Saltar para o conteúdo

Já que andam tão preocupados com os dados que dão voluntariamente

13 Abril, 2018

mais as fotografias dos gatinhos e os amiguinhos do facebook que podem ter levado ao brexit podem parar um bocadinho e interrogar-se sobre os dados que esta entidade detém sobre nós:

Na altura da matrícula, os encarregados de educação terão de provar que residem com os alunos que estão sob a sua responsabilidade e as declarações de honra deixam de contar. A prova terá de ser feita através dos dados entregues à Autoridade Tributária no que diz respeito à composição do agregado familiar.

Anúncios
30 comentários leave one →
  1. Paulo Valente permalink
    13 Abril, 2018 09:16

    Pergunto-me em que esta questão das matrículas e do lugar de residência afligirá Helena Matos. Algum afilhado?…

    Gostar

    • Mario Figueiredo permalink
      13 Abril, 2018 09:33

      Portanto se nos indignarmos contra o Analytics somos gente de bem, mas se nos indignarmos contra uma base de dados da AT que está a servir para tudo, desde fiscalizar a limpeza de terrenos até à matricula de alunos na escola, já somos uns malandros com interesses próprios. O que não poderemos parecer é consistentes na denúncia de abusos à nossa privacidade.

      Devias ir para ministro. Tens precisamente os mesmos tiques da chico-espertice que nos (des)governa à 40 anos.

      Liked by 1 person

      • Paulo Valente permalink
        13 Abril, 2018 11:12

        Ponto 1:
        … que nos (des)governa HÁ 40 anos.

        Ponto 2:
        Uma base de dados que é utilizada para verificar a aplicação da lei.

        Gostar

      • Zé Manel Tonto permalink
        13 Abril, 2018 13:55

        “Ponto 2:
        Uma base de dados que é utilizada para verificar a aplicação da lei.”

        Paulo,

        Eu não possuo imóveis, muito menos em zonas rurais com mato à volta. Apesar disso recebi o famigerado mail a exigir a limpeza de terrenos sob ameça de multa.

        A base de dados não serve para verificar a aplicação da lei.

        Gostar

      • Mario Figueiredo permalink
        13 Abril, 2018 14:24

        Obrigado pelo nota ao erro gramatical. Infelizmente é um erro recorrente e que pratico de forma inconsciente, pelo que suspeito que o seu aviso não terá efeito algum. É a vidinha…

        Em relação ao seu argumento que a base de dados está a ser usada para efeitos de verificação do respeito à lei, não percebo porque é que você está a confirmar precisamente o que está a ser criticado. Sim, nos sabemos que é para esse efeito. Levante o braço se ainda não percebeu qual é a critica que está a ser feita ou se ainda pensa que é porque nos dá jeito para mandar os nossos petizes para outra escola…

        Gostar

      • Paulo Valente permalink
        14 Abril, 2018 00:36

        Caro Zé Manel Tonto,
        Isso significa que a base de dados apenas serviu para o envio a todos os contribuintes portugueses da informação relativa à obrigação legal de limpeza de matas. Não serviu portanto para informar ninguém acerca da eventual propriedade de terrenos, nem ouve cruzamento de informação com outros departamentos do estado.

        Gostar

      • Paulo Valente permalink
        14 Abril, 2018 00:43

        Caro Mário Figueiredo
        Fica então bastante indignado pelo facto de a GNR ter acesso à base de dados do Instituto do Notariado quando o manda parar por excesso de velocidade e verifica quem é o proprietário do seu automóvel?
        Ou fica ainda mais irritado quando a GNR cruza informações com o Ministério Público e o acusa do crime de condução em estado de embriaguez?
        Porque raio é que acha que um departamento do estado não deve ter acesso à informação detida por outro departamento de estado, quando essa informação é necessário para o correcto funcionamento desse segundo departamento?
        Apenas para que o Mário Figueiredo possa prestar falsas declarações sem o risco de ser descoberto?

        Gostar

    • Raghnar permalink
      13 Abril, 2018 10:31

      Pois, já se fosse para controlar os subsídios de alojamento dos deputados à casa das negociatas, era uma invasão de privacidade, um atentado à “democracia” e aos “direitos de cidadão” dos camaradas. Como se fossem cidadãos comuns…

      Já para a populaça, carga em cima…

      Gostar

      • Paulo Valente permalink
        14 Abril, 2018 00:48

        Presumo que saiba o sigificado do termo camarada. Mas no resto tem razão, as bases de dados do estado também devem servir para evitar trafulhices por parte dos deputados. E provavelmente servem.
        O problema no caso que refere, é o regulamento dos subsídios permitir a indicação da morada fiscal e não obrigar à indicação da verdadeira morada.
        Mas mesmo no caso dos cidadãos comuns como eu, ou da populaça, como no seu caso, o que é que nos impede de, tal como os deputados, indicar uma morada fiscal conveniente para as matrículas nas escolas?

        Gostar

      • Raghnar permalink
        14 Abril, 2018 08:58

        As bases de dado do estado devem servir principalmente para evitar trafulhices por parte de quem tem responsabilidades adicionais da gestão dos recursos públicos. De resto, devem ser usadas apenas para aquilo que foram criadas, ou o regulamento de protecção de dados não se aplica ao estado socialista?

        Claro que não, o estado socialista como tem sempre boas intenções, está isento de cumprir aquilo que decreta aos outros. E chama-lhe “democracia”…

        Gostar

    • 13 Abril, 2018 11:17

      Razão tem aquele socialista que disse que o PS é um partido estalinista.
      Que está a impor um Estado Policial.

      Toma povo,
      que és bruto!

      Gostar

      • Artista português permalink
        13 Abril, 2018 15:44

        Estalinista é o PS há muito tempo, a começar pela célebre frase “Vamos deitar os brancos aos tubarões”, ao melhor estilo da luta contra “os inimigos do povo” e que viria a dar o tom à célebre “descolonização exemplar”.

        Gostar

  2. Euro2cent permalink
    13 Abril, 2018 09:47

    os dados que dão voluntariamente

    Ou involuntáriamente. Há quem nunca tenha contratado nada com FBs e afins, e tenha lá “ficha”.

    O estado, ao menos, tem uma desculpa, que é ser o leviatã que trata – ou devia tratar – de aliviar os sintomas da vida “solitary, poor, nasty, brutish, and short”.

    Os outros são só pulhas a aproveitarem-se.

    Gostar

    • Bal permalink
      13 Abril, 2018 09:55

      Uma referência a Thomas Hobbes! Muito bem, muito bem. Ando a falar desse rapaz aos meus alunos.

      Gostar

  3. Raghnar permalink
    13 Abril, 2018 09:48

    Depois da utilização para o “bom motivo” da limpeza de terrenos, escrevi aqui que a caixa de Pandora estava aberta, agora era só imaginar “bons motivos” para recorrer à base de dados da Autoridade Totalitária.

    Como bons “progressistas” a coisa é para seguir sem pressa, mas sem pausa. Admirável Mundo Novo…

    Liked by 1 person

  4. Castrol permalink
    13 Abril, 2018 10:06

    Mas será que só eu é que acho (tenho a certeza) que isto é ilegal:

    Autoridade Tributária fornece dados dos contribuintes para polícia multar os proprietários que não limpem os seus terrenos;
    Autoridade Tributária fornece dados sobre composição do agregado familiar para efeitos de matricula de alunos;
    ….

    Mais valia abrirem um quiosque para vender dados! Sempre se ganhava algum…

    Há um bom par de anos, a Câmara Municipal do Porto, numa iniciativa louvável, investiu dezenas de milhares de euros a instalar um circuito de vídeo vigilância na zona da Ribeira, para proteger cidadãos e turistas. O êxito foi assinalável, mas mesmo assim a Comissão de Proteção de Dados, obrigou a Câmara a desligar o sistema.

    Por onde andam esses senhores agora??!!

    Liked by 1 person

    • The Mole permalink
      13 Abril, 2018 14:56

      Esqueceu-se que estamos em Portugal?. Há muitos anos (40 e tal) que isto não é um estado de direito. A lei aplica-se a todos (e à bruta) menos ao estado. Há inúmeros exemplos, este é só mais um…

      Gostar

  5. weltenbummler permalink
    13 Abril, 2018 10:25

    ópera bufa ou do peido
    «
    Um peido médio é feito de:
    59% de Nitrogênio
    21% de hidrogénio
    9% de dióxido de carbono
    7% de metano
    4% de oxigénio
    1% de sulfeto de hidrogénio,
    Um peido é produzido principalmente por E.coli, que são bactérias comumente encontradas nos intestinos de seres humanos e animais. Existem diferentes tipos de E. coli. Estas bactérias não causam danos ao organismo e a função delas é somente fazerem as pessoas peidarem. A maioria dos peidos são inflamáveis, por causa do gás metano e hidrogênio que eles contêm. No momento do peido a temperatura média dele é de 37 graus Celsius.
    Um peido atinge a velocidade de 3,05 metros por segundo.
    Uma pessoa pode produzir cerca de 0,5 litros de peido por dia.
    Homens e mulheres peidam iguais. (Você já conheceu uma mulher que admite isso?)
    Uma pessoa em média peida 14 vezes ao dia. »

    Gostar

    • 13 Abril, 2018 11:15

      Não chega a um peido por hora!

      Gostar

    • pitosga permalink
      13 Abril, 2018 12:11

      weltenbummler,
      Notável resumo de conhecimentos de biologia.

      Partindo daqui eu estou a pensar em me candidatar a uma oficina de doutoramentos numa universidade em Cacilhas ou nos EUA.

      Muito a sério: obrigado pelo texto. Muito bom!

      Gostar

    • The Mole permalink
      13 Abril, 2018 15:06

      Peço-lhe o favor de não espalhar esta informação pelas altas esferas do “governanço”:

      Não estou para ter que pagar mais um imposto/taxa/multa pela purificação do ar ou até por excesso de velocidade – pois se pode atingir 3,05 m/s, qualquer dia irão impor o limite de velocidade de 1,98 m/s – mais do que isso poderá incomodar as sensibilidades do BE…

      Gostar

      • Artista português permalink
        13 Abril, 2018 15:48

        Mesmo assim, em matéria de peidos, há diferenças em termos de produtividade. Por exemplo, lá para os lados do início da calçada da Estrela (ou da Rua de S. Bento, tanto faz) a intensidade e mau-cheiro dos ditos é muito maior.

        Gostar

      • The Mole permalink
        13 Abril, 2018 16:46

        Artista Português,
        Lá para esses lados o mau-cheiro dos ditos é de facto insuportável mas, como habitualmente, essa malta estará isenta de qualquer imposto/taxa/multa… a bem do país

        Gostar

  6. LTR permalink
    13 Abril, 2018 12:01

    Por que será que o legislador não vai verificar matrículas ao ensino superior?

    Gostar

  7. Procópio permalink
    13 Abril, 2018 12:25

    Porque existem encarregados de educação que procuram colocar os filhos em certas escolas e não noutras?
    Porque o estado patrão não admite opções “perigosas”.
    Primeiro vai contra a “igualdade”, somos todos iguais, mas os filhos deles frequentam escolas privadas. Igualdade perante a lei sim, só que não somos idênticos, desde o ADN.
    Segundo, revela a eventual diferença entre grupos de docentes, grande pecado, distingue entre escolas. Para os comunas são todas iguais. Não se esforcem, ganham o mesmo.
    Terceiro, sendo os programas absurdos, os alunos encontram-se ainda mais desmotivados que os professores, não há lugar para “desvios”.
    Antes dos goulags. alguns também encetaram “fugas” subtis, esquemas inocentes. Não escaparam. A livre opção, o zelo, a aspiração ao mérito, são crimes no seio das distopias.
    A ditadura em curso restringe qualque assomo de liberdade enquanto diz protegê-la. Arranjar bom emprego é só com bons padrinhos ou para quem tem o lugar à sua espera.
    Jovem esclarecido! O caminho é zarpar para outras terras.
    Nós cá nos havemos de arranjar, isto não vai durar eternamente.

    Gostar

  8. Luis permalink
    13 Abril, 2018 13:30

    Na minha regiao era notoria a diferenca entre escolas. Uma das secundarias ficava num concelho historicamente de Esquerda, cuja autarquia foi 20 anos do PCP. Havia muita politica, professores em listas do PCP, PS, PSD ou CDS. Vi um filho de um retornado ser chumbado por “mau comportamento”. A origem do mau comportamento foi um comentario sobre o Mario Soares, numa aula onde nao era segredo que a professora era do PS. Vi alunos filhos de donos de lojas ou negocios esforcarem-se mais para ter boas notas… e alunos do bairro a ter 10 com media de testes negativa. No concelho ao lado nao havia politiquices na Secundaria. Alguns pais de bons alunos tentavam colocar la os filhos, para conseguirem melhores notas. Na escola esquerdista, dificilmente um aluno tinha mais de 16 ou 17 de media. Alem da politica, os professores faltavam muito e nao cumpriam os programas. Quem se safava melhor era quem ia estudar para um qualquer colegio privado em Lisboa…

    Gostar

    • Eule permalink
      13 Abril, 2018 14:26

      Em relação ao chumbo por “mau comportamento” convém não esquecer que “quem se mete com o PS, leva”.

      Gostar

      • The Mole permalink
        13 Abril, 2018 15:08

        Pois, e é bom que comecem a perceber isso desde jovens…

        Gostar

  9. carlos alberto ilharco permalink
    14 Abril, 2018 00:23

    segundo uma vez ouvi dizer em Inglaterra basta a declaração da pessoa para fazer fé seja lá para o que for
    aqui quase todos querem enganar alguém, esses vão ficar muito ofendidos com esta invasão, os outros não.
    se quiserem faço um desenho para explicar melhor esta ideia e coloco-o na Escola Básica e Secundária D. Filipa de Lencastre

    Gostar

  10. Arlindo da Costa permalink
    14 Abril, 2018 21:21

    Toda a gente sabe que os colégios privados e as «classes altas» em Portugal têm como denominador comum a aldrabice e a corrupção.

    Há que por na linha esses transfugas e deliquentes sociais.

    Gostar

Indigne-se aqui.

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: