Skip to content

Portanto o culpado é o Correio da Manhã

17 Maio, 2017

O crime é alegado. Os criminosos alegados são. A vítima alegada é. Está bem de ver que nada disto alegadamente existiu. Logo a culpa é do Correio da Manhã como bem explicam a Comissão para a Cidadania e Igualdade de Género (CIG) e a Entidade Reguladora para a Comunicação Social (ERC). Podia lá ser doutro modo?!

Anúncios
77 comentários leave one →
  1. Arlindo da Costa permalink
    18 Maio, 2017 00:57

    O culpado ou os culpados são aquelas bestas que violaram, presenciaram e filmaram as cenas.
    Outra coisa é divulgação grotesca, criminosa, sensacionalista e miserável num jornal diário dum país democrático, europeu e respeitador dos direitos humanos.
    Onde está a ética, deontologia ou simplesmente a Boa Educação e o Bom Senso dos jornalistas daquela bodega?
    A divulgação daquele material é contra a Lei.
    Admira-me muito como há cidadãos e cidadãs que acham isso normal.
    Se vivessem na Arábia Saudita ou no Irão facilmente achariam normal chicotear as mulheres e violá-las.
    Mentalidades da Idade das Trevas.
    Até me mete náuseas.

    Liked by 1 person

    • 18 Maio, 2017 04:11

      “A divulgação daquele material é contra a Lei.”.
      Qual é a lei ?

      Gostar

      • EMS permalink
        18 Maio, 2017 13:36

        Artigo 199 do código penal (o google é nosso amigo).

        Gostar

      • oscar maximo permalink
        18 Maio, 2017 13:56

        EMS, o artigo 199 fala de um direito, que é usado ou não, ou seja, enquanto não houver queixa não há crime nenhum. Queixa que tem de ser do interessado e não umas senhoras que para aí andam.
        Nem sei se é crime caso tenha sido divulgado para denunciar um crime maior, ainda que neste último caso só devesse ser divulgado ás autoridades.

        Gostar

      • EMS permalink
        18 Maio, 2017 14:28

        Oscar, basta que a moça apresente queixa para estarmos perante um crime. Agora o CM estará metido num grande sarilho caso a moça assim o decida.
        Quanto a ser crime ou um direito do interessado parece-me uma subtileza irrelevante. Se me assaltarem a casa e eu (aduto e na posse das minhas faculdades mentais) não apresentar queixa não há crime nenhum. Isso não significa que seja legitimo andar-se por ai a assaltar as casas das pessoas.

        Gostar

      • oscar maximo permalink
        18 Maio, 2017 15:18

        EMS, pode ser legítimo assaltar a sua casa, caso o faça na sua companhia. E desde que essa cumplicidade não se destine a enganar os Seguros. Pode bem ter sido o caso.

        Gostar

      • 18 Maio, 2017 15:46

        O post é sobre a publicação feita no Correio da Manhã e o comentário de Arlindo da Costa é sobre ser contra a lei a publicação da notícia pelo Correio da Manhã.
        Agradeço a colaboração de EMS e oscar máximo mas tenho dúvidas que o 199º do Código Penal se aplique à publicação do Correio da Manhã.

        A ser assim, a mesma lei se aplicaria às fotos e filmes que os diferentes mídia têm mostrado ao longo dos anos sobre decapitações do ISIS, vítimas dos ataques israelitas na Palestina e por aí fora.

        Gostar

      • Gabriel Orfao Goncalves permalink
        19 Maio, 2017 05:09

        «enquanto não houver queixa não há crime nenhum», escreveu um alguém qualquer

        Completamente errado. Confunde crime com procedimento criminal. O crime, seja ele qual for, e dependa o respectivo procedimento criminal de mera denúncia, de queixa, ou de queixa e mais alguma coisa, ou é ou não é. Ou se verificou ou não se verificou. Ponto. Não há discussão sobre isto. Não há. Agradeço mais respeito pelo Direito, ou, se não for possível, pela Civilização.

        Gostar

    • Tiradentes permalink
      18 Maio, 2017 07:29

      Falou do Avante? mentalidade da Idade das Trevas, náuseas……
      É que o Avante sempre teve ética é nunca publicar que o seu grande líder da revolução socialista, o libertador Che, também o fazia e que fuzilava os homossexuais…..
      Era “contra a lei”

      Liked by 2 people

    • 18 Maio, 2017 11:17

      Pela primeira vez, que me lembre, estou totalmente de acordo com um comuna.

      Gostar

      • 18 Maio, 2017 11:19

        Para que não haja enganos- assino por baixo o que o velho comuna Arlindo da Costa escreveu:

        Onde está a ética, deontologia ou simplesmente a Boa Educação e o Bom Senso dos jornalistas daquela bodega?
        A divulgação daquele material é contra a Lei.
        Admira-me muito como há cidadãos e cidadãs que acham isso normal.”

        Gostar

      • 18 Maio, 2017 12:09

        Já que subscreve a afirmação do Arlindo da Costa, coloco-lhe a mesma pergunta que coloquei a ele e à qual não respondeu até ao momento: qual é a lei?

        Gostar

    • 18 Maio, 2017 12:45

      Oh camarada Ailindo , pena que não o vi a afirmar a mesma coisa quando o video do viado brasileiro a ser pegado à bruta por trás pelo macho militar à paisana, foi para o ar…

      Gostar

    • oscar maximo permalink
      18 Maio, 2017 14:01

      Para não fazer figuras ridículas era conveniente perguntar á suposta vítima se estava ou não habituada aqueles propósitos. Quanto á bebida a mais, serve para todos os intervenientes.

      Gostar

      • Gabriel Orfao Goncalves permalink
        19 Maio, 2017 06:07

        «Para não fazer figuras ridículas era conveniente perguntar á suposta vítima se estava ou não habituada aqueles propósitos.»

        Isto é tudo aquilo com que não concordo e que é repugnante. O que é que a suposta vítima estar ou não habituada ao que quer que seja tem que ver com qualquer discussão civilizada sobre isto? Nada.

        Gostar

    • A.lopes permalink
      23 Maio, 2017 15:42

      Este arlindo daheshiano só não é contra o chicoteamento dos gays na Tchechenia! Pois isso ´não se passa cá. É lá no céu dele! Camelo!

      Gostar

  2. carlos alberto ilharco permalink
    18 Maio, 2017 08:43

    É espantoso como esta gente está divorciada da realidade.
    Ainda outro dia um gajo e uma gaja esta sentado ao colo dele num dos assentos enfiavam as respectivas línguas boca abaixo enquanto ao mãos pareciam duzentas.
    Claro que ninguém disse nada, para quê?
    É o pão nosso de cada dia em todo o lado.
    Aqui um bando de “jovens” todos quase em como etílico fazem em público aquilo que fazem também em público embora não seja em nenhum autocarro.
    Esta malta perdeu por completo a vergonha e o senhores (*) destas instituições todos entranhadamente com mais de sessenta anos percebem disto népia.
    Alegadamente todos se divertiram. até a gaja bem apalpada.
    Siga para Bingo.,

    (*) Ontem um questionava em termos de lei penal até onde tinha ido o dedo.
    Só para rir.

    Gostar

    • Manuel permalink
      18 Maio, 2017 08:56

      Totalmente de acordo. Já vi sexo ao vivo(ia para o trabalho) no passeio, a um Sábado às 7horas, depois de uma noite de bebedeira colectiva. Passava pela baixa ao Sábado de manhã e era impressionante a quantidade de cuecas e soutien abandonados. O céu é o limite!

      Gostar

    • 18 Maio, 2017 18:50

      Dirigindo-se à arguida, mulher da vida, pergunta o Sr Dr Juiz:

      -Então a Srª é que é a acusada?

      Responde a arguida:

      Oh S’nha dótor, eu é à cusada, à mamada, à con_ _a, à bro_ _ _ _a………………

      Gostar

  3. Jota permalink
    18 Maio, 2017 08:56

    Serão os mesmos que se não se indignam quando nos noticiários da noite mostram vídeos de mortes de pessoas pelos terroristas em atentados (por exemplo o polícia aquando do massacre Charlie Hebdo), pelas guerras ou pelas águas do Mediterrâneo?

    Gostar

  4. 18 Maio, 2017 09:44

    O culpado pela divulgação nos media tradicionais é o Correio da Manhã. O culpado do facto ainda está por se descobrir. O culpado pelo interesse doentio que isto provoca não sei bem quem seja, mas o Correio da Manhã tem dado uma ajuda preciosa para se encontrar tal destinatário: os voyeurs em geral que a informação sensacionalista convoca apenas com um objectivo; vender mais que os outros e ficar à frente nos “shares”.

    Não é coisa inaudita porque a receita vem de longe, dos EUA e do Brasil.

    Tenho saudades do tempo da Censura de Caetano relativamente a isto. Não a Censura prévia, mas a que decorria do senso de os donos dos media não quererem que este género de notícias fosse mostrado como se mostra um espectáculo do Salvador.

    Se o argumento contra a Censura é o da liberdade torna-se falacioso porque não há liberdade de informação em Portugal, na medida em que todos, mas mesmo todos os media censuram, pela omissão, pela escolha deliberada dos alinhamentos noticiosos, etc.

    Portanto, deveria atingir-se um equilíbrio e o que o Correio da Manhã tem feito é puxar um pouco mais os limites e a fronteira do que deveria ser tolerável mostrar publicamente, como se fosse informação aceitável.

    Não é tudo aceitável e todos poderemos pensar em factos concretos que não admitiríamos como tal. Porém, com este puxar para a frente dos limites qualquer dia até esses interditos consensuais serão ultrapassados.
    E em nome de quê? Da Liberdade? Claro que não. Todos sabem a resposta: money. It´s a gas, como cantavam os Pink Floyd em 1973.

    Liked by 1 person

    • 18 Maio, 2017 10:57

      Completamente. Ainda bem que o José explica e penso o mesmo- censura nesta pornografia voyeurista

      Gostar

    • 18 Maio, 2017 21:42

      José,

      Alguém o impede de fazer um jornal que 1) não se autocensure e 2) que não apresente pornografia? Nota: o Observador é oposição controlada, uma espécie de lixo pseudo-conservador.

      Faça esse jornal e terá um leitor assíduo.

      Gostar

    • Narciso Miranda permalink
      19 Maio, 2017 19:34

      Tem saudades da censura? Mas ser censurado era assim tão bom? Gosta que lhe escolham aquilo que pode ver e ouvir, assim como quando não deixamos as crianças beber vinho que é só para “crescidos”? Não se vê não existe, certo? Ou agrada-lhe mais que lhe tapem a boca à bruta, lhe anulem aquele artigo sem explicação e com humilhação. É assim uma espécie de prazer masoquista? Ou não tem capacidade de escolher o que lhe convém? Esclareça, tenho curiosidade científica…

      Gostar

  5. 18 Maio, 2017 09:52

    “(*) Ontem um questionava em termos de lei penal até onde tinha ido o dedo.
    Só para rir.”

    Foi o dr. Rui Pereira, no CMTV e também vi e ouvi. Impressionante porque é mesmo assim: a lei penal configura o crime como mais grave se o dedo tiver entrado…
    Ninguém se ria: é mesmo assim. E no artigo respectivo do C.Penal- 165º nº 2 – escreve-se. “se o acto sexual de relevo consistir em cópula, coito anal, coito oral ou introdução vaginal ou anal de partes do corpo ou objectos, o agente é punido com pena de prisão de dois a dez anos”.

    O crime consuma-se, disse Rui Pereira, professor de direito penal- e é verdade- com a circunstância de alguém abusar de outrém que esteja incapaz de opôr resistência, por exemplo se estiver embriagado/a totalmente e sem saber em que terra está…

    Rui Pereira é um dos comentadores da CMTV com mais senso e saber. Porém, está lá a ganhar o dele…e não deve ser pouco. Certamente mais do que ganha como professor em universidade pública

    Liked by 1 person

    • 18 Maio, 2017 11:05

      Portanto: entre quantos cms de dedo; a palhaçada do espectáculo pornográfico de andar a mostrar este atentado ao pudor e um piropo brejeiro, para qual os neotontos do dogmazinho aparvalhado da mentira da Dona Liberdade e mailos aparvalhadões escardalhos dos crimes discriminatórios e machismos de piropos e coisas assim se inclinam e conseguem dar o abraço que falta?

      Isto porque, caso ainda não tenham reparado- são duas faces da mesma moeda em termos sociais. Nos económicos a coisa é que é um tanto diferente em cartilha. No resto, o Rotbard, sassinaria por baixo tudo o que a extrema-esquerda bloquista defende.

      Gostar

      • Gabriel Orfao Goncalves permalink
        19 Maio, 2017 06:37

        «Portanto: entre quantos cms de dedo»

        Zazie: é necessariamente assim. As pessoas acham isto ridículo, mas pensem lá bem: numa violação que consista em coito vaginal, é preciso saber se entrou ou não entrou.
        Nunca percebi o que tanto faz isto rir as pessoas, quando isto não tem piada nenhuma. Já na Faculdade de Direito, eles e elas, e por muito respeito que lhes tenha porque eram meus colegas, alguns e algumas, dizia, punham-se a discutir: então mas como é que isso se sabe? Depois riam que nem uns perdidos, como se o assunto tivesse piada. Parece que esta gente não percebe que certos crimes estão dependentes da verificação destes pressupostos: sim, é mesmo assim, entrou ou não entrou! Caramba, a lei diz “introduzir”. Se é introduzir, é preciso saber se houve penetração. Outra coisa que muito fazia rir alguns colegas meus era a questão da idade do consentimento. Diziam eles: “então com 15 anos e 364 dias é crime e com 16 já não é?” E riam-se de isto ser assim no Direito. Então havia de ser como? O juiz avaliava se a vítima já tinha suficiente idade ou não? Numa total discricionariedade e insegurança jurídica???
        Eu ainda estou para descobrir que vontade de rir é que isto pode dar…

        Gostar

  6. Artista Português permalink
    18 Maio, 2017 11:07

    Abusada!?!? Mas ela não se queixou!….Até dá vontade de dizer: “Então continua o baile”.

    Liked by 1 person

    • oscar maximo permalink
      18 Maio, 2017 14:08

      A gente aqui é muito liberal, mas gosta muito de meter o bedelho em assuntos privados. E que por isso mesmo o Correio da Manhã também fazia melhor em não publicar, pelo menos até queixa de interveniente.

      Gostar

    • Gabriel Orfao Goncalves permalink
      19 Maio, 2017 06:48

      «Abusada!?!? Mas ela não se queixou!»

      Outro! Sossegue, pá! Ninguém aqui sabe se houve ou não abuso! Estava lá na pele dela ou na dele ou na de ambos? Parem de se masturbar com a vida dos outros, pá! Ou houve crime ou não houve. Eu não sei, ninguém aqui sabe nem fica a saber por especular. Quanto à queixa, ou haverá queixa ou não, até ao fim do prazo, que o tem, como tanta coisa no Direito. São coisas DIFERENTES: queixa; e crime. Já basta os “práticos” terem inventado as bárbaras expressões “queixa-crime” e “processo cível” e mais uma série de odiosos abastardamentos da língua como “vou-lhe [imagine-se!] meter [outra!] um processo” e mais o raio-que-os-parta. Metam-se na vossa vida, ou não têm pilinha com que brincar?

      Gostar

  7. 18 Maio, 2017 12:21

    Camaradas calma. O alegado abuso sexual será avaliado de acordo com a origem cultural e étnica dos alegados perpectuadores. Parece ser essa a jurisprudência progressista Europeia.

    The judge argued that in “the mentality of the Turkish cultural circle,” what the woman “had experienced as rape” might be considered merely “wild sex.” The judge refused to convict the rapist, because “no intention is demonstrable.”
    https://pjmedia.com/trending/2017/04/21/german-judge-acquits-turkish-man-of-rape-after-4-hours-of-forced-violent-sex

    “Iraqi refugee who raped a 10-year-old boy at a swimming pool in a ‘sexual emergency’ has his conviction overturned because the Austrian court ‘didn’t prove he realised the boy was saying no'”
    http://www.dailymail.co.uk/news/article-3860168/Iraqi-refugee-raped-10-year-old-boy-Theresienbad-swimming-pool-sexual-emergency-conviction-overturned-Austrian-court-didn-t-prove-realised-boy-saying-no-incident-Austria-December-2015.html

    Gostar

  8. piscoiso permalink
    18 Maio, 2017 13:53

    Como não leio o CM nem há link, parece que o problema é do dedo na notícia.

    Gostar

  9. 18 Maio, 2017 14:43

    Faltará pouco para termos aprovada uma lei que permita livre ménage à trois em qualquer espaço público…
    (Não me refiro à ménage da geringonça P”S”/PC/BE).

    Gostar

  10. 18 Maio, 2017 14:50

    Quem permitiu e meteu dedos, manápulas, no que é punível por outras leis leis: Trump e Temer. Impeachment à vista.

    Gostar

  11. Eduardo permalink
    18 Maio, 2017 15:17

    e mais, os alegados, mesmo confessos e comprovadamente com factos e testemunhas continuam a ser alegados até ao fim da vida e com direito ao bom nome e protecção de imagem.
    Assim se comprova que quem fala VERDADE é alegadamente criminoso

    Gostar

  12. Carlos reis permalink
    18 Maio, 2017 15:35

    E se a alegada vitima fosse vossa filha?

    Gostar

    • Churchill permalink
      19 Maio, 2017 19:33

      Tinha vergonha

      Liked by 1 person

      • 19 Maio, 2017 23:28

        Vergonha? v. deve ser um Matusalem como eu e o José- já ninguém sabe o que é ter vergonha. Chamam-lhe direitos e liberdades.

        A pornografia voyeurista da publicação destas merdas- é um direito informativo- Já faltou menos para se mandar um video a cagar no meio da rua e os jornais publicarem-no ou abrirem o telejornal com ele- é “informação”- direito a informação: liberdade de expressão e outros chavões que esta geração desgraçada decorou.

        Gostar

    • Eduardo permalink
      19 Maio, 2017 23:01

      E se a alugada fosse a filha de Vossa Majestade ia à tromba do abusador ou da abusadora?

      Gostar

      • Carlos reis permalink
        20 Maio, 2017 14:36

        Se fosse minha filha e quando mais nova “ia à tromba” todas as vezes que achasse necessário para evitar “ir à tromba” quando chegasse aos 18.

        Gostar

  13. Aventino permalink
    18 Maio, 2017 16:01

    Os telemóveis fazem parte integrante do corpo dos jovens.
    Os aparelhos confundem-se com as mãos, com dedos, com orelhas, com pénis, com seios, com vagina, etc.
    Isto está tudo ligado!

    Liked by 1 person

  14. 18 Maio, 2017 16:13

    mg,

    o Trump não conseguirá cumprir o mandato.

    Gostar

  15. Chopin permalink
    18 Maio, 2017 17:43

    The swamp wants to drain the president

    Se Trump não desistir de mandar investigar a Fundação Clinton continuará a ter a máfia toda à perna 🙂

    Eis a chamada influência russa nas eleições:

    Liked by 1 person

  16. Chopin permalink
    18 Maio, 2017 17:50

    Afinal a fuga de informação vinha daqui:
    http://www.zerohedge.com/news/2017-05-16/murdered-dnc-staffer-seth-rich-shared-44000-emails-wikileaks

    Já lhe tiraram o pio. Anteciparam-lhe o encontro com o Criador.

    Gostar

  17. Francisco permalink
    18 Maio, 2017 18:42

    A minha interrogação mantem-se há vários anos: quem são os responsáveis envolvidos que ainda querem manter as portas abertas da internet?

    Falta implementar a autenticação para aceder à internet. O processo técnico será o mesmo que assegura quando eu quero entrar na minha conta bancária (se a tiver) e sou identificado por um código.

    Aguardo por esse dia. Com ou sem cheta, entras, mas só com o teu B.I. ou Cartão de Cidadão…

    Gostar

  18. 19 Maio, 2017 00:13

    mg,

    estou-me marimbando para políticos trafulhas, vígaros, incompetentes. Para gente perigosa, rejeito-a, seja de “esquerda”, do “centro”, da “direita”, chamem-se Dilma, Lula, Temer, Maduro ou Trump.

    Gostar

    • 19 Maio, 2017 04:49

      Então mas a possivel distituíção deTemer já não será golpe, assim como andou por aqui indignadamente afirmar isso em relação à Dilma ? O camarada está-se marimbando para os “trafulhas politicos”, só que parece que há trafulhas de que aprecia e outros que não…

      Gostar

      • 19 Maio, 2017 08:07

        Preâmbulo para vc. tentar –e se quiser– entender: ontem renunciaram aos cargos no executivo do Tamer 2 ministros. Devido ao que ficou demonstrado também ontem. O governo está replecto de banditagem, nem todos no Planalto querem pactuar com eles.
        A possível saída do Tamer não será por golpe algum, mas sim cumprimento das leis. Ficará cada vez mais provado que a destituição da corrupta Dilma foi uma golpada feita por…outros corruptos.
        Repito: abomino políticos trafulhas, vígaros e quem deles usufruir ou apoiar. Portanto, ao contrário da sua precipitada “avaliação”, quero que se phodam !
        Ah ! — chame camarada a outro.

        Gostar

      • 19 Maio, 2017 08:18

        O seu contorcionismo mental é digno de posição de assessoria ao 44.

        Gostar

      • 19 Maio, 2017 08:44

        “Ficará cada vez mais provado que a destituição da corrupta Dilma foi uma golpada ” hein?! Portando a sua querida é corrupta mas não pode ser destituida por corruptos politicos de acordo com a lei de impeachment porque é golpada, mas o Temer corrupto pode ser destituído por corruptos politicos de acordo com a lei de impeachment porque são as leis.

        Mas se a destituição da sua querida não tivesse ocorrido, ainda hoje ela e seu parceiro de coligação corruptos ainda lá estavam, juntamente com os corruptos que fizeram a “golpada”, e isso já o deixaria satisfeito.

        saudações camarada.

        Gostar

  19. 19 Maio, 2017 11:37

    mg,

    leve a bicicleta, os óculos de sol, o rádio e pedale, pedale, pedale.

    Gostar

    • 19 Maio, 2017 13:49

      Eu prefiro andar em cima e chicotear burros como tu.

      Gostar

      • 19 Maio, 2017 13:58

        tadinho. Imberbe. Não aguenta uma opinião contrária.

        Gostar

      • 19 Maio, 2017 14:47

        Lá porque urras empertigadamente não te faz parecer mais inteligente, do que o burro que és.

        Gostar

  20. 19 Maio, 2017 15:19

    faça um favor a si: tente sair da categoria lixo.

    Gostar

  21. Rui Silva permalink
    19 Maio, 2017 15:27

    Se foi crime o CM tem todo o direito/dever de noticiar.
    Se não foi crime ( que me parece o caso , pois é bem visível o consentimento) os visados deviam ou deviam poder pedir uma indemnização ao CM , uma vez que se trata de publicação de imagens pessoais sem consentimento.

    Rui Silva

    Gostar

    • Eduardo permalink
      19 Maio, 2017 23:07

      Muito bem dito senhor Rukas. Deduz-se que em sua opinião dois ou duas podem fazer e dizer tudo o que lhes vier ao bestunto. Se ambos estiverem de acordo não há crime quer os actos sejam praticados no autocarro ou no meio da rua.
      É por causa de gente como o senhor que as ditaduras renascem
      e as democracias se tornam libertinagens

      Gostar

  22. Churchill permalink
    19 Maio, 2017 19:35

    Num país em que um indiciado de pedofilia (não acusado por prescrição) está como segunda figura do Estado, isto só é conversa por ter sido filmado e mostrado.
    Mas convenhamos que são coisas muito diferentes

    Gostar

  23. licas permalink
    20 Maio, 2017 04:53

    Bem apanhado, Churchill.
    (vícios não punidos por escondidos, depois reus escamoteados à Justiça,
    é igualzinho__________________________ a não cometidos, xuxas dixit)

    Gostar

  24. licas permalink
    20 Maio, 2017 22:15

    ????????????

    Gostar

Indigne-se aqui.

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: