondosas manifestações esta noite se fosse outro governo. Já estavam a exigir a demissão do governo, não só a cabeça do ministro.

      Merecemos cada minuto deste “governo”.

      Gostar

  7. Arlindo da Costa permalink
    13 Fevereiro, 2017 23:27

    Uma questão de classe.

    Se fossem publicadas as declarações de rendimentos na Fortune ou na Vanity Fair não havia problema.

    Agora no CM, misturado com anúncios de prostitutas, pixeleiros, trolhas e fotos do jet7 e meio tuga, seria demais!

    Ainda há gente com pergaminhos!

    Gostar

  8. Julio castro permalink
    13 Fevereiro, 2017 23:49

    Lógico. Um cabotino cabotiniza. O que se esperaria ?

    Gostar

  9. JCA permalink
    14 Fevereiro, 2017 05:01

    .
    Do extraido do folhetim ‘Domingues, Caixa 6 C Lda’ para o maldito populismo que se est’a nas tintas para essas tricas, resta o simples, a tal maximo da sofisticacao inteletual que o genio Leonardo da Vinci:
    .
    sendo a Caixa do Estado porque eh que os gestores bancarios estariam isentos duma declaracao que o proprio Presidente da Republica esta obrigado ?
    .
    .
    porque seriam pagos, ou sao (?), a 30.000 € mensais ? Por muito menos desse preco arranjam ahi um Conselho de Gestao estrangeiro de alto gabarito
    .
    .
    O resto para a opiniao publica, a nao publicada, sao tretas a que ninguem liga nenhma. Mudem o disco porqe andam autrenticamente a falar para o boneco. esse tema nao interessa a ninguem. Outros sim e por aquele nao o fazem esquecer.
    .
    Depois chamem-lhe populismos e que tal, e ca nao ha e tal e tal e coisa e tal. Sugere que andam no mundo da fantasia. Mau para eles. E eu nao gsto que seja mau para niguem porque nem sequer eh preciso.
    .

    .

    Gostar

  10. Tiro ao Alvo permalink
    14 Fevereiro, 2017 09:08

    O Centeno não meteu água apenas na contratação do Dr. Domingues, ele, neste imbróglio da CGD, meteu água desde que tomou posse.
    Não querendo renovar o mandato do presidente de Administração anterior, deixou-o a fritar meses e meses, tempo em que a Caixa andou a vegetar; depois veio para a TV dizer que a CGD tinha um plano de negócio errado e que precisava de mais de 3.000 milhões de euros só para o corrigir, nunca se sabendo bem como e por quê; por fim encarregou o Dr. Domingues de formar equipe, idealizar uma forma de gestão adequada ao Banco público que a Caixa é, e foi o que se viu: chumbo em Bruxelas da forma de governance, desconvites, reprovação de nomes, etc., etc., uma vergonha.
    Além disso, cometeu a ilegalidade de delegar no Domingues a contratação de empresas para fazer leis e fazer o plano de reestruturação da CGD, fornecendo-lhe, forçosamente, informação reservada sobre a situação daquela instituição, isto enquanto o senhor ainda era vice-presidente de um Banco concorrente.

    Liked by 1 person

    • LTR permalink
      14 Fevereiro, 2017 12:32

      Essa necessidade de capital da CGD era na altura urgentíssima, mas como deu barraca, ficou tudo a marinar.

      Liked by 1 person

  11. Arlindo da Costa permalink
    14 Fevereiro, 2017 16:24

    O pequenino João Gonçalves ainda escreve? Pensava que ele já estava reformado a tratar dos pintainhos…

    Gostar

Indigne-se aqui.

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: