Saltar para o conteúdo

a orfandade da direita

6 Fevereiro, 2019
by

Em qualquer país europeu, os blocos políticos com aspirações ao governo organizam-se em dois, um que representa a esquerda, outro que representa a direita, partindo ambos do centro, onde invariavelmente se encontram os votos que desempatam e ganham eleições. Em Portugal, nas eleições que teremos este ano, sobretudo nas legislativas de Outubro, o cenário é o seguinte:

  • O PSD enjeitou a direita, diz-se um partido de centro e centro-esquerda, afirmando que prefere reduzir-se à insignificância do que ser identificado com semelhante coisa;
  • O CDS ultrapassou uma linha intransponível, que foi aliar-se ao fisco contra os cidadãos, abrindo as contas bancárias das pessoas com depósitos superiores a 50 mil euros à devassa dos agentes da nova PIDE. É uma linha intransponível e, sobretudo, indiciadora de uma predisposição inaceitável;
  • A Iniciativa Liberal costuma considerar a direita como uma manifestação de conservadorismo que o liberalismo não aceita;
  • A Aliança é um projecto meramente pessoal de Pedro Santana Lopes, onde não se viu, ainda, o vestígio de uma ideia que o seja;
  • O Chega, bom, o Chega é aquela coisa liderada por um comentador televisivo de futebol, cujo ponto programático fundamental parece ser a castração química dos pedófilos. Estamos conversados.

Isto significa que, pela primeira vez em democracia, nas próximas eleições legislativas, a direita não terá em quem votar. Que o PS as ganhará e se manterá no poder com a geringonça, ainda que, desta vez, provavelmente não se aguente uma legislatura. E que os partidos que tradicionalmente representavam a direita (PSD e CDS) ou que a poderiam passar a representar (IL e Aliança) levarão um banho que os condenará à insignificância e obrigará a que a direita se refunde.

Para isso, só vejo um nome possível: Pedro Passos Coelho. Ponham os olhos em Espanha e no que tem feito o Aznar.

Anúncios
24 comentários leave one →
  1. Velho do Restelo permalink
    6 Fevereiro, 2019 12:37

    Muito interessante. O título até pode fazer sentido. Depois dedica 2/3 linhas a cada grupo (excepto o CDS que teve direito a 4). E o PS ? Ah pois, esse é de centro-esquerda (por enquanto) …
    E qual é o problema da “devassa” das contas bancárias ? Se quer segredo, guarda a massa no colchão, ou melhor ainda vai viver para a Amazónia !
    Que porra de sociedade é esta, em que os gajos que fazem as leis (por ex. a do branqueamento de capitais), quando são apanhados em falta, começam a pôr tudo em causa? As leis são boas, para os outros cumprirem …
    Porque raio é que o Vara precisava duma conta offshore ? Para evitar a “devassa” claro …
    Pois meu caro Rui, vai sendo tempo de acabar com essa treta da esquerda/direita (que lembra a tropa), e começarmos a avaliar os políticos por critérios mais objectivos:
    – Competência
    – Integridade
    – Honestidade
    – Coerência
    – Transparência
    – ….

    Gostar

    • R. Cardoso permalink
      6 Fevereiro, 2019 15:38

      Velho do Restelo,
      Só posso mesmo estar completamente de acordo consigo!
      Esta é para os “navegadores” e “criadores de correntes” na blogoesfera:
      – Os srs. e sras. saberão que “cores” ou “alas” representam verdadeiramente os pré-requisitos/qualidades acima enunciados? Pois… Eu sei, eu sei!

      Liked by 1 person

  2. Andre Miguel permalink
    6 Fevereiro, 2019 12:41

    Nada disso. Vamos todos votar Costa para a maioria absoluta, assim não terá desculpas para dar de frosques quando as coisas azedarem e escangalhar o país de uma vez por todas, para que o povo aprenda o que é o socialismo. Vota PS!

    Gostar

    • R. Cardoso permalink
      6 Fevereiro, 2019 15:42

      Andre Miguel,
      O seu ponto de vista dá mesmo que pensar, sabe? Seriamente que pensar! Uma “overdose” para tirar o vício ao povo de andar constantemente a dar tiros nos pés!

      Liked by 1 person

      • Velho do Restelo permalink
        6 Fevereiro, 2019 16:04

        Pois eu acrescento uma condição para a solução do Miguel :
        – Um peso de 50 kg amarrado ao pé, para não se pirar como o outro!
        Vai ter de acabar o serviço, e se não cumprir com as expectativas,
        vai ao castigo com o burro do cigano 🙂

        Gostar

    • Andre Miguel permalink
      6 Fevereiro, 2019 19:19

      Meus caros, estou a falar muito a sério. O PS nunca acaba o segundo mandato (Guterres e Sócrates), o PSD faz de carro vassoura, a UE dá uma ajuda e o povo não aprende! Faliu o país três vezes e o povo não aprendeu… Acreditem: votemos todos PS, para isto ir de vez ao fundo e ver como resolvem a merda que fazem. Só talvez então as pessoas aprendam o que é o socialismo.

      Liked by 1 person

  3. 6 Fevereiro, 2019 16:55

    Sobre isto de esquerda/direita, estes passaram a assumir-se claramente de direita:
    http://www.pnr.pt/2018/11/sou-nacionalista-e-sim-sou-de-direita/
    Acho que são os únicos!

    Liked by 1 person

  4. Luis Lavoura permalink
    6 Fevereiro, 2019 17:01

    A Iniciativa Liberal costuma considerar a direita como uma manifestação de conservadorismo que o liberalismo não aceita;

    Para o Rui A., é mais importante um partido declarar-se de direita do que declarar-se liberal.

    Efetivamete, a Iniciativa Liberal não serve para o Rui A. porque se declara liberal mas não se afirma de direita. E para o Rui A. esse rótulo “de direita” é fundamental.

    Gostar

  5. Porreiro Pá permalink
    6 Fevereiro, 2019 17:14

    Mas não foi uma das preocupação do BE o incómodo dos 50 000 euros?

    Gostar

  6. Duarte de Aviz permalink
    6 Fevereiro, 2019 17:30

    “abrindo as contas bancárias das pessoas (…) à devassa dos agentes da nova PIDE.”
    Absolutamente de acordo. O R Rio e a Dona Cristas nunca mais levarão um voto meu enquanto esta lei estiver em vigor.
    Será que essa coisa é constitucional?
    As bestas que se sentam na AR têm tanto pudor por o google saber onde fazem comprars e engolem este pepino?
    Uma vergonha!

    Liked by 1 person

  7. André Silva permalink
    6 Fevereiro, 2019 19:11

    Ter como “ponto programático fundamental” “a castração química dos pedófilos” não me parece de todo um mau começo.
    Vejo por aí partidos com muito mais anos de existência e com “pontos programáticos” bem mais incompreensíveis (isto se e quando sequer os têm).

    Gostar

  8. João Magalhães permalink
    6 Fevereiro, 2019 23:01

    Calma, sempre temos o Tino.

    Gostar

    • Velho do Restelo permalink
      7 Fevereiro, 2019 09:45

      Então o Toni não o levou para a ONU ? Dava um bom interlocutor para a Nova Zelândia …

      Gostar

  9. JCA permalink
    8 Fevereiro, 2019 02:17

    .
    Não percebo, é impossivel ‘apanhar’ Vara’ sem violar o segredo bancário ou outros direitos de propriedade e privacidade absolutos de qualquer Cidadão ?
    .
    Nao sovietizem nem nazifiquem coisas sérias da Constituição por acima mesmo dela a menos que sovietizemos ou estatizemos o Cidadão (pela Direita ou pela Esquerda),
    .
    donde surge, para ‘apanhar’ Vara’s’ nem de longe é preciso violar o segredo bancário ou outros absolutos de qualquer Cidadão. Os exemplos são a pontapé por esse mundo fora com resultados bem mais eficazes que em Portugal o que sugere mero pretexto para outros fins,
    .
    ‘Um suponhamos’, fazem confundir alhos com bugalhos ? Os Partidos à direita ou à esquerda do PS aos costumes dizem nada. O PS é tradicionalmente um pêndulo, vai para um lado e para o outro. Vai safando a onça, ora por um lado ora por o outro, o que já não é muito mau perante o silêncio absoluto de quem deveria ousar.
    .
    E temos tanta coisa gira. Defendem a Social Democracia dos Nórdicos. Então e defendem a ADSE contra Serviço Nacional de Saúde para todos os Portugueses, sejam ou não empregados ou remunerados do Estado ?
    ,
    E por aí fora. A contradição permanente transversal a todos os Partidos a menos que haja ‘segredos dos deuses’ para amanhãs venham pintados de de Direita ou de Esquerda.
    .
    Nem Passos fugiu à regra; o que ouço do cidadão comum sobre o pretexto e narrativa dos austeristas catastrofistas:
    ,
    A uma minoria congelou carreiras e salários transitoriamente e garantiu-lhe o emprego e o rendimento mensal incluindo sob a forma de vencimento.
    .
    À maioria dos portugueses nem congelou nem transitório assegurou, Zero.
    .
    30.000 professores contratados com 3 e 4 anos de trabalho enfiou-nos no olho da rua. Aos empregados atirou-os para o desemprego ou nem lhes permitiu condições de 1º emprego, forçou-os a fugir para o estrangeiro para terem pão na mesa. A muitos Empresários e Atividades Económicas mandou-os para a falência. E aos que se aguentaram subjugou-os com uma carrada de novos impostos. Reconheça-se, também aqui os restantes Partidos e Políticos ‘aos costumes disseram nada’.
    .
    Greves, Sindicatos etc, cada sector social defende, e bem, os seus interesses sem qualquer obrigação de se preocupar com os dos outros;
    .
    e a razão de qualquer Governo eleito por todos os sectores e dos Partidos que se identificam como nacionais, é a visão ampla para que nenhum sector prejudique ou se sobreponha aos interesses do resto de todo o País, os ditos outros. Simplesmente. Senão suscita, ‘Amat victoria curam (a vitoria ama a cautela) e ‘Abusus non est usus, sed corruptela’ (Abuso não é uso, mas corruptela), não são novidades ou novilingua, tem
    quase 2.000 anos.
    .
    A seguir a geringonça (dicº: a arte de com arames igualar o modelo) foi bem acolhida contra a ‘carripana’ (dicº: carro velho com motor a cair aos bocados)
    ..
    Nem defendo uns nem outros porque não precisam. Curiosamente nem ataco uns nem outros,.não me interessa sacar-lhes os lugares que disfrutam e gozam.
    .
    Apenas venha o contraditório forte e feio. Como é ? Apenas opino. Se não houver contraditório, então sugere ‘Allia quando terunt, retinent mortaria gusta’ (Cada cuba cheira ao vinho que tem).
    .
    plataforma

    Gostar

  10. Perigoso Neoliberal permalink
    9 Fevereiro, 2019 02:07

    Outra vez a mesma conversa…
    Só o Passos é de direita e a IL não conta porque é “só” liberal e não gosta de conservadorismo. Fantástico.

    Para o Rui, um tipo que se fartou de aumentar impostos é o salvador da direita. (já disse por estas bandas que o Passos foi o melhor PM que vi desde que me conheço, anos-luz acima dos outros, o que não é igual a dizer que foi bom)
    Um partido que se assume liberal, que tem como bandeiras a redução do peso do estado na economia e na vida das pessoas, privatizações, desregulamentação, que cita Hayek (!!!)… não serve porque… diz uma coisa qualquer sobre a direita.

    O ÚNICO partido claramente de direita é a IL e não deixa de o ser só porque não vai à missa e quer legalizar uma planta ou duas.

    Gostar

    • 9 Fevereiro, 2019 03:05

      Com quem o “anti-regulamentista” e “anti-estatista” IL está internacionalmente coligado ? Fica aí a pergunta “perigosa” pra si, neoliberal da “direita”.

      Gostar

  11. Perigoso Neoliberal permalink
    9 Fevereiro, 2019 03:41

    Está no Alde, que não é flor que se cheire. E depois? O PSD e o CDS estão no PP e nem por isso são de direita ou sequer centro-direita. Já vimos o que eles fazem quando estão no governo. Da IL não vimos ainda.
    Eu também gostava de ter como opção no boletim o GOP do Reagan ou o Partido Conservador da Thatcher, por exemplo. Mas não vamos ter. Temos os liberais, que partilham 99% da agenda económica de qualquer partido conservador de facto. E essa é a parte que importa num país a caminho do tetra de falências. As outras pautas, em que convergem com alguma esquerda, são completamente secundárias em Portugal.

    Gostar

    • 9 Fevereiro, 2019 04:05

      O PP é tão de “direita” quanto a CDU de Merkel e os Tories the David Cameron e Theresa May.

      Gostar

      • Perigoso Neoliberal permalink
        9 Fevereiro, 2019 04:37

        De acordo. São todos uma m…. mas esses dizem-se (ou dizem deles que são) de centro-direita ou direita.
        Dou outro exemplo, que conheço bem, o Brasil.
        À direita há o Novo (que agrega liberais e libertários) e o PSL do Bolsonaro (o partido é irrelevante, é só um invólucro onde confluiu muita coisa e isso são outros 500 mas, grosso modo, pode dizer-se que é a direita conservadora e a autoritária e militarista).
        Pois a equipa económica do suposto nazi-facista está carregada de Chicago boys e tenho certeza de que, caso tivesse ganho as eleições, o Amoêdo não conseguiria montar uma equipa económica mais liberal do que esta.

        Em Portugal não há um irmão do PSL mas há um irmão do Novo.
        Fazer como o Rui e desclassificar a IL porque não é o partido dos seus sonhos é o caminho mais certo para mais 20 anos de domínio completo da esquerda (mais ou menos avermelhada).

        Gostar

    • 9 Fevereiro, 2019 04:36

      “As outras pautas, em que convergem com alguma esquerda, são completamente secundárias em Portugal.”

      Deixe de ser um aluadinho neotonto.

      Gostar

      • Perigoso Neoliberal permalink
        9 Fevereiro, 2019 04:38

        Ilumine-me por favor, grande mestre.

        Gostar

      • Perigoso Neoliberal permalink
        9 Fevereiro, 2019 04:45

        Mas ilumine com argumentos em vez de insultos.

        Liked by 1 person

      • 9 Fevereiro, 2019 23:46

        As minhas desculpas . Mas o adjectivo que lhe atribui relativamente à frase escrita, seria o que daria um engenheiro que estivesse preocupado com a sustentabilidade de um edificio, mas considerasse o terreno onde o edifício está fundado como algo de secundário. Talvez assim entenda melhor .

        Gostar

  12. JCA permalink
    11 Fevereiro, 2019 01:11

    .
    Não me pronuncio sobre o IL ou ALDE. Nunca tinha ouvido falar nem conheço.
    .
    Mas se fizer fé nisto supra dito por alguém “Está no Alde, que não é flor que se cheire. E depois? O PSD e o CDS estão no PP e nem por isso são de direita ou sequer centro-direita.”
    .
    fico-me também neste caso pela sabedoria do latim “Allia quando terunt, retinent mortaria gusta” (Cada cuba cheira ao vinho que tem), “Tunc male vulpi erit, si muscas prendere tentet” (Infeliz da raposa que anda aos grilos)
    .
    Naturalmente sem menosprezo dalguma das partes em conflito, izem Unus duntaxat non preliatur.
    .

    Gostar

Indigne-se aqui.

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: