Saltar para o conteúdo

A notícia principal é que a notícia principal é uma campanha de medo e histeria

26 Dezembro, 2021
24 comentários leave one →
  1. Leunam permalink
    26 Dezembro, 2021 12:31

    Não há nenhuma maneira, para o cidadão comum, de aferir se os dados debitados pelas entidades oficiais são verdadeiros e fidedignos.

    As entidades oficiais debitam a verdade que lhes interessa debitar.

    A Política e a Verdade nem sempre andam de mãos dadas, como seria de esperar.

    Liked by 2 people

  2. Jorge permalink
    26 Dezembro, 2021 12:49

    O jornalismo transformou-se na guarda avancada do ministério da propaganda socialista. Uma especie de guarda vermelha da Mao tranvestidos de jornalistas.

    Liked by 2 people

  3. Emparedado permalink
    26 Dezembro, 2021 14:39

    …quem compra jornais é burro!
    Nunca mais é junho para acabar com o Observador!!

    Liked by 2 people

    • Mário Marques permalink
      26 Dezembro, 2021 17:42

      A minha assinatura no Observador terminou no mês passado, não renovei e informei-os que não estava de acordo com a linha editorial que estavam a seguir, que era a mesma que os média órgãos não oficiais do governo e por ele subsidiados, para mim só me enganam uma vez.

      Gostar

  4. Weltenbummler permalink
    26 Dezembro, 2021 15:43

    jornalismo todo ele de esquerda ao serviço do socialismo social-fascista no poder.
    sobre jornalixo SERGE HALIMI in LES NOUVEAUX CHIENS DE GARDE2005,

    Liked by 1 person

  5. Weltenbummler permalink
    26 Dezembro, 2021 15:53

    discurso de Natal sobre os problemas criados pelo pior dos vírus, o POSER SOCIAL-FASCISTA VIGENTE

    Les médias adorent relayer ces grandes causes associant tout et chacun sans déranger rien ni personne. Le consensus “humanitaire” a la même utilité que les “débats” entre journalistes. Ils brassent du vent pour détourner l’orage.”
    Serge Halimi – Né en 1955 – Les nouveaux chiens de garde, 2005, page 14

    Liked by 1 person

  6. Albano Silva permalink
    26 Dezembro, 2021 16:50

    Tais notícias, à primeira vista, têm a finalidade de entranhar bem o medo nas pessoas. Mas nelas há um dado muito positivo que não deve passar despercebido e descorado: o número de mortos em percentagem de infectados. Se se fizer uma média semanal, verifica-se que essa percentagem de letalidade ficará bem abaixo dos 0,5%!
    É nisto que as pessoas terão de se concentrar e não na carga noticiosa sobre a gravidade do número de infectados que domina tudo!

    Liked by 1 person

    • lucklucky permalink
      26 Dezembro, 2021 18:46

      “Mas nelas há um dado muito positivo que não deve passar despercebido e descorado: o número de mortos em percentagem de infectados. Se se fizer uma média semanal, verifica-se que essa percentagem de letalidade ficará bem abaixo dos 0,5%!”

      Como assim? É muito menor que isso.

      Só falando de NOVOS infectados que são os números apresentados Vs “letalidade” é de por volta 0,1%
      Logo não toma sequer em consideração o TOTAL número de infectados nem os que morreram COM covid e os que morreram por CAUSA do covid.

      O comportamento dos jornalistas é o do mais repugnante possível deixaram de fazer sequer o minímo dos minímos da profissão: fazer perguntas.
      Limitam-se a debitar o que o Governo lhes diz. Nem na ditadura se via o conjunto de jornalistas ser tão obedientes.

      Liked by 2 people

      • chipamanine permalink
        27 Dezembro, 2021 11:14

        O jornaleirsmo militante abandonou a matemática no 9º ano de escolaridade e sofre de analfabetismo regressivo sobretudo na área da abstração.
        Nisso é acompanhado por uma vasta maioria de “escolarizados” cuja abstração lhes foi retirada pelo ensino “inclusivo” com cidadanias e afins ,,,,além de toda uma geração que nunca foi dada a “essas coisas” e repudiou a matemática porque “nunca iria precisar dela” ( da abstração) e dar “muito trabalho”
        A juntar a isso há a militância acritica e a vontade de fazer favores aos poderes políticos despóticos tentados a comandar as sociedades através do medo e por isso receberem subsídios e outros favores
        São estes os timoneiros da “enformação” que fariam inveja ao nazismo e ao comunismo para as sociedades que eles criaram.
        E são eles que demonizam as redes sociais onde aqui ou ali aparecem pessoas que os denudam.

        Liked by 1 person

    • Zé Manel Tonto permalink
      26 Dezembro, 2021 20:01

      Infelizmente as pessoas não têm o espírito crítico para olhar para um aumento galopante do número de casos, um aumento marginal no número de mortes, e perceber que isto é muito menos perigoso que o que já foi (e mesmo o que já foi não era grande coisa).

      O Português comum é incapaz de perceber a diferença entre 0,5% de mortes, e 5 mortos. É tudo igual, e é tudo uma tragédia.

      Esqueça. Eu tenho um mestrado em engenharia, coisa que envolve números. Estou em contacto frequente com ex colegas. Tudo malta nova, com 30 e poucos anos. Gente capaz de olhar para os dados, e perceber que isto nunca foi nada do que tentaram fazer crer. Pouco importa. Todos eles estiveram em pânico durante quase dois anos.

      Iam organizar um jantar de Natal, e estavam borrados, a dizer que quem fosse que fizesse teste antes.

      Isto são as pessoas com estudos que envolvem alguma Matemática. Nem quero imaginar o tuga típico, que chumbou a matemática no 8º ano, e vê os telejornais todos os serões.

      Gostar

      • Carlos Alberto Salvador da Costa Ilharco permalink
        27 Dezembro, 2021 17:20

        Um excelente apontamento, a lavagem ao cérebro que as TV’s e jornais fazem tem tido resultados espetaculares.

        Gostar

    • carlos rosa permalink
      27 Dezembro, 2021 21:47

      O medo é o principal objetivo da palermia do Covid, da palermia das alterações climáticas, do aquecimento global e do drama do CO2.
      Os pindéricos do Governo de Portugal e não só de Portugal servem-se disso para irem iludindo o povo a votar neles.

      Gostar

  7. 26 Dezembro, 2021 18:56

    A Comunicação Social está a fazer um bom serviço à Infarmed, laboratórios de medicamentos, hospitais privados, fornecedores de material de diagnóstico da saúde, etc.

    Todos estes fornecedores tinham muito a perder se não houvesse este alarme. Eles agradecem a Costa, e pedem para continuar. Passa-se o mesmo em quase todos os países do primeiro mundo, aonde, pelos vistos, a Saúde, e todos os negócios que à volta dela gravitam, é um dos maiores negócios do mundo…

    Claro está, as oposições políticas nesses países, surfam a crise, culpando os partidos no poder de serem eles quem armou o baile da Covid-19.

    Gostar

    • lucklucky permalink
      26 Dezembro, 2021 19:20

      Os seus negócios Marxistas não lhe dão espaço para começar a usar o seu cérebro Oavlag. Os hospitais privados tiveram um grande decréscimo de clientes.

      Gostar

      • 26 Dezembro, 2021 20:59

        tiveram um grande decréscimo de doentes porque não os quiseram receber. A maior parte deles eram pessoas que não davam garantias de pagar os serviços privados ao preço que eles são faturados. Só o faziam se o Estado pagasse a conta.
        Mesmo em estados de emergência “privado é privado”, não abdica dos lucros que os preços tabelados lhe dão… Os acionistas acham que se a economia se fundar só atinge os outros.

        Gostar

      • Francisco Miguel Colaço permalink
        26 Dezembro, 2021 22:13

        Galvão,

        Se o seu empregador a meio do jogo apenas lhe pagasse apenas aquilo que ele acha que merece, teria de sobreviver com um frango, uma lata de café, um quilo de açúcar, dois quilos de farinha de milho, um pacote de arroz por mês e uma barra de sabão.

        Felizmente para si, bom comunista é poupadinho. O arrolamento que usei foi a ração de Setembro em Cuba.

        Gostar

      • lucklucky permalink
        27 Dezembro, 2021 18:37

        Raciocínio do Oavlag…

        durante a pandemia vão aos hospitais privados aqueles que não dão garantias de pagar

        fora da pandemia vão aos hospitais privados aqueles que dão garantia de pagar.

        Gostar

  8. chipamanine permalink
    26 Dezembro, 2021 21:27

    Pelo que percebi a governação destes últimos seis anos tem favorecido os hospitais privados não é?
    E eu a julgar que o SNS era pedra de toque onde se podia passear os cancros desta vida pelos corredores dos hospitais.

    Gostar

    • carlos rosa permalink
      27 Dezembro, 2021 22:01

      Vejam a entrevista de hoje.
      O Costa quer é sair de cena súbito. Por isso provocou o chumbo do orçamento.
      Digo isto desde a telenovela do orçamento.
      A merda que ele fez em 6 anos é mais que muita. Só ele sabe verdadeiramente a dimensão da merda. Em 4 anos, o tenrinho do Rui Rio só vai conseguir limpar o maior. Se a limpeza for suficiente o PS, jacobinos da pior espécie, logo vai deitar o governo do Rui Rio abaixo e aparecer de novo a dizer que “agora é que é”. Se 4 anos não forem suficientes aguarda mais alguns.
      Quem não perceber isto percebe pouco de política.
      A única hipótese que temos é o Chega perceber isto. Se assim for, a vida pode correr mal aos jacobinos da pior espécie.

      Liked by 1 person

  9. chipamanine permalink
    26 Dezembro, 2021 21:33

    Também não percebi porque é que tanta gente fugiu do SNS e ía para os privados tentar ser tratado a preços , se fosse os estado a pagar, menor do que aqueles calculados no SNS.
    Achariam os “clientes” que se livrariam das maravilhosas condições do SNS que passeiam doentes oncológicos pelos corredores e os estúpidos iriam tentar tratar nos que pensam no lucro?
    Se é para dar prejuízo que dê prejuizo e quanto mais melhor pá. Por isso é que o SNS não pára de sorver recursos

    Liked by 1 person

  10. Castrol permalink
    27 Dezembro, 2021 00:12

    FDP!

    Vale tudo para ninguém falar do PS….

    Liked by 1 person

  11. Albino manuel permalink
    27 Dezembro, 2021 20:35

    O padre ainda não veio dar a extrema unção no blog?

    O Cunha e a Miranda deram-vos o beijo da morte. Isto de pôr labregas do Norte a falar de políticadá sempre mal. O mundo delas são os fios de ovos e o arroz de sarrabulho.

    É a vida. Podem ir para o facebook gritar contra a ditadura higiénica.

    Resta-vos um camelo com cara disso disso a praguejar contra o açaimo.

    Gostar

  12. Leunam permalink
    28 Dezembro, 2021 16:39

    “A única hipótese que temos é o Chega perceber isto. Se assim for, a vida pode correr mal aos jacobinos da pior espécie.”

    No Chega não chega André Ventura.
    Onde estão as figuras de 2º e 3º plano do Chega para compor a equipa? Quem são? O que fazem?
    Onde é que se pode ler o programa do Chega para Portugal? Deve existir mas não está acessível; devia ser difundido massivamente, nos mais diversos canais de informação.

    Gostar

  13. Expatriado permalink
    29 Dezembro, 2021 14:40

    Não há dúvida que é tudo um jogo de poder.

    https://fb.watch/acb28PLVvI/

    Gostar

Indigne-se aqui.

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: