Skip to content

Doutor César, co-adopte-me

13 Junho, 2017

Esta semana foi notícia o emprego da sobrinha de Carlos César na câmara municipal do Primeiro-Ministro. Contrariamente ao que pensa a maioria das pessoas a quem ouvi mencionado o assunto, não só acho que a contratação não é condenável como a acho muito bem, um autêntico serviço público ao país. Inclusivamente, considero que as pessoas que condenam este funcionamento napolitano das instituições não estão a pensar bem no assunto: empregar um socialista numa câmara municipal permite afastar do mercado de emprego um candidato em risco de ser erroneamente contratado por um privado com consequências imprevisíveis para a sobrevivência da empresa. Permite também que a sobrinha de César adquira competências úteis no âmbito de conhecimentos gerais sobre as pessoas certas a conhecer para que nunca mais tenha que ser sujeita a processos de selecção. Sobretudo, permite o reconhecimento pela sociedade de que não há pessoa mais qualificada para uma autarquia que um familiar de um dirigente nacional do PS. Já achei bem quando o dr. Vieira da Silva levou a filhota para o governo: o dr. Costa bem precisa de um sociólogo que o acompanhe para tirar notas. A única coisa que lamento na contratação da sobrinha do dr. César é não ser muçulmana e preta, estragando assim a possibilidade de um brilharete quádruplo nas quotas com quatro minorias desprotegidas de uma vez só: mulher, negra, não-católica e sobrinha do dr. César.

Nota: não sei se o Carlos César é mesmo doutor, mas, como sou a favor da não discriminação, acho que toda a gente merece ser tratada por “doutor” a partir dos doze anos.

Anúncios
35 comentários leave one →
  1. 13 Junho, 2017 07:48

    o humor é assim destapa os paninhos quentes deixando o feio à vista
    por isso muita gente há a quem o humor assusta
    no entanto no seu texto deixou-se limitar
    assanhadamente atacou a árvore e não viu ou não quis ver a floresta do mal português
    naughty boy
    por puro acaso, quando da tomada de posse do dótor passos foi-me dado a assistir de muito perto à nomeação dos dirigentes para o instituto de emprego
    um vómito com pernas
    o dótor césar do ps não é uma excepção é sim a regra que determina como se fazem as coisas em todo o nosso espectro partidário
    é essa abrangente pobreza de espírito que faz de portugal um país de pobres
    alguns serão pobres ricos mas vai dar ao mesmo
    aconselho-o a treinar a visão periférica
    deixo-lhe a questão:
    dótor passos de massamá, dótor de quê?
    facilitação?

    Gostar

    • Manuel permalink
      13 Junho, 2017 09:33

      Tens toda a razão. Mas, sempre, este blog deu espaço a que se criticassem as políticas de Passos&Portas, mas experimenta ir aos blogs dos esquerdalhos? Uma das razões da emigração dos nossos jovens( jamais voltarão) e da nossa insolvência crónica como país, assenta na plutocracia e nepotismo do regime, desde o liberalismo. Apesar de extinto, ele existe: o Pariato( um sistema de honras ou de nobreza em vários países).

      Gostar

    • Narciso Miranda permalink
      13 Junho, 2017 15:03

      Todo esse texto para dizer que se o César o faz os outros também. Diga-me sff em que câmara municipal trabalha a sobrinha do passos.

      Gostar

  2. Mauritano permalink
    13 Junho, 2017 08:27

    O que eu ri à custa deste “post”. Muito bom, especialmente na parte da “Mulher, negra, não católica e sobrinha do dr. César”, repito, MUITO BOM.

    Gostar

  3. 13 Junho, 2017 08:33

    Excelente, como habitualmente.

    Gostar

  4. 13 Junho, 2017 08:46

    Óptimo post.

    A CMLisboa está replecta de nódoas made in P”S”. Mais uma para esse entulho camarário e vivó santantoninho empregador.

    Gostar

  5. 13 Junho, 2017 09:10

    Só uma populaça maioritariamente aparvalhada, ignorante, inócua mas assim contentinha, fica indiferente à grande e mais uma trapalhada deste governo por causa da nova administração –e não só…– da TAP.
    Onde pára o PC e o BE ? E os “Não TAP os olhos” não levantam voo contestatário ?, ou estão, sobretudo o seu líder, já anichados com o tal Lacerda-amigo-do-Costa na expectativa dum subsídio, dum favor, dum tacho ?

    Gostar

  6. piscoiso permalink
    13 Junho, 2017 09:39

    Não sabia que o Trump era ps.

    Gostar

  7. LTR permalink
    13 Junho, 2017 09:48

    A máscara caiu junto com a vergonha e daqui para a frente só vai dar a farândola em que Costa e Marcelo estão a transformar Portugal. O Ministro da agricultura manda a Cristas tomar chá de Tília, ao melhor estilo ordinário de Sócrates e a TAP transforma-se na casa dos politicos como nos anos 70 e 80, com os resultados conhecidos. Tudo retratos de país de terceiro mundo.

    Liked by 1 person

  8. chipamanine permalink
    13 Junho, 2017 10:10

    F* não fosse eu ter de pagar o vencimento desta gaja com a taxa da protecao civil eu também acharia bem….só se estragava uma casa.

    Gostar

  9. Aventino permalink
    13 Junho, 2017 10:17

    O ideal seria a sobrinha também ser lésbica!

    Gostar

  10. Ricciardi permalink
    13 Junho, 2017 11:04

    Oh Vítor vai ver que vai chegar a sua vez. Não desespere. Quem berra mama sempre.

    Mas atenção, se berrar demais depois pode dar-se o caso de já não poder ser elegível para um cargo qualquer a ganhar 1300 euros, essa pouca vergonha de salário.

    Não entendeu? Eu explico. Se VC se mostra demasiado amigo dos actuais opositores ao governo, vai levar com um carimbo ” amigalhaço do coelhismo”. Com esse carimbo as portas fecham-se porque o Coelho, apesar de nabo, não é completamente estúpido ao ponto de nomear amigalhaços. Era logo acusado daquilo que agora acusa o novo administrador da TAP.

    Em suma, aceite esta minha humilde sugestão se não quer permanecer na fila de amigalhacos não nomeaveis. Não demonstre publicsmente tanta amizade. Amizade qb.

    Eu sei que os bloggers liberais (principalmente o os liberais de tenra idade) tem a expectativa de poderem vir a ser nomeados para qualquer coisa do estado. E, lá está, pensam que quanto mais berrarem, mais chamam a atenção aos decisores.

    Mas há berrarias e berrarias. Ele há quem opte por berrar com inteligência e pragmatismo. Tome o exemplo do Adolfo Mesquita. Berrou bem na blogosfera mas foi uma berraria assertiva. Com nível. Não se pôs a avacalhar e, portanto, não foi visto como um pagamento por serviços prestados.

    Rb

    Gostar

    • 13 Junho, 2017 11:10

      Você sabe mesmo muita coisa. Fico muito agradecido pela partilha gratuita e despreocupada de conhecimento útil, quer sobre os liberais (que desconhecia serem assim tão oportunistas), quer sobre o método certo para se ser nomeado para cargos. Vou guardar com muito carinho esta informação, que é raro alguém dar assim de forma tão generosa e sem qualquer interesse além da advertência simpática para a feiura de um mundo que conhece bem. Muito obrigado.

      Gostar

      • Ricciardi permalink
        13 Junho, 2017 14:51

        Não tem que agradecer.

        Os brasucas tem uma expressão que eu mui aprecio. Berra a cabra, berra o bode e o povo é que se fode.

        Na actual política é coisa semelhante. Só lá estão os que berraram muito. A mama vem, pois, sempre depois da berraria.

        Vc note bem o tipo de governantes que tivemos depois de 2000. Ele foi o durão e santana. A berraria da tanga e a ideia do menino guerreiro deu frutos. Curriculum!? Não tinham. Mas o que importa esse detalhe.

        Depois veio outro órfão de curriculum, o Sócrates, também conhecido pelo 44. Como prêmio de melhor berrador sem curriculum deram-lhe o posto avançado da nacinha.

        Quando o pessoal pensava que agora é que ia ser aparece o Coelho. Fui ver o curriculum, ainda pensei que estava incompleto ou assim. Mas não ele também não tinha curriculum. Excepto, lá está, tal como Sócrates, a liderança da juventude partidária onde a berraria é normal por causa da idade. Aprenderam a berrar e tiveram a recompensa. A mama.
        .
        Pois então, oh Vítor, vexa não queira ser assim. Ser nomeável pelos bons préstimos na arte da berraria fará de si um tipo vulgar, sem curriculum, como todos os pm’s, deputados e afins que tivemos. O que é que o diferenciaria dum Sócrates? Pior, o que o diferenciaria dum coelho?

        Se chegar a deputado, diretor, deputado ou ministro que seja por méritos intrínsecos feitos de savoir fair. Chegar lá por berra forte e com regularidade já foi tempo. São tempos novos e um gajo deve acompanhar os tempos… e os ventos.
        .
        Rb

        Gostar

    • piscoiso permalink
      13 Junho, 2017 11:37

      Basta ver o Carlos Abreu Amorim que berrou aqui com nível e teve assento na AR.

      Gostar

      • 13 Junho, 2017 12:59

        O CAAmorim, ainda debutante na ARepública, ascendeu meteoricamente e passado pouco tempo foi nomeado vice da bancada parlamentar. De liberal assumido passou para social-democrata.
        Sei que trabalha muito e bem nos bastidores e tem, reconheça-se, bom discurso fluente, assertivo. Se o PPCoelho vencer o próximo congresso do PSD, CAA tem outro futuro.

        Gostar

      • Manuel permalink
        13 Junho, 2017 13:19

        Tem sido um bom deputado, penso que é independente.

        Gostar

  11. 13 Junho, 2017 12:53

    Lembrei-me agora que há algum tempo opinei aqui e sem ironia, que gostaria que o VCunha fosse deputado na ARepública. Com uma condição: liberdade para intervir. Seria um entusiasmante deputado, não duvido.
    Respondeu-me mais ou menos isto: “Vc. quer o meu mal !?”

    Gostar

  12. 13 Junho, 2017 13:46

    C’um carago, apanhei a notícia televisiva no final, terei percebido bem, deram ao ministro da educação tuga uma bolsa Erasmus ?

    Gostar

  13. 13 Junho, 2017 13:47

    Manuel,

    Creio que o CAA já se filiou no PSD.

    Gostar

  14. Arlindo da Costa permalink
    13 Junho, 2017 16:14

    Dor de cotovelo e pouco que fazer!

    Gostar

  15. joaogon permalink
    13 Junho, 2017 17:26

    O homem não é doutor…

    Liked by 1 person

    • carlos alberto ilharco permalink
      13 Junho, 2017 22:11

      Não, não é.
      In 1975, he entered the Faculty of Law at the University of Lisbon, although he did not complete his licenciatura

      Gostar

  16. rão arques permalink
    13 Junho, 2017 23:31

    Deus, Pátria e Família deu em Alquimia, Pantanal e Promiscuidade.

    Gostar

    • 14 Junho, 2017 02:51

      + – isso. Em doses cavalares e cíclicas perante a passividade (e até inveja) de muitos “concidaddãos” que gostariam de ter alcançado ou desejam um tacho, a manjedoura.

      Gostar

  17. carlos alberto ilharco permalink
    14 Junho, 2017 00:45

    Peço desculpa, afinal é mesmo doutor.
    Acabou o curso no Conselho de Estado onde figura como

    Dr. Carlos Manuel Martins do Vale César

    Gostar

    • LDM permalink
      14 Junho, 2017 14:17

      Doutor? Só se foi doutorado recentemente pelo Martelo

      Gostar

      • carlos alberto ilharco permalink
        14 Junho, 2017 19:35

        Nem mais, se lá está como Dr. o Marcelo é responsável.

        Gostar

  18. Flic Flac Açores permalink
    16 Junho, 2017 22:36

    Não é doutor nem é dr. mas é uma doutência.

    Gostar

Indigne-se aqui.

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: