Skip to content

Livro de estilo para notícias sobre atentados e ataques que podem ter como autores indivíduos não brancos e não cristãos

24 Julho, 2018
  1. O momento do atentado propriamente dito: Toronto shooting: Gunman kills woman and child in Greektown. The motive for the shooting is unknown.
  2. Segue-se a condenação e a solidariedade com as vítimas. Continua sem se saber nada sobre a identidade do autor. Pede-se que não se especule sobre as motivações  pq as autoridades estão a investigar. Culpa-se a falta de regulação no acesso às armas de fogo e se o atentado for no Canadá a proximidade com os EUA. Na Europa não se fala de proximidade alguma. Se o atentado for com faca, automóvel ou ácido a questão da arma não conduz aos EUA. Police said it was too early to provide a motive for the shooting, but local councillor Paula Fletcher said: “It’s not gang related. It looks like someone who is very disturbed.”
  3. Algumas horas depois sabe-se o nome do autor do atentado. Mas já não vale a pena fazer notícia. Como é óbvio trata-se de um desequilibrado. Canadian officials have identified the man responsible for a mass shooting in Toronto as Faisal Hussain. Faisal Hussain’s family say he has had mental health problems for much of his life

 

 

Anúncios
15 comentários leave one →
  1. Zé Manel Tonto permalink
    24 Julho, 2018 11:28

    A relação entre indivíduos que seguem o islão e indivíduos que desenvolvem doenças mentais é impressionante.

    Liked by 5 people

  2. 24 Julho, 2018 13:10

    O pensamento politicamente correcto ainda impera em muitas cabecinhas. Comentando este caso com um amigo, respondia-me ele que nos estados unidos havia tiroteios todos os dias feitos por maluquinhos. Como se isso desculpasse os atentados cometidos por muçulmanos em todo o mundo motivados pelo islão. Muita gente ainda não percebeu que “matar infiéis em nome de alá, e morrer como mártir ” é a aspiração de milhões de muçulmanos. Mais simples que isto não há, mas as cabecinhas formatadas no politicamente correcto não conseguem perceber.

    Liked by 2 people

  3. A. R permalink
    24 Julho, 2018 15:30

    Depois a habitual populaça: armas a mais! O homem disparou, recarregou, disparou, recarregou, disparou e não apareceu nenhuma arma! Acho que há armas a menos nas mãos das pessoas decentes: os indecentes e o doentes mentais esses arranjam onde querem.

    Liked by 1 person

  4. JCA permalink
    24 Julho, 2018 15:48

    .
    “A relação entre indivíduos que seguem o islão e indivíduos que desenvolvem doenças mentais é impressionante.”
    ,
    Sugere por extensão, e tao (in)politicamente correto, tão populista, sugerindo tanta estupidez e infantilidade, portanto despoleta uma pergunta nem certa nem errada, só pergunta:
    .
    Como é possivel tanta ciencia nas televisões (responsabilidade ou incompetencia dos jornalistas (e não gostava que fossem os bodes expiatorios tendo-os como gente de boa fé, sem duvida)
    .
    dos mesmos que estiverem nos ‘comandos’ da coisa em Portugal (Pedrogão) que deixaram morrer mais duma centena de Portugueses a darem ‘soluções’ e ‘a darem lições’ etc e tal aos incendios da Suecia, da Grecia e dos putos entalados na gruta da Tailandia ??
    .
    Sejam humildes, a confiança que transmitem aos Portugueses está sem demagogias retratada no tão simples há dias no Pinhal Novo, talvez no tão simples sigam a instrução da proteção civil (socorro) ‘desenrasquem-se’,
    .
    minimamente saibam o que estão fazer, a narrativa televisiva agrava mais a desconfiança dos portugueses portanto …… melhor estarem calados;
    .
    bem gostaria se tivessem pedalada para puxarem pela coisa numa camada superior, mas andarem a chorar e a desculparem-se sobre o leite derramado ….. como situação e oposição …. força e alta capacidade aonde ? No fim do mês quando cai o ‘venha o meu’ ?
    .
    Como diziam as velhotas ‘tenham tento na cabeça; uma vergonha altamente prejudicial à segurança nacional e à confiança dos portugueses; no fim de semana no Pinhal novo o desenrasca tanto foi de funcionarios publicos como de não funcionarios publicos.
    .
    A comunicação social, evito chamar jornaleiros (comparando-os aos que andavam com uma saco às costas a vender jornais, olho seculo e popular 8 tostoes), tem de se acertar e ajustar com a sociedade portuguesa,
    .
    nao vendem depois aki del rey venha a massa dos bancos, o desemprejo dos jornalistas, a net aberta a todos a mdeterem no bolso os ‘especialistas a ganharem milhoes’ como comunicadores sociais,
    .
    a Comunicção Social não tem crise financeira nenhuma (mesmo com essa neo-invenção chamada de fake news que apenas confirmariam que os ‘no fake’ não teriam publico nem pedalada para os ‘despacharem, vulgo incompetencia dos ‘craques da verdade’
    .
    falta-lhe a pedalada para o publico sentindo-se ao lado dela por isso comprála; apenas marketing se não lhe quizerem chamar mais fino de ideologia, quiçá religião ou outra ‘alta inteletualidade’ para tentar embasbacar analfabetos, ou seja, sem os canudaços dos ‘elites’ necessarios mas que abusam para se netalarem na ‘vox populi’, depois em desgarradas com fados ‘populistas, xenofobos, racistas e nao sei quantos’ em fados que nem a amalia nem o marceneiro aceitavam traulatear :))
    .
    Eh pa não se espalhem mais com as cantatas telenovelescas dos ‘experts’ de incendios, estão a ter exatamente o contrario dos resultados que meteram lá nos excel & Cª Lda. Uma barracada, a piniao publica, melhor os Portugueses, gozam e gargalham com tanta treta, um falhanço completa. Mudem de gente a falar, que não são de extrenmas direitas e merdas analogas em vocabularios demogogicos sem pés nem cabeça, apenas talvez nas vossas.
    .
    Depois essa coisa dos carolas populares que iam apagar fogos de enxada e ramos de pinheiro na mão é chao que ja deu uvas,
    .
    agora falamos de INDUSTRIA DO FOGO (tal qual essa coisa que chamavam de clubes da bola que hoje são outra industria de milhares de milhoes escondida atras da ‘ingenua’ forma de clube ou associação ate sem fins lucrativos :))) );
    .
    .industris do fogo que entre ‘loiras ou morenas no espeto’, ‘putos na brasa’ e ‘velhotes grelhados’, soluciona-se industrialemnete no venha o nosso na madeira ardida, nas compras de aviões, estudos daki e dacolá, material e equipamento de milhoes para ‘apaga fogos’ que
    .
    na volta se não gastassem dava no mesmo e esse dinheirinho de miles milhoes dado aos incendiados resolviam quase totalmente fogos futuros, isto digo eu num ‘sepunhamos, ora bem’
    .
    Be happy, mas não se queixem que o pessoal é burro, pois entende-te. Tenham tento com certas linguas :))
    .
    E para ter um incendio monstro basta não cair ‘a matar forte e feio’ quando começam :)) Simples mas talvez nao interesse, digo eu supostamente :))
    .

    Liked by 1 person

  5. procópio permalink
    24 Julho, 2018 16:02

    Bem vista as coisas o faisal era boa pessoa. É tudo uma questão de perspectiva.
    Os neoliberais têm má fé e não sabem ler as mentes inspiradas no divino.
    Matar brancos, boa razão para felicitar o faisal, a família do faisal, os amigos do faisal.
    A extrema esquerda adora os faisais. Ateus não escapam, o dia também lá vai chegar.
    E se a certa altura houver falta de virgens no céu? Não me sinto habilitado para responder.

    Liked by 1 person

  6. Procópio permalink
    24 Julho, 2018 16:16

    Os faisais que acreditam os atentados suicidas, o suicídio e o martírio dão recompensas após a morte, conforme especificado pelo Alcorão. De acordo com o texto religioso do Islã, os mártires do sexo masculino receberão 72 donzelas virgens no paraíso como recompensa por seu sacrifício. Só que não há bem que sempre dure, para quem acredite que as virgens compensam qualquer besta assassina.
    E as fêmeas? O que lhes é prometido na vida após a morte?
    Segundo os estudiosos muçulmanos, os mártires do sexo feminino podem esperar encontrar os seus maridos no paraíso. Uma mulher que teve vários maridos na vida será capaz de escolher o melhor como sua esposa. O paraíso faz com que as mulheres mártires sejam bonitas e felizes, e satisfeitas por estarem apenas com um homem. Partindo do princípio de que todas prezam a fidelidade, claro.
    A sua devoção terrena a Allah as tornará superiores às virgens virgens do céu.
    São crenças assim que invadem de júbilo os nossos corações progressistas.

    Liked by 1 person

  7. Luis Lavoura permalink
    24 Julho, 2018 17:12

    Para a Helena é evidente que um indivíduo chamado Faisal Hussein só pode matar pessoas por fundamentalismo islâmico. É impossível que o faça por demência ou qualquer outro motivo. Aliás, é evidente que um indivíduo chamado Hussein (por exemplo, Obama) tem grandes probabilidades de ser um fundamentalista islâmico e, portanto, um assassino potencial. Salta à vista. Nem é preciso investigar grande coisa sobre o acontecimento e a sua motivação. Basta dizer o nome “Faisal Hussein” e a investigação pode dar-se por concluída.

    Gostar

    • 24 Julho, 2018 20:03

      Tá a ver o filme ao contrário. O problema é que todas as investigações feitas a atentados terroristas pelas autoridades começam e acabam com a mesma sentença ” isto nada tem a ver com o islão”, ” o islão é uma religião de paz que jamais promove o ódio ou a matança de infiéis”. Não é assim ? mesmo qdo o terrorista grita bem alto “alá é o maior”, lá vêm as autoridades civis ou religiosas ensinarem os incautos que o individuo em questão compreendeu mal os ensinamentos do profeta e lá vai mais uma ensaboadela em como o islão é paz e amor.

      Liked by 2 people

    • Zé Manel Tonto permalink
      25 Julho, 2018 03:55

      O indivíduo chamado Hussein Obama pode, ou não, ser fundamentalista islâmico. O que é certo é que:

      Assim que foi eleito foi passear ao Egipto e disse publicamente que “o futuro não pertence aqueles que ofendem o profeta do islão”.
      A sua administração cortou dos materiais de formação sobre terrorismo do FBI e de outras agências qualquer referência ao islão, sendo este a maior fonte de atentados.
      Pôs a América de cócoras perante o Irão tendo entregado milhares de milhões no ridículo acordo que fez, sem aprovação do Congresso, o que é ilegal, mas depois os outros é que são traidores.
      Os refugiados sírios acolhidos na América eram 99% muçulmanos, vindos de um país com 90% de muçulmanos e onde as minorias perseguidas eram cristãos e yazidis.
      Contribuiu com armamento para o Estado Islâmico na Síria e Iraque.
      Aquando do ataque a Benghazi mentiu dizendo que tinha acontecido devido a um filme feito por um americano a por em causa o islão, sabendo bem que esse não era o motivo. Podia ter enviado equipas militares para proteger os americanos que morreram mas cagou no assunto.

      Pode não ser mouro, mas que trabalhou tão bem ou melhor que um para os ajudar, disso não há dúvidas.

      Liked by 2 people

  8. Raghnar permalink
    24 Julho, 2018 18:08

    A culpa é “das armas” e o indivíduo tanto se podia chamar Faisal Hussain como Alberto Silva.

    É muito provável que seja “demência” ou outro motivo qualquer, gente a matar em nome da Alá e da Jihad é fenómeno quase ausente no Mundo…

    Gostar

  9. Procópio permalink
    24 Julho, 2018 18:39

    Sim os faisais têm tendência para ficarem dementes quando surge a oportunidade de matarem os infiéis. Exemplifiquemos com o caso dos coptas no Egito.

    Matar cristãos tornou-se um desporto excitante. A pergunta é, quem ganha com isso?
    A essa pergunta faltam as respostas adequadas. A seu tempo serão dadas.
    Quem dá ordem à polícia e aos merdia para ocultarem os factos ou ao menos disfarçarem-nos? Em último caso dar a infromação às pinguinhas?

    Porque matam os faisias e outros que tais selvaticamente? Há muitas razões, incluindo políticas e sociais, mas as razões religiosas não podem ser subestimadas.
    Os muçulmanos militantes conhecem bem seus textos sagrados e aplicam-nos à letra. Enquanto o mundo de hoje pede tolerância e coexistência entre as religiões, os militantes confiam em versículos bíblicos que oferecem uma ordem direta para atacar cristãos e judeus: “Lutar contra aqueles que receberam a Escritura como não acreditam em Allah nem no Último Dia” ( O arrependimento 9:29).
    Quando eles lêem a biografia de seu profeta Muhammad, encontram inspiração no que fazer aos judeus de Banu Qurayza depois da sua rendição aos primeiros guerreiros muçulmanos. Muhammad ordenou a execução de todos os homens e todos os meninos que atingiram a puberdade. Este incidente é registado na biografia de Maomé e também na coleção de seus ditos, conhecida como hadith.
    Os faisais procuram apenas imitar os passos do profeta. Matar com base na sua religião torna-se louvável. Atacar coptas reflete o desejo contínuo de militantes muçulmanos de dividir o Egito matando cristãos. Para os muçulmanos militantes, incluindo membros do ISIS, matar cristãos é natural. Eles não são dementes, dementes são os que não enfrentam a realidade ao pé da poprta e se disfarçam em intelectuais sebosos, pseudo tolerantes até ao dia que paguem a sua arrogância balofa.

    Liked by 2 people

  10. A. R permalink
    25 Julho, 2018 00:56

    Boa Procópio

    Violadores, assassinos, abusadores, atacantes de indivíduos de outras religiões há de todas as religiões mas só uma sanciona e aprova esses actos: o Islão apoiando-se em frases cristalinas no Corão.

    Agora “perturbações mentais” no pessoal da civilização dá para engraxar sapatos, beijar a mão às Senhoras, dirigir o trânsito, pedir abraços, sacar um cigarro no mundo islâmico dá para matar os infiéis

    Gostar

  11. 25 Julho, 2018 09:25

    Esta sombria brigada do politicamente correcto não para de chafurdar e berrar contra tudo e todos que se atrevem a pensar diferente deles.
    Nunca uma Inquicao foi mais feroz
    Cafila nojenta.

    Gostar

  12. 25 Julho, 2018 16:18

    T2

    Gostar

  13. Paulo Valente permalink
    27 Julho, 2018 17:15

    A Helena Matos tem toda a razão!

    Vejam este caso ocorrido aqui bem perto, no berço deste cristianíssimo país!

    https://www.jn.pt/justica/interior/lanca-carro-contra-esplanada-para-vingar-paixao-rejeitada-em-guimaraes-9644689.html

    Nada é dito sobre a cor da pele, a nacionalidade, a religião do terrorista. Os jornalistas estão a esconder-nos a verdade!

    Sim! Porque foi de certeza um ataque terrorista, cometido por um muçulmano, de pele negra, clandestino, trazido por uma daquelas ONG’s que transportam terroristas para a nossa querida Europa! É provável que o terrorista se chame Obama!

    Este terrorista, que o nosso pérfido governo estalinista imediatamente treinou para cometer ataques suicidas, lançou o seu carro (fornecido pela Catarina Martins e pelo Jerónimo de Sousa), contra uma esplanada cheia de fiéis cristãos enquanto estes rezavam e comungavam uns camarões e umas cervejolas!!!

    E mais! Este terrorista tentou ainda durante o seu acto violar todas as mulheres que se encontravam no local de cara descoberta!

    Agora que a verdade foi reposta, espero que os idiotas de serviço me agradeçam!

    Gostar

Indigne-se aqui.

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: