Skip to content

Teresofobia

16 Maio, 2017

img011

 

Após algumas semanas de especulação jornalística acabou por se confirmar a recusa do Governo em nomear Teresa Ter-Minassian para o Conselho de Finanças Públicas. Quando ouvi António Costa, na Assembleia da República, a explicar aos deputados que a reputadíssima economista italiana não tinha o perfil necessário para a função, mergulhei imediatamente na internet para analisar o caso. Não sob o ponto de vista curricular, que não levanta dúvidas a ninguém, mas para tentar perceber, através de imagens, que monstruosa alteração física teria sofrido o elegante perfil que nos safou da bancarrota em 1983. Infelizmente, não fiquei esclarecido. É verdade que passaram 34 anos e que a frase de Yourcenar – o tempo, esse grande escultor –, não foi dita a pensar no corpo dos mortais; mas também não me parece que a actual silhueta da chefe de missão do FMI durante o segundo resgate do país prejudicasse assim tanto a estética das nossas instituições.

Só agora, quando soube que o nome da social-democrata Teresa Morais foi igualmente vetado pelo PS para um cargo público (e pelo mesmo motivo de “perfil desadequado”, segundo as palavras de Carlos César), é que entendi o desacordo. Claro que o curriculum da deputada do PSD não é nada de especial (licenciada, mestre e doutoranda na Faculdade de Direito da Universidade de Lisboa, foi apenas professora universitária, advogada, assessora jurídica da presidência do conselho de ministros, investigadora, secretária de estado, adjunta do provedor de justiça e ministra, tal como a generalidade dos cidadãos portugueses), mas com um bocadinho da boa vontade de outros tempos seria suficiente. Afinal de contas, nem todos têm amigos que financiem o aprofundamento dos estudos em Paris, ou a inteligência necessária para, tal como Carlos César, chegar longe apenas com os graus académicos concedidos pela Universidade da Vida.

O problema – inultrapassável, percebo agora –, é o nome: o Partido Socialista terá um assunto mal resolvido com alguma Teresa e todas as outras estão a pagar pela embirração! E no caso da economista italiana a situação é agravada pelo apelido, que parece estar propositadamente a provocar o Largo do Rato, como se fosse um falso gago irritante e zombeteiro.

Em 1992, talvez sob a influência de um desgosto de amor, Quim Barreiros lançou um dos álbuns de maior sucesso da sua carreira, O Sorveteiro. No tema mais conhecido desse trabalho discográfico, o influente artista popular utilizou os seus dotes linguísticos para exorcizar os fantasmas que lhe atormentavam o coração, colocando todo um povo a cantar “Chupa, Teresa!” a plenos pulmões. Vinte e cinco anos depois, o PS encontrou uma outra maneira de fazer a mesma coisa, embora de um modo mais prejudicial para o país e ligeiramente mais brejeiro.

 

Anúncios
18 comentários leave one →
  1. 16 Maio, 2017 14:50

    Excelente post. Devia ser impresso e esfregado nas trombas de alguns “socialistas” geringonceiros.

    Liked by 1 person

  2. 16 Maio, 2017 14:57

    E essa da “Universidade da Vida” do “dotor” César…

    Liked by 1 person

  3. Os corruptos que se cuidem permalink
    16 Maio, 2017 15:32

    Não queremos cá pessoal capaz de esgravatar em números e desmontar ilusões… o povo está muito bem como está, sem saber de nada do que o espera em breve.

    Liked by 3 people

  4. maria permalink
    16 Maio, 2017 15:43

    Um espertalhão este César um xuxalista que dá os passos do Avô César metendo a famelga toda no Estado. Quem vier a seguir q apague a luz. O povão bate palmas.

    Gostar

  5. licas permalink
    16 Maio, 2017 17:45

    Ele sabe bem para quem se está dirigindo. . .
    O “perfil adequado” para desempenhar um cargo nada tem a ver com a competencia técnica.
    Não me admira nada a conclusão.

    Liked by 1 person

  6. javitudo permalink
    16 Maio, 2017 17:52

    O kosta é artista. Com todo o progresso que aí vem é natural que o bce deixe de financiar o recanto. Preparemo-nos. Para já é só estender as maturidades.
    “Portugal’s government on Tuesday, March 21, extended the maturities on over 4 billion euros of its loans to the country’s bank resolution fund by nearly three decades to 2046, ensuring that banks can keep paying what they currently pay in fund contributions, the finance ministry said”.

    Liked by 1 person

  7. 16 Maio, 2017 19:29

    A propósito deste episódico –e não estabilizado– crescimento económico, continua o concubinato rosa MarceloCarmonaThomaz/AC-DC: “devemos evitar perder tempo a discutir quem teve mérito” — MCT dixit.
    Ou seja, todo o mérito para o governo da geringonça, o país não teve governo entre 2011 e 2015, né ? Velhacaria pura.
    Na próxima vez que o MCT enaltecer méritos deste governo e só deste governo, mando-o desde já bugiar ao luar. Sai sozinho da sua casa em Cascais até ao Bugio, é um saltinho, faz-lhe bem pensar no escuro.

    Gostar

  8. Arlindo da Costa permalink
    16 Maio, 2017 20:11

    Nunca tive medo dessa Teresa. Sou muito homem!

    Gostar

  9. javitudo permalink
    16 Maio, 2017 20:16

    http://observador.pt/2017/05/16/saco-azul-do-ges-movimentou-32-mil-milhoes-de-euros-em-8-anos/
    Estamos a falar de trocos. Olha para ele, está a rir-se para ti,

    Gostar

  10. javitudo permalink
    16 Maio, 2017 20:24

    E os outros, bafejados pela sorte? Já se riram mais.
    Há pelo menos um pobretainas, ajudado pela mãe reformada, que é inocente.
    Não lhe apanham a assinatura em lado nenhum, apostam?
    Não passa de um perseguido, um injustiçado, um incompreendido.
    Por pouco não salvou portugal, porra!
    Não bastam os bombos de Vilar de Maçada? Toquem os sinos a rebate!

    Liked by 2 people

  11. André Miguel permalink
    16 Maio, 2017 22:25

    Para o PS só interessa se usar avental.

    Gostar

  12. Campus permalink
    16 Maio, 2017 23:40

    A malta quer lá saber disso, o Francisco esteve cá para cumprimentar o Marcelo e o Costa, ganhamos o tetra e o festival, ora toma….

    Gostar

  13. javitudo permalink
    17 Maio, 2017 00:30

    Enquanto os merdia apregoam os festejos o cozinhado do pito segue em banho maria até às eleições alemãs. Depois se passará ao assado no forno.

    Une Europe à “vitesses différenciées”

    Face aux impasses, aux blocages, à la crise, l’idée d’une Union Européenne à “vitesses différenciées” est avancée par certains. Selon les partisans de cette option, comme Jean-Claude Juncker, Macron e Merkel l’objectif est de sortir l’Europe de l’ornière, de lui apporter un souffle nouveau, de la régénérer et d’écarter le spectre de la paralysie. En tête de peloton, les plus motivés avanceront alors qu’à l’arrière, d’autres pays progresseront à un rythme différent. Au final, la construction européenne sera assurée afin d’offrir aux 27 la capacité d’affronter un monde en mutation. C’est à tout le moins, l’espoir qui transparaît à travers cette vision.
    Rbert Baum

    Gostar

  14. LTR permalink
    17 Maio, 2017 09:34

    Este PM é uma aberração animal 🙂

    Gostar

  15. JgMenos permalink
    17 Maio, 2017 10:51

    Só entra gado do rebanho!

    Gostar

  16. 17 Maio, 2017 21:01

    Nesta fotografia acho piada ao olhar galanteador do Féfé…

    Gostar

  17. lucklucky permalink
    17 Maio, 2017 22:55

    “Claro que o curriculum da deputada do PSD não é nada de especial (licenciada, mestre e doutoranda na Faculdade de Direito da Universidade de Lisboa, foi apenas professora universitária, advogada, assessora jurídica da presidência do conselho de ministros, investigadora, secretária de estado, adjunta do provedor de justiça e ministra, tal como a generalidade dos cidadãos portugueses)”

    Sim e esqueceu-se que essa deputada do PSD é mais uma marxista sexista. Pormenor sem importância não é?

    Gostar

  18. Pável Rodrigues permalink
    23 Maio, 2017 19:49

    Este lucklucky passou-se dos carretos . Só pode . Ou então foi nomeado para substituto do Sr. do Sr. Rui Mão de Ferro (https://sol.sapo.pt/artigo/531482/socrates-pagava-blogue-para-elogiar-governo-e-atacar-inimigos).

    Diz ele:
    -“Sim e esqueceu-se que essa deputada do PSD é mais uma marxista sexista. Pormenor sem importância não é?”

    De que se queixa, Sr lucklucky ? Dela ainda não o ter enrrabado?

    Gostar

Indigne-se aqui.

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: