Saltar para o conteúdo

o legado político de sá carneiro

6 Junho, 2019
by

SÁ CARNEIROA morte prematura de Francisco Sá Carneiro representou o Alcácer-Quibir da direita portuguesa. Depois dele, nem mesmo Pedro Passos Coelho e Paulo Portas entenderam que a direita só pode almejar o poder se for capaz de se juntar num bloco coerente alternativo ao socialismo. Foi isso que Sá Carneiro fez com a primeira Aliança Democrática: juntou a direita partidária e civil para propor ao país um rumo diferente daquele que o PS lhe dava. O país compreendeu-o e deu-lhe o poder.

Morto Sá Carneiro e desfeita a AD, o PSD triunfaria três vezes consecutivas com Cavaco Silva, duas delas com maioria absoluta. Só que Cavaco nunca pensou para além de si e do seu momento, e não tinha uma visão ideológica do PSD, nem do espaço eleitoral que durante dez anos monopolizou como coisa sua. A aridez do cavaquismo secou a direita, que apenas o jovem Portas e o seu O Independente conseguiram circunstancialmente reanimar. Para além disso, como um bom autocrata que era, Cavaco encheu o partido de concordantes nulidades absolutas, como Manuela Ferreira Leite, ou de carreiristas inescrupulosos, como Dias Loureiro e a maltosa do BPN. Algumas destas entidades espectrais, como a mencionada senhora, ainda hoje pairam por aí, falam em nome do partido que foi de Sá Carneiro e dizem asneiras bíblicas, com direito a cobertura televisiva, que deviam envergonhar um aluno do primeiro ano de Economia.

Da sucessão de mediocridades que lideraram o partido laranja depois de Cavaco, nunca nenhuma se lembrou do que fizera Sá Carneiro: juntar a direita num bloco eleitoral não socialista e submetê-lo ao sufrágio dos portugueses. O malogrado líder laranja encheu a boca de todos – todos eles “muito sácarneiristas” – mas nenhum deles percebeu, verdadeiramente, em que consistiu o seu legado político. Agora, para tirar António Costa do poder e contra-atacar o frentismo de esquerda que ele conseguiu inteligentemente criar, constata-se, quarenta anos depois, que Sá Carneiro tinha toda a razão. Com menos do que isso, a direita não regressará ao poder.

Anúncios
10 comentários leave one →
  1. 6 Junho, 2019 20:48

    Na generalidade concordo, mas discordo quanto ao princípio. Sá Carneiro nunca foi de direita e ele próprio revelou que era social-democrata em 1973, numa entrevista a Jaime Gama, no jornal ‘República’, sempre apresentando o PSD como de centro-esquerda. Em 1979 teve sim o mérito de reunir todos quantos não defendiam o socialismo:CDS, PPM e Movimento dos Reformadores (onde então pontificavam António Barreto e F. Sousa Tavares, ex-PS). Mais, na altura, o PSD tinha uma forte implantação sindical, de que eu fazia parte, o que desde há uns anos perdeu, infelizmente.

    Gostar

  2. 6 Junho, 2019 22:20

    Pois é verdade

    Gostar

  3. Jornaleco permalink
    7 Junho, 2019 00:07

    Qual morte prematura de Francisco Sá Carneiro? Ele foi assassinado!

    Gostar

  4. Jornaleco permalink
    7 Junho, 2019 00:18

    O problema do artigo são as suposições, dadas como provadas, mas isso é impossível, a realidade é bem mais complicada. Nada está provado.

    Inculpar o Cavao por tudo mal corrido neste país, não funciona. Não é justo.

    Os valores superiores aos da esquerda fascista estão, estiveram e continuam a estar em cima da mesa. É só preciso praticar os mesmos. E abrir os olhos.

    A direita (não consigo compreender esse fantasma, o que é?) está muito vivo e é superior a qualquer ladrão.

    A esquerda rouba.
    Uma oposição inteligente não rouba.

    A esquerda mata.
    Uma oposição inteligente não mata.

    A esquerda não sabe lider com o dinheiro do contribuinte.
    Uma oposição inteligente sabe-o.

    A esquerda está a preparar-se para destruir a nação.
    Uma oposição inteligente protege a nação contra todos.

    A esquerda vai com todas as modas.
    Uma oposição inteligente não vai […]

    E assim para a frente. Uma oposição dessas seria muito rápido governo.

    Jean-Paul Sartre disse toda a verdade sobre a juventude dele. Provado!!

    E porque é que a puta do Sartre escolheu a vida de um gatuno e de puta e de asno?

    Gostar

  5. Luís Lavoura permalink
    7 Junho, 2019 09:56

    Cavaco encheu o partido de […] carreiristas inescrupulosos, como Dias Loureiro e a maltosa do BPN

    Sim, mas a direita portuguesa é essencialmente constituída por isso. Não é, genericamente, ideológica, mas sim carreirista e interesseira. As pessoas de direita em Portugal não se movem, em geral, por uma qualquer ideologia, mas sim por interesses.

    Gostar

    • 7 Junho, 2019 10:07

      Concordo e generalizo ainda mais : não é uma característica da direita, mas sim dos políticos !
      Populista ? Claro que sou populista, que outra opção poderia ter ?

      Gostar

  6. Velho do Restelo permalink
    7 Junho, 2019 10:18

    Assim como o vinho do Porto melhora com a idade, também os homens tendem a “melhorar” com a morte.
    Nunca saberemos ao certo qual o impacto que esse triste incidente (deliberado ou não) de 04-12-1980 teve nas nossas vidas!
    O que sei é que quando ele era PM, certas forças dentro do PPD moviam-se no sentido de o afastar da liderança, pois receavam que o seu carisma o perpetuasse no poder, impedindo a ascensão de outros pretendentes!
    Também sei que depois de morto, o seu nome foi usado até à exaustão, e era vê-los em bicos de pés, apregoando cada um ser “o favorito de Sá Carneiro”!

    Gostar

    • Velho do Restelo permalink
      7 Junho, 2019 10:18

      O Porto homenageou-o com um aeroporto moderno, mas aqui para o lado de Sintra insultam-no dando o seu nome a uma avenida sem uma única habitação, mas com uma roulote bar noturna, com clientela de moral duvidosa, onde o lixo se acumula.
      Um dia, dirigi-me à esquadra da PSP de Massamá para reportar um incidente nessa avenida. Para meu espanto a agente que me atendeu não conhecia a dita avenida pelo nome! E após algumas indicações adicionais, descobri que a PSP local a conhece por “Rua do papel”!
      Claro que se os Srs. agentes fizessem patrulhas apeadas, apercebiam-se que aquilo
      afinal é “plástico” e não papel!

      Gostar

      • Velho do Restelo permalink
        8 Junho, 2019 10:15

        As minhas desculpas aos passageiros afectados, pois aparentemente foi o meu elogio que fez avariar o radar …

        Gostar

  7. pitosga permalink
    7 Junho, 2019 13:35

    Rui a.,
    Muito bem escrito e muito bem explicado.

    Gostar

Indigne-se aqui.

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: