Saltar para o conteúdo

Vitoriosos da vida

6 Junho, 2019

Num mundo moderno aturdido pelo pelouro da paralisia colectiva facilitadora de elevar espasmos à categoria de enormíssimo brilhantismo individual, é enternecedor ver a intelligentsia a erguer o bastão para que, só mais desta vez, seja ouvida. Como que desbloqueado com uma dose de L-Dopa sacada do filme Awakenings (1990), o presidente dos afectos, homem de grande empatia pelo seu semelhante – os outros presidentes? -, despertou agora para a “crise da direita”, a que durante anos em muito contribuiu para criar. Mais vale tarde do que nunca e, antes que passe o efeito da droga – no filme percebe-se que a partir de determinada altura os doentes voltam ao estado letárgico -, toca a organizar um comício para resolver “a crise da direita” ou, em alternativa, qualquer outra coisa sem sentido, desde que aparente movimento (e apareça na televisão).

É mais do que evidente que há uma crise na direita: sobre partidos que se apresentam ao eleitorado como derrotados antecipados, a coisa mais simpática que se pode dizer é que estão em crise, sendo que a mais realista seria susceptível de ferir a sensibilidade dos leitores mais alienados. Pode o homem dos afectos contribuir algo para resolver a dita crise? Aparentemente, parece convencido de que impressiona mais fingir que se resolve alguma coisa do que o tenebroso risco de inadvertidamente a resolver mesmo.

Assunção Cristas também parece convencida que dizer agora umas desconexas palavras de ordem é suficiente para que se ignore todas as outras ditas ao longo de anos. Rui Rio parece convencido que é brilhante ao ponto de nem precisar dessas desconexas palavras de ordem, bastando-lhe existir para que, mais cedo ou mais tarde, lhe caia em cima o manto real que o entronize. Amanhã, Santana Lopes vai ao programa da Cristina; Ventura deverá ir à CMTV discutir futebol. Com isto, qualquer um deles contribui mais para a resolução da “crise da direita” do que contribui o comício de recandidatura do senhor presidente.

Pouco importa que o leitor seja ou não crente: nesta hora de aflição, que Deus tenha é piedade de nós.

Anúncios
5 comentários leave one →
  1. Jornaleco permalink
    7 Junho, 2019 00:34

    Já sabem o que o Marcelo drogado e desnorteado foi fazer ao Brazil?

    Insultar os honestos e louvar os ladrões.
    Ou louvar os ladrões e insultar os honestos. Igual.

    Não, com essas pessoas, nenhuma piedade. Nenhuma.
    Castigos duros, muito duros.

    Cavar terras, com uma enchada, durante cinquenta anos, de manhã à noite, por exemplo.

    Pôr a função pública toda a cavar terra.

    Toda a esquerda fascista a cavar terra.

    A dita direita não tem crise nenhuma, nunca a teve.
    O que falta a este país são homens com tomates, que não se deixam enganar e são honestos, e que sabem, que há momentos, onde a piedade nada ajuda.

    Piedade com pessoas que não se arrependem de nada?
    Hahahahahahahahaah. Essa é boa.

    Não é a direita que está em crise. Outra vez. Nunca teve.
    A crise está em outro lado.
    Muitos asnos por aí. Demasiados.

    E o Marcelo, em quem eu nunca mais votarei, esse traidor, é um asno. Um cobarde, mentiroso, incompetente, não digno de ter estudado direito.

    Marcelo é um insulto a muita coisa.

    Viva Bolsonaro. MAGA!!

    Gostar

  2. Jornaleco permalink
    7 Junho, 2019 00:40

    Sabiam que na Califórnia (EUA) 45 (quarenta e cinco) por cento das infra-estruturas estão em muito mau ou mau estado? A California é a região controlada pelos fascistas do ambiente e de aqueles que vão ao cu um do outro. Tudo da esquerda fascista.

    E agora falta dinheiro e vontade para as arranjar.

    Na Alemanha na mesma. Eles querem se aproximar rápidamente da Califórnia.

    Quem pode, está a começar a fugir da Califórnia, para regiões onde se paga menos impostos e com menos crime.

    Na Alemanha na mesma. Quem poder, foge. A inteligência está a abandonar a Alemanha. Uns saem e outros entram: bárbaros muçulmanos que odeiam os valores daqueles que lá vivem já muito tempo.

    Gostar

  3. Jornaleco permalink
    7 Junho, 2019 00:42

    Isto também é determinante saber.

    Mais uma prova que a maldade existe.

    Citação: “El cofundador de Wikipedia, harto de la manipulación, recomienda no utilizarla”

    Citaçâo: ‘El padre de la plataforma, Larry Sangrer, sostiene que la enciclopedia más famosa del mundo “no funciona”‘

    Fonte: http://www.elmundo.es/tecnologia/2019/06/05/5cf6a2a5fdddff7a768b45d2.html

    Graças à esquerda fascista.

    Gostar

  4. lucklucky permalink
    7 Junho, 2019 03:58

    Sem uma aparência de direita na lista dos partidos a ficção deste regime que “caminha para o socialismo” é “democrático” acaba.

    Agora até Marcelo um dos “jornalistas” que mais fez para acabar com a direita está com medo.

    Gostar

  5. Beirao permalink
    7 Junho, 2019 09:09

    Sim, é verdade. Com esta seita de FDP que nos arrasa os nervos e dá cabo da paciência, resta-nos pedir a ajuda divina…
    Cabrões!

    Gostar

Indigne-se aqui.

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: