Saltar para o conteúdo

Não percebo

10 Julho, 2019

Após tantos anos, a Helena vem dizer que desconhece ter uma mulher cherokee no Blasfémias? Vamos andar a inventar que somos ciganos só porque está na moda depois de ter dito que só entraria para o Blasfémias se reconhecessem aquilo que eu sinto no meu íntimo, o que me define como pessoa, o que o mundo precisa saber sobre mim para perceber o quão boa e justa sou, completamente livre de preconceitos ao ponto de deixar a minha tenda aberta todo o ano, seja a outras pessoas, seja a serpentes e animais selvagens?

O medo tolhe as pessoas. Os preconceitos são uma manifestação desse medo, dessa fobia aos outros e à natureza. Eu nada temo, porque todos amo, seja o bombista muçulmano, seja um leão esfomeado. Por mim, todos vêm por bem. Agora, pessoas que se conhecem andarem aí a fingir que não é por demais evidente que sou uma mulher cherokee é, em si mesmo, um grande preconceito. Sabem o que sinto? Conseguem duvidar do que o meu corpo e a minha mente me dizem com todas as forças da Grande Águia?

Sobre os grandes problemas da humanidade, como a taxa de infertilidade nas mulheres cherokee portuguesas, disso é que ninguém fala. A dor de nunca poder carregar uma vida dentro de mim, excepto lombrigas (que também amo e respeito), é mais que suficiente para me sentir ultrajada por estas tiradas de uniformização das pessoas como se todos fossemos ciganos. Marchas de orgulho cherokee feminino não organizam eles.

Racistas, é o que são.

Anúncios
6 comentários leave one →
  1. Rocco permalink
    10 Julho, 2019 08:08

    Genial! Excelentes causas para dominar as “notícias” dos media portugueses durante 2 semanas ou mesmo mais! Entretanto o Estado, através do (des)governo e não só, vai-nos ao bolso e desbarata milhões sem benefício visível, a não ser para os “penduras” de diversos níveis.

    Gostar

  2. Oscar Maximo permalink
    10 Julho, 2019 08:40

    Não duvido do texto, mas há casos ainda mais de espantar. Como por exemplo, um cigano querer mesmo trabalhar e passar por um indiano indocumentado. É fácil, e bastava mesmo querer.

    Gostar

  3. Jornaleco permalink
    10 Julho, 2019 08:59

    Caro VC,
    a cara Helena,
    só está a fazer escárnio da esquerda (fascista).

    Fascista porquê? Porque eles portam-se como tais. Eles fazem tudo aquilo, o que os fascistas fazem e que acusam os outros de o fazer. Mas como eles, a esquerda fascista totalitária, são perversos, eles não o vêem.

    A Helena vê muito bem.

    E os outros comentadores também o vêem.

    Salvo alguns notórios inimigos, que continuam a mentir e trabalham para a PIDE comunista e querem aqui atirar areia para os olhos dos leitores. Uma minoria sem peso e importância.

    O que eu percebo, mas não aceito, é como dois asnos perfeitos, que nada de boa gestão, de economia percebem, como o Marcelo e o Costa (e também o Centeno e os Louçãs, mas aqui o caso é um pouqinho diferente), que estudaram direito, arrogam-se perceber algo disso, e andam a dar cabo deste país, por completo.

    Gostar

  4. lucklucky permalink
    10 Julho, 2019 10:41

    Ok Loretta.:)

    Liked by 1 person

  5. 10 Julho, 2019 17:46

    AHAHAHAHA

    Pythoniano.

    Gostar

  6. Os corruptos que se cuidem permalink
    11 Julho, 2019 17:38

    Ainda não parei de rir com esta notícia:

    https://www.lavanguardia.com/sucesos/20190711/463413702607/policia-nacional-etenidos-entro-comercial-malaga-suecos-peligrosos-video-seo-ext.html

    É que não consigo mesmo. Que tempos danados prá brincadeira, eh, eh…

    Gostar

Indigne-se aqui.

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: