Saltar para o conteúdo

E é isto

16 Maio, 2018

Miguel Pinheiro: primeiro-ministro e os ministros aparecem, inchados, nas bancadas presidenciais dos estádios; os deputados, submissos, recebem os presidentes dos clubes no parlamento; os presidentes de câmara, solícitos, entregam as sedes dos municípios às equipas que vencem campeonatos; os políticos no activo, excitados, participam em debates na televisão que competem com circos.

E basta olhar para as autoridades: os adeptos em viagem na autoestrada destroem estações de serviço sem que haja detenções; a Segunda Circular é transformada num enorme parque de estacionamento em dias de jogo sem que haja multas; as claques lançam petardos sem que haja sanção.

Anúncios
25 comentários leave one →
  1. 16 Maio, 2018 15:19

    Sobre tudo o que MPinheiro escreveu, já eu coloquei uns bitaites no Blas.
    O futebol tuga é um poderoso submundo nada recomendável e alienatório do qual o poder político se serve despudoradamente.
    Cada vez que me lembro que apesar de documentos incriminatórios levados à PGRepública, ao MP, o Vale Azevedo cumpriu o mandato de três anos com a complacência da maioria dos Benfiquistas e com a companhia de políticos no camarote presidencial…
    E, políticos da geringonça tão ávidos por assistirem a jogos em camarotes presidenciais (ao lado de vígaros !) que até pedem convites…
    Etc., etc.

    Gostar

  2. LTR permalink
    16 Maio, 2018 15:29

    O que se passou ontem e que já vai ao ponto de exclamar sua Exa o Presidente da savana, não é mais do que a demonstração da percepção generalizada de que este rectângulo florido à beira-mar plantado não passa de um território de bandalheiras onde cada um faz o que quer na quase total impunidade. São polícias a desancar cobardemente famílias na presença de crianças, são polícias armados e aos pares a levar pancada em praças públicas, são abalroamentos de carros de polícia, é uma direção de polícia que não existe, são penas com saídas precárias ao fim de 3 anos para homicidas grupais após rapto, tortura e banho em ácido, etc. A virilidade, essa mudou-se toda para a Autoridade Tributária. O medo é tanto que os envolvidos em corrupção até se arrependem e contam tudo sem delação premiada e as grandes descobertas do maior caso de corrupção política de toda a Europa no exercício de cargo de um PM emanam de um jornal com os recursos do CM. Só um especialista venezuelano em psiquiatria pode explicar isto, coadjuvado por especialistas em putedologia política, porque nada disto pode ter a ver unicamente com estupidificação das massas nem corrupção. Isto é o retrato de uma nação em fase final de decadência, miserável, sem vergonha e sem futuro autónomo de uma UE financiadora, convencida de que um Euro 2004, uma Expo 98 ou um eurofestival são provas de vida inteligente.

    Gostar

    • José Ribeiro permalink
      16 Maio, 2018 16:31

      Caro LTR,

      Comentário perfeito!
      Está tudo dito e se eu escrever mais, borra tudo!

      Gostar

    • Andre Miguel permalink
      16 Maio, 2018 16:45

      Caganda comentário! Merecia um post!

      Gostar

    • Manuel permalink
      16 Maio, 2018 18:05

      Excelente comentário, gostaria de ter escrito.

      Gostar

    • Euro2cent permalink
      16 Maio, 2018 20:27

      A virilidade, essa mudou-se toda para a Autoridade Tributária.

      Verdade, mas mesmo essa seduz o papalvo com um descontinho por factura e umas cores pastel nas internetes.

      Gostar

  3. Raghnar permalink
    16 Maio, 2018 16:28

    Acções que não valem o papel em que estão escritas aceites como garantia de pagamento de dívidas à agora Autoridade Totalitária, negócios manhosos de cedência de terrenos, financiamento público directo desta sem-vergonhice em certas regiões, etc, etc…

    E depois aquelas “elites” na TV, que dão o “exemplo a seguir” ao povo. Engenheiros, dótores, advogados, tudo a dar exemplos de comportamento e convivência “desportiva” em pleno horário nobre e canal aberto. E o problema de Marcelinho nem é o acto em si, mas a “repercussão internacional”, se fosse para consumo interno ainda se remetia ao silêncio:

    “Senti-me vexado pela imagem projetada por Portugal no mundo”

    Gostar

  4. 16 Maio, 2018 17:52

    E sobre o caso SportingCP, o AC-DC repetiu o que ontem disse o seu imberbe secretário de estado do desporto: domingo há festa, tem de haver segurança e blá,blá,blá.
    Continua a empurrar problemas com a pança e siga o baile mais a propaganda.

    Gostar

    • Raghnar permalink
      16 Maio, 2018 18:02

      Alto e pára o baile, que o homem tem “solução”. Surpreendentemente, é criar mais um poiso de colocação de boys:

      https://ionline.sapo.pt/artigo/612313/costa-anuncia-a-criacao-de-uma-entidade-nacional-contra-a-viol-ncia-do-desporto?seccao=Desporto_i

      Para não dizerem que não faz nada!

      Gostar

      • Manuel permalink
        16 Maio, 2018 18:06

        Mais um local para colocar “um amigo”. Haja vergonha!

        Gostar

      • LTR permalink
        16 Maio, 2018 18:21

        Comentei antes de ver o seu comentário. Estes tipos da política deviam passar por uma junta médica psiquiátrica antes de se poderem candidatar a qualquer coisa! Escorrem-me as lágrimas pela cara abaixo. Grande palhaço!

        Gostar

      • 16 Maio, 2018 18:58

        Essa anunciada Autoridade Contra a Violência no Desporto não passa de foguetório para levar patetinhas atrás do som.
        Não disse que tipo de Autoridade…

        “Querem” punição ? Deixem levar à barra de tribunais alguns dirigentes do futebol, uns quantos amigos e compinchas do AC-DC, de ministros, secretáruios de estado, deputados…
        O que este desgoverno tem de fazer é deixar o MPúblico, a PJ e a Procuradora Geral da República trabalharem e decidirem !
        O MCThomaz e o AC-DC ainda não têm noção do que aconteceu ontem.

        Gostar

      • 16 Maio, 2018 20:06

        Entidade? fraco, tem que ser pelo menos uma Ótotoridade..

        Gostar

  5. LTR permalink
    16 Maio, 2018 18:18

    Solução do António Costa: é preciso criar uma “autoridade nacional para a violência no desporto”

    Isto não é a gozar! O tipo disse mesmo isto!

    Gostar

    • 16 Maio, 2018 19:01

      Esse tipo nem falar sabe, parece um retardado que tem pentelhos no céu da boca.

      Gostar

    • Monti permalink
      16 Maio, 2018 20:39

      E assim, desresponsabilizar SExas, Secretário de Estado, ministro, PM.
      Solução Alta Autoridades, mais uma e o Govern descansa.
      A bem do Regime.

      Gostar

  6. 16 Maio, 2018 19:10

    Outra reação apatetada, a do Rui Rio.
    Invocou a “separação entre futebol e política” praticada enquanto autarca, ao recusar que o FCPorto fosse recebido e comemorasse na varanda dos Paços do Concelho: 9 vezes campeão nacional, 1 Liga dos Campeões, 1 liga Europa…
    Porra, se o SLBenfica tivesse esse palmarés entre 2001 e 2013 e um presidente da câmara de Lisboa lhe fechasse as portas, eu numa oportunidade ia-lhe verbalmente “às trombas”.

    Gostar

    • 16 Maio, 2018 20:24

      Caro MJRB,
      O servilismo do Rui Moreira perante o FCP no passado fim de semana, mais os gastos que a Câmara certamente suportou para montar o palco nos Aliados, fez-me ter saudades do Rui Rio.

      Gostar

      • Monti permalink
        16 Maio, 2018 20:41

        Razoável, talvez, no Dia da cidade e na cerimónia da CMP, uma medalha a Pinto da Costa.
        O que foi feito? Saudades de RR.

        Gostar

      • 16 Maio, 2018 21:59

        Caro LR,
        creio que ouvi numa TV que houve patrocínio duma empresa (MEO ?) para montagem do espaço por onde desfilaram os jogadores e outra logística.
        Eu, se portista, entenderia a conquista deste campeonato muito para além de só mais um título. Foi o que aconteceu no mundo portista, inclusivé RMoreira.

        Gostar

      • 17 Maio, 2018 19:29

        Caro MJRB,
        È possível que tenha havido algum patrocínio de entidades privadas, mas não acredito que a Câmara, via Porto Lazer (o nome desta EM é elucidativo da importância que os nossos políticos dão ao “circo”) não tenha comparticipado fortemente, no palco ou em outras despesas relacionadas com os festejos.
        Como sabe sou portista, mas enquanto adepto, olho para a bola apenas na sua componente lúdica e ciente do seu carácter efémero: as alegrias e tristezas esfumam-se ao fim de 24 horas. Mas enfim, neste país serei certamente uma “avis rara”.

        Gostar

  7. 16 Maio, 2018 19:17

    Mais uma do MCThomaz: ainda não sabe se vai ao Jamor. Não vai lá o SportingCP e sobretudo os seus jogadores e técnicos que devem ser particularmente respeitados ? E não seria falta de respeito pelo Desportivo das Aves e…pela Taça DE PORTUGAL ?
    O que ganharia o futebol e este momento com a sua ausência ?

    Gostar

  8. Arlindo da Costa permalink
    16 Maio, 2018 20:29

    Desde que Vilarinho (em modo de bêbado) apoiou Durão Barroso nas eleições, isto nunca mais se endireitou.

    Gostar

Indigne-se aqui.

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: